Pular para o conteúdo principal

Legionários de Cristo mantêm veneração ao padre devasso

Embora o Vaticano tenha nomeado o arcebispo Velasio De Paolis com interventor da Legionários de Cristos para livrá-la da influência e memória de seu fundador, o padre Marcial Maciel (1920-2008) continua sendo venerado na ordem, sobretudo no México.

Marcial Maciel (foto) foi, em resumo, estuprador de coroinhas e de alguns de seus próprios filhos. Dizia aos adolescentes que tinha ordem papal para sodomizá-los. Ele teve amantes ricas nas quais dava o golpe do baú – essa é uma das origens da riqueza da ordem. Era viciado em cocaína.

O padre irlandês Peter F. Byrne, que pertence à ordem, escreveu uma carta ao diretor-geral da Legionários, Álvaro Corcuera, indignado com a reverência que ainda é prestada ao infame.

“As imagens de Maciel ainda estão expostas em todas as partes e em sua terra natal, Cotija de la Paz, a sua memória ainda é cultivada”, escreveu.

Ele disse que perdura a prática “nefasta” adotada por Maciel de aproximação dos padres da Legionários das famílias classificadas de acordo com sua riqueza com a única finalidade de arrecadar dinheiro. "Como pode um sacerdote aproximar-se de uma família com uma intenção tão mundana?"

Byrne contou que esteve na casa onde Maciel nasceu e ficou estarrecido com o que viu: há fotos do padre que recebem cuidados como se fossem de um santo.

“Como isso é possível? Que mensagem estamos enviando às vítimas do padre Maciel?”

Para que a casa deixe de ser um local de adoração perpétua, Byrne sugeriu que ela seja transformada em um museu para que as vítimas de Maciel jamais sejam esquecidas.

O padre irlandês pediu a Corcuera que, de uma igreja de Cotija, o corpo de Maciel seja transladado do altar central para as gavetas laterais onde estão os restos mortais de outros legionários.

Ao final da carta, Byrne mostrou-se pessimista porque, apesar dos escândalos desencadeados pela publicação na imprensa das atrocidades de Maciel, nada mudou na ordem. “Todas as mudanças vêm de fora, dos visitadores do Vaticano e das pressões da imprensa e das conferências episcopais.”

“Tudo segue igual – até as malditas fotos do abusador nas paredes das casas da ordem. Continuamos vítimas do padre Maciel porque não temos nem Padre nem Pastor capaz de nos tirar deste pântano em que nos encontramos.”

Corcuera, que, pelo visto, continua mandando na ordem apesar do interventor, foi nomeado diretor-geral pelo próprio Maciel. Há relatos de pessoas de dentro da ordem de que Corcuera inicialmente foi uma das vítimas dos abusos do fundador da ordem. Depois, os dois se tornaram amantes.

Com informação do site italiano Espresso.


Comentários

rayssa gon disse…
meu deus, isso parece roteiro de livro escrito por , sei la, Stephen King.

Dan Brown vai precisar pesar a mão nos proximos livros se quiser chocar.

hana macantarava Suya!
Anônimo disse…
Conheço congregaçoes que por acusaçoes iguais a estas dos LLCC destruiram tudo o que tinham do fundador, e depois de muitos anos, descubriram que eram sem fundamento apesar da claridade e provas das acusaçoes, e hoje estao muito arrepentidos porquê nao possuem nada de sua historia. Nao podemos esquecer que o tempo é o melhor instrumento para arrumar as coisas, já que aqui vejo que estao julgando um morto que nao pode defender-se de tanta merda que sairam a luz somente depois da sua morte!!!!!!!!!!!!!
Antonio Benaion disse…
Pois é, e o tempo se encarregou de mostrar a BUNITA figura humana que foi o padre Marcial Maciel. Bacana, né? =)
Anônimo disse…
boa noite.
gostaria se fosse possivel do link do site italiano que noticiou essa façanha dos LC do méxico.
Paulo Lopes disse…
A íntegra da carta do padre Peter Byrne pode ser lida na reportagem Il fantasma di Maciel continua a infestare il castello, em http://chiesa.espresso.repubblica.it/articolo/1344557
Anônimo disse…
boa noite,no link que vc me deu,
tem uma carta la,do padre citado,dizendo que o corpo do padre maciel,esta enterrado em uma paróquia,e que ele deveria ser levado pra um cemiterio,
perguntei sobre esse fato,pra um padre da LC,padre esse que conviveu com o falecido muitos anos(me reservo o direito de não falar o nome desse padre,porque vc deve saber,a confusão que esta os LC,so posso dizer que esse padre ajudou a denunciar o falecido,)
ele me disse que o padre maciel esta enterrado em um cemiterio e hnão em uma paroquia..
gostaria de perguntar pra vc,se tem como saber se essa fonte do link é veridica?
obs.a alma do falecido infelismente ou felismente pra alguns,ja se encontra do INFERNO.
não me pergunte com sei,
muitas coisas sobre o falecido é verdade,,ms se começar a ter denuncias sem provas veridicas,e quando a pessoa vai tentar comprovar,percebe que é fantasiosa,,
vc não acha que isso pode ser perigoso.?
Paulo Lopes disse…
Para mim, perigoso mesmo é a omissão de informação, a censura, o escamoteamento.

