Número de espíritas está em ascensão e chega a 3,8 milhões

O número de brasileiros espíritas cresceu de 2,2 milhões em 2000 para 3,8 milhões em 2010, representando 2% da população. De acordo com dados divulgados hoje pelo IBGE, a religião teve expansão mais expressiva no Sudeste, onde passou de 2% da população para 3,1%.

Rio é o Estado com o maior índice de pessoas que se declararam espírita, com 4%, seguido de São Paulo (3,3%), Minas Gerais (2,1%) e Espírito Santo (1%).

A cidade com maior percentual de espíritas é Palmelo, no sul Goiás, com 45,5% da população. Ela fica a 125 km de Goiânia e foi fundada em 1929 em torno de um centro espírita.

Os espíritas apresentaram o nível de renda mais elevado. Do total deles, 6,5% ganham mais de 10 salários mínimos, deixando longe o segundo lugar, 2,2% dos adeptos da umbanda e candomblé.

Eles também fazem parte dos mais alfabetizados da população. Do total, 31,5% têm nível superior completo, 1,8% não possui 15% têm ensino fundamental incompleto. Os não alfabetizados representam apenas 1,4%.

Índice de pessoas adeptas da umbanda e candomblé, juntas, estacionou na década em 0,3% da população. Em relação ao candomblé, ouve um pequeno aumento no número absoluto, de 127 mil seguidores para 167 mil.

Os seguidores do islamismo tiveram o expressivo crescimento de 29%, mas em número absolutos são apenas 35.167. Os seguidores do hinduísmo praticamente dobraram, em números absolutos - passaram de 2.905 para 5.675 -, mas representam 0,002% dos brasileiros.

As tradições indígenas foram citadas por 63.082 entrevistados — um aumento de 269% em relação aos 17.088 de dez anos antes.






Com informação do Censo de 2010.

junho de 2012

Estatística das religiões no Brasil.

Comentários

  1. Na boa, sou muito mais um país com espíritas do que esses adoradores cristãos do "deus do amor".

    Sim, sei que espíritas também acreditam em deus, mas o fazem apostando nas ações das pessoas.

    ResponderExcluir
  2. Os espíritas são bem melhores que os evanjas mesmo , apesar da crença eles tem a mente bem aberta e não são tão bitolados quanto os evanjas que estão no mesmo nível daqueles mulçumanos que degolam e explodem os outros.

    ResponderExcluir
  3. Prefiro um país de espíritas do que de outras religiões, pois os espíritas pregam algo que eu até concordo: você apenas precisa ser uma pessoa boa e nada mais, algo que anda bem em falta nos dias de hoje.

    ResponderExcluir
  4. Eu sou espirita, e prefiro muito mais um amigo ateu do bem, que um colega cristão santarrão.

    ResponderExcluir
  5. Isso é muito bom, espíritas são muito menos ignorantes que cristãos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. concordo mas, vender a crença deles como ciencia que não é.

      Excluir
    2. A única coisa que me irrita nos espíritas é esse fato mesmo: tentar fazer as pessoas concordarem de que o espiritismo é uma ciência. Parem com isso, por favor.

      Excluir
    3. Já viu dvd espirita de palestrante com diploma? tentam forçar a barra com o papo de existir "extensa pesquisa cientifica" que reencarnação esta "praticamente provada" e que logo vai para os livros de biologia. É rir pra não chorar, chega dar dó!

      Excluir
    4. O interessante é o avanço que a razão trás para a sociedade, doutrina espirita ou religião não tem nada a ver com a origem da ético ou ato moral, logo acreditar em espíritos, duendes, unicórnio, é um retrocesso que impede de ver a vida real, quando existe alguém sofrendo eles creem que a pessoa tinha que passar por aquela experiência devido a sua vida passada ou para evoluir, ao invés de tentar entender o contexto politico, social, cultural ou mesmo o acaso que o levou a uma situação difícil.

      Enfim, somente a razão é que trás a evolução e não alucinações.

      Excluir
    5. Anomino, tenho muita pena de você que deve ser CEGO! Se você tem DOUTORADO OU MESTRADO aí sim você pode comentar algo sobre pesquisa cientifica! Ou melhor, antes e julgar vá pesquisar! Que Deus te ajude e te mande um pouco de luz em seu caminho!

      Excluir
    6. Minha gente, Jesus num falou que tem aquele que ver e é cego, daquele que é cego e ver! Foi o cego de jericó. Viu Jesus com os olhos espirituais e disse-lhe: cura-me senhor, sei que podeis! E jesus o curou...e aqueles que eram "doutores" da lei não acreditaram, eram os que tinham visão material. EX: os materialistas de hj, que preferem se corromper pelas coisas materiais tornando-se cegos. Não se pode servir a Deus e a mamon.

      Excluir
  6. Minha família toda é espírita, eles aceitaram de boa meu ateísmo. Sempre me ensinaram que eu poderia crer ou não no que achasse certo e que eu sempre deveria ter empatia com as outras pessoas.

    Também prefiro um Brasil com mais espíritas e menos evangélicos e católicos alienados.

    ResponderExcluir
  7. Viram ali no grafico? os espiritas tem mais grana que evangelico e catolico.

    ResponderExcluir
  8. Realmente o Espiritismo não é uma ciência, mas só pelo fato de Allan Kardec ter tentado utilizar algum método científico da época para codificar os ensinamentos da Doutrina Espírita, para mim já é válido.

    Na cabeça dele, ele estava criando uma nova doutrina filosófica não dogmática e que em nada se assemelhava as religiões da época, respaldadas por aspectos e argumentos científicos. Darwin seguiu a linha da evolução das espécies e Kardec a linha da evolução dos espíritos/consciências.

    Há provas irrefutáveis da reencarnação? Alguns dizem que há milhares de evidências, mas não provas. De qualquer modo, que prova sobre a reencarnação poderia ser considerada irrefutável pela comunidade científica? Uma mente incorpórea (espírito) nunca aparecerá num laboratório para dizer: "Hey, a vida continua!" pois segundo os espíritas, não temos órgãos em nosso corpo para percebê-la (exceto os famigerados médiuns). Há relatos de crianças, especialmente na Índia e na China, que supostamente se lembram com detalhes de sua vida passada. Pesquisadores já adimitiram de fato que seus relatos batem com a realidade descrita por elas. Mas, como saber se tratar realmente de uma vida passada?

    Enfim... acho que mesmo que exista algum tipo de mecanismo de retorno da mente a um corpo físico, nunca se conseguirá através do método científico se provar isso. Bom, pelo menos nossos cientistas ainda não conseguiram... quem sabe os do futuro?

    Na minha opinião, mesmo que seja provada a reencarnação, continuarei sendo ateu pois os espíritos não sabem mais de que nós, já dizia Kardec. Seriam tão humanos quanto nós. Minhas concepções sobre ética e moral não seriam abaladas em nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ateu espirita? aqui?

      Excluir
    2. Esse pedro é espirita...

      Excluir
    3. Minha família é espírita mas sou ateu. Não acredito num Deus criador, num supremo ser espiritual que comanda o universo (ou universos) de fora deles. Acreditar nisso sem provas seria tolice. Nem Buda acreditava em Deus. Tenho a mente aberta e já estudei bastante sobre Kardec, Budismo e reencarnação e minha posição atual é: a reencarnação é uma POSSIBILIDADE mas só descobrirei (ou não) depois que morrer. Até lá, vou viver minha vida de maneira leve, sem carregar convicções que pesem os meus ombros e não me deixem seguir adiante.

      Excluir
    4. Falei que era espirita...

      Excluir
    5. Pedro, mas o espiritismo tabém não acredita exatamente em um "Deus criador" da mesma forma que as religiões judaico cristãs tradicionais, nota-se que no livro dos espiritos ele coloca a seguinte indagaçao " o que é Deus?" ao que é "respondida" é a causa primaria! não diz: è o criador ou algo do gênero, mas sim: fonte da criaçao como uma força que coloca ordem no Universo. È um conceito de Deus impessoal da mesma forma que determinadas linhas do budismo

      Excluir
    6. A reencarnação é ilogica,pois seu principio é melhorar as pessoas com vida,apos vida...na pratica não vemos isso,pois o mundo esta cada vez pior,basta ver os noticiarios:mortes banais,crimes de toda especie,pedofilia,etc...

      Excluir
    7. Sempre houve mortes banais, crimes e pedofilia... a diferença é que agora existe comunicação entre todo o mundo. E esta comunicação acontece na hora... seja na internet ou na tv. Ou seja... agora vc consegue saber o que esta acontecendo em todo mundo. Desde o jornal da sua cidade até um vilareijo no interior de qualquer país. Pense nisso...

      Excluir
  9. Os espiritas Tirando o charlatanismo, e a pratica de alguns cobrarem para entrar em contato com um ente morto, de um modo geral são bem altruístas. Outro ponto que me enoja são as cirurgias espirituais, tal pratica deveria dar cadeia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Kardec era contra a ideia de que espiritos operavam milagres e taxava ed imoral a pratica de um medium cobrar ou receber lucro indireto, os que o fazem agem as marens da doutrina e não podem ser chamados propriamente de espiritas. As cirurgias espirituais são um show bizarro e de carater populista, que infelizmente acaba maravilhando alguns espiritas "neofitos" e desinformados

      Excluir
  10. Muita gente elogiando o espiritismo...

    O charlatanismo das seções espiritas e as tais cirurgias espirituais não ficam muito longe dos "milagres" que ocorrem nas igrejas evangélicas neo-pentecostais.

    Só que o nível médio de escolaridade e de renda dos espíritas é maior, enquanto dos neo-pentecostais é menor. Talvez daí vem o motivo da crença espírita ser mais "aceita" pelos ateus e agnósticos que a crença espírita.

    Se a maioria da população fosse espírita, teríamos outros problemas específicos do espiritismo...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já ouvi todo tipo de porcaria dos espiritas, são pessoas legais mas, são todos doidos.

      Excluir
    2. Charlatanismo esta ligado ao carater e não a religião,pois pode ter certeza que tem muito ateu que é mau-carater e isso não está ligado ao ateismo!

      Excluir
    3. Tem razão...
      Quando eu era evangélico eu nunca fiz um milagre sequer... rsrsrsrsrs
      Claro, eu era honesto...

      Mas as pessoas que anseiam por um milagre são enganadas dia após dia...

      Excluir
  11. Eu não sei se o motivo dos espiritas serem mais tolerantes não seja exatamente o fato de ser a camada mais escolarizada. Isso pode não garantir mas dá uma boa mãozinha, não é?! Mas acho bem mais interessante o budismo. Tem os ensinamentos mais feras para trazer felicidade pro fiel e pros outros, é totalmente tolerante, não é proselitista e não acredita em divindades personificadas. Se eu, sendo ateu, tivesse que definir uma religião a ser "pregada" seria o Zen budismo ou o budismo tibetano. Mas o budismo não se expande muito pois os budistas não saem pregando em ônibus, eles só falam de religião a quem os procura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa é boa,camarada...o budismo não é teista,mas cre que existe varios deuses,ou seja,são politeistas...se ateu não suporta um deus,quanto mais varios!

      Excluir
  12. Frequentei durante muito tempo centros espíritas. Incluindo o embuste intitulado "nosso lar".As doutrinas (e se tem doutrinas é pq pretendem fazer cabeças,sim!),são uma mistura de Cristianismo c/ Budismo e Mesmerismo.Há programas espíritas em TVs/rádios.Todas elas[ doutrinações]tem o mimimi de Jesus,sabendo q sequer há como provar a existência do gajo.Pegaram carona no jóquei de jegue palestino.Não vejo diferença aí deles p/ demais estrovengas q sobrevivem do sobrenatural.Se o país fosse sério e Conselhos de Medicina servissem para algo útil já teriam dado um basta ao exercício ilegal da medicina q é o fazem c/ seus tratamentos e curas.Não mandam alcoolistas p/ terapias,enganam as famílias c/ mimimi de obsessão, todo tipo de desajuste é obsessão.Dizem oferecer tratamento seguro pois tratam o problema abordando os 2 lados da vida.Que 2 lados cara pálida?Outro lado é o da não vida,da morte?
    "Talqualmente",como diria o prefeito de Sucupira,as outras vigarices q lidam c/ alminhas e pós alguma coisa, se valem da caridade p/ construírem uma imagem pública aceitável e até tida como modelo.São mais espertos do q os demais embusteiros,não só pelo mimimi da caridade,do resgate por 'obras' e leituras (daí parecer mais intelectualizada e atrair adeptos),mas tb p/ forma com q/ exercem uma tolerância tão elástica q nela cabe de tudo,de todas as religiões e seitas. "Se não formos dogmáticos e preconceituosos atrairemos mais simpatizantes p/ a causa". E qual é causa?A tese da reencarnação? q uma pessoa nasce p/ servir de 'cavalo', ter seu corpo parasitado por um espírito q precisa dele p/ purgar seus 'karmas'? Não conheço nada mais perverso do q isso:afirmar q uma pessoa nasce p/ ser USADA nos resgate de coisas q ela não sabe q fez, não podendo discordar e dizer'naõ aceito'...Não me parece sequer permitir livre arbítrio, embora digam q a escolha foi feita em 'outro' plano e todos nós escolhemos estar no corpos q estamos,na família q estamos,no lugar, etc. Tudo c/ o mimimi de 'melhorar' através das obras e do 'estudo'.
    Não conheci espíritas das linhas africanas praticando o q vi nos tais hospitais espíritas. A picaretagem de se assemelharem aos médicos de verdade, até em procedimentos e roupas. Assim passam mais 'credibilidade' aos tolos q procuram curas p/ doenças diversas, algumas raras e outras terminais.Senti q induzem a um certo conformismo qdo dizem q o que a pessoa está passando é um resgate, está programado e se foi combinado no 'além', então o q o sujeito aqui pode fazer para não passar pelo q supostamente está destinado a passar? Quando o cara começa a pensar e fazer perguntas, do tipo 'mas tudo que passo é karma'? e ensaia umas 'revoltas' no estilo 'não aceito, não é justo, não quero pagar p/ q outro fez s/ meu consentimento',então aliviam um pouco dizendo q 'nem tudo' é resgate.Mas não identificam o q é e o q não é resgate. Era resgate nascer numa família desajustada? Mas se além dos conflitos familiares passar por uma doença ou acidente? tudo foi parte do plano ou uma parte acontece/ceu por pertencer somente a essa vida?
    Quem faz muitas perguntas e quer respostas racionais, lógicas,não fica no espiritismo muito tempo apesar da imagem pasteurizada q passam p/ a sociedade. Sem falar na parte q iludem os q sofrem a perda de entes queridos e querem algo 'palpável'q os console.Uma mentira em cima de outra. Nem vou entrar nos detalhes dos livrecos do Kardec e seus seguifores,o francês q é ignorado solenemente em sua terrinha e babado em países atrasados como o Brasil, só o detalhe racista de afirmar q negros existem por serem espíritos inferiores já é mais do q suficiente p/ botar kardecismo na mesma lata de lixo das demais seitas e wannabe...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cont: seguidores*


      Não tem nada de limpinho no Espiritismo;espíritas são é mais sutis, dissimulados e espertalhões. Não compram brigas e polêmicas porque espantam os incautos, não é questão de 'natureza' a tolerância, é questão de política, de estratégia, nada mais. E até ateus caem na conversa, o que prova que o método ou a metologia que adotam é bastante eficaz...

      Excluir
    2. Exatamente, os ateus aqui não ligam muito para estas mutretas dos espiritas porque AGORA eles são minoria, mas se eles,os espiritas, fossem tão grandes como os evangelicos, iriamos todos criticar estas charlatonisces porque os espiritas atacariam os ateus igual os evanjegues atacam,eles não fazem isto agora porque tambem são atacados pelos evanjegues, ja que pra eles,os evangelicos, todo espirita é MACUMBEIRO.

      Excluir
    3. Lia, voce inicia informando que frequentou durante muito tempo centros espíritas... Não sei por onde voce andou "pisando", mas não entendeu nada. Considero que para emitir uma opinião é necessário estudar, analisar e ponderar, qualidades que ficaram muito longe do seu texto que só emitiu pareceres descabidos.

      Excluir
  13. - 4% de seguidores no Rio de Janeiro !

    Eu vivi minha última existência no Rio de Janeiro !

    Eu sou o que todo alienado anti-espírita é: sou um espírito !

    ResponderExcluir
  14. Eita povo intolerante e raivoso, viu? Não sei quem é pior: evangélicos radicais ou ateístas dogmáticos. Lamentável!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nao sabe? Te ajudo enato. O pior sao evangelicos

      Excluir
  15. A parte boa do espiritismo esta na caridade, quando as demais praticas, apenas alienam e provocam doenças mentais, como esquizofrenia, que alias e incentivada como se fosse um dom mediunico. Quanto aos evangelicos e demais carolas são tolos mesmo.

    ResponderExcluir
  16. Esquizofrenia é uma doença mental e uma doença mental não pode ser "estimulada", não nesses termos que você coloca.
    Acho interessante que o país se torne mais multiplo em relação a crença (o que inclui ateísmo), talvez isso contribua com o princípio de laicidade do Estado.

    ResponderExcluir

Postar um comentário