Pular para o conteúdo principal

Procuradoria de Angola abre processos contra Universal por suspeita de lavagem de dinheiro

Igreja de Edir Macedo
 tem mais de 200 templos
 no país africano 

A Procuradoria-Geral da República de Angola instaurou dois inquéritos contra Igreja Universal, um por suspeita de lavagem de dinheiro e outro por impor vasectomia a seus pastores, entre outros crimes que estaria cometendo, de acordo com acusações.

A Polícia Nacional, que corresponde à Polícia Federal do Brasil, está apurando denúncias feitas por ex-pastores de nacionalidade angolana desde janeiro de 2019.

Um grupo de bispos e pastores anunciou em novembro de 2019 que não mais aceitará o comando da matriz.

A Universal nega que esteja havendo uma cizânia, mas apenas um movimento de difamação de ex-pastores contra a Igreja.

No Brasil, a denominação pentecostal liderada pelo bispo Edir Macedo já chegou a ser denunciada pelo Ministério Público por lavagem de dinheiro.

Com informação do site Angola 24h e de outras fontes.



Universal tirou ilegamente dólares de Angola, diz ex-bispo

Angola suspende Iurd por 60 dias por causa de morte de fiéis

16 pessoas morrem em culto da Igreja Universal em Luanda

Angola notifica Mundial por envio ilegal de dinheiro ao Brasil




Comentários