Igreja tenta conter ‘boatos’ sobre ‘lobby gay’ no Vaticano

Federico Lombardi
Lombardi disse que "calúnias"
 visam atingir  imagem da Igreja
O padre Federico Lombardi (foto), porta-voz do Vaticano, criticou hoje “a desinformação” e “as calúnias” produzidas por informantes de jornais para atingir a Igreja Católica nestas vésperas da escolha de um novo papa.

A imprensa italiana tem divulgado que Bento 16 decidiu renunciar ao seu pontificado após tomar conhecimento, por intermédio um dossiê secreto, da existência no Vaticano um lobby de sacerdotes gays e de uma rede de prostituição para atender religiosos, além de casos de corrupção.

O dossiê existe de fato. Ele foi escrito por três cardeais designados por Bento 16 para investigar os bastidores do Vaticano tomados por intrigas, rumores de lavagem de dinheiro e pela disputa de poder entre os integrantes da cúpula da Igreja.

Lombardi disse em entrevista à Radio do Vaticano que existem pessoas que “tentam aproveitar o movimento de surpresa e desorientação, após o anúncio de que o papa Bento 16 abandonará seu cargo, para semear a confusão e desprestigiar a Igreja”.

Acrescentou: “Aqueles que apenas pensam em dinheiro, sexo e poder, e estão acostumados a ver as diversas realidades com estes critérios, não são capazes de ver outra coisa, nem sequer na Igreja, porque seu olhar não sabe dirigir-se para cima ou descer com profundidade nas motivações espirituais da existência".

Na interpretação de Tarcisio Bertone, secretário de Estado do Vaticano, essas “histórias infundadas” são tentativas de influenciar pela imprensa os cardiais que vão escolher o novo papa.

Para alguns observadores, o vazamento de informações do dossiê é reflexo de um embate entre os próprios cardeais, divididos em duas alas.

De um lado estão os que apoiam que o Vaticano volte a ser um de papa italiano. De outro, estão os querem reduzir a presença dos italianos na hierarquia da Igreja e que seja eleito um cardeal “de fora”, de modo que se crie condições para que haja uma renovação da Igreja, e não uma continuação.

Ontem, após passar a semana em retiro, Bento 16, em sua última reunião com a Cúria Romana, lamentou a “maldade, sofrimento e corrupção” que maculam a Igreja.

O cardeal italiano Gianfranco Ravasi, que seria o candidato preferido de Bento 16 para sucedê-lo, cuidou da administração da Santa Sé durante o retiro do papa. Chamaram a atenção, nesse período, as suas críticas às “divisões, dissenso, carreirismo e inveja” que afetam a Igreja.





Com informação das agências.

Rede de prostituição operava dentro do Vaticano, diz jornal
fevereiro de 2013

Comentários

  1. Prato cheio pras olavetes. Agora mesmo que vão demonizar de vez os gays.
    Tempos sombrios de intolerância e preconceito nos esperam!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O gay não tem culpa se os padres católicos fizeram essas besteiras. Nós gays até achamos incrível que apesar de eles condenarem a homossexualidade como condenam até hoje, fizeram todo esse esquema aí.

      Mas de fato, prevejo a homofobia aumentando, mas prevejo também a Igreja Católica ruindo.

      Excluir
    2. Meus caros, enquanto houver democracia neste país nós sobreviveremos. E nem se preocupem que daqui a pouco vai ter olavete e malafiaete levantando sobre a "conspiração gay" que quer destuir a ICAR e o mundo..Pobres coitados.

      Excluir
  2. Miriam, católica de valores24 de fevereiro de 2013 01:14

    o mais digno a se fazer, caso exista mesmo essa rede, é expulsa definitivamente todos que participaram dela

    a Igreja não pode mais permitir que essa gentalha suje a imagem da Igreja

    esse povo corrupto não está na Igreja por ter fé em Deus, estão lá pq são loucos, pq só pensam em poder e diversão

    o fato de não punirem essa pessoas ou não fazerem um julgamento prejudica a imagem da Igreja um pouco

    Lombardi, acorda, nós não queremos esclarecimentos, queremos banimentos, expulsões e punições

    se existe algo, façam algo contra isso

    não permitam que a imagem da Igreja fundada por Jesus seja jogada no lixo por causa de sanguessugas malditos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Lombardi não tá te escutando, Miriam. É melhor tentar uma linha direta com Gzuis. Ou não, né? :)

      Excluir
    2. Uai ermã Miriam, mais se eles fazerem isso a egreja de vosses vai acaba.
      Uma egreja que os homems gostam de vestir vestido, só pode ser tudo queima rosca.
      As unica image sque essa egreja ainda ten, é as feito de barro, o resto ja tá tudo no licho!
      Renunssia a igreja do satanais ermã!
      Lovor e grória.

      Ermão em cristo.

      Excluir
    3. Miriam,

      >> "não permitam que a imagem da Igreja fundada por Jesus seja jogada no lixo por causa de sanguessugas malditos"

      A imagem da sua querida igreja já foi jogada no lixo há mto tempo, por culpa da própria ICAR. Só vc que não foi percebeu isso.

      Agora, se essa imagem vai sair da lixeira para o centro de reciclagem ou direto para incinerador depende da ICAR. Ou muda ou deixa de existir.

      Excluir
  3. "Na interpretação de TARCÍSIO BERTONE, secretário de Estado do Vaticano, essas “histórias infundadas” são tentativas de influenciar pela imprensa os cardiais que vão escolher o novo papa." (Grifo da LEGIÃO)

    Se ele não falasse, ninguém perceberia isso!
    Esse Cardeal Bertone é bom....um bom safado! Sério, nós gostamos dele! A Vilania lhe dá certa elegância, um certo "ar" de Poder!
    Ele é uma cria de Bento 16, que superou o mestre em dissimulação e maldade!
    Na revista ISTOÉ de fevereiro, deste ano, ele aparece na página central, de óculos escuros, centrado, parecendo mais um rei do que um discípulo do Mendigo. O Título do destaque de reportagem para ele é "Il Capo de tutti capi".

    Deixar vazar a informação de que existe um dossiê sobre uma "sagrada rede de prostituição", foi uma estratégia brilhante! Os Cardeais Eleitores não sabem se seus nomes figuram naquele processo, e assim devem votar em quem atualmente está de posse dele. Bertone balança o dossiê na frente dos Eleitores, dizendo: "EU SEI DE TUDO"! Portanto, aqueles que tinham a convicção de que o próximo Papa não deveria ser italiano, estão repensando seus votos!

    Habemus Papam!


    ResponderExcluir
  4. a parte mais dahora do embate religião versus razão é quando a primeira começa a se enforcar e dar tiros no próprio pé. A queda vertiginosa é divertida demais...

    ResponderExcluir
  5. O Scott não sabe, quem viu eurotrip vai entender.

    ResponderExcluir
  6. O Lombardi vai ter que recorrer ao Silvio (Berlusconi).

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Busca neste site