Gurgel quer apurar contratação de pastores por Feliciano

Roberto Gurgel
Procurador-geral pediu ao Supremo
autorização para abrir um inquérito
Roberto Gurgel (foto), procurador-geral da República, encaminhou ao STF (Supremo Tribunal Federal) pedido para abertura de inquérito de modo a apurar se há irregularidade na contratação pelo deputado Marco Feliciano (PSC-SP) de pastores de sua igreja como servidores da Câmara.

A Folha de S.Paulo publicou em março que Feliciano contratou cinco pastores de sua igreja, a Assembleia de Deus da Catedral do Avivamento, para trabalhar em seu gabinete, mas eles não dão expediente em Brasília.

Pelo regimento da Câmara, os servidores são obrigados a dar expediente de 40 horas semanais no local de seu trabalho, e o jornal apurou que os pastores cuidam de seus templos no interior de São Paulo.

Gurgel quer investigar a contratação dos pastores com base em representação apresentada pelos deputados federais Jean Wyllys (PSOL-RJ), Érica Kokay (PT-DF) e Domingos Dutra (PT-MA).

É preciso haver autorização do Supremo porque Feliciano, por ser deputado, tem foro privilegiado.

Os pastores contratados são Rafael Octávio, Joelson Tenório, André Luis de Oliveira, Roseli Octávio e Wellington de Oliveira. Eles têm salário de até R$ 7.000.





Com informação das agências.

Feliciano paga pastores de sua igreja com dinheiro da Câmara
março de 2013

Marco Feliciano

Comentários

  1. já está mais do que provado , eles recebiam e nunca deram expediente em brasília. E segue a máxima de que todo político é ladrão e oportunista.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Por isso os pastores se dão tão bem na política. Sao ofícios primos.

      Excluir
    2. Então você está insinuando que Jean Wyllys seria ladrão e oportunista, é isso?

      Excluir
    3. Generalizar é um pensamento estúpido

      Excluir
    4. Generalizar é falta de esforço mental. É fruto de preguiça mental.

      Ao juntar joio e trigo deixa de identificar congressistas com os quais possamos trabalhar.

      Excluir
  2. Segundo o Tanach, o Messias deve ser descendente do Rei Davi e Salomão. (Jeremias 23:05, 33:17, Ezequiel 34:23-24; 2 Samuel 7:5-13).

    Suponhamos que por uma generosidade do Eterno a linhagem tribal de José pudesse ser transferida a Jesus por “afinidade”. Em qualquer caso, como José é descendente de Jeconias, Jesus não poderia ser o messias por causa da maldição prevista para os descendentes de Jeconias (Jeremias 22:30 e 36:30).

    Mas, o “Novo Testamento” cristão é confuso em relação à genealogia de José. Enquanto Mateus diz que José é desdente de Jeconias, o amaldiçoado, Lucas discorda e diz que José é descendente de Natã filho de Davi. (Lucas 3:23-31). De qualquer modo, isso é insuficiente para qualificar Jesus como possível messias tendo em vista que é preciso ser descendente de Davi e Salomão. Dessa maneira, a descrição de Lucas é inútil, pois Jesus passa por filho de Natã, não de Salomão.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Zeus não sabe de tudo.

      E disse o SENHOR a Moisés: Até quando me provocará este povo? e até quando não crerá em mim, apesar de todos os sinais que fiz no meio dele?
      Números 14:11

      Onde há fumaça há fogo.

      Excluir
    2. chapinha solta fumaça e não tem fogo.

      Excluir
    3. escapamento solta fumaça.

      Excluir
    4. Quem disse que o Chapinha não tem fogo?

      Excluir
    5. Então onde há fumaça há calor.

      Excluir
  3. num vai dar em nada.


    já sabemos que é assim.

    ResponderExcluir
  4. Está vira do questão de honra ao Judiciário. Se ess pastor/político tem culpa - e está claro que tem - tem que ser punido e exemplarmente, para mostrar tantos a políticos quanto pastores que eles não estao acima da lei. É gigantesca oportunidade para a Justiça e o Governo mostrarem que funcionam e podem punir os criminosos.

    Ruggero

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E se, como em inúmeras outra ocasiões, não punirem? Será que finalmente servirá para mostrar que a Justiça e o Governo só funcionam sob interesses obscuros e que políticos e pastores estão sim acima da lei?

      Ou será que vamos morrer dizendo "_Agora vai!"???

      Excluir
  5. vamos acabar com brasilia poço da corrupção
    o cara engole um camelo e se engasga com um mosquito

    ResponderExcluir
  6. Quando mais eu conheço os evangélicos, mais eu amos os animais!

    ResponderExcluir
  7. ja pensou o edir macedo,malafaia,Valdomiro junto com o Feliciano no mesmo partido kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    decadência total!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prefiro imaginar eles, mais o RR e o Estevam juntos atrás das grades, na mesma penitenciária...

