Hitchens mostra em livro que enfrentou a morte com humor


O livro Christopher Hitchens, Mortality mostra que esse intelectual polêmico manteve o seu humor irônico até fim. Aos 62 anos, o implacável crítico das religiões morreu no dia 15 de dezembro de 2011 em consequência das complicações de um câncer no esôfago.

No Brasil, o livro foi lançado com o nome de "Última Palavras".

Autor de 17 livros, Hitchens se tornou internacionalmente conhecido com o best-seller “Deus não é Grande – como a religião envenena tudo” (Ediouro, 304 págs., R$ 50).

Mortality, de Christopher Hitchens
Hitchens escreveu Mortality
em um hospital no Texas

Mortality contém as últimas palavras de Hitchens, que as escreveu em um hospital do Texas (EUA), em seu laptop sobre a mesinha da comida.

É um livro de fragmentos de quem sabia ter pouco tempo de vida. Ali, ele registrou que tinha um tumor “alienígena” e “pouco vulgar”. Disse que estava tendo a oportunidade de ler uma antecipação sobre o que se escreveria sobre ele após a sua morte. "É estimulante", disse. "Mas também dá para perceber o quanto isso também será breve."


Nos últimos anos, Hitchens vinha tendo acalorados debates com religiosos, nocauteando alguns deles com a contundência de sua oratória. Antes, ele já tinha feito o que ninguém ousou: criticar a madre Teresa de Calcutá, que era, segundo ele, não uma amiga dos pobres, mas da pobreza por achar que o sofrimento era um dom divino.

Hitchens tinha, portanto, desafetos entre os religiosos, e alguns deles insinuaram que o câncer era uma castigo de Deus. Em Mortality, ele deu a resposta: "Aqueles que dizem que estou sendo punido por Deus não conseguem imaginar o quanto pode ser vingativo um câncer em um fumante inveterado".

Hitchens soube que estava com câncer durante a campanha de lançamento do seu livro Hitch-22 (Nova Fronteira, 560 págs., R$ 70), uma autobiografia. Neste livro, ele escreveu que o seu desejo era enfrentar a morte de frente. E foi o que ele fez, como revela Mortality. 




Única certeza moral de Hitchens era de que foi o homem que criou Deus
por Antonio Gonçalves Filho em setembro de 2012

Poucos tiranos escaparam da ácida eloquência de Hitchens
por Mac Margolis em dezembro de 2011



Comentários

  1. E algum tarado virá aqui nos admoestar: "Viu só? Com deus não se brinca!" hahaha!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. DERCY GONÇALVES ERA ATEU E MORREU AOS 103 ANOS

      Excluir
    2. Resposta para o amigo da Dercy:

      Pesquise essa frase no Google:
      Pessoas religiosas vivem mais

      Ou vá direto a essa página da BBC:
      http://www.bbc.co.uk/portuguese/reporterbbc/story/2006/04/060405_religiaoestudorc.shtml

      Tem centenas de páginas que falam a mesma coisa.

      Ateu morre cedo, com raras exceções.





      Excluir
    3. Notícia de 02/09 (hoje)

      Morre aos 92 anos o reverendo Moon, fundador da Igreja da Unificação

      Chupa Hitchens

      Excluir
    4. Independente se morre cedo ou não, seria melhor viver menos mas desfrutar da realidade, do que perder toda uma vida com um ser imaginário.

      Excluir
    5. "Pessoas religiosas vivem mais, diz estudo


      A religião reduziria o estresse, segundo os cientistas... ...participar de cerimônias religiosas regularmente pode aumentar a expectativa de vida. De acordo com a pesquisa, idas semanais à igreja podem adicionar de dois a três anos ao tempo de vida de uma pessoa".

      Mas...

      "A pesquisa também levou em conta os efeitos do exercício físico e do uso de remédios anticolesterol na longevidade. Os resultados mostraram que exercícios físicos regulares adicionam de três a cinco anos extras à vida. Já remédios anticolesterol, como Lipitor Colesterol, foram associados a um acréscimo de dois anos e meio a três anos e meio".

      Vejam como a pesquisa, ou a matéria, é tendenciosa a favor da religião.

      Pela mesma pesquisa podemos concluir que é mais útil, para viver mais, fazer exercícios e tomar remédios para controlar o colesterol do que ir a missa.

      O que demonstra, mais uma vez, a inutilidade da religião.

      Excluir
    6. Niemeyer, Prestes, Russell morreram novinhos né?

      Excluir
  2. Só 62 anos e já morreu? É, quem não tem fé morre cedo.

    Se tivesse ido na Igreja Universal, teria sido curado e estava vivo até hoje.

    Poderia ter ido também lá na igreja do Valdemiro ou do R.R. soares.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tu foi ironico né?

      Excluir
    2. Sim, eu fui irônico.
      Mas ao mesmo tempo esse meu comentário é verdadeiro, pois ele estaria vivo se fosse fiel a uma religião, pois muitas religiões proíbem o fumo, que causa o câncer de esôfago, causa da morte desse senhor.

      Excluir
    3. Não bíblia não há nada contra o fumo, até pq as descobertas que dizem que fumo causa câncer são cientificas e religioso que se preze não confia na ciência.

      Excluir
    4. Yuri.
      Foram essas mesmas descobertas científicas que fizeram com que as religiões cristãs proibissem o fumo.
      Há um texto bíblico atribuído ao apóstolo Paulo, que condena todo o tipo de vício e impureza no corpo. Então todo tipo de vício em drogas, jogos, fumo, álcool é condenado.

      Excluir
    5. Sim, religiões proíbem varias coisas como por exemplo
      sexo antes do casamento, a ingestão de bebidas alcoólicas entre varias outras coisas que eu poderia mencionar aqui, porém o que mais constatei em minha visita a igrejas tanto de caráter evangélico quando católico é de meninas gravidas, meninas e meninos que DST, senhores com problema de alcoolismo e tabagismo e teve gente que morreu pro causa desse problema. E ai ? o que eles fizeram para merecer a morte ? grande maioria morreu e era cristão era evangegue, só pelo simples fato de o hitch nao ter religiao ou acreditar em deus não explica o fato de ele ter morrido, caso o senhor não saiba a morte é algo natural todos vão morrer um dia, sendo com 100 anos ou com 10, sim é claro que o fato de ele fumar muito foi um grande agravante para a sua morte, mas tem gente que fuma a muito tempo e chega a idades avançadas o que determina isso são a carga genética dessa pessoa e não o fato de ela possuir ou não religião ou DEUS.

      @dennerlovato

      Excluir
    6. E vício em religião? É condenável também?

      Excluir
    7. Resposta para @dennerlovato

      O que você escreveu não nega que os princípios da religião podem salvar vidas.

      Se a pessoa não segue esses princípios, aí é outra história.

      É verdade que todo mundo morre um dia, mas morrer de câncer causado pelo fumo é morrer sofrendo, além de ser uma enorme estupidez, pois é um sofrimento que poderia ter sido evitado, ainda mais quando a pessoa é instruída como era o caso desse senhor.

      Excluir
    8. Hoje em dia quem fuma, usa drogas ou bebe, esta fazendo pq quer, sabe os riscos que corre e mesmo assim tomou a decisão de fazer.
      Esse papinho furado de que se fosse religioso ele teria vivido mais é um argumento muito do sem vergonha.

      Excluir
    9. Ah sim, e quem tem fé morre aos 100 anos!

      Sabe, os trolls já foram melhores neste blog.

      Excluir
    10. "Esse papinho furado de que se fosse religioso ele teria vivido mais é um argumento muito do sem vergonha."

      Na verdade é um argumento completamente válido, pois várias pesquisas estatísticas mostram que a espiritualidade faz bem para a saúde.

      Excluir
    11. "Ah sim, e quem tem fé morre aos 100 anos!
      Sabe, os trolls já foram melhores neste blog."


      É verdade, eu soube de vários que religiosos que chegaram perto de 100 anos de idade, e alguns ultrapassaram.

      Pesquisas científicas demonstram isso, quem é fiel vive mais e é mais saudável.