Se as primeiras denúncias contra o padre Marcial Maciel tivessem sido mais divulgadas, obrigando o Vaticano a apurá-las ou a não empurrá-las para debaixo do tapete, certamente os danos do devasso não chegariam a tanto.
Anônimo disse…
um erro não justifica o outro,
exatamente pra proximas denuncias não cair no vazio,ou na pura especulação,seri bom que verifica-se primeiro,as fontes nas denuncias,
pedofilia é um crime barbaro,o inferno é pouco pra esse pessoal,
se começar a vir denuncias sem provas,isso pode servir de álibe pra esses monstros.
boa noite,
fique com Deus.
Fui Legionário de Cristo por 13 anos, e faz um ano que saí de lá pelos motivos que lendo o artigo dá para imaginar. Porém, não perdi a fé, e estou com o Papa. João Paulo II foi prudente ao considerar as acusações, visto que os frutos aparentemente do trabalho do Pe. Maciel não condizia com as acusações. O Papa Bento XVI que conheceu o caso mais de perto não esperou muito; em menos de um ano de pontificado já o afastou do ministério público. E agora com mão firme tenta orientar a Legião de Cristo.
Anônimo disse…
boa noite diogo,
uma árvore podre,dificilmente produz frutos bons,
eu não fui nem sou seminarista dos LC,mas convivo com padres LC,sei muito bem como eles vivem,não falo da parte sexual,isso eu não poço dizer nada,mas na parte financeira,e o luxo que eles vivem.
jesus nunca viveu daquele geito,,
pelo bem da nossa Igreja,eu so vejo 2 caminhos pelos LC,ou sua refundação total,ou fechar devez a ordem,desse geito que não da,
e o pior,e que os seminaristas,e diaconos,estão indo pelo mesmo caminho,a cegueira espiritual é grande,infelismente,graças a Deus vc não perdeu a fé,e nem eu perdi.
Anônimo disse…
Uma vida inteira e ninguém desconfiou de nada? O cara era viciado, estuprador, golpista, e ninguém nunca percebeu nada? Deve ter muitos documentos secretos e denuncias abafadas... Continuar com essa legiao criada por um ser dessa qualidade seria sensato? Deus aprova as coisas ruins e demoniacas que fazemos??????? eis a pergunta que nao quer calar.
João Paulo II foi prudente ao considerar as acusações, visto que os frutos aparentemente do trabalho do Pe. Maciel não condizia com as acusações. O Papa Bento XVI que conheceu o caso mais de perto não esperou muito; em menos de um ano de pontificado já o afastou do ministério público.

Da maneira como você diz, fica parecendo que Ratzinger jamais conversou com João Paulo II ou que, se conversou, João Paulo II não ligava a mínima para o que o então cardeal dizia. É uma explicação que só complica tudo ainda mais.
Anônimo disse…
Por que não o denunciaram à polícia?
Este último anônimo, além de covarde é injusto. Conhece padres legionários, mas dá a impressão de que há um luxo completo, o que está longe de ser a verdade.
Eu sou do RC, muito próximo fui do Seminário de Porto Alegre, eu vejo atualmente os padres sofrerem dificuldades por causa da crise. Muitos comendo comida vencida, atraso no salário dos professores e nas contas de telefone, fazendo viagens a outras cidades pernoitando no próprio carro, expostos a perigos.
Enquanto alguns ditos "defensores da verdade" - que na verdade são hipócritas escandalosos - montam blogs, outros abaixam a cabeça, evangelizam, trazem a moral para dentro das famílias e nos concedem uma direção espiritual que jamais foi cobrada (de mim) um centavo.
Engraçado ainda é que muitos que se dizem jornalistas, mas que pouco informam, se utilizam dessa "busca pela verdade" para demonizar todo um grupo de pessoas, em razão da atitude de UMA pessoa.
É a religião que te incomoda? É o Papa que te incomoda? É essa a "liberdade de ser ateu" que você prega? Criticando a liberdade de crença religiosa dos outros?
A internet é um celeiro de covardes detrás de monitores.
Paulo Sutil disse…
Diga quais congregações, onde e quando. Do contrário, você é o que apresenta dados sem fundamento.
Anônimo disse…
de coisa ruim no mundo ta cheio.....principalmente de pessoas que não sabem nada e ficam fofocando na net.

Posts + acessados hoje

Pastor de Manaus é acusado de ejacular ‘esperma de Deus’ em obreiras

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Líder religiosa pagava quem trabalhava em sua empresa com promessas de salvação divina