Pular para o conteúdo principal

Guru Prem Baba diz que se arrepende de casos com discípulas casadas

Baba tinha deixado de
 ser celibatário, mas não
 avisou maridos das discípulas 

O psicólogo paulista Janderson Fernandes de Oliveira, 53, o guru Sri Prem Baba (foto), falou a jornalista pela primeira vez depois do escândalo de que ele teve sexo com duas mulheres casadas que eram suas discípulas. 

“Não tenho nada a ver com o João de Deus”, referindo-se ao curandeiro acusado de estuprar seguidoras.

Baba disse à Veja que o relacionamento com as discípulas casadas foi consensual e que, mesmo assim, ele se arrepende.

“Houve um erro moral”, reconheceu. “Mas o que vou fazer, me matar?”.

Os maridos na época das duas seguidoras disseram que Braba dizia ser celibatário.

A exemplo de João de Deus, Baba também foi um queridinho de ricos e famosos, só que o guru cobrava caro por suas massagens tântricas.

Baba já deu atendimento, por exemplo, aos artistas Reynaldo Gianecchini, Bruna Lombardi e Marcio Garcia e aos políticos Marconi Perillo e João Doria.

A clientela de Baba sumiu, e ele diz que deixou de ser pop e que vai começar um ciclo “com mais simplicidade”. 


Mulheres acusam guru de Piracicaba de abuso; Ministério Público investiga

Polícia indicia três acusados de incorporar espíritos para abusar de fiéis

Ministério Público apura denúncia de jovem de abuso pelo guru da massagem

Índia condena guru ‘semideus’ à prisão por estupro de garota

Líder espiritual é suspeito de ter incentivado castração de fiéis



Receba por e-mail aviso de novo post

Comentários

Posts mais acessados na semana

Dona Religião é casada com sr. Atraso e têm vários filhos

Bolsonaro fica irritado com aprovação da CoronaVac que vai salvar vidas

Aprovação da CoronaVac significa duro golpe no bolsonarismo

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Bolsonaro compra a novela 'Os dez mandamentos' da Record para a TV Brasil