      Excluir
    12. Oscar Niemeyer tem mais de 100, mas é ateu. E agora?

      Excluir
    13. Quando o Niemeyer morrer, com cento e tantos anos, de derrame, infarte ou coisa parecida, pode ter certeza que evangegues conclamarão: foi o castigo de Deus. lol.

      Excluir
    14. Concordo que fumantes tem mais chances de desenvolver câncer e doenças relacionadas, no entanto outros hábitos ditos completamente saudáveis também podem aumentar os riscos de ter câncer de esôfago, como por exemplo beber chá, na verdade está relacionado com a temperatura da bebida. (http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0004-28032000000100006&script=sci_arttext)

      Sem mencionar o fator genético. Pablo Picasso, fumava e morreu com 91 anos. Bertrand Russell faleceu aos 97 anos. Mario Quintana dizia: "Fumar é uma forma disfarçada de suspirar." [preciso dizer mais alguma coisa?], faleceu com 87 anos. Em um discurso o General Montgomery disse:
      "Não fumo, não bebo, não prevarico e sou herói"
      Winston Churchill [viveu até 90 anos] ouviu o discurso e com ciúme, retrucou:"Eu fumo, bebo, prevarico e sou chefe dele [like a boss, rsrsr]."

      Enfim, acho que a ciência tem mais a oferecer para os que desejam parar de fumar (http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/noticias/ult263u3979.shtml) do que a religião. É claro que é escolha de cada um.

      Excluir
    15. * fumantes têm mais...

      Excluir
    16. Já foram desenvolvidos diversos tratamentos para parar de fumar, é só pesquisar que se pode achar vários, com certeza são melhores que proibições, que na maioria das vezes só faz a pessoa querer ainda mais.

      Excluir
    17. Eu, fiel a Deus, vivi mais de 900 anos.

      E aí, vai encarar?

      Excluir
    18. Noé era descendente de aliens, isso foi demonstrado claramente no sagrado livro: "Eram os deuses astronautas?" de Erich von Däniken.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. O cara escreve um livro intitulado "Como a Religião Envenena Tudo" e morre envenenado pelo fumo, que causa câncer de esôfago.

    Ironicamente a religião que ele disse que "envenena tudo" poderia tê-lo salvo, pois muitas religiões proíbem o fumo, principalmente as cristãs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro, porque nós vemos claramente como a proibição do sexo antes do casamento e do uso de anticoncepcionais pela igreja católica é plenamente respeitada pelos fieis...

      Excluir
    2. Só o fumo? As religiões proibem é tudo. Então no lugar dele morrer por causa do fumo, ele ía morrer era de depressão. E aí?

      Excluir
  5. O fato de uma religião proibir algo não quer dizer que a pessoa não irá fazer,é muita ingenuidade achar que todos os religiosos seguem a risca os preceitos de uma religião,e ainda bem que não, se fosse seguido teríamos milhares de pessoas transando sem camisinha com a proliferação em escala de doenças sexualmente transmissíveis e aumento do índice de natalidade sem o uso de métodos contraceptivos.Ah,por acaso nenhuma pessoa que se diz religiosa pratica sexo antes do casamento,né?Poupem-me!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Resposta para o Anônimo 1 de setembro de 2012 18:28:

      É evidente que nem todos os religiosos seguem à risca os preceitos bíblicos.

      Mas quem segue vive mais, pois não fuma, não se embriaga, não faz sexo fora do casamento enão pega DSTs, não joga, não experimenta drogas.

      Excluir
    2. Não fumar , não beber, não usar drogas, apenas diminui suas chances de morrer cedo. Isso não salva ninguém.

      Excluir
    3. Não precisa de religião pra viver uma vida saudável: precisa ter sido educado.

      Excluir
    4. Resposta para Anônimo 1 de setembro de 2012 18:38:

      O que você disse é uma bobagem.

      Todo mundo morre um dia. Mas quem fuma morre mais cedo e morre sofrendo, veja por exemplo o caso de Chico Anísio, que teve um enfisema pulmonar, é um sofrimento terrível. Se tivesse sido educado numa religião talvez estivesse vivo.

