Oregon demite diretor de escola que castigava gays com leitura da Bíblia


Liv e Hailey
afirmam que
sofreram
discriminação

O Departamento de Educação de Oregon, EUA, demitiu um diretor de uma escola secundária que vinha punindo homossexuais com a leitura da Bíblia.

Entre os punidos estão as estudantes Liv Funk e Hailey Smith (foto).

Inicialmente, Bill Lucero, diretor da North Bend High School [mapa abaixo], negou a discriminado, mas o departamento apurou que as denúncias de estudantes e de exs têm fundamento.


Liv e Hailey tiveram o apoio de uma entidade do movimento LGBT.

Hailey disse que já havia reclamado com Lucero que vinha sofrendo bullying de estudantes e professores, e o diretor nada fez.

Ela afirmou que o professor de educação cívica falou na classe que o “casamento entre pessoas do mesmo sexo é quase a mesma coisa de casamento com cachorro”.

O Departamento de Educação poderá demitir outros funcionários da escola.

Entidades cristãs acusam autoridades de Oregon de estarem perseguindo professores cristãos.


Com informação do Wweek e de outras fontes.


Religião é grande foco gerador de homofobia e preconceitos

Novo texto reafirma homofobia da Igreja Católica




Padre gay expulso do Vaticano ataca a homofobia da Igreja

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

  1. "Entidades cristãs acusam autoridades de Oregon de estarem perseguindo professores cristãos."

    Aiiiii tadinho dos cristãos, outra vez os pobrezinhos estão sendo perseguidos. Coitadinhos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Busca neste site