Mulher escolarizada demais prejudica a nação, afirma rabino



O rabino Zvi Tau, de Israel, escreveu que a mulher não deve ser escolarizada demais, receber educação formal, para não "prejudicar a qualidade de vida da nação”.

Para ele, Deus determinou que o “habitat natural” da mulher é dentro de casa, onde ela pode expressar “as suas qualidades especiais e viver sua vida plenamente”.

Não se trata de um rabino qualquer. Ele é um dos principais mentores do nacionalismo religioso, cujas interpretações do Torah estão próximas das dos judeus ultraortodoxos.

As afirmações constam em um documento de circulação interna que vazou para o jornal Haaretz.

Ele argumentou que as mulheres não são discriminadas e o que o espaço dela é outro em relação ao dos homens, de acordo com a vontade divina.

Afirmou que as mulheres, por serem mais emocionais, devem ficar longe das “profundezas da ciência e da moralidade”, dedicando-se a dar à luz e criar os filhos. “É a vocação dela.”


'Mulher é para ficar em casa'



Com informação do Jornal de Notícias.

Comentários

  1. Respostas
    1. Nem queira saber, nem queira!

      Excluir
    2. não é machismo, isso é pura verdade. tá com dúvida case-se com uma carreirista

      Excluir
  2. Viver sua vida plenamente?

    em casa?


    ??????????????

    ResponderExcluir
  3. Nojo desses motivos machistas baseados em livros de ficção...

    ResponderExcluir
  4. Respostas
    1. Nada disso!! Temos que combater ativamente gente podre como essa!!!!

      Excluir
  5. "Viver a vida plenamente" Não existe conceito mais vazio e sem significado do que esse. Como pode algo tão estupido ser usado para justificar tantas coisa?

    ResponderExcluir
  6. Estou orgulhosamente prejudicando a nação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembre que alguem tem que ser mãe e não sera o homen.

      Excluir
    2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

      Excluir
  7. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulo Lopes, por favor, apague esse comentário ele viola as regras de postagem.

      Excluir
    2. Só porque ela tentou nos sufocar com caps lock??

      Excluir
    3. O blog deleta comentários escritos só com letras maiúsculas porque equivalem a gritar.

      Excluir
    4. Shiroyasha também é machista.

      Excluir
    5. Gritar com quem?

      Excluir
  8. "Para ele, Deus determinou que o “habitat natural” da mulher é dentro de casa (...)"

    Qual deus? São tantos!

    www.godfinder.org

    Att.,

    Espancador de Pastores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse site é muito interessante. Dê um ctrl f, pesquise por Brazil e descubra quantos deuses existem por aqui..

      Paz pra todos.

      Excluir
    2. Que deus é esse o do rabino.

      Jheová,

      Rothschild, Rockefeller

      Murdoch, Sirotsky, itagiba, netanyahu, bloch, civita,
      Bialsky, Spielberg, Streisand... etc... etc...
      e vai longe.

      Todos Mentem entre si. Todos veneram a mesma neurose. Todos Vampiros.

      Excluir
  9. Puro machismo, uma declaração dessa é uma ofensa muito grande.

    ResponderExcluir
  10. Esses fundamentalistas não inventaram a discriminação. Mas são ótimos em exercitar esta tradição.

    ResponderExcluir
  11. Putz! Esse cara saiu de alguma máquina do tempo?

    Winston Smith

    ResponderExcluir
  12. Eba!!! Tô prejudicando este arremedo de nação chamado "braziu"!!!!!


    =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônima burrinha, o otário aí se referia a Israel...

      Excluir
    2. Anônimo espertinho, a frase faz referência a nação, e Brasil é a nação dela independente dele estar falando em Israel ou não.

      Excluir
  13. Esses religiosos estao no fim em Israel, que alias tem um dos maiores indices de ateismo do mundo.
    Esses caras sao judeus. Quem garante tudo em Israel sao os israelitas, judeus sao os malucos que seguem o judaismo, que atualmente sao somente parte da historia de Israel.

    ResponderExcluir
  14. Esse rabino porque ele não vai lá dar mais cabeçadas no muro pra ver se não abre a mente literalmente.