      Excluir
    2. Eu imagino eles todos juntos, articulados por baixo dos panos, alimentando a Bancada Teocrática (FPE)... ops, esqueci que não é preciso imaginar, pois isso já é a realidade.

      Excluir
  8. vou explicar a vocês o que acontece: o procurador só está fazendo o jogo político, "mostrando serviço" diante das polêmicas que aconteceram com o feliciano.

    mesmo que alguma coisa seja apurada, o final disso é que não acontece nada com o feliciano.

    política nada tem a ver com verdade ou com justiça. Eles vão enrolar o povão até os últimos minutos.

    ResponderExcluir
  9. Aí está, um belo jeito de derrubar o tal infame deputado, cassando seu mandado através da improbidade administrativa, e não por aqueles mimimis vitimistas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo, né? Me engana que eu gosto!
      Espere aí, vou sentar lá juntinho da Cláudia...

      Excluir
    2. De fato, é difícil cair um deputado dessa forma.

      Excluir
  10. em todo lugar onde a religião é predominante existe muita desgraça para o povo. O clero fica com as riquezas e quanto mais alienado o povo melhor é para o clero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, isso é fato histórico.

      Excluir
  11. em todo lugar onde a religião é predominante existe muita desgraça para o povo. O clero fica com as riquezas e quanto mais alienado o povo melhor é para o clero.

    ResponderExcluir
  12. Mas que lindinho, usando dinheiro público pra pagar os pastores da sua igreja? Oh glória! Então essa é a "ética" e "moral" superior Cristã? Sério?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ética e moral "única" cristã é fazer tudo isso e muito mais, no entanto, fazer por baixo dos panos e não deixar o povo ficar sabendo, negando sempre com muita hipocrisia! Aliás, hipocrisia define bem o que são a ética e a moral cristã!

      Ah, e se te pegarem, você "não era cristão de verdade"!

      Excluir
  13. esqueça a prostituiçã política/igreja é irreversível . A igreja não respeita os direitos humanos , sabemos do egocêntrismo das seitas monoteistas, eles querem atropelar todos com suas crenças que só deveriam dizer respeito a quem acredita , a igreja está lá quem quiser fazer parte dela que se submeta a ela, o país é laico e em primeiro lugar deve estar os direitos humanos , onde todos independente de raça , cor , sexualidade , religião deve ter todos seus direitos garantidos. Mais a putaria dos político com a igreja, e a putaria da igreja com os políticos, já esta quase pra jogar tudo para o alto e estabelecer uma teocracia cristã ,falsa , hipócrita e nojenta igual os seus imorais representantes , homens sem nenhuma relevância para o país . Malditos políticos , maldita igreja, tua história te condena, quando puderem vocês farão a mesma desgraça que fizeram no passado.

    ResponderExcluir
  14. a sua crença tem que ser dentro da sua igreja . Lá quem concorda bem , quem não concorda que vá procurar outra coisa. Mais eles querem transformar a nação laica e pluralista numa extensão da igreja deles , isto é muito perigoso e Egoísta. Malditos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal(Por analogia, apliquemos aos Legisladores)

      CAPÍTULO I

      Seção I

      Das Regras Deontológicas

      VI - A função pública deve ser tida como exercício profissional e, portanto, se integra na vida particular de cada servidor público. Assim, os fatos e atos verificados na conduta do dia-a-dia em sua vida privada poderão acrescer ou diminuir o seu bom conceito na vida funcional.


      Se na vida privada, o servidor for religioso, então este fato irá influenciar na vida pública. Se na vida pública, o servidor não deve ser religioso, então na vida privada também não deve ser.

      Excluir
    2. É só o servidor saber que a Constituição Federal é anti-bíblica.

      Excluir
    3. A declaração de que todo o poder emana do povo já é anti-bíblica.
      Mas, os órgãos possuem poderes ou os poderes possuem os órgãos?

      Excluir
    4. Mas no preâmbulo, os deputados declaram que são protegidos por Deus.

      Excluir
  15. Eu amo as pessoas, mas as práticas religiosas de alienar pessoas, com ensinamentos de livros de 2000 mil anos atras, tinha que dar cadeia pra essa gente.Todos precisam de educação de primeira qualidade. O código penal tem que ser mudado com urgência.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ►►"Eu amo as pessoas, mas as práticas religiosas de alienar pessoas, com ensinamentos de livros de 2000 mil anos atras, tinha que dar cadeia pra essa gente."

      -Pera aí, deixa eu ver se eu entendi direito isso, você está dizendo que pessoas que decidem passar seus conhecimentos arcaicos através de gerações deveriam ser presas? Se sim, Pelas Asas de Asmodeus!, que absurdo, quanta ignorância digitada, cercear a liberdade de alguém dessa forma é digno de uma pessoa abléptica e intolerante. As pessoas tem o direito de passar para seus filhos aquilo que lhes convier, mesmo que isso seja ensinamentos arcaicos, como a bíblia por exemplo.

      Excluir
    2. Nero já tentou acabar com as crenças Cristãs.

      Excluir

Postar um comentário

Busca neste site