      Excluir
    5. "Mas quem segue vive mais, pois não fuma, não se embriaga, não faz sexo fora do casamento enão pega DSTs, não joga, não experimenta drogas."

      Pra que viver tanto se você não pode experimentar o melhor da vida?
      Exceto a DST, isso realmente é um problema...

      Excluir
    6. Usar drogas também fica fora de melhor da vida, mas ninguém precisa de religião pra parar de fumar, beber ou de usar qualquer outro tipo de drogas.

      Excluir
    7. É assim mesmo. Religioso gosta de fingir que é puro, santo e ungido quando na verdade...

      Excluir
  6. Essa parte foi a melhor HUASHUAHSUHAU

    "Aqueles que dizem que estou sendo punido por Deus não conseguem imaginar o quanto pode ser vingativo um câncer em um fumante inveterado"


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, ele não estava sendo punido por Deus por fumar.

      Cada pessoa sofre as consequências de seus atos. Mas a religião cristã condena qualquer tipo de vício e essa condenação é um tipo de aviso, uma placa de sinalização. A pessoa não obedece ao aviso e morre sofrendo. Simples assim.

      Excluir
  7. Faz muita falta neste mundo cada vez mais repleto de obscurantismo

    ResponderExcluir
  8. Hitchens...
    Hitchens...
    Hitchens...

    Eu, primeiro e único filho de Deus, conjuro sua alma...
    Eu, verdadeiro e único Príncipe dos Anjos dos Céus e dos confins do Inferno, convoco sua alma...

    Hitchens...
    Hitchens...
    Hitchens...

    Revele, a essas pequenas criaturas conscientes, como é o outro lado...
    Revele, a esses pobres vermes rastejantes, o que há depois da Morte...

    Hitchens...
    Hitchens...
    Hitchens...

    Traga, à luz deste mundo, a prova decisiva...
    Liberte o conhecimento, monopolizado pelas trevas, sobre vida e morte.

    ResponderExcluir
  9. Valeu pela dica - já estou lendo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah é? Onde baixou?
      Tentei comprar a versão digital na Amazon e na Barnes & Noble,mas só estarão disponiveis para venda no dia 4 de setembro.
      Por favor divida conosco onde conseguiu baixar o livro.

      Excluir
  10. atau na saúde na doença na alegria e na tristeza!

    ResponderExcluir
  11. Demonstrar maturidade em mortes como essa é algo notável. Independente de ser ateu ou não, quando uma pessoa enfrenta um câncer ou outras doenças letais com bom humor e dignidade ela deve ser exemplo.
    Mas é claro que saber que o câncer não é castigo de deus mas sim uma conseqüência de seus é um degrau acima de tudo isso.

    Winston Smith

    ResponderExcluir
  12. Deus não castiga ninguém. Se ficamos doentes muitas vezes é por nossa própria culpa e por causa dos nossos hábitos. Independente da crença, ou falta de crença das pessoas, elas indubitavelmente acabam ficando doentes e morrem, é uma lei natural do universo.

    ResponderExcluir
  13. De todos os grupos que se engajam em guerrilhas virtuais os que mais me impressionam são os ateus. A fé deles num mundo melhor sem deus é tal que um só membro do grupo poderia mover cordilheiras inteiras. Hoje se tornaram aquilo que perseguem.

    Chatos virtuais, imaturos e despreparados em sua maioria para um debate sobre fé (que confundem com cristianismo, parece que todo ateu é cristão). Destilam ódio com piadas ofensivas se auto intitulando arautos da razão enquanto replicam trechos de falas de Dawkins (o profeta máximo da fé ateistica) aos quatro cantos sem ao menos ponderarem sobre aquilo que replicam.

    São meninos mimados (ao menos se comportam assim) que se revoltaram contra a obrigação de irem para a missa ao domingos quando eram crianças, que acreditam piamente que toda a injustiça no mundo é prova, hora que deus não existe, hora que ele é mau, o contrassenso de tudo é que acreditam como beatas na razão humana, como se não fosse o homem fonte de toda injustiça. Agem como pessoas que usam óculos escuros à noite para mostrarem personalidade.

