Lula é torturado na Polícia Federal por programas evangélicos


Ex-presidente
diz não estar
aguentando
ver TV

[opinião]

Uma comissão de parlamentares petistas visitou Lula na Polícia Federal de Curitiba, onde ele se encontra preso em uma sala com TV, para verificar se o ex-presidente não está sendo maltratado.

A comissão não conseguiu apontar sequer uma inadequação nas instalações, que são melhores do que qualquer cela de presidiário brasileiro.

Mas dias depois o próprio Lula se queixou de que na TV aberta tem muitos programas religiosos e que ele não estava mais aguentando, de acordo com a jornalista Mônica Bergamo.

Lula tem razão. De fato os programas religiosos, na maioria evangélicos, são uma tortura.

É possível que, agora, Lula confesse tudo.


Evangélicos na TV ameaçam a liberdade religiosa, afirma Diniz

Quem legitimou evangélicos na política foi Lula, diz sociólogo





A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

  1. Reclamando de que se o PT teve apoio destes e contribuiu para a proliferação desta espécie? A TV ele pode desligar. Agora, deixa ele pegar o Move em BH e um fanático religioso parar gritando ao vivo e a cores bem ao seu lado...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

-------- Busca neste site