Por que pacientes do Roger demoraram para acusá-lo de abuso?

Abdelmassih
 Nesta semana, a juíza Kenarik Boujikian Felippe, da 16ª Vara Criminal de São Paulo, começou a colher o depoimento das mulheres que acusam Roger Abdelmassih (foto) de abuso sexual.
Algumas delas têm relatado o que por anos não disseram sequer ao marido. 
Por que algo tão grave foi mantido em segredo por tanto tempo? E por que só agora essas mulheres resolveram denunciar o especialista em reprodução humana assistida?

Muitas pessoas que acompanham o caso fazem essas perguntas.
Abaixo, segue a explicação de uma das ex-pacientes do médico.


Por que não contei nada na hora?

O meu marido não era totalmente favorável ao tratamento. Após eu insistir, resolvemos pagar cerca de 30 mil para realizar um sonho, no "melhor do Brasil" (o médico assim se denominava).

Após gastar mais de R$ 11 mil de remédios, no dia da aspiração, em uma sala de repouso, onde eu estava sozinha, ele [o médico] me agarrou, me beijou, me acariciou nos órgãos genitais, etc.... Mesmo implorando para que ele parasse, ele continuou.

No momento em que consegui fugir só tinha duas possibilidades:

1ª) Fazer um escândalo na clínica e contar tudo ou

2ª) Ficar calada para sempre.

Ponderei rapidamente com muita dor e sofrimento a primeira hipótese e senti que a consequência poderia ser muito pesada, pois meu marido ficaria nervoso e quebraria tudo, inclusive ele [o médico].

Neste caso, o meu marido seria preso e eu não teria nenhuma prova do fato. Estávamos nós dois na sala e não houve penetração. E quem acreditaria numa "Joana Ninguém" se comparada a um médico com projeção nacional e internacional e com amigos poderosos?

Além disso, possivelmente meu marido nunca mais toparia fazer um tratamento para ter um filho, somando-se a isso o fato de os nossos embriões já estarem dentro da clínica, era só implantar. Para somar, eu já havia pagado tudo (R$ 37 mil) e era a minha quase única chance de ter um filho.

Ainda com sofrimento, ponderei as consequências da hipótese de ficar calada. Neste caso, também sofreria para o resto da vida, mas ao menos não faria o meu marido e a minha família sofrerem.

Além disso eu poderia engravidar e torcer para que um dia eu ou outra pessoa conseguisse alguma prova para incriminá-lo, porque certamente Deus trataria do assunto com a verdadeira justiça. Diante das consequências menos arriscadas para minha família, optei por ficar calada.

No entanto, precisei voltar [à clínica] para implantar os embriões e me certifiquei de que não seria com ele [o dr. Abdelmassih]. Além disso, tomei o cuidado de não ficar sozinha em NENHUM momento dentro daquele local.

Infelizmente, fui vítima de uma dor emocional muito forte combinada com uma infecção e aí perdi o meu bebê. Mas mesmo tendo pago um pacote de três tentativas [de fertilização] NUNCA MAIS VOLTEI NAQUELE HORROR...

Esse depoimento é apenas para esclarecer por que não contei tudo na hora.

Hoje é tudo mais fácil, inclusive julgar quem não contou na hora. Agora tenho certeza de que o médico fazia [abusava] de várias [mulheres] e armava tudo para que não houvesse provas. Afinal, o crime de abuso sexual é realmente um crime silencioso.

Graças a Deus alguém muito mais forte e corajosa do que eu contou a verdade. Então a verdade das demais ganhou a força para buscar a justiça dos homens.

Às mulheres que se trataram na clínica e não passaram por isso, eu digo: agradeçam a Deus todas as noites por terem sido poupadas.


> Onde estão os artistas que chamavam Roger de Dr. Vida?’
janeiro de 2010

> Caso Roger Abdelmassih.

Comentários

Gostaria que neste espaço outras mulheres que acusam o médico contassem por que demoraram tanto (ou não) para contar sobre o assédio ao marido e também as razões daquelas que ainda mantêm o segredo.
Mariana disse…
Na época em que fui abusada (faz 9 anos), cheguei a fazer um BO. Procurei um advogado, que não me deu crédito e disse que a história não teria futuro. Conhecidas começaram a me dizer que os fatos não eram novidadade e que o Dr.Roger era um homem perigoso. Decidi me calar, por não saber a quem mais recorrer, além de ficar insegura. Não sou de São Paulo e não tinha contatos importantes, como o Doutor, tinha. Quando li a matéria da Folha, em janeiro deste ano, quase morri de tanta satisfação. E aí já estava o caminho das pedras. Foi só seguir a diante, procurando o Ministério Público.

Tenho um prazer inenarrável de juntamente com as outras vítimas, ver a justiça ser feita contra o Doutor Roger.
Vitima de Santa Catarina disse…
Paulo, eu acho incrível como nós as 56 vítimas iniciais pensaram e agiram da mesma maneira...

Primeiro o sonho do marido em ser pai.
E quem iria acreditar numa caipira do interior de Santa Catarina sendo assediada por um médico de renome internacional e amigo de famosos.
Após um intervalo de alguns anos meu marido quis voltar a clínica p/ fazer mais uma tentativa, daí eu cheguei no meu limite e contei a ele o que tinha acontecido, contei a ele e a um amigo que é médico da família... Meu marido queria ir até SP, bater, fazer e acontecer, mas uma formiguinha diante de um elefante não tem nenhuma chance não é mesmo?
Passei mais alguns anos da minha vida pensando se eles (marido e amigo médico) tinham acreditado em mim. Até o dia em que recebi um e-mail denunciando este ex doutor, daí sim o peso que eu carregava nos ombros foi aliviado e hoje nós as vítimas esperamos pela justiça, nada mais do que isso, JUSTIÇA. Obrigada Paulo mais uma vez por este espaço, obrigada aos promotores da GAECO, obrigada por todas as pessoas que de muitas maneiras manisfestam solidariedade a nós.
Anônimo disse…
Apesar do meu caso ser novo, adorei esse espaço, pois as minhas razões não diferem em nada das citadas, e era isso com certeza que o deixava na impunidade e ele sabia disso, ele estava com a "faca e o queijo nas mãos" literalmente.
Teresa disse…
Vamos lá...

Não pensem que estamos aqui relatando os fatos por nos fazer bem.

Não, é que, infelizmente no Brasil uma pessoa que é rica e famosa, não é considerada criminosa. Só comentem crimes os pobres e negros, só estupram os que são doentes e os que não tem família..

Quando são denunciados os grandes considerados “classe A”, a sociedade não acredita ou finge não acreditar.

Restando para nós vítimas o papel mais difícil, que mesmo depois de provado que sofreu um crime considerado hediondo, sofremos por parte da sociedade uma cobrança brutal (ESTA) que está fora de nossas forças, “A OBRIGAÇÃO” de ter que desenhar o abuso sofrido diante das câmeras de TV, Jornais e outros meios de Comunicação. Mesmo assim, dizem não acreditar só por ELE SER rico e famoso.

Minha história é diferente de todas, mas de muita importância, porque ela mostra que ele faz isso desde sempre, talvez desde o ventre de sua mãe.

Aconteceu na década de 70, eu menor de idade, única filha mulher (caçula) de uma prole de 7 irmãos.

Família recém chegada da roça, xucros, sem nenhuma informação, não conheciam TV e pouco sabiam ler.

Acredito que eu nem soubesse que existia algo chamado “DIREITO”, meu pai faleceu com 74 anos e minha mãe com 91, nunca contrataram de um advogado.