    ResponderExcluir
  15. Religião é "coisa linda de deus"!!!!! hahahahahahahahahaha ... e o pior é que tem mulher que acha isso lindo!
    ..
    Já repararam que quando um religioso faz m... "caquinha" :) ... aí um monte de gente diz: "-- nãaao mas essa não é a opinião de todos", ou "-- Eu não faço isso", ou ainda "-- a igreja é feita de homens", bem, neste caso é só de homens mesmo né hahahahahaha

    ResponderExcluir
  16. Escolarizada não, mas as feministas com toda a certeza, ao ponto de ferrar com elas próprias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo elas estão se tornando mulheres que não tem como um homem amar , pois estão querendo ser como homens e por favor homens gostam do seu oposto e não alguem para discutir ciência.

      Excluir
    2. Eu adoro as mulheres que eu conheço e discutem ciência comigo. Qual o problema? Ciência trata de universalidade, é absurdamente ridículo achar que apenas o homo sapiens masculino pode tratar de ciência. Nada mais sexy do que uma mulher cheia d conhecimentos. Acho que deve existir uma tendência homossexual muito forte nesses machões que querem reprimir as mulheres... (não que seja o teu caso)...

      Excluir
    3. E vocês estão falando de femistas, não de feministas, que pregam igualdade entre os gêneros, enquanto as femistas dizem que mulheres são melhores que homens.

      Mas neste caso, as mulheres são melhores que vocês machistas acéfalos que acham que mulher tem que servir ao homem. Vocês não sabem dividir, apenas conquistar, agregar e tomar, não sabem o que é ter uma companheira.

      Você não está sendo oprimido quando um grupo recebe os direitos que você sempre teve, então acordem pra vida, ok? Cresçam, aprendam a respeitar os outros, em especial às mulheres, afinal vocês têm mãe, certo? Ou nasceram de chocadeira?

      Marcos

      Excluir
  17. Mulher sem trabalhar que absurdo

    ResponderExcluir
  18. Mulher trabalhando ja enche o saco , o tempo todo dentro de casa ninguem merece.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E coitada a sua mulher que tem que aguentar um machista, misógino, babaca, mal informado e infeliz que nem você em casa. Ela faria muito bem em mandar você aparar a grama da praça do que dormir na mesma cama que você.

      Excluir
  19. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  20. Tema polemico não pela religião e sim pelo fato de crianças não terem mães presentes no lar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembrando ao senhor machista fundamentalista que o homem também pode(e deve) ajudar na criação dos filhos.

      Excluir
    2. Educação tem que vir dos responsáveis, seja pai, mãe ou quem for.

      Você é só mais um machista retardado que acha que a educação das crianças é tarefa única e exclusivamente feminina.

      Acorda pro século XXI, meu filho.

      Excluir
    3. as mulheres de hj com essa nova ondinha do feminismo de mulher moderna, mulher independente, está desencantando, por perder sua essência feminina. tão querendo virar um bando de macho

      Excluir
  21. que vergonha desse sujeito

    ResponderExcluir
  22. Quando imames, rabinos, pastores, padres emitem pronunciamentos, com base nos seus textos sagrados, sobre o que seus seguidores devem ou não devem fazer, eles devem fazê-los com coerência.

    Os líderes religiosos mais extremados são muito coerentes. Devo dizer que são os mais coerentes dentre todos os outros do grupo. A coerência à qual me refiro não está nos supostos escritos sagrados, mas, sim, nas atitudes daqueles que os seguem. Ser religioso significa aceitar como verdadeiros os dogmas, os ritos e os mitos pertinentes à religião escolhida. Crenças religiosas não são discutíveis; ou você acredita ou não acredita.

    Vivemos num mundo cultural e religiosamente plural e o religioso ignorante em sua própria religião tende a praticar heresias que em tempos antigos poderiam levá-lo a situações desagradáveis. Não é novidade que nos tempos atuais os religiosos tendem a ser menos fieis aos princípios que regem as suas religiões. Como exemplo, pode-se citar cristãos que acreditam em reencarnação e judeus que acreditam que Jesus seja o messias – os chamados judeus messiânicos. Segundo os princípios cristãos e judaicos, respectivamente, esses são exemplos de incoerência religiosa. Não existe reencarnação dentro do Cristianismo e o messias ainda está por vir para o Judaísmo. Isso - enquanto crença - deveria ser indiscutível.

