Pular para o conteúdo principal

Muçulmana se recusa a tirar véu em exame da OAB em São Paulo

Charlyane disse que sua
religião não permite que
tire o véu em público
A estudante de direito Charlyane de Souza (foto), 26, se recusou a tirar o seu hijab (véu que esconde os cabelos e o rosto) durante exame da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em São Paulo, no dia 15 de março, domingo.

O edital do exame determinou a proibição de uso pelos candidatos de acessórios de chapelaria, o que inclui “chapéu, boné, gorro, etc.”

Nas duas vezes em que foi abordada pela fiscalização, Charlyane. que é muçulmana, disse que a sua religião não permite a retirada do hijab. “Eu disse [a uma fiscal] que só posso tirar [o véu] na família ou na presença de outras mulheres”.

Ela garantiu que não há nada do edital do exame que a impedisse de usar a indumentária religiosa.

Ainda segundo Charlyane, uma fiscal pediu uma comprovação de que ela é muçulmana, e a resposta foi que esse tipo de documento não existe.

A fiscal teria retrucado: “Você há de convir que qualquer um pode se fantasiar e fingir que é muçulmano”.

A solução encontrada pela coordenadoria do exame foi mudar a estudante para uma sala onde, acompanhada de um fiscal, terminou o exame. “Eu fui chorando [para a sala]”, disse Charlyane.

A estudante disse que foi prejudicada no exame porque, além de ficar emocionalmente abalada, não houve reposição do tempo em que perdeu com a intervenção dos fiscais.

Um dia depois do exame, Charlyane apresentou por e-mail uma queixa à Comissão do Exame de Ordem e à Comissão de Diversidade Religiosa, que já comunicou o interesse em ter um encontro com ela.

A OAB está examinando o texto do edital do exame para modificá-lo de modo a não haver daqui por diante nenhuma restrição por conta de adereços religiosos.

Com informação do Estadão e foto de arquivo pessoal.





Muçulmanas querem manter seu véu em foto de documentos


Comentários

Post mais lidos nos últimos 7 dias

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Mescla da política e religião intimida ateus no Brasil. E defendê-los e defender a razão

Deputado estadual constrói capela em gabinete. Ele pode?

Fé de pais TJs não supera direito à vida de um bebê, decide juíza

Como as memórias são armazenadas em nosso cérebro?

Veja 14 proibições das Testemunhas de Jeová a seus seguidores

Ateu manda recado a padre preconceituoso de Nova Andradina: ame o próximo

No noticiário, casos de pastores pedófilos superam os de padres

Marcha para Jesus se tornou palanque para candidatos da extrema direita