Então Sra. Sociedade, não contei, por falta de informação, e por “MEDOS” primeiro era o medo de contar e ele cumprir as ameaças feitas contra minha família, depois o medo de contar e saber que acima de mim existiam pais e irmãos que poderiam acabar cometendo um crime fazendo justiça com as próprias mãos, e ai ficaria pior. O terceiro medo era da SOCIEDADE, se viesse saber me marcaria como se marca um boi, para sempre.

Para que os leitores tenham idéia, eu a época nunca tinha tido um namorado, nunca tinha beijado um homem, uma educação rígida, sair de casa apenas acompanhada pelos irmãos e com hora marcada para chegar, sempre antes das 21:00.

Se aqui entre os leitores tem alguém com minha idade, saberá entender o que era na época o valor moral de uma mulher. A maioria dos pais quando descobriam que as filhas não eram mais virgens virgem as obrigavam a casar ou sair de casa.
---------------------------------------
Fico me perguntando, porque querem saber o motivo de não termos contado na época e qual diferença faz?...rsrsrs, se vocês não acreditam agora em mais de 80 denuncias iriam acreditar em mim sozinha?
Anônimo disse…
Foi tudo muito grave e sofrido ... nós registramos isso na epoca em Hospital em SP, que ela ficou internada , no conselho Regional de Medicina SP e outros Estados , para o médicos e outros médicos da própria Clínica e outros medicos psiquiatras , o filho e filha do médico, sua ex mulher percebi isso q havia acontecido pelas nossas reclamações , funcionários da clinica etcMandamos documentos para TV etc e nada....

Tivemos muitos sofrimentos ....

As perguntas se respondem Sr Paulo a nossa vida antes e depois do Roger!

Tratamos isso com segredo de justiça pelos nos filhos !

Colequem em nosso lugar!
MF - Rio de Janeiro disse…
Confusa e sem imaginar que aquilo tinha acontecido com mais uma porçao de mulheres, fiquei muito tempo quieta, remoendo aquele terror dentro de mim. Ao longo do tempo procurei algumas revistas e televisoes que nao demonstraram interesse pelo assunto. Precisavam de provas, era o que me diziam todas as vezes. Como nao tinha prova nenhuma, fiquei com o assunto comigo dia apos dia, ano apos ano. Quando os jornais noticiaram os primeiros casos, me animei e decidi relembrar tudo aquilo para depor. Ja fui intimada e ainda este mes falarei para a juiza, cheia de dor mas cheia de prazer.
Anônimo disse…
A minha resposta é bem simples e direta: eu e meu marido não fomos otários de enfrentá-lo sosinhos. Olhem para o Roger, antes do escândalo surgir. Poder, poder, poder. Como uma única vítima enfrentaria tudo isso com a cara limpa? Palavra contra palavra? Além disso, a humilhação do abuso sexual é algo q é difícil relatar para quem não passou por isso. E as conseguencias junto a familiares e trabalho, idem. Agora, com a força das outras vítimas, denunciamos no momento certo. Se não fizemos isso antes e só agora, o q isso tem a ver com o abuso q passei? Ontem não tinha forças, hoje tenho. Ontem o tempo jogava a favor do dr. Roger, hoje joga a nosso favor. Queriamos justiça, e ela está vindo. E ele, colhendo o q pantou. Tentei ser simples e direta.
Anônimo disse…
Paulo,

No meu caso foi simplesmente MEDO que me deteve. Sabia que era a minha palavra contra a dele e ele fez questão de deixar isso bem claro para mim. Lembro dele questionando quem é que iria acreditar em mim, frente a voz dele. Me pareceu verdade, pois como alguém disse numa outra postagem, eu não passava de uma anônima, que lutaria contra um gigante.

Lavei minha boca com sabão quando cheguei em casa. Aquele beijo roubado me da asco até hoje. Mas preferi na época encarar que tinha sido um velho doente que tinha me atacado. Deixei passar. O assunto não me incomodava tanto pois o meu caso não foi tão grave quanto o de outras mulheres, ainda assim não perdi a chance de dizer na Delegacia da Mulher, o que o Dr.Roger fez comigo, bem naquele momento frágil da minha vida.

Agora ele que pague pelas suas escolhas.
Anônimo disse…
Pensei que o lugar certo para denunciar era o CREMESP. Não fui. Não confio no CREMESP. Na primeira orientação que tive para ir até o Ministério Público, fui. Confio no MP.
Anônimo disse…
Vítimas de estupro, erro médico ou ainda de outra coisa: Nõa deixem de procurar o PROCON, ele tem muita força, o roger não emitia notas fiscais, contratos, resultados e laudos, termos de consentimentos eram assinados sem testemunha e na hora da aspiração, e a relação dele com a firma de remédiaos eram bem estranha,
NÃO DEIXEM de denunciar, vocês não imaginam o que pode acontecer por essa via.
Patty disse…
Imaginem só... eu não fiz nada pois pensei que fosse só comigo. Fiquei imaginando se de alguma maneira tinha dado "mole" para o Dr.Roger e cheguei a me culpar pelo excesso de simpatia. Quase engasguei ao ver uma matéria na TV Gazeta, falando sobre outras e outras vítimas. Aí que descobri que não era só eu. Mesmo assim, não fui ao Ministério Público, mas ainda pretendo ir.
Teresa disse…
Paty, por favor procure o MP, procure a 1ª DP (delegacia da mulher de SP).

Uma pessoa a mais sempre conta. E somos tratadas com muito respeito e sigilo absoluto.

Quer ajuda? É so pedir...
Anônimo disse…
ATENÇÃO VITIMAS!!!!!
Procurem a Defesa do Consumidor... a clinica é uma prestadora de serviços e lesava alguns clientes. Por favor não deixem de depor, é muito importante!
Liguem para o orgão de defesa do consumidor de SP, o tel é 11 3119 9000. Digam que é sobre o caso do Dr Roger e eles te passarão todas as cordenadas. Acreditem que isso é realmente muito importante e nos ajudará muito!!!!
Anônimo disse…
Eu SEI que essas mulheres estão dizendo a verdade.
E ACREDITO TOTALMENTE nos motivos que as levaram a denunciar somente agora (na realidade, as denúncias são antigas, algumas denunciaram SIM, na época. E foram tão desacreditadas que desistiram).
Também fui abusada em consultório ginecológico (não no consultório do Roger, mas em outro) e também não denunciei.
Quem acreditará em mim?
Sou apenas eu, até agora; não sei de mais ninguém.
Espero um dia poder fazer como as vítimas do Roger: denunciar.
Espero que um dia mais vítimas, como eu, falem, assim teremos voz.
Porque é como elas disseram: é palavra contra palavra, pois em abuso sexual não há penetração.
Pior MESMO foi ouvir de médico que isso é muito comum (abuso sexual em consultório).
Por isso vivo dizendo para mulheres não irem a ginecologistas homens e, quanto a mulheres, irem SEMPRE acompanhadas (há sim casos de abuso sexual por mulheres em mulheres).
Acontece que as pessoas só ouvem conselhos quando é tarde demais...
Anônimo disse…
Eu sonhava com a maternidade desde quando era bem pequena, brincava e chamava minhas bonecas e bonecos de filhos. Quando era adolescente pensava que acordaria grávida depois de uma noite de amor, tudo seria natural e feliz.

Infelizmente nem sempre a vida é simples assim, às vezes é necessário lutar muito para realizar um sonho. Quem passou por algum tratamento para engravidar sabe exatamente do que estou falando. É preciso retirar cada obstáculo que aparece pelo caminho, dificuldades de ordem financeira, física e emocional.

O que motiva as pessoas quando iniciam o tratamento é a esperança de terem um filho e dedicarem a ele todo o afeto acumulado ao longo da vida. Quando você deseja muito algo, provavelmente encontrará força para superar tudo, ou melhor, quase tudo. Dificilmente você imagina que o médico possa cometer abuso sexual, devido ao cunho humanista da profissão, ou que ele tenha coragem de destruir a esperança da paciente de ser mãe com palavras cruéis.

Perguntam, então, sobre o motivo que leva a vítima a se calar durante anos, sem comentar nada com o marido, irmãos, pais, amigos. Eu poderia enumerar dezenas de motivos e ainda assim haveria alguém para duvidar das minhas palavras. Poderia descrever o sofrimento, a humilhação, o medo, a angustia, a solidão e possivelmente amigos do Dr. Roger diriam que tive delírios provocados pelo anestésico, mesmo quando estava bem acordada, que sou frustrada porque o tratamento não deu certo, embora tenha engravidado em outra clínica, que pretendo ser indenizada, apesar de não ter iniciado nenhum processo com esse objetivo e nem ao menos ter a intenção fazê-lo. Desta forma, recomendo aos incrédulos que consultem a literatura ou especialistas como psicólogos, advogados, juristas para entenderem as razões jurídicas, sociais e emocionais de vítimas que silenciam sobre o assédio sexual por muito tempo.

Finalmente, agradeço aos defensores do Dr. Roger por clamarem pela Justiça Divina, da mesma forma como as vítimas fizeram durante anos. Assim, Deus poderá atender aos pedidos de ambas as partes, mantendo o Dr. Roger na cadeia. Vou contar um segredinho para vocês que não sabem como Deus age: quando não tiverem certeza sobre quem está dizendo a verdade, melhor rogarem pela Misericórdia Divina porque a Justiça é implacável.
Anônimo disse…
Anônima das 21:42, parabéns! Minha solidariedade e compreensão. Meu respeito. Minha total concordância.
Anônimo disse…
VÍTIMAS DE ABUSO, ESTUPRO, ERRO MÉDICO OU OUTRO:

Procurem urgente a Defesa do Consumidor, pois como a clínica é uma prestadora de serviços feriu um ou mais dos itens abaixo (no meu caso todos os itens):
1. Não emisssão de contrato detalhado sobre o tratamento que estava sendo feito ali.
2. Venda casada: remédios da SAR dentro da clínica, usando como ponte o telefone da clínica e como local de entrega a própria clínica.
3.Garantia de gravidez até a terceira tentativa, nem que fosse necessário o uso de óvulos de doadoras.
4. Emissão de nota fiscal somente sobre muita pressão.
5. A não entrega de exames com laudos detalhados de tudo realizado ali carimbados e assinados, inclusive as ultrassonografias nas vésperas das aspirações dos óvulos, onde você teria o direito de saber quantos óvulos seu organismo produziu e esta informação é suprimida pela clínica, inclusive Dr. Lin afirmava que o roger não permitia revelar.
6. Termos de consentimentos assinados na hora da aspiração dos óvulos, isso não tem qualquer validade, e ainda sem testemunhas, apenas um enfermeiro te dá e manda assinar em um momento que o casal está totalmente abalado com a emocionalidade a flor da pele, esperando o início da realização de um sonho.

Procurem rápido, você sequer precisa ser vítima de abuso ou erro médico, caso se enquadre em ALGUM destes itens, procure: Dr. Roberto Senise Lisboa, Procuradoria de Justiça Criminal, Telefone: (11) 3119 9000, endereço: Rua Riachuelo, 115 - 1º andar
Ministério Público do Estado de São Paulo
Bia, São Paulo disse…
Não contei para o meu marido, pois ele com certeza tentaria matar o Dr.Roger. Meu marido é ciúmento, machista e não deixaria a estória por menos. Eu, que sonhava há anos com uma gravidez, não quis pôr tudo a perder. Não voltei à clínica, engravidei em outro local, mas também nunca abri a boca para ninguém. Só agora, que a mídia entrou no caso, soube das dezenas de casos. Já dei a minha declaração em todos os órgãos competentes. Os amigos do Doutor Roger, que virão me criticar pelo que fiz (ou melhor, pelo que não fiz), quero que se danem. Só pode falar sobre "o que faria" nessa situação, quem de fato passou por ela. É muito fácil falar, quando quem sofreu foi o outro. O problema na pele, é muito diferente e mais grave do que se pensa. Tenho marcas profundas que jamais desaparecerão.
Silvia disse…
A resposta é muito simples. É só se colocar na situação da vitima, e ponderar todos os riscos.
Faça uma reflexão o que passaria pela sua cabeça, se fosse vitima deste psicopata nas mesmas condições que nós fomos.
1- Não ter a prova cabal.
2- O marido querer matar o "bandido", e passar o resto dos dias na cadeia.
3-Que advogado pegaria esta causa contra o tal DR?
4-Passar de vitima a culpada, pois certamente ele iria alegar, que foi seduzido, na inteção da vitima de obter descontos no tratamento.

Qualquer psicológo de verdade sabe que nestes crimes, as vitimas em sua maioria se calam.


Enfim, se imagine na situação
Anônimo disse…
O q eu mais gostaria d saber é pq as defensoras do médico estão demorando tanto p assumirem publicamente sua defesa. Gostaria de conhecê-las. Mesmo não acreditando em nada q elas dizem. Cadê vcs? Pq demoram p mostrar a cara?
Anônimo disse…
PARA AS DEFENSORAS DO ABDELMASSIH:

"Chico Picadinho" não "picou" inúmeras das pessoas com quem tinha relacionamento.

"O Bandido da Luz Vermelha", por pior que fosse também escolheu suas vítimas.

"Dr Pimenta" escolheu a dedos sua pobre vítima e para piorar, depois de confesar o crime continua solto.

"Dr.Chipquevitch" não abusou de todos os seu pobre clientes pueris.

E por acaso, quem era da relação desses pulhas e nada sofreu, poderia inocentá-los de alguma maneira ? Certamente Pimenta tem várias amiguinhas que nada sofreram em suas mãos. Isso faz dele menos assassino ?

De NADA valem as palavras de quem não sofreu um abuso sexual de um médico maníaco e maluco. O que vale são as palavras de quem sofreu, isso sim.
Richard. disse…
Paulo vc não postou o meu comentário e posta o comentário do anônimo do dia 17 das 19:19 Po cara eu gosto de vc e acompanho vc a um tempão e defendo vc , agora elas estão te paparicando por causa do caso Roger, que por sinal o pouco que conheço dele não acredito que ele seja esse monstro.Abraço velho!
Anna G. disse…
Richard, por que você não queria que o Paulo publicasse o aviso para que as vítimas procurem a Defesa do Consumidor?

Vou repetir o aviso para você me dizer no que ele ofende o médico e a você

ATENÇÃO VITIMAS!!!!!

Procurem a Defesa do Consumidor... a clinica é uma prestadora de serviços e lesava alguns clientes. Por favor não deixem de depor, é muito importante!

Liguem para o orgão de defesa do consumidor de SP, o tel é 11 3119 9000.

Digam que é sobre o caso do Dr Roger e eles te passarão todas as cordenadas.

