Pular para o conteúdo principal

Pessoas ficam mais generosas diante da imensidão dos cosmos

Pesquisa constata que o assombro causado pelo universo faz as pessoas a ter mais respeito pela preservação da Terra e por tudo que tem vida

Quem observa as estrelas e a imensidão dos cosmos acaba tomando consciência de sua insignificância e a do próprio planeta Terra (que é menos de um grão de areia em relação às galáxias), mas ao mesmo tempo percebe a importância da vida humana, passando ter mais respeito pelos outros e por todos os seres.

Essa é a conclusão de uma pesquisa da Universidade de Berkeley e da Universidade da Califórnia, ambos nos Estados Unidos.

Paul Piff, professor de psicologia e comportamento social e um dos responsáveis pela pesquisa, disse que o que leva as pessoas a valorizar a vida humana, no sentindo de preservá-la, é o temor que sentem da imprevisibilidade dos cosmos, que mantém a Terra sempre em risco de extinção.

Via Láctea é
apenas uma
entre milhões
de galáxias

O estudo inclui uma pesquisa feita com pessoas expostas a circunstâncias que lhe causassem temor. Aquelas que mais tiveram medo se mostraram, depois, mais generosas com outros.

Entre as tais circunstâncias estavam, em vídeo, imagens do universo e de acidentes naturais na Terra.

Piff afirmou que as pessoas se sentiram, relativamente, insignificantes, mas tiveram a sensação de que havia algo nelas de grandioso e poderoso, a vida.



Post mais lidos nos últimos 7 dias

Cientistas brasileiros e mexicanos descobrem pequena espécie de morcego

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Veja 14 proibições das Testemunhas de Jeová a seus seguidores

Um em cada 4 brasileiros não tem acesso à coleta de esgoto, mostra IBGE

Padres afirmam que rezam para que papa Francisco vá logo para o céu

Veja os 10 trechos mais cruéis da Bíblia

Padre autor do mosaico de Aparecida é acusado de invocar a Trindade para ter sexo a três

Quatro séculos tentando provar a existência de Deus. E fica cada vez mais difícil

'Matem todos porque o Senhor conhece aqueles que são seus!' França, 22 de julho de 1209

Igrejas católicas alemãs estão sendo derrubadas. É a demolição da própria religião