Nos EUA, mãe incendeia carro com três filhas e diz: ‘Vamos para Jesus’


Ana, um caso da
loucura do fanatismo
religioso

Em um posto de lavagem de veículos, uma mulher colocou fogo no carro onde se encontrava com suas três filhas e disse: “Vamos para Jesus”. 

Aconteceu no dia 22 de abril de 2018, no sudoeste de Houston (EUA).

De acordo com testemunhas, Ana Segovia forçou a aceleração do carro até que ele pegasse fogo.

As meninas tentaram sair do carro, mas foram impedidas pela mãe.

A polícia acabou controlando a situação e prendeu a mulher.

As meninas foram entregue a uma tia.

O caso de Ana parece ser o de transtorno mental acentuado pela religião. Ou de fanatismo reforçado acentuada por transtorno.

Nem sempre é fácil distinguir o fanatismo religioso da loucura.

Com informação do ABC13 e de outras fontes.



Fundamentalismo religioso é distúrbio mental, diz cientista

Livro orienta como curar a Síndrome do Trauma Religioso




A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

-------- Busca neste site