Acreditem que isso é realmente muito importante e nos ajudará muito!!!!
Richard disse…
Ana conheço muito pouco o Roger, e até agora só vi massacre por parte da mídia e o que eu pedi ao Paulo pessoa essa que acompanho antes do caso roger é que postasse também meus comentários de defeza só isso.Não tenho nenhuma intimidade com o Roger mas já presenciei e fiquei sabendo de pessoas que estava no fundo do posso e esse monstro como está sendo chamado ajudou a todas essas pessoas.E sendo assim tomei partido a favor do Médico não acreditando que ele seja tudo isso.Boa Noite!
Anônimo disse…
Resposta ao Richard 18/10/09 20:13

Pô Richard, ele não posta alguns meus também, principalmente quando me empolgo e critico o medico, ou vocês defensores...

Eu entendo, não brigo, não questiono, o blog é dele e tem responsabilidade de manter o nível... E veja bem, não falo um palavrão...

Hoje ele bloqueou dois meus... e sou vitima!
Anônimo disse…
Richard, como você mesmo diz:
-conheço muito pouco o Roger.
Se é tão pouco assim como pode ter essa certeza?

Nós as vitimas falamos em coro:
- Conhecemos muito o Roger.
Por isso somos acreditadas pelas autoridades.

Quando se conhece tão pouco, não pode se afirmar nada a respeito.

Eu o conheço desde que ele se formou ha 40 anos atrás...
Anônimo disse…
É... além de defender o monstro vc assassina o português... DEFESA é com S e POÇO é com Ç.
Anônimo disse…
RICHARD:
Vc só deve conhecer um lado do ex- médico. Aquele que ele fazia muito bem perante câmeras e famosos! Eu conheci o lado monstro deste ex-médico e posso dizer que ele é um dissimulado, arrogante, e ótimo ator pois engana várias pessoas... ainda bem que o MP e a justiça tirou sua máscara e derrubou sua performace de ator!!!!
Anônimo disse…
Richard, dê-se como um homem de sorte por não ter, ou não ter tido, nenhuma intimidade com o Roger... Nós que tivemos, sem o nosso consentimento e vontade, posso lhe garantir, não é nada bom... Se vc conhece quem ele tirou do fundo do posso, posso lhe garantir também que ele me pôs no fundo do posso, como muitas como eu. Só estou saindo agora, quando a justiça está sendo feita. Acredite que é tudo isso... Boa noite!
Anônimo disse…
Ei, não vi nenhum parabéns ao ROGER, 18/10, ontem foi dia do médico rsrsrsr, apenas esperei passar das 24:00, para postar.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkk....

Eu parabenizei os meus com muito orgulho e vcs?
Anônimo disse…
Esse depoimento não é meu, o encontrei por acaso em uma comunidade.

Arrepiante, bom para as defensoras as que convidei para o pacto, lerem até o dia delas irem testemunhar, para se lembrarem na hora que entrarem para defendê-lo.

Paulo, eu posto na íntegra, vi que existem alguns erros. Não quis mudar nada.
Por favor publique.


Em outra comunidade ela publica com o nome, mas preferi não divulgar sem consultá-la...
---------------------------------

sou cliente da clínica dês de 20007 !

fiz 02 tentativas que não deram resultado mas não aconteceu nada demais comigo!

na 03 tentativa depois de 07 dias inseminada , tive uma hiperestimulação ovariana; como estava em Brasília fui ao Hospital Brasília , lá com muita dor no abdomen e vómitos eles me internaram e tentaram entra em contanto com a cliníca mas não obtiveram respostas!!!!

Fiquei 08 dias no quarto e os médicos existindo em entra em contanto com a clínica ainda sem resposta.

No 09 dia não aguentei mas , as dores estavam impossíveis de se aguentar estava toda inchada; os médicos tiveram que abri o abdomen , onde sai muita infecção , depois fui posta em coma induzido por 14 dias e fiquei no s.t.i por 21"!

moral da história depois de ficar 55 dias internada , um dos médicos me mandaram uma mensagem perguntando sobre a gravidez.

eu escaneio o meu laudo médico e enviei para a clinica!

Eles automaticamente me responderam que o erro médico foi de Brasília( o contrario Brasília que salvou a minha vida) e estavam dispostos a fazer a quarta tentativa , fui irónica e respondi que fui atras de uma vida e não da morte!

Eles mas rápido ainda me enviou um documento que eu assinei na hora de fazer a inseminação vc assumi qualquer coia que dé eraado apois a implantação dos óvulos( você esta nervosa para a transferencia, os médicos apertando para ir logo para a sala silurgíca; vai ter tempo para ler documento??9 NUNCA)

Na minha ultima mensagem fui rápida com a resposta; não me interessa indemnização, Deus me deu a vida de volta e ele é poderoso e tomaria as devidas providências!!!

E ele fez!!!!!!!

Tem pessoa que me falaram para não dar o meu depoimento , pois poderia ser processada por calunia!!!

Não tenho medo ! tenho o laudo médicos e as mensagens na mão para me defender de quem seja!!!!

Eu precisava por essa mágoa para fora !
Anônimo disse…
Força Natural

As mulheres podem determinar a continuidade da espécie humana gerando filhos sem o concurso de um parceiro do sexo oposto ou deixando de procriar naturalmente. Este poder incalculável tem que ser respeitado.

O foco no “Caso Roger Abdelmassih”, abordado neste blog desde os seus primórdios, contribuiu para despertar a fúria adormecida das dezenas de vítimas que se revelaram aguerridas e sedentas por justiça ao perceberem que NÃO LUTARIAM SOLITÁRIAS e QUIXOTESCAMENTE contra um monstro endeusado e provido de tentáculos influentes.

Os defensores e os detratores do Mr. Roger estão atribuindo ao Sr. Paulo Lopes um poder que ele não possui. Neste espaço, o bom jornalismo é exercido buscando informar o andamento do processo investigativo e, de maneira natural, aglutinando os desabafos das mulheres indefesas que encontraram eco para externar a sua imensa REPULSA e NOJO ao beijoqueiro incorrigível.

O queridinho da mídia será, tardiamente, julgado pelos seus ataques predatórios às pacientes sedadas e não pelos comentários postados neste blog.

Prepotente e desavisadamente “cutucaram a onça com a vara curta”.

Jones
Anônimo disse…
Quanta podridão!!!

Eu só queria que as defensoras do médico, ou melhor ex médco, tivessem a CERTEZA que também não são vítimas dele.

E queria também ter a certeza que elas deixariam uma familiar se tratar com ele depois de tudo que já foi dito sobre esse clone do maníaco do parque.

Eu duvido que ele não tenha se aproveitado de algumas pessoas famosas apenas para sustentar o ego dele, que é bem alterado e desequilibrado.
Anônimo disse…
Teremos mais 5 vítimas hoje, falando frente à Juíza Kenarik. E a tromba do Roger cada vez mais, se esfalfando no chão.

Dá-lhe, justiça!

Tanto procurou que achou, né Dr.Roger ?
Roberta disse…
MEDO

MEDO

MEDO

MEDO de alguém tão rico, famoso, poderoso, agressivo, covarde, insano, petulante, louco, doente, etc, etc, etc, etc.

Por isso não denunciei na época do abuso. Mas hoje, já fiz tudo que devia.
Anônimo disse…
Eu escrevi poço com SS, só pro Richard entender o que eu estava dizendo...
Anônimo disse…
Isso que as supostas vitimas fazem so me refresca a cabeça que não aconteceu nada.
Que baixaria. Que palavras, eu sinceramente não acredito.
Vítima disse…
Baixaria mesmo, Anônimo das 15h45. Vai falar com o seu amiguinho Roger e tire satisfações com ele. Quem protagonizou TODA a baixaria foi ele. Contaminou nossa vida e nossos sonhos com o seu caráter nojento e doentio. Acredite que somos seres tão decentes quanto você.
Anônimo disse…
Mais um caso resolvido pra nós mulheres, mais uma perda para o bam-bam-bam da justiça, marcio T. Bastos!!!!
Prenderam hoje o ex promotor Igor Silva que assassinou sua esposa em 1998 e que estava foragido em 2001!!! Palmas pra nós mulheres e para a Justiça!!!!
Sr. Anestésico disse…
" só me refresca a cabeça que não aconteceu nada..." Hummmmmm.....

