Padre Paulo Ricardo defende Bolsonaro: ‘Levou facada por falar a verdade’

O padre Paulo Ricardo manifestou-se favoravelmente a Jair Bolsonaro (PSL) ao dizer em uma palestra que só existem duas formas de calar “uma pessoa que fala a verdade”: “Ou você dá uma facada ou você inventa mentiras sobre ela” [vídeo abaixo].

Ele foi aplaudido pela plateia e chamado de “mito”, que é como militantes aclamam Bolsonaro.

Paulo Ricardo é o porta-voz da ala da ultradireita, minoritária, da Igreja Católica. Ele é chamado de “Malafaia dos católicos”.

O padre não falou sobre as “verdades” propagadas por Bolsonaro, mas ambos, por exemplo, são defensores da “família tradicional”, o que exclui os casais do mesmo sexo.


O conservadorismo de Paulo Ricardo é tanto que, para ele, até a masturbação é pecado.

O vídeo do trecho da palestra do padre se tornou viral na rede social, compartilhado principalmente por militantes de Bolsonaro.

O padre divulgou uma nota afirmando que sua alusão à facada, quando falava da perseguição os jesuítas no século 18, foi “um recurso retórico”.

“Como estou vendo minhas afirmações circularem, fora deste contexto, pelas redes sociais, gostaria de esclarecer o seguinte: 1 - Nunca participo ativamente de campanhas eleitorais; 2 - Não declaro o meu voto em público.”

Ele pediu respeito a sua decisão de não se "imiscuir em processos político-eleitorais", embora na palestra agido como um ativista político.

Como é possível ver no vídeo, Paulo Ricardo gostou de ser chamado de “mito”.



Com informação de vídeo do padre Paulo Ricardo e de outras fontes.


Aviso de novo post por e-mail

Jair Bolsonaro faz ameaça de instituir um Estado cristão

Adélio é insano por que deu facada em Bolsonaro em nome de Deus? Não

Padre aposta que Trump vai combater o ‘materialismo ateu’




Malafaia católico acusa juízes de seguirem valores ateístas

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.

Comentários

-------- Busca neste site