Oregon demite diretor de escola que castigava gays com leitura da Bíblia


Liv e Hailey
afirmam que
sofreram
discriminação

O Departamento de Educação de Oregon, EUA, demitiu um diretor de uma escola secundária que vinha punindo homossexuais com a leitura da Bíblia.

Entre os punidos estão as estudantes Liv Funk e Hailey Smith (foto).

Inicialmente, Bill Lucero, diretor da North Bend High School [mapa abaixo], negou a discriminado, mas o departamento apurou que as denúncias de estudantes e de exs têm fundamento.


Liv e Hailey tiveram o apoio de uma entidade do movimento LGBT.

Hailey disse que já havia reclamado com Lucero que vinha sofrendo bullying de estudantes e professores, e o diretor nada fez.

Ela afirmou que o professor de educação cívica falou na classe que o “casamento entre pessoas do mesmo sexo é quase a mesma coisa de casamento com cachorro”.

O Departamento de Educação poderá demitir outros funcionários da escola.

Entidades cristãs acusam autoridades de Oregon de estarem perseguindo professores cristãos.


Com informação do Wweek e de outras fontes.


Religião é grande foco gerador de homofobia e preconceitos

Novo texto reafirma homofobia da Igreja Católica




Padre gay expulso do Vaticano ataca a homofobia da Igreja

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

Patrik Eriksson disse…
"Entidades cristãs acusam autoridades de Oregon de estarem perseguindo professores cristãos."

Aiiiii tadinho dos cristãos, outra vez os pobrezinhos estão sendo perseguidos. Coitadinhos!

-------- Busca neste site