Pular para o conteúdo principal

Em encontro da ONU, Damares afirma que o Carnaval é uma ofensa à fé cristã

MINISTRA PROMETEU
'AÇÃO' CONTRA VIOLAÇÃO
DE OBJETOS SAGRADOS

[texto opinativo] Pode parecer fake news, mas é verdade: em um evento da ONU, uma autoridade brasileira criticou o Carnaval, que é a maior festa popular do Brasil, atraindo turistas de vários países.

A autoridade em questão é a pastora Damares Alves [na charge], ministra dos Direitos Humanos.
Na sede da ONU, em Genebra, em um encontro para discutir liberdade religiosa, ela citou o Carnaval como exemplo de ofensa a Cristo.

"Infelizmente hoje, exatamente hoje, o Brasil está vendo seus dias de Carnaval, uma afronta e um desrespeito à fé cristã", disse.

"Estamos vendo objetos de culto da fé cristã sendo de uma forma vil ridiculizadas."


O correspondente o UOL perguntou a Damares o que exatamente no desfile de Carnaval a incomodava, mas ela não falou — ficou crítica genérica.

Pelas bobagens que diz, Damares não é levada a sério por muita gente, mas é preciso tomar cuidado com ela, porque se trata da cristã mais fundamentalista do Governo.

Ela prometeu em Genebra uma "a ação governamental de combate a todo tipo de violação ao objetos sagrados, da fé e da crença".

Se pudesse, essa mulher instalaria uma teocracia evangélica no Brasil.

Com informação do UOL.


Damares Alves mente ao dizer que tem cursos de mestrado

Damares Alves afirma que mulher deve ser submissa ao marido

Damares Alves diz querer ficar mais 'uns cem anos' no governo

Damares Alves diz querer ficar mais 'uns cem anos' no governo




Comentários

Leandro Bueno disse…
FAKE NEWS. O que ela colocou-se contra, na realidade, foi contra o bizarro enredo da Mangueira, que quis lacrar e perdeu feio no Carnaval. Jesus virou espécie de "fetiche" para essa gente. Uma coisa é querer denunciar problemas sociais, querer atacar governantes o qual essa gente não concorda, etc. Isso é mais que salutar e faz parte da democracia, da diversidade de ideias. Outra coisa é querer usar a imagem de Jesus, um símbolo da fé de milhões, que é santo e que está em um outro plano, para isso. Para mim, isso é totalmente nojento. Mas, não duvido levar o caneco no Carnaval, já que hoje falar mal do governo é chamariz para muitos, ganharem seus 5 minutinhos de fama. Fora que Jesus é um. Não é um Jesus fluido, ao gosto do freguês. Isso, a meu ver, é um desrespeito à própria figura dele. É o "Jesus" GOURMET. Lembra-me muito, com as devidas adequações, isso que Pondé fala neste vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=qRxpXPHpB24
Paul Muadib disse…
Se a lenda Jesus não gostou, que venha aqui reclamar...
Anônimo disse…
Se teve um monte de pastor apoiando e participando do desfile, quem é vc pra afirmar que eles estavam fazendo chacota com Cristo? só a figura de Cristo que vc segue que vale? cada um é livre para exercer sua religião.

Posts + acessados hoje

Vídeo mostra que filho de Testemunhas de Jeová já discrimina colega da escola

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Carta aberta de um ateu a Damares Alves: 'Não mexa com a minha Netflix'