    Parece que os religiosos moderninhos não querem se comprometer com as religiões que seguem. Não querem assumir o ônus que tais religiões exigem e, aí, adaptam-na às suas necessidades, pinçando delas o que lhes serve e ignorando o restante. Assim é fácil.

    É interessante pensar sobre essa religião “self service”, que é formada pelas crenças escolhidas a dedo conforme o gosto de cada um. Parece haver uma hipocrisia compartilhada e aceita por essa nova legião de religiosos. Todas fingem ser religiosos até o ponto em que isso lhes atrapalhe. Nesse momento, a religião seguida é desbastada até que se encaixe ao modo de vida de cada um. Sempre pensei que devessem ser as pessoas que deveriam se adaptar às religiões e não as religiões às pessoas. Parece que eu me enganei.

    Líderes religiosos radicais, fanáticos, extremistas servem para mostrar ao mundo que as religiões que defendem estão sendo mutiladas pela falta de honestidade, coerência e “fé” dos religiosos modinhas, os neo-religiosos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O religioso declarado, vai adaptando a religião ao seu modo de vida, bem descrito pelo colega .
      Dai vão ajeitando e usando a mesma como alibe para si mesmo, estonteando sua cabeçinha e disso tiram proveito os seus lideres. Ate que cai a ficha e o devoto acorda e larga tudo isso ou continua estupido ate a morte. Impossivel tocar a vida como a descrita nos livros dito sagrados, impossivel seguir os conselhos insanos dos pastores que nem para si os seguem.

      Excluir
  23. affs
    esse povinho machista...só porque um deus manda eles obedecem.
    Será que se esse deus mandasse eles dar a bunda para um negão durante 3 horas 5 vezes ao dia eles obedeceria?
    kkk
    e ainda me perguntam porque sou ateu
    affs com esse tipo de coisa nem precisa de eu responder.

    alinearize@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ateusinho (a) de merda... bando de muleques revoltados, sem identidade.

      Excluir
  24. Continuarei prejudicando muito a nação então!

    ResponderExcluir
  25. Isso me cheira mais ao medo de tomar um corno do que uma vocação divina.

    ResponderExcluir
  26. belo artigo. a verdade sendo dita... pq o mundo está de cabeça pra baixo? Resposta: pq as mulheres estão assumindo cargos importantes na economia, na política, na religão e em diversos setores da sociedade.

    ResponderExcluir
  27. vão toma vergonha na cara antes de falar da nação israelita, alias minha ção com muito orgulho!!!! Para vamos comparar com o Brasil no topo de violencia, onde a cada 15 segundos uma mulher é espencada!!!!

    em segundo lugar; em Israel a mulher alem de servir o exercito q no Brasil ela não serve e só agora EUA está convocando-as em Israel a mulher já atingiu o posto maximo de um cargo com Golda Meier a %0 anos atrás, coisa q o Brasil está fazendo atualmente Israel e sua nação nunca levaram sexo em distinção, porq a nossa Biblia já narrava a história da rainha Ester q salvou toda nossa nação. Comparem Israel com Arabia Saldita q uma mulher não pode andar de carro, compare com os palestinos q boicotam esportes onde mulheres participam, comparem o q acontece com as mulheres em Israel, onde são lésbicas, comunistas, skeitistas, politicas, médicas, etc... com o Brasil, onde a cada 15 segundo são espancadas. Compara a mulher na religião judaica com cristianismo e islamismo, não tem nem comparação....

    ResponderExcluir


  28. Na religião judaica a existencia da nação judia se deve a uma mulher chamada rainha Ester alem disso quando vcs veem os homem orando em movimento é em lembrança a Hanna mãe do profeta Samuel a mulher no judaismo está elevada acima do homem, pois não existe pecado capitam sobre Eva como no caso do cristianismo ou seja a mulher é mais elevado q o homem, por isso no judaismo para ser judeu a mãe deve ser judia e não o homem...

    ResponderExcluir

Postar um comentário