Só Freud explica!

Ta com medo de lembrar de algo mais? Tem certeza que não aconteceu nada, mesmo??

Acho que muitas mulheres, ao contrário de ter a cabeça fresca, estão é com a cabeça bem quente. Com a pulga atrás da orelha...

Elas e seus maridos.
Anônimo disse…
Para o Jonas:

Adorei seu comentário. Fez um resumo certeiro e inteligente sobre o que está acontecendo neste Blog e a relação disso com a Justiça. Parabéns!
Anônimo disse…
Eu acho qu ee este blog esta errado, primeiro que este blog esta fazendo um julgamento de uma pessoa, e ja condenando. Alias quem sera o condenado?!???!ELAS OU ELE??
Contradições......
Anônimo disse…
Anônimo das 11:45

Esse processo criminal só tem um réu: Roger Abdelmassih! Só ele poderá ser condenado. As demais são vítimas ou testemunhas. OK?
Viu como a vida funciona? E como os criminosos pagam?
Anna disse…
Ao anonimo das 11:45

O Blog está errado?

Interessante, ROGER sentado no Banco dos Réus e quem esta errado é o Blog?

Faz-me rir... daqui a pouco quem vai ser condenado serão vcs... pois como ele, estão estuprando informações...

Ouvi dizer que tem Blogs e Comunidades defendendo o Roger, fiquem por lá, lá é o vosso lugar, eu fico por aqui.

Nunca tive curiosidade de visitar tais blogs, até porque tenho repugnância dos defensores, SOU VITIMA! Tenho a verdade tatuada em minha alma.

Caia fora!
Anônimo disse…
Esse blog é excelente, dá espaço até para os loucos como a pessoa acima se manifestar, tudo que postei foi publicado e o que não foi foi justificado pelo Paulo muito respeitosamente.
Querido (a) acima das 11:45H, VOCê pode até não TER o porquê ou o poder de julgar e condenar, mas eu vítima de uma crueldade nazista, feita pelo sr ex-tudo, posso e vou julgar e condenar ele. Ainda que a jusiça, que tem seu preço no Brasil, não o condene, Deus que viu TUDO o que ele me fez sofrer, a minha familía e uma pessoinha inocente, Deus sim terá lugar cero para ele.

Você não condene, não julgue, eu a cada dia sei de mais podridão desse demônio, famílias que ele arruinou, muitas pessoas que se prestaram a fazer acordos com ele por dinheiro após erro médico, crianças com sérios problemas de saúde, outras que morreram, mulheres que nunca mais poderão ser mães, fora esses inúmeros casos de estupro.

Dinheiro para mim não importa!

Só quero justiça!

Não esqueçam de ir ao PROCON - grande instrumento para acabar com aquele covil!
Anônimo disse…
Dr. Márcio Thomas Bastos nunca perde um caso?

Leram os jornais de hoje?


hahahahhahaha
Anônimo disse…
Quando falei "pessoa acima" estava me referindo ao anônimo das 11:45 d não a Anna, a postagem dela entrou entre as duas.
Anônimo disse…
Anônimo das 11h45:

Vamos por passos:

1) Aprenda a escrever
2) Aprenda a pensar
3) Aprenda a julgar

Depois disso perceberá as besteiras que tem falado, se é que conseguirá chegar nesse ponto.
Anônimo disse…
Por que será que estão julgando tanto as magias que o Dr. Abdulmassih
realizou para mais de sete mil pessoas. Propiciando condições de vencerem
os obstáculos iniciais intransponíveis, colocados pela "natureza".Medicina
pura.... Sênior... Máster... Se Stalin, Hitler quisessem reparar os danos
sociais causados por suas administrações não teriam como fazê-lo, somente
se ressuscitassem os mortos... Já Abdulmassih poderia contrapor-se ao
"erro" cometido, como se fosse balanço negativo, mais catabolismo que
anabolismo, eliminando a que criou:Os mais de sete mil seres viventes, que
não estão sendo respeitados com o pessoas, que não estão sendo levados em
consideração , esta geração toda está sendo chamada de frutos do
pecado..... Mais uma vez nossos poderes judiciários demonstraram despreparo
e imaturidade na lida de questões que envolvem pessoas, de todas as
idades... Desviam a atenção, os políticos, sempre, nos momentos mais
oportunos possíveis. Dr.Abdulmassin é um mago, segue a lógica dos magos....
perde-se ,às vezes, nos processos de transfusão de energia.... sexo é
vida... sexo é amor.... para um mago sexo é simplesmente energia. Pergunte
ao escritor Paulo Coelho. ROMANOS, POR FAVOR, SOLTEM ESTE CRISTÃO...,
deixem de ser hipócritas: vocês sabem quantas clínicas de aborto existem na
capital paulista fazendo, isto sim, comercialmente ,extermínio em massa de
fetos.... com algun$$ argumentos de controle populacional "palpáveis",
contabilizáveis...não perguntei, afirmei. ( daqui a pouco vão dizer que o
Jatene machucou o coração de alguém....) ou como disse Caetano Veloso:por
que és o avesso do avesso do avesso.... É a segunda vez que envolvem algum
filho do Edson Arantes do Nascimento em escândalos , o mesmo Pelé que é o
brasileiro mais conhecido e condecorado do mundo ( até mais que D.Pedro
II)... e tentam, pela segunda vez, colocar-lhe um tapa bocas, escrava
Anastácia.O que está acontecendo com o homem que lembrou das crianças
quanto completou seu milésimo gol.O que está havendo de tão profundamente
agonizante em atitudes e gestos suicidas que já estão trucidando a si
mesmo. QUEREM APARECER A TODO CUSTO...MÍDIA... Sempre esquecem que pode
haver o futuro psicológico de crianças em jogo. Vamos julgar o ministério
público e a polícia por seus atos? Isto divulguei não por que Pelé
pediu.....Também são filhos da ASSIRIA São Paulo, 19 de outubro de 2009-
ALBERTO FRANCISCO SABBAG* Bisneto do sheik Abdulmassih de Yabrud, Síria
(favor verificar arquivos) Por linhagem materna, (Casado com família Adam(
osso , em árabe) Cristãos que vieram para o Brasil em 1913- pré primeira
guerra mundial albertosabbag@uol.com. Sabbag de GUAXUPÉ
Sabdulassin disse…
Esse Sabbag deu um pouco de graça nos comentários, depois de aguentar tantas bobões e bobonas defendendo o indefensável. Eles são muito chatos e previsíveis. São na verdade um pé no saco...."não acredito, não, não, não.. comigo não aconteceu... que saco!. Viva a justiça brasileira (pelo menos nesse caso.......) Viva a volta dos que não foram........ Viva as algemas merecidas do Roger Abdulmassin (é isso mesmo?) Se não for, fica assin. Viva a loucura do Sabbag, maluco beleza. E viva a desforra de quem sofreu tanto nas mãos desse delinquente chamado dr. Roger. Tem hora que dá vontade de rir. Merecíamos. Merecíamos.......
Anônimo disse…
Nossa, que comentário sem pé nem cabeça deste tal Alberto Francisco Sabbag???? Quem é Abdulmassih????? Que ridiculo a colocação de que o Pelé lembrou das criancinhas qdo fez seu milésimo gol??? Este mesmo Pelé que nunca assumiu sua filha biológica, Sandra Regina, que acabou falecendo de câncer sem nunca ter tido o carinho de SEU PAI. RIDÍCULA esta colocação!!!! Sete mil crianças filhas do pecado???? o que é isso??? Só porque foram feitas em laboratóriow??? Ou porque foram feitas na clinica do Dr Roger ABDELMASSIH- é assim que se escreve-??? Comentário totalmente sem pé nem cabeça!!!!
Anônimo disse…
HAHAHAHA!
Esse lance do Sabbag de o roger descontar o mal que fez do bem que fez ficou bem engraçado, ele mostrou de maneira bem divertida a manobra que a defesa está tentando fazer.
Anônimo disse…
Muito poético o Sabbag.Sujeito culturalmente acima da media ,mas tão hipócrita quanto os demais defensores do psicopata.Não sou a favor do aborto,mas consigo me colocar no lugar de uma mulher ,cuja gravidez não é desejada.Os motivos pertencem pertencem a cada uma delas,mas o aborto será CONSENTIDO.Para mim,é inadmissível procurar uma clinica de FIV ,e ser abusada sexualmente pelo medico responsável pelo procedimento.Por isso MANTENHAM O CRIMINOSO ATRÀS DAS GRADES.ELE NÃO PODE SER CONSIDERADO UM CRISTÃO.Queremos apenas JUSTIÇA,mas sabemos que jamais as MARCAS deixadas pela VIOLENCIA serão apagadas.SOLIDARIEDADE ÀS VITIMAS.
Anna disse…
Paulo e senhores leitores...

