Pular para o conteúdo principal

Edir Macedo desiste da cura gay e agora prega tolerância

Nova postura de
bispo seria para
atrair mais fiéis
Quem acredita em milagres, achará que acaba de ocorrer um deles: o bispo Edir Macedo (foto) desistiu da cura gay e passou a pregar a tolerância para com os homossexuais.

Em janeiro de 2012, para pegar um exemplo, em uma transmissão na TV Iurd, via internet, o chefão da Universal exorcizou um rapaz de nome Leandro que dissera querer se livrar de um relacionamento homossexual com um vizinho.

Macedo, então, com teatralidade, “queimou” os “espíritos imundos” do fiel, entre os quais o da homossexualidade e o da Aids.

A rigor, o bispo cometeu o charlatanismo, crime previsto em lei.

Mas agora em seu programa de rádio “Palavra Amiga” ele surpreendentemente criticou os líderes evangélicos que “demonizam” no Brasil a união entre homossexuais.

Em alguns momentos, parece que ele está se dirigindo ao pastor Silas Malafaia, que tem se destacado por seu discurso homofóbico.

Macedo continua considerando como pecado o relacionamento homossexual, mas não mais grave do que a preguiça e a gula, por exemplo.

Em entrevista ao UOL, ele confirmou sua nova postura dizendo que Jesus não incriminou ninguém, excluindo os “religiosos hipócritas”.

“Jesus não falou nada. Jesus nunca disse ‘olha, vocês têm de falar contra o homossexualismo, que é proibido’”.

No programa “Palavra Amiga” argumentou: “Eu não vou levantar bandeira criticando a pessoa porque ela é homossexual, porque ela vai casar com outro homem ou a mulher que vai casar com outra mulher. Isso é problema deles. Deus nos deu o direito de escolher. Cada um segue a sua fé. Se a pessoa quer ser homossexual, é problema dela. É uma situação pessoal. Não sou eu que vou impor a minha fé para ela.”

Ele afirmou ao Uol que a Universal está de braços abertos para os homossexuais e que a igreja não tem a intenção de convertê-los à heterossexualidade.

Como Edir Macedo já provou ser astuto, vale especular que, com nova orientação teológica, ele pretende modernizar a Universal, diferenciando-a de outras igrejas neopentecostais, de forte viés homofóbico.

Como resultado já no curto prazo, Macedo espera obter mais fiéis e, consequentemente, mais dízimo, que sustenta o seu império religioso.

Ele deve ter pensado: "Se até a Igreja Católica passou a demonstrar certa tolerância em relação aos homossexuais, para não desaparecer do mapa, por que a Universal não pode fazer o mesmo?"

Macedo de agora: critica a pastores homofóbicos


Macedo de 2012: exorcismo em homossexual


Com informação do programa de rádio de Macedo e do Uol e foto de divulgação.





Macedo comete charlatanismo ao 'curar' gay e 'queimar' Aids

Comentários

Post mais lidos nos últimos 7 dias

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Nova espécie de ave descoberta na Caatinga tem origem em variações do São Francisco

AdSense desmonetiza página do texto 'Ateísmo significa libertação do medo do sobrenatural'

Padre explica seu vídeo sobre mulher apanha porque quer

O padre cantor Fábio de Melo tem tentado nos últimos dias, nas redes sociais, rebater as acusações de que é machista.

Evangélicos quebram imagens de umbanda no Rio

por Denise Menchen , da Folha Quatro integrantes da igreja evangélica Nova Geração de Jesus Cristo foram presos, acusados de invadir ontem à noite um centro de umbanda no Catete, zona sul do Rio de Janeiro, e quebrar cerca de 30 imagens religiosas, prateleiras e um ventilador (foto). O caso foi registrado na 9ª DP (Catete). Segundo uma das dirigentes do Centro Espírita Cruz de Oxalá, a advogada Cristina Maria Costa Moreira, 45, cerca de 50 pessoas aguardavam em fila a abertura do atendimento ao público, às 19h, quando Alessandro Brás Cabral dos Santos, Afonso Henrique Alves Lobato, Raimundo Nonato e uma jovem identificada apenas como Dominique chegaram ao local. De acordo com Moreira, eles ofenderam os presentes e forçaram a entrada na casa. "Eles chegaram dizendo que queriam ver onde estava o demônio e foram direto para o terreiro", conta Celso Quadros, 52, outro dirigente do centro espírita. "Quebraram tudo, inclusive imagens que temos há 40 anos". A a

Estudo afirma que descrentes em Deus têm QI mais alto

Estudo se baseou em 173 países A revista acadêmica Intelligence , da Grã-Bretanha, publicará em setembro um estudo que conclui que as pessoas de QI (Quociente de Inteligência) mais elevado são menos propensa a adotar crenças religiosas.

Evangelho apócrifo de Tomé relata que, na adolescência, Jesus matou três meninos

A física moderna sugere que o tempo não avança, é apenas uma ilusão

Por que cristãos acham que os mórmons são bizarros. Oito motivos

Católicos e evangélicos não aceitam os mórmons como seguidores de Cristo Do ponto de vista cético, as religiões cristãs, ao menos as fundamentalistas, são tão bizarras como  outras de adoração a deuses. As cristãs, por exemplo, acreditam que Deus criou o homem a partir do barro e a mulher, com uma costela dele. E isso é muito bizarro. Entre as que se afirmam cristãs, contudo, uma das religiões é tida como muito estranha pela maioria delas. Trata-se da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias — a Igreja Mórmon. Católicos e evangélicos não a aceitam como cristã. Para eles, a doutrina da Igreja criada pelo americano Joseph Smith Jr. está pontuada de bizarrices que nada têm a ver com o cristianismo.  Seguem abaixo oito pontos da teologia mórmon pelos cristãos tradicionais. 1 — Deus já foi ser humano Os mórmons acreditam que Jeová, antes de se tornar o poderoso Deus, já foi um prosaico ser humano, um desses que habitam a Terra. Para eles, Deus não é um ser imaterial porqu