Católicos dos EUA negam adoção de crianças por casais gays

Alguns Estados passaram 
a permitir a adoção 
O Estado de Illinois (EUA) rompeu o convênio que tinha com quatro entidades católicas de adoção de criança porque elas se negam a aceitar casais gays como pais. Elas deixaram de receber subsídios.

A decisão é consequência de lei que entrou em vigor no dia 1º de julho estabelecendo igualdade de direitos aos casais de homossexuais  em relação aos de heterossexuais, o que inclui a adoção.

Uma dessas entidades, a Catholic Charities, recorreu à Justiça com o pedido de liminar contra a medida do governo. O juiz do condado de Sangamon informou que vai ouvir as partes para emitir uma sentença até o final de agosto.

Na avaliação de setores da Igreja Católica, o que está ocorrendo em Illinois é uma perseguição às entidades religiosas com o objetivo de alijá-las do sistema de adoção, a exemplo do que tem havido no Reino Unido desde o ano passado.

A defesa do governo é de que apenas cumpre o que manda a lei.

Além de Illinois, os Estados de Califórnia, Nevada, New Jersey, Oregon e Washington adotam lei que garante aos homossexuais o direito à adoção.

Comentários

Anônimo disse…
A igreja querendo ou não vai ter de aceitar a conquista de um direito civil mais que justo que foi historicamente negado.
Anônimo disse…
Pela lógica milenar da Igreja, um casamento não pode ser anulado, a menos, é claro, que a princesa seja rica, como Caroline de Mônaco, que conseguiu o seu em tempo recorde com bom dinheiro. Ainda de acordo com o sagaz eufemismo teológico vaticano, o casamento não é anulado, mas declarado NULO desde o princípio, isto é, nunca houve de fato, portanto não foi consumado legitimamente.
Quando a mulher é rica, pode obter também o contrário, ou seja, a não-anulação, se quiser infernizar para sempre o eterno marido contrariado; tal como Catarina de Espanha, ao obter via persuasão do dinheiro e poder das armas do Pai, e a influência política do sobrinho, o Imperador; a recusa papal ao pedido de anulação feito pelo Rei Inglês Henrique VIII. Ora, enfrenta agora a Santa Sé inimigos bem articulados e municiados, o chamado "empowerment" gay; mas não se iludam os que pensam que a Igreja os combaterá até os séculos dos séculos! Pelo código de direito canônico, 200 anos seguidos de um costume fazem-no adquirir força de Lei. Bem antes desse prazo vemos casais divorciados receberem "bênçãos nupciais", comungarem em comunhões particulares, serem admitidos a cargos na Igreja, etc. Os gays anseiam por esta inclusão, que julgo mais do que necessária, a quem já rompeu com o próprio Deus, pra que receber a aprovação de um Papa? Quantas estrelas tem um Papa?
AlyneS2 disse…
Por parte das crianças eu entendo. Elas se assustam de ter um casal homo para criá-las.
É por isso que o casal precisa adotar quando for um bebê, assim com o tempo ele vai crescer com amor e carinho e se acostumará com sua família. Mas sei lá, assusta o preconceito que essa criança pode ter no futuro por parte de outras pessoas, pelos colegas de escola e etc...

T.T que pena.
Anônimo disse…
Tsc.. o comportamento dos catolicos é cada vez mais vergonhoso.

Pedofilia por parte dos padres pode, mas adocao de criancas por homossexuais nao pode.
Anônimo disse…
Sou contra, seria o mesmo que fabricar um clone voce nunca sabera o que pode acontecer no futuro.
Uma vez que esta criança se tornar adulta ela pode ou fugir de casa por não aceitar a humilhação que vai sofrer ao longo da vida, ou com odio mortal assinar os pai adotivo.
Gay pode casar na igreja e tudo ,mais adotar filhos não sera uma tragédia isto no futuro para a criança
Anônimo disse…
Claro, segundo a mentalidade idiota da igreja, é melhor que a criança continue órfã do que tenha um lar, pais (mesmo que do mesmo sexo) e uma vida feliz... A igreja é a maior evidência de que Deus não existe.
Anônimo disse…
E aos imbecis que por bitolagem religiosa se dizem contra, se coloquem no lugar de uma daquelas pobre crianças e pensem se não é bem melhor um lar e uma vida feliz, mesmo com pais homossexuais, do que levar aquela vida triste sem família e ainda por cima nas mãos de uma entidade hipócrita daquelas!

Tem casais homossexuais que dão uma vida muito mais impecável em todos os aspectos aos filhos adotados do que qualquer casal 'normal' religioso daria.

Tem que ser muito DO MAL pra ser contra esse tipo de bênção para essas crianças!

E aos amigos homossexuais (sou hétero mas sou humano) que pensam em adotar filhos, deixo aqui meu total incentivo! Sigam em frente e perseverem que aquelas lindas crianças merecem, vocês merecem, e Deus, se existir Um, quer essa felicidade pra vocês.
Anônimo disse…
corr.: pobres*
Anônimo disse…
Sou o anonimo das 10:45 e continuo sendo contra gays adotarem crianças.
E o fato de eu ser contra não estou dizendo que seja ilegal, estou apenas dando minha opinião meu ponto de vista particular.
Afinal de contas eu não vou arcar nem com estes gays nem com estas crianças e se daqui a 20 anos elas tiveram problemas por terem sido adotadas por homossexuais ou terem crescido em abrigos eu não tenho nada com isto.
Mais pelo meu ponto de vista sou contra, mais não mexo uma agulha pra mudar isto.
Anônimo disse…
Acho que um casal gay ao adotar uma criança,está tirando a chance do menor ser adotado por um casal HETERO,o que certamente evitaria uma serie de transtornos futuros.SOU CONTRA.Aliás com essa total propaganda pró-gays,o que mais vemos são crianças expostas a situaçõs libidinosas em locais publicos.Acho que em breve o poder publico deverá construir praças ,parques e areas de lazer somente para o desfrute gay.Só falta agora uma cota para gays nas universidades federais...Acho que muito do preconceito tem a ver com o comportamento social desses grupos...
Anônimo disse…
Desculpe-me senhor anônimo,mas digo-te com toda franqueza: muito do preconceito contra determinados segmentos da sociedade tem a ver com a ignorância do povo deseducado e incivilizado muito mais que o dinamismo de conjunturas de qualquer comportamento social característico dos grupos em si.
Anônimo disse…
Os gays, ou pelo menos o que pensa alguns líderes do movimento gay, como o presidente de uma associação dessas por aí, não transmitem confiança, quanto à real intenção de adoção.

Um desses líderes, tentou adotar uma criança, tendo o juiz recomendado que a adoção fosse de uma criança maior de 10 anos e menina, pois a dupla(não casal), era de homens.

O tal ALTRUÍSTA, recusou essa condição.

Isso levanta dúvidas sobre se, alguns gays são altruístas ou apenas querem FAZER PROFILAXIA GAY em crianças indefesas!

Por que a recusa em adotar uma menina? Por que o interesse na exclusividade em adotar apenas menino?

O interesse não é fazer o bem?

O benefício da dúvida nesse caso é o que se chama em direito de "IN DUBIO PRO SOCIETATE". O suposto altruísta deve provar que a dúvida está ao seu lado.

Outro dia, assisti na TV BAND, um exemplo verdadeiro de altruísta:

MELHER ADOTAR CRIANÇA DE 10 MESES COM SÍNDROME DE DOWN!

Fonte:
"Programa NOSSA GENTE BAND - DOWN/inverso - parte 2"

Vejam o vídeo abaixo aos 3:20(3m20s)

http://www.youtube.com/watch?v=_nyVylACifQ

PENSO QUE, ESSE EXEMPLO DO VÍDEO, MOSTRA QUE ALTRUÍSTAS AUTÊNTICOS, E NÃO PRETENSOS, COMO O EXEMPLO QUE CITEI DO LÍDER GAY, NÃO ESCOLHEM OU IMPÕEM CONDIÇÕES PARA SER ALTRUÍSTAS!
Luan Cunha disse…
Os comentários negativos acima só podem ser de seguidores de Julio Severo ou de pessoas tão lunáticas quanto ele.

Vejam esse video: http://www.youtube.com/watch?v=oX9y3cn-OVo

Essa é diferença entre um país desenvolvido e o Brasil quando a questão é adoção por homossexuais.
Anônimo disse…
Em países civilizados já se constatou que homossexuais são excelentes pais!!
Nomad disse…
Triste ver onde chegamos:

http://noticias.terra.com.br/brasil/noticias/0,,OI5249203-EI5030,00-SP+pai+e+filho+sao+confundidos+com+casal+gay+e+espancados.html

[]´s
Anônimo disse…
Luan Cunha,

Que tal contraditar, as razões porque uma dupla de homens se recusa a adotar uma menina, preferindo um menino?

O "contra-argumento" só pela acusação de homofobia não é argumento!

Quer ver outro exemplo de quem não escolhe sexo, cor ou raça para fazer o sublime bem da ADOÇÃO?
- Angelina Jolie.
Ela adotou crianças de várias raças e nacionalidades, sem olhar sexo e idade.

É DESSA VERDADE QUE ESTOU FALANDO, NÃO DA CONVENIÊNCIA PARA UMA DUPLA DE HOMOSSEXUAIS, ENTENDE?

Estão buscando a conveniência pessoal, não a da criança órfã!
Anônimo disse…
Luan Cunha,

Os comentários que postei acima não são negativos, são uma verdade, que incomoda, toca na ferida que muitos se recusam a ver.
Anônimo disse…
De que ferida você está falando?Você faz ilações e conjecturas tão absurdas quanto às feitas pelos jovens neonazfascistas homofóbicos fizeram ao agredir pai e filho acreditando ser um casal homossexual masculino.SE EXISTEM TIGRES,LEÕES.MACACOS,CACHORROS,GATOS,CAVALOS ETC GAYS ENTÃO É NATURAL QUE O HOMEM SEJA TAMBÉM.É TUDO FATO DA NATUREZA!E quanto as igrejas só querem vosso dinheiro!DINHEIRO!!!!.Preocupação única dessas seitas que incitam preconceitos e agressões como nesse caso!!!.
Anônimo disse…
Que verdade?Você tem noção de quantos meninos e meninas foram adotados por casais gays e lésbicos em adoções muito bem sucedidas?Será que realmente sabe o que é altruísmo?
Anônimo disse…
É natural também, leões matarem a prole da fêmea com outro macho, só para que essa abrevie a entrada no cio, e assim possam copular.

Fala sério, rapaz?

Tens certeza que és "homo sapiens"?

São figuras como você, que relativizam tudo e chegam a afirmar também que pedofilia é natural.

Aposto como daqui a pouco você vai aparecer com um bocado de "teses" de falsos cientistas, dizendo que é normal esse comportamento aberrante também.
Anônimo disse…
É natural também o canibalismo entre animais, em algumas espécies, sabia?

Fala sério!
Anônimo disse…
Anônimo de 19/07/11 11:28,

Eu sei sim o que é altruísmo.

Fazer o bem sem olhar a quem, Inclusive sem olhar o sexo da criança a ser adotada, idade, raça, cor, nacionalidade e origem social.

Fora disso, não há ALTRUÍSMO, mas INTERESSES PESSOAIS.

Isso não é ilação, mas constatação!
Luan Cunha disse…
Eu sou homossexual e quero adotar uma menina primeiro e depois um menino. E daí se o casal quer só um menino? Tem muitos casais gays que querem uma menina ou os dois!

E vai me dizer que quando um casal vai adotar uma criança, já não vem com uma imagem idealizada da criança? Branquinha, olhos claros, cabelos loiros, perfeita... Nem todos querem uma criança com Sindrome de Down, verdade seja dita! Não me venha aqui me dá lição de altruísmo, olhe primeiro para si mesmo!

Angelina Jolie? Ela pode adotar quanto crianças quiserem, e todos os continentes! Ela pode, ela tem grana! Não compare ela com casais de classe inferior!

Seu argumento é fraco e tendencioso, tente de novo.
Luan Cunha disse…
Anônimo das 19/07/11 12:32

O que é de fato natural? Acho que tudo que existe na natureza é natural.

Canibalismo no reino animal existe quando há escassez total de alimentos, pode pesquisar. É tudo questão de sobrevivência. Seres humanos também comem carne humana em situações extremas para sobreviverem. Lembra daquela matéria do Fantásticos, dos caras que comeram carne dos companheiros mortos para sobreviverem depois de um acidente no meio do frio? Alguém recriminou eles? Claro que não, porque no lugar deles, talvez fariam a mesma coisa.

E nem todos os animais praticam canibalismo, mas homossexualidade praticamente todas as espécies praticam, o porquê não sei, mas não podemos generalizar.

Mas vamos supor que homossexualidade não seja natural. Eu não sei porque isso seja sinônimo de algo "ruim". Você usou o exemplo da pedofilia, como todo tendecioso faz. Ela, infelizmente, é algo bem natural, mas é bom? Absolutamente não! Isso machuca a criança tanto fisico quanto mentalmente, deixa traumas que vão acompanhá-la pelo resto da vida dela, além de ser um desvio grave de comportamento sexual. Qualquer pessoa com pleno domínio de suas faculdades mentais percebe isso.

Acho que você precisa ler um livro de biologia primeiro e formular melhor seus conceitos antes de fazer comparações mediocres.
Anônimo disse…
Luan Cunha,

Um comentário aqui no site, no tópico "Negar direitos a casais do mesmo sexo é contra princípios de justiça", retrata perfeitamente um pouco do que penso sobre o tema da NATURALIDADE DO HOMOSSEXUALISMO.

"No caso dos leões, por exemplo, que tal pautarmos nossa conduta copiando eles também, quando eles matam a prole, para que a LEOA entre no cio?

É um absurdo, um ser dito "homo sapiens" querer copiar o comportamento e a organização dos quadrúpedes.

Esses animais, todos eles, praticamente tiveram seu território(habitat natural) invadido pelo Homem, e, agora, esse homem, que os empurrou para uma situação que NÃO É DE NORMALIDADE, julgam normal e COPIÁVEL, o comportamento desses animais, vivendo distantes de sua real condição de vida original, livres e sem desigualdades numéricas de machos e fêmeas.

É MUITO CONVENIENTE ANALISAR O COMPORTAMENTO DE ANIMAIS, EMPURRADOS PELO HOMEM PARA UMA SITUAÇÃO DE ANORMALIDADE, PARA EXTRAIR DAÍ, UM COMPORTAMENTO QUE AOS HOMENS LHES PARECE NORMAL!

Vejam só o absurdo a que chega o Dr. Drauzio Varella, ao incluir em seu "estudo", até mesmo COBAIAS!

Será que alguém racionalmente causado, concordaria em dizer que é normal o comportamento de uma cobaia?

Vejam só o comportamento das aves, como as galinhas/frangos, criados em cativeiro, que têm que ter a ponta dos bicos decepada para que não devorem uns aos outros! Qualquer frango ou galinha em seu habitat natural e com livre reprodução de sua prole, tem esse comportamento? Não!"
Anônimo disse…
Luan Cunha 19/07/11 13:38 disse :

"Acho que você precisa ler um livro de biologia primeiro e formular melhor seus conceitos antes de fazer comparações mediocres."

>Nesse caso você ficará com mais raiva de mim.

> Sabia que não encontrei em livros de biologia, em lugar algum escrito que ânus é órgão sexual? Pode parecer incrível, mas não achei.

E, não adianta aquela balela de que se usa a boca para beijar etc.

Adianto que, não dá para comparar a boca, que pode ser plenamente higienizada, com o ânus, que é foco de vermes, e outras doenças.
Anônimo disse…
Luan Cunha,

Você citou exceções, como no caso das pessoas que comeram carne de companheiros, depois de um acidente em uma região inóspita.

Aí está o problema, apanhar exceções e torná-las regras. Exceções devem ser vistas como tal.
Anônimo disse…
Luan Cunha,

Visando seu bem estar, informe-lhe que, há maior probabilidade de um homossexual ou bissexual adquirirem câncer reto/anal do que os que não fazem sexo anal.

Não é homofobia, é ciência!

Veja:

"A história de lesão verrucosa perianal aparece em 50% dos homens homossexuais que desenvolveram câncer anal, e em somente 20% das mulheres e homens não homossexuais..."

Fonte:
http://www.sbcp.org.br/revista/nbr272/p219_223.htm

Aliás, o câncer de boca também ocorre em quem faz SEXO ORAL.

Fonte:
http://ateusdobrasil.com.br/forum/topic/cancer-de-boca-causado-por-sexo-oral-avanca-no-brasil
Anônimo disse…
O sexo vaginal também leva(pode levar)ao câncer do colo do útero.Será que essa modalidade sexual deve ser abandonada por causa disso?VAMOS USAR ARGUMENTOS MAIS INTELIGENTES!!!!!!!
Anônimo disse…
Claramente o concurso de circunstâncias de uma sexualidade é multifatorial mas de base primordial genética.Assim sendo a homossexualidade é fato NEUROBIOPSICOFISIOGENÉTICO.(FATO BIOLÓGICO E NATURAL).Porque os comportamentos surgem involuntariamente e percebemos os hormônios de homens e mulheres ou de animais machos e fêmeas de maneira diferente e até o formato das mãos(fato cientificamente comprovado)é diferente entre gays e hetetossexuais.Claro que é NATURAL.ESTÁ PROVADO!!E não adiantam churumelas de fundamentalistas!!
Anônimo disse…
Balela é o seu argumento!!!Devias saber que qualquer parte do corpo pode ser (99% DO CORPO)(E É EFETIVAMENTE) usada para finalidade sexual.ISSO É NATURAL!!!
Anônimo disse…
Boca,ânus,vagina é tudo cavidade(todos orifícios sexuais).São orifícios sexuais NATURAIS INQUESTIONÁVEIS.A mão também é órgão sexual(MASTURBAÇÃO/SEXO MASTURBATÓRIO) mas nenhum é órgão copulador.A vagina não é órgão copulador e sim um receptáculo!O órgão reprodutor feminino não é a vagina, é o útero.A vagina é só um canal.Um orifício que liga a vulva ao útero.O ÚNICO ÓRGÃO COPULADOR EXISTENTE NA VIDA (EM TODA BIOLOGIA ANIMAL)É O PÊNIS.
Anônimo disse…
Eu ,definitivamente não quero discutir nenhum aspecto relacionado à viadagem.Apenas sou CONTRA a adoção de crianças por homossexuais.Esse tipo de discussão SEMPRE vai existir.Só acho que a criança não pode ficar exposta a isso...Vai ser muito dificil que seja um adulto HETERO .O que meus pais achariam se eu namorasse um cara ,cujos pais fossem gays?E quando o adolescente começasse a namorar?Venha conhecer minha familia...Sinto muito,nenhum Hetero aceitaria namorar um(a) filho(a) de gays!Não sejamos hipocritas!!!SERÁ QUE A CRIANÇA MERECE ISSO???VIVER BRIGANDO COM O MUNDO???ISSO É ESCOLHA OU IMPOSIÇÃO?Adoção ,não é ajudar a criar.É ser pai e mãe de verdade.Se os gays querem ajudar,existe o apadrinhamento afetivo.A opção sexual é de voces...Adotar exige estabilidade emocional.Ninguem pode ser feliz brigando com o mundo...Ninguem gosta de se sentir diferente ...
Anônimo disse…
Anônimo de 19/07/11 19:03 disse...
"O sexo vaginal também leva(pode levar)ao câncer do colo do útero."

PODE é diferente de 50% não acha?
Anônimo disse…
Encontrei seu comentário.Pois é,as pessoas não usam camisinha e aí pegam o HPV(vírus causador de canceres)de colo do útero,ânus e recto,boca,garganta etc.Mas o ÚNICO E LEGÍTIMO( PARA HMPGITÍIMUGGS E TUTTA LA GENTE) MECANISMO CORPORAL/ órgão copulador(SEXUAL) VERDADEIRO: O PÊNIS(que frequenta qualquer buraco,orifício,cavidade,entrada,furo,abertura,cova,concavidade,,cratera,lacuna corpórea) leva por intermédio do volume do ejaculado(esperma contaminado com o vírus ou cepa de vírus é que dá origem à doença e não a cópula anal,oral,vaginal etc.

NÃO É A PRÁTICA QUE PROVOCA A DOENÇA E SIM O VÍRUS!REPITAM ESSA FRASE MIL VEZES ATÉ APRENDER!
Anônimo disse…
Estaria a igreja esperando que as crianças continuassem órfãs para serem vítimas de padres pedófilos?
Anônimo disse…
Não estou entendendo....Tem que ser órfão para ser vitima de tarados???
Anônimo disse…
Não necessariamente porém impedindo ou tentando impedir gays de adotarem logicamente teríamos mais crianças órfãs.
Anônimo disse…
hahahaahhahaha, e onde estão esses casais héteros que não aparecem para adotar na "chance" que eles tem para isso? Se depender deles que tem essa oportunidade continuaremos na mesma. Você fala de "transtornos futuros" sem nenhuma comprovação científica para isso, partindo tão logo do que você "acha", como se sua humilde opnião fosse a verdade absoluta...