Hoje eu não ficarei aqui de blá, blá, blá acusando o ex-médico, estou com sono.

Deixarei o CREMESP falar por mim, já que o mesmo se calou por tantos anos mesmo...

Fale bem alto Cremesp!!!!!!Fale por todas nós...

Assim diz o Cremesp:
- DANOS CAUSADOS POR ABDELMASSIH SÃO IRREPARÁVEIS!
Anônimo disse…
Ao Sr. Sabbag, bisneto do sheik Abdulmassih de Yabrud, Síria.

Utilize em juízo estes seus comentários para fazer a defesa do acusado.

Com certeza, vai sair da sala de audiência para o "manicômio judiciário"!

Como diriam aqueles dois comediantes do programa, "A praça é nossa" no SBT,

"BRIMO, ESSA FOI BOA"!
Anônimo disse…
Paulo, acho extremamente insensível o caráter da sua pergunta. Abuso/violência sexual é algo extremamente traumático na vida da pessoa que a sofre, seja homem ou mulher, e até conversar sobre os fatos pode fazer reviver traumas, vitimizando novamente a pessoa que sofre, ainda que essas conversas sejam para a polícia, Justiça, etc. Como já foi apontado aqui nos comentários, ponha-se no lugar de quem sofreu a violência e PENSE como isso afetaria a sua vida. Pense também em como isso afetaria a vida de alguém da sua família: filha, esposa, irmã. Daí você vê que as coisas não são tão simples quanto se pensa.

Falo isso como alguém que já atendeu mulheres e crianças vítimas de abuso físico e/ou sexual. Até "simplesmente ouvir" as histórias se torna algo extenuante para a gente, imagine para quem sofre e relata os fatos.

Médica de família, Ceará.
Anônimo disse…
Bárbaros os comentários do GUAXUPEANO e do SABDULASSIN, que posTou logo em seguida! Depois de tanto sofrimento, também fico feliz ao dar umas boas risadas. O que será que o moço cherou antes de postar ?!
E como disse a postagem acima, você será muito bem-vindo para defender o Doutor. Só mesmo com muito insanidade isso é possível. Esperamos o sr de Guaxupé.
Bia disse…
Paulo,
Não tá dando para postar, nem ler comentários na matéria postada hoje. Estamos de castigo novamente?! Alguém "chutou o pau" de novo ? Deixa a gente falááá!!
Para médica de família, em 19:53

A rigor, a pergunta deste post não é minha, é de muitos. E eu, obviamente, não poderia ignorá-la.

Como jornalista, tenho de expor – e não omitir -- os fatos e estimular o seu questionamento pelos diversos ângulos possíveis, por mais doloroso que, nesse caso, isso possa ser, e é, às supostas vítimas e suas famílias.

Entendo que, se não for assim, o problema do assédio sexual por parte de profissionais de medicina continuará debaixo do tapete, sem ao menos se saber a sua real dimensão, acobertando esse tipo de criminoso.

Quanto a sua afirmação de que sou “extremamente insensível”, creio que outras pessoas, incluindo algumas das supostas vítimas, fazem um juízo oposto.

De qualquer forma, independente do que uns e outros possam achar, o que me pauta é a minha consciência.

Abs.
Vítima disse…
Sou vítima e acho que faz sentido o questionamento do Paulo. Não me senti ofendida ao ser perguntada, nem ao responder. O fato de descrever aqui, o que aconteceu, não altera o meu sofrimento. Quem poderia ter me poupado era o próprio Roger, que não o fez, muito pelo contrário. O Paulo tem sido justo e ético ao longo de toda esta história.

Me chama atenção o aspecto de poucas vítimas terem respondido a pergunta e não acho que seja em função de sofrerem ao fazê-lo. As pessoas têm como hábito não se colocar e sempre jogar no colo de poucos, a justiça do mundo. Aqui estão se colocando as batalhadoras de sempre, que de alguma maneira deram sua cara a bater, com os ônus e bônus que trazem esta questão. As demais, estão quietinhas, na sua.

É por isso que demorou tanto para esta história vir a tona. Se as pessoas se mexessem mais, pensando principalmente naquelas que poderiam poupar, se colocando, o mundo seria bem mais justo e melhor.
Anônimo disse…
Meu marido iria quebrar a cara dele e ele é que seria o réu, esperei até hoje, agora tenho aliadas.
Anônimo disse…
Paulo, por que não podemos mais comentar em seus artigos mais recentes?
Roberto Santini disse…
Eu me considero um romântico saudosista, me rendendo às reflexões de um passado não tão distante . Para me abstrair da realidade, cada vez mais perversa e desumana, adotei a mania de rever filmes de alguns anos atrás e redescobri uma mulher, modelo e atriz de grande talento, além de uma beleza incomparável; que se tornou embaixadora da UNICEF e que, infelizmente, nos deixou em 20 de janeiro de 1993, com a idade de 63 anos.
Me emocionei vendo filmes, em DVD, como: "A Princesa e o Plebeu", "Bonequinha de luxo" , "Sabrina" e "Cinderela em Paris", entre outros!
Na maturidade vamos adquirindo a capacidade de apreciar a beleza das Artes , dos gestos e da bondade humana, interagindo e absorvendo as energias positivas destes atos.
A maldade de uma pessoa é a negatividade de tudo que interage em seu meio; é o culto ao egoismo, egocentrismo , de se sentir acima de tudo e de todos e intocável!
Recomendo a todos que adquiram os filmes estrelados pela bela e talentosa Audrey Hepburn. Nâo irão se arrepender!
Senti vontade de escrever estas palavras, não sei se fazem sentido ao assunto, neste Espaço, do Jornalista Paulo Lopes.
Anônimo disse…
Hoje faria 1 ano que coloquei meus 4 embriões naquela clinica dos diabos, e tenho certeza que cada um irá pagar pelo que fez, nem que seja pelo julgamento de Deus!
Anônimo disse…
Clínica dos Diabos

Anônima das 19:02,
Abdelmassih significa “Servo de Deus” na língua falada pelo povo libanês.

Decepcionando a crença paterna, ao batizá-lo na cidade de Anfe, no Líbano, onde foi condecorado pelo seu presidente, em 03/06/2002, aos 57 anos, o estuprador de mulheres sedadas não assimilou a grandeza de evoluir SERVIL a Deus.

Ele, miseravelmente, tornou-se um megalomaníaco SER VIL.

Jones
Anônimo disse…
É o diabo personificado. Acabou com a vida de famílias inteiras. Que pague pelos seu pecados.
Anônimo disse…
Vida de familias inteirass??/
Depois de quantos anos!?
Me polpe
Anônimo disse…
Polpança

“ME POLPE” não seria, por acaso, retirar a substância carnuda e macia que reveste a semente das frutas ou retirar a máscara dos autores dos posts da artilharia defensiva?
Não seria, por outro lado, uma referência velada à POLPANÇA que o taradão amealhou ao longo da sua carreira com a evidente sonegação fiscal?
O mundo seria melhor se fôssemos POUPADOS DOS ESTUPRADORES nas áreas da medicina, bem como palhaços das igrejas e seus pedófilos, dos FDP dos políticos, de modo geral, sem excluir ninguém, e dos “bem intencionados”, em defendê-los.

Jones
Anônimo disse…
Eu sempre digo que os defensores do Abdelmassih precisam estudar um pouco. Suas postagens são assustadoras de tanto erro!

Nesta última postagem o anônimo das 15h01, conseguiu fazer 3 erros em 3 linhas, não é o máximo ?!

FamÍlias, inteirass e "polpe". Esse polpe foi demais, você é que deveria nos polpar de tanta beisteira...

Isso denuncia claramente seu nível de percepção, meu caro. Imagina tudo que você vê e não percebe, assim como seus erros de gramática...
Anônimo disse…
Tudo é uma questão de ponto-de-vista. Na minha opinião a clínica do Dr. Roger era uma clínica abençoada, onde reinava o profissionalismo e também, por que não, a camaradagem. Meus três anjinhos não teriam sido gerados em uma clínica "dos diabos", como "diabolicamente" escreveu a anônima do dia 23/10. Agora sou eu, quem diz: Poupe-nos, por favor!
Anônimo disse…
Tudo realmente é uma questão de ponto de vista...

Por exemplo: o ponto de vista do assassinado é completamente diferente do assassino. O do ladrão é diferente do assaltado. Do leão é diferente da preza. O ponto de vista da cobra é diferente do rato. Como o ponto de vista do punho é diferente do rosto que o recebe num soco... e por aí vai.

Defensoras do Roger, me poupem vocês. Por favor. O abençoado médico para muitos foi o bandido sórdido para outros. É isso que interessa. Prisão nele! Até o fim dos seu dias.

Esse caso não é uma mera discussão de ponto de vista! É um julgamento que está colhendo provas de crimes nojentos. Para fazer justiça. Para barrar um criminoso sórdido, covarde.

Para limpar a sociedade de gente como ele e seus cúmplices. Que nojo: vocês poderiam ser agradecidas a vida inteira, merecidamente. Mas não deveriam ser cúmplices desses crimes bábaros. Lamentável.

Alguém já disse aqui: cada bandido tem os apoiadores que merece.
Ane disse…
Concordo, depois de tudo que li, vi e ouvi, dentro e fora da clínica, sendo paciente da clínica de 2008 a 2009, e constatando os inúmeros erros médicos, falcatruas, "jeitinhos", ameaças e casos de estupros, que aquela clínica é SIM uma clínica diabólica, onde seu demônio-chefe se encontra enjaulado e muitos ali terão o mesmo fim, creio que até o final do ano que aquilo que se chama clínica já estará fechada. Sou vítima, não de estupro, por isso, poupe-nos, quem não foi vítima, ou pelo menos acha que não foi. Respeitar a dor alheia é ensino de berço, certamente não serei eu a ensinar aqui. Mas ser cego diante a tantas evidências... sinto muito, poupe-nos.
Anônimo disse…
concordo com vc, tenho um casal de gemêos, gerados na clinica, onde fui tratada com muito profissionalismo e respeito, pelo Dr.Roger e toda a sua equipe, ñ posso qualificar a clinica como clinica dos diabos,pq meus filhos são bençao de Deus nas nossas vidas, e devo isso primeiramente a Deus, dps a clinica e toda sua equipe.
Anônimo disse…
A anônima das 12:07 foi perfeita em suas palavras. Será que ela sabe o que significa "ato falho" ? Pois bem, seus elogios à clínica foram todos feitos no passado. "Na minha opinião a clínica do Dr Roger ERA..." "Onde REINAVA...". Pois é, todas nós TÍNHAMOS a mesma opinião, até sermos abusadas pelo seu amigão.

Você deve de fato ter 3 lindos anjinhos, eu acredito. Isso se deve ao que seu marido e você, são. O trabalho da clínica pode ter gerado resultado positivo no seu caso, mas não impmede os demais erros, falcatruas e sacanagens, que ocorreram com tantas outras mulheres. Eu, por exemplo.

Como disseram acima, aquela é mesmo uma clínica dos dibos.
Anônimo disse…
Caro Paulo Lopes

Ontem eu e meu marido fomos ao forum de barra funda re afirmar o depoimento que nos dois separadamente fizemos com a Dra Celi .
Dirigimos por quatro horas para termos o nosso momento enfrente ao meliante Roger . Primeiramente foi gratificante ve lo chegar algemado e sendo puxado por dois policiais fardados que ficaram ao lado dele o tempo todo . Na sala da Juiza alem dela estava as duas escreventes ele , seus dois advogados , o promotor . Ele continua a arrogancia em pessoa ao ponto de durante o depoimento a Juiza pediu a retirada dele da sala pois estava tentando me intimidar conjuntamente com seus dois advogados . Procurando coisas que estavam na minha ficha medica para ( que e sigilosa ) me intimidar . A arrogancia continua ali estampada e conversando muito com seus advogados . A Juiza e o promotor nos agradeceram muito te termos ido e repetir o depoimento . Creio eu que todas as mulheres que foram a delegacia da mulher nao fiquem com medo e comparecam neste depoimento pois assim a promotoria vai ter alicerces fortes baseados em dados reais com pessoas reais .Acho que ele vai pegar algun tempo na casa grande
Anônimo disse…
O diabo também alicia...
Anônimo disse…
É vergonhoso este caso! Desejo sorte e força a todas as pessoas que passaram por isto,

Espero que a justiça atue com total imparcialidade.

Parabéns por denunciarem.
Anônimo disse…
Outro Pilantra

O cientista sul-coreano Hwang Woo-suk, que caiu em desgraça depois de ter declarado grandes conquistas em falsas pesquisas com células-tronco, foi condenado hoje em Seul.

Hwang, que já foi considerado um herói nacional por seu trabalho com células-tronco e por ter conseguido clonar o primeiro cachorro do mundo, Snuppy, foi condenado por apropriação de recursos e pela compra ilegal de ovos humanos para suas pesquisas.

Em 2006 ele foi acusado de fraude por supostamente ter aceitado cerca de 2 bilhões de wons (US$ 2 milhões) em doações privadas sob falsas pretensões.

Hwang também foi acusado de apropriar-se indevidamente de 800 milhões de wons (cerca de US$ 800 mil) e de comprar ovos humanos para pesquisa, uma violação às leis sul-coreanas sobre bioética.

O cientista acabou por admitir que os dados eram falsos, mas afirmou ter sido enganado por outro pesquisador.

Jones

Fonte: http://www.atarde.com.br/mundo/noticia.jsf?id=1263058
26/10/2009
Vítima disse…
PARA ANÔNIMA DAS 21H10:

Também senti muita satisfação ao enfrentar o ex-médico perante a juiza e o MP.

Achei absurdo ele ficar falando o tempo todo com o seu advogado (no meu caso foi só um). Tentava dar dicas para me "pegar", mas nada conseguiu, já que o acusado é ele, eu não passo de uma vítima, sem absolutamente nada a esconder.

Que tipo de intimidação ele cometeu com vc ? Deve ter sido complicado mesmo, se até a juiza pediu para ele sair da sala.

Parabéns pela coragem e pela garra.
Nelma disse…
Parabéns pela coragem e firmeza!

Seria excelente que todas escrevessem aqui seus testemunhos sobre as suas audiências para que saibamos o que podemos esperar deles. O que mais...
Anônimo disse…
Eu já fui. Estão todas indo.
Ele fica mesmo falando o tempo todo com sua advogada (no meu dia era uma mulher), chega a incomodar a todos, inclusive à juiza (e acho que até a própria advogada). Acho que ele quer forçar perguntas que imagina que irão nos abalar. Mas, no meu caso, as perguntinhas foram tão fracas, que achei até que era falta do que perguntar diante de tantas evidências, ou melhor da VERDADE.
O promotor também pergunta (em primeiro lugar), visando recompor o crime que o ex-médico cometeu.
E, por fim, a juiza pergunta, com o objetivo de concluir a prova com elementos que possam determinar ou não o crime.
Para nós, vítimas, está tudo muito tranqüilo, pois basta contar a VERDADE.
Para ele está mais difícil, por isso a agitação. Ele estava acostumado a ser a autoridade máxima em sua clínica e coagir vítimas e funcionários. Foi uma coisa que deu certo para ele durante anos... Então, ele quer seguir o mesmo modelo no Fórum, e não está dando certo, porque a autoridade máxima agora é a juiza e as vítimas não estão mais se sentindo coagidas.
Anônimo disse…
O véio deve tá ficando com úlcera. Nada mais merecido.
Anônimo disse…
Ta falando com a advogada pra não falar sozinho....
Ta ouvingo o galo cantar e não sabe a onde. A casa caiu taradão! Vai pagar!
Fatos das palestras!!! disse…
Vou passar a postar aqui os casos que presenciei como paciente daquele antro, que tem forma de céu, mas na verdade é uma enganação, bom cabe aqui ressaltar que quando fui convidada para ir a palestra do Seu Roger foi às vésperas da implantação dos embriões, não dava para voltar atrás. Na palestra, presenciei como já li aqui ele tratando mal na frente de todo mundo, a um dos médicos, o Juliano, um rapaz novo que eu não conhecia, então esse fato é verdadeiro. Vi ele falando que não tinha mas idade para estar a frente da clínica, mas seu filho, Vicente, que dizem ser na verdade ser enteado, não era capaz de tocar aquilo para frente, ouvi e é verdade isso também.
Isso pq ele tinha 65 anos e parece 80 ou mais, é muita malignidade no coração, meu pai tem 70, é lindo, dirige sozinho a sua empresa, uma clínica também, feliz, honesto, safadeza faz mal a pele.

Mas, vamos aos casos: todos se apresentaram, maridos e esposas em tratamento, depois ele trouxe os seus dados de sucesso que fazendo as contas no hotel, com o número enorme de clientes deveria ser muito maior, porém a "estatistic" dele era sempre numeral e nunca percentual, fato até questionado durante a palestra e sempre com respostas curtas e grossas por parte dele.

Tinham ali, duas irmãs que se apresentaram, vindas do exterior, brasileiras, acho que da Nova Zelândia ou Austrália,uma iria doar os óvulos para a outra, Seu Roger sempre nos fazia ver como uma coisa linda e que elas o convenceram, ninguém questionou o futuro dessa criança que na verdade será filha da tia, problemas psicológicos...Por falar nisso tinha ali uma psicóloga, lá na frente com ele, não era a psicóloga da clínica, ela queria usar nossos casos para um estudo dela, era ex paciente, que teve uma gravidez de 4 bebês, não queria e retirou 2 e depois ou que ficaram morreram, muita íntima do Seu Roger.

Se alguém gravou essa palestra, entre em contato comigo, pois a a pergunta que fiz sobre os meus medos, foi exatamente o que me aconteceu: Síndromes!!!

e continua...
FATOS DAS PALESTRAS CONTINUA disse…
Quanto a psicóloga, achei muito estranha a presença dela ali, depois de tirar 2 bebes, e perder os outros 2, ela disse que fez de novo o tratamento e depois até engravidou natural também, coisa estranha parecia estudante de psicologia no fianl do curso, acho eu, e o Seu Roger colocando ela para falar com um público que estava pagando MUIIITO a ele para ouvir besteiras, falou-se muito também sobre o caso imunológicos que seria para Seu Roger, a febre do momento em termos de infertilidade, razão para os supostos abortos espontâneos e a não gravidez sem motivos aparentes do casal.

O Seu Roger afirmou estar ali entre nós, mas a pessoa não se pronunciou, um homem muito rico, que as mulheres só se aproximavam para dar o golpe da barriga e como ele já estava ficando com uma certa idade, queria óvulos de uma doadora e barriga de outra, para que a criança seja dele apenas, sem contatos com as mulheres envolvidas, ÉTICA!!!!!!!!!!!!!!!! ZERO!!!!!!!!!!!!

e continua...
FATOS DAS PALESTRAS disse…
Continuando...
nesta o Seu Roger começou amostrar sua arrogância e falta de educação, lembro-me que ele atendia aos telefonemas particulares durante a tal palestra, que expunha os maridos que chegavam depois ao ridículo, a pessoa era interpelada a falar de si, a se apresentar, só para mostrar seu autoritarismo, eu como homeopata e um médico que clinicava com medicina alternativa fomos ridícularizados, e do nada chegou uma mulher (suspeito!) dizendo que tinha acabado de saber que seu exame tinha dado positivo, achei até que era uma esquete, pois nunca havia visto aquele moça ali antes e naquela altura eu quase já morava na clínica, estava na fase final do meu "tratamento". Comecei a achar tudo muito diferente do que eu tinha visto até então, de um velhinho tristinho, que chorou conosco na primeira entrevista, pois tinha acabado de perder a esposa, que artista, filho da mãe, só queria peqar meu dinheiro, virou um grosso, arrogante, dono da verdade, e teve a capacidade de dizer que abaixo de Deus, só ele poderia nos realizar o sonho de ser mãe, retirar a "dor da ausência"...continua...
FATO DAS PALESTRAS disse…
Continuando, o estuprador, ficava o tempo todo alfinetando todo mundo, parecia que queria fazer graças, mas no fundo queria mesmo é intimidar, se impor, ao meu lado tinha um casal de médicos e o esposo ficava todo tempo apontando os erros, os fatos de pouca ética,as grosseirias do Seu Roger, aquilo foi me enojando, quando a minha amiga que foi comigo como acompanhante se apresentou, pois o meu marido só poderia estar ausente do trabalho nas vésperas da aspiração, levou um coice dele que disse que ela não tinha que ter falado nada, pois não era ninguém em tratamento, ele falou também que tinha suco de laranja para todos, porque ele era dono de 3 fazendas de laranjas e que isso é que seria o futuro dele, kkkkk, só se for plantar no xadrez, kkkk, continua...