Pular para o conteúdo principal

Francisco repete Bento 16 ao alertar contra ‘ateísmo prático’

Papa disse que o "ateu prático" vive só para seus interesses 
O papa Francisco lamentou a existência na sociedade contemporânea do “ateísmo prático”, que “limita os horizontes da vida.”

“Existe um ateísmo prático, que é um viver só para os próprios interesses e as coisas terrenas”, disse em audiência pública na Praça de São Pedro.

“Se nos deixarmos apanhar por esta visão errada da morte, não temos outra escolha a não ser ocultar a morte, negá-la ou banalizá-la, para que não nos assuste.”

Quem primeiro usou a terminologia “ateísmo prático” foi o papa Bento 16.

Em novembro de 2012, ele disse que o “ateísmo prática é perigoso” porque não nega a “verdade da fé ou os ritos religiosos, mas os toma como irrelevantes para a “existência quotidiana”.

Na época, Bento 16 falou que “viver como se Deus não existisse é mais destruidor do que a recusa do divino, porque leva as pessoas à indiferença em relação à fé”.

Bento 16 estava se referindo, como fez agora Francisco, à militância do chamado novo ateísmo, que aponta os males da religião à sociedade e, em consequência, fortalece o secularismo que tem se expandido em vários países, principalmente na Europa.

Francisco disse ontem aos fiéis que, em contraposição ao “ateísmo”, é preciso dar importância à caridade e à solidariedade.

“Quem pratica a misericórdia não teme a morte.”

Com informação da Agência Ecclesia.





Papa alerta para o ‘fenômeno perigoso’ do 'ateísmo prático'
novembro de 2012

Ateísmo


Comentários

Post mais lidos nos últimos 7 dias

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Morre o americano Daniel C. Dennett, filósofo e referência contemporânea do ateísmo

Veja 14 proibições das Testemunhas de Jeová a seus seguidores

Britney Spears entra na lista de famosos que não acreditam em Deus

Oriente Médio não precisa de mais Deus. Precisa de mais ateus

Veja os 10 trechos mais cruéis da Bíblia

Vídeo mostra adolescente 'endemoninhado' no chão. É um culto em escola pública em Caxias

Ignorância, fé religiosa e "ciência" cristã se voltam contra o conhecimento

Prefeito de Sorocaba não acata Justiça e mantém Bíblia em escolas

TJs quase conseguiram que Michael Jackson destruísse Thriller antes do lançamento