Bispo grego diz que ateísmo de governante é a causa de incêndio que matou dezenas


Amvrosios afirmou
que o primeiro-ministro
 atraiu a "ira de Deus"

[notícia e opinião]

O bispo Amvrosios (foto), da Igreja Ortodoxa da Grécia, disse que o ateísmo do primeiro-ministro do país é a causa do incêndio que matou mais de 170 pessoas em Kalavryta, região de Peloponeso [mapa abaixo].

“O ateísmo de Alexis Tsipras [chefe do governo] invocou a ira de Deus”, escreveu Amvrosios em seu blog.

O que houve na Grécia é uma tragédia.

O paspalho do Amvrosios deveria respeitar o sofrimento dos parentes das vítimas, entre as quais mulheres e crianças.

Incêndio na floresta
Kalavryta abalou a Europa


Com informação e foto de sites da Grécia.


Rabino diz que casamento gay provocou terremoto nos EUA

Rabino diz que casamento gay provocou terremoto nos EUA

Cidade do Cabo prende pastor que culpou os homossexuais pela seca




Mórmon afirma que furacão Irene é 'uma bênção de Deus'

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.

Comentários

-------- Busca neste site