    O reflexo do abismo já os atingiu, foram engolidos pela sombra da intolerância, preconceito e violência, características que adoram apontar nos que professam alguma fé em um deus. São como os cachorros que perseguem ao próprio rabo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Existe ateus posers; eu já cruzei com o caminho de alguns. Eles são iguais ou piores que os religiosos fanáticos. Vivem apelando para autoridades (citam Niezstche - erroneamente pq nunca leram um livro do cara na íntegra - Dawkins, Sam Harris, etc), não sabem formular um argumento coerente; ficam falando mal de deus (o que é contraditório, um ateu falar mal de deus é como se assumisse crer naquele deus); apelam pra clichés, não sabem o que falam, etc.

      Excluir
    2. Valeu Anônimo 2 de Setembro de 2012 16:08, até que enfim alguém falou algo coerente e sensato!

      Excluir
    3. cara o que isso tem a ver com o assunto do post,

      e torturador vascaíno, vai ver um futebolzinho ao invés de ficar pentelhando aqui defecando e babando trouxas

      Excluir
    4. Bela tentativa , crentroll

      Excluir
    5. Anônimo2 de setembro de 2012 16:08,

      Qual a intenção da sua constatação ou "desabafo" então, se como você observou esses guerrilheiros virtuais são "chatos, imaturos e despreparados"?

      Não está incomodado com a birra de meninos mimados, ou está?

      "como se não fosse o homem fonte de toda injustiça" - bem observado, também não seria o homem responsável pela solução desta "injustiça"?

      Excluir
    6. "Anônimo2 de setembro de 2012 21:46"
      "Anônimo2 de setembro de 2012 22:50"

      Cara!na boa!cala aboca!deixa de fala merda veio!são pessoas como vc que fazem do ateismo a piada que é hoje em dia!vc não passa de mais 1 pseudo-ateu!fato!se não tem argumentos ou capacidade parta debater seriamente, então CALE-SE!!


      vamos debate serio?

      Excluir
  14. "Ryoko Masaki2 de setembro de 2012 16:49"


    Cara vc acabou foi dando razão ao que foi dito.vc foi intolerante com um ponto de vista diferente do seu.eu sou ateu e concordo. tem um povo aí que tá quase batendo na porta das casas e dizendo. "oi você já ouviu a palavra de Dawkins hoje?"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. mano vc não entendeu, não fui intolerante com você chapa, não gostei deste trouxa do carrasco vascaíno ficar falando coisas nada a ver com a postagem, chefe eu podia jurar que tu era malafaiete...

      eu não suporto esse cara ficar trollando esse cara costuma ser um troll daqueles mais estúpidos,

      eu não sou tão babona do dawkins, nietzsche outros, agora temos aguentar toda choradeira de crente no pé do ouvido da gente...

      Excluir
    2. "oi você já ouviu a palavra de Dawkins hoje?"
      sobre isso eu acho esses garotos são um tanto imaturos, deveriam aprender e viver um pouco mais entender o que realmente não acreditar em Yahweh ou em qualquer outro deus, pra chegar nessa conclusão vc deve ter muito tempo para refletir sobre essas coisas, ler e pesquisar bastando ler atentamente obras que falam sobre ateísmo, agnosticismo

      Excluir
  15. Esse texto é para os "crentes" q ficam falando besteira sobre o cancer q matou Hitchens. 1o - o pai do Hitchens aos 79 anos teve cancer de esofago, ou seja, além da bebida e cigarro que o christopher usou durante uns 45 anos, havia tb a HEREDITARIEDADE pra se preocupar. 2o quem acha que "Deus" mandou o cancer, gente, fala sério, hitchens é ateu desde os 9 anos, passou a vida inteira falando isso em alto e bom som, e em 2006 chegou ao cumulo de fazer um livro com o titulo de DEUS NÃO É GRANDE, e "deus" ainda demorou 5 anos pra matar o cara??? tipo, Deus criou o Universo em 6 dias e demorou 5 anos pra matar um reles serzinho na Terra! Depois vcs ficam chateados pq ateus esculacham seus comentarios estupidos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário