Pular para o conteúdo principal

Iurd apela à Justiça para não ter de devolver anel de ouro à ex-fiel

O juiz de primeira instância já tinha determinado à Iurd (Igreja Universal do Reino de Deus) a devolução à ex-fiel Andréia Gomes Montenegro de uma aliança de ouro de casamento e R$ 500 que ela doou em 2007 a pastores durante o evento“Fogueira Santa”.

Mas a Universal não se conformou com a decisão e recorreu, e o caso foi enviado ao Colégio recursal dos Juizados Especiais Cíveis Criminais da 44ª circunscrição judiciária, que fica em Guarulhos (SP). E desta vez a igreja obteve uma sentença favorável.

Andréia tinha decidido recuperar a doação não tanto pelo dinheiro, mas mais pelo valor afetivo da aliança de casamento.

De acordo com os autos, a ex-fiel falou que um pastor lhe disse que, se não desse nada, era sinal de que ela “estaria servindo ao diabo”. Então Andréia deu tudo que tinha com ela naquele momento.

Os advogados da igreja argumentaram que a oferta está prevista na Bíblia sagrada e é adotada por várias igrejas. “É uma prática que remonta a milênios.”

No entendimento da juíza Célia Magali Milani Perini, da instância recursal, não cabe ao Estado, por intermédio da Justiça, julgar se uma igreja explora ou não os fiéis. Para o azar de Andréia e de tantos outros.

> Quem não paga dízimo fica exposto ao Satanás, diz Edir. (fevereiro de 2009)

> Dízimo, a exploração em nome de Jesus.

Comentários

  1. Não sou a favor de igreja alguma implorando por dinheiro, mas se a moça "deu", ai já é outra coisa.
    É igual na escola, dado é dado!

    ResponderExcluir
  2. Acho que os "fieis" da IURD estão sendo muito mesquinhos nas suas doações. Deveriam dar tudo que tem, vender seu patrimonio e entregar a grana aos pastores, e quem sabe assim consigam garantir seu lugar no céu. ATENÇÃO FIEIS DA IURD: TENHAM PENA DOS SEUS POBRES BISPOS E PASTORES!!!!

    ResponderExcluir
  3. SER CRENTE É :

    assinar um atestado de burrice literal

    ResponderExcluir
  4. perfeito não deve ser devolvido mesmo!!!!!!!

    ResponderExcluir
  5. tá certo que é dado, não pode ser devolvido, acho que os fieis tem que saber definir o que é exploração da fé, e o que é fé...
    A biblia é muito complexa, e tem uma leitura de varias compreensão...
    Cabe as pessoas ter bom senso de definir o que é bom pra vc e o que o falso profeta falam...
    na propria biblia, jesus disse que falso profestas iriam vim... e as pessoas tem o livre arbito...
    acho que todo mundo deve frequentar uma igreja, e nao cair neste tipo de golpe...

    ResponderExcluir
  6. Canalhas são todos uns canalhas, o povo brasileiro deviam se unir e arrancar estes ladroes do poder.
    Tem muita gente sendo enganadas a pessoa não tem saída é só vendo mesmo para entender como o povo cai na conversas destes canlhas.
    Vamos acabar com estes canalhaaaaaaaaaaassss
    canalhaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaas

    ResponderExcluir
  7. sim eles tem que devolver afinal de contas estas pessoas foram enganadas.
    Porque que o bispo não vende a casa dele e coloca no altar, porque que eles comem nos melhores restaurantes, usam as melhores marcas de roupas, andaam nos melhores carros tudo sustentado pelos fiéis, e os povo tem que andar a pé, comer mau vestir mau, morar de baixo da ponte.É realmente esta fogueira muda vidas de pessoas.......
    Gente acordaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  8. bando de trouxa, tem que ser proibido dizimo em todas as igrejas, e quem for contra é preso. o pastor que vai arrumar outro emprego pra sustentar a merda da igreja dele . ainda não paga imposto, com tanto dinheiro daquele não paga emposto?

    TEM QUE CRIAR UMA LEI CONTRA ISSO, E QUEM TEM QUE ESTAR CRIANDO ESSAS LEIS SÃO O POVO, O POVO QUE TEM QUE ESTAR SENDO OUVIDO AGORA PRA DIZER QUE LEI TA PRECISANDO NESSE PAIS DE MERDA.

    PRA CRIAR LEI SÓ O POVO MESMO.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Posts mais acessados na semana

Cantora gospel incentiva uso de cloroquina: 'Eu tomei'. E morre de Covid-19

Grã-Bretanha retém 'Arca de Noé' por não ter condições de navegar

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade