Abdelmassih teria de ficar em SP porque é doente, afirma advogado

O criminalista José Luís de Oliveira Lima (foto), um dos advogados de defesa de Roger Abdelmassih, disse que o seu cliente é doente e não poderia ter sido  transferido para a Penitenciária de Tremembé, cidade paulista que fica a 138 km da capital.

José-Luís-Oliveira-Lima Lima (foto) falou que o Abdelmassih já passou por cirurgias no coração e, na penitenciária, ficará longe de seus médicos, que estão em São Paulo.
“A partir de agora, o Estado é o responsável pela saúde e segurança do meu cliente”, disse, segundo o G1. “Ele precisa de acompanhamento médico.”

Abdelmassih, o especialista em reprodução humana assistida mais conhecido do país, foi denunciado (acusado formalmente) pelo MPE (Ministério Público Estadual) de São Paulo à Justiça por estupro de 56 pacientes.

Preso preventivamente, ele ficou oito dias na cadeia do 40º Distrito Policial, na Vila Santa Maria, zona norte de São Paulo. Hoje pela manhã,  foi mandado para Tremembé, onde, antes de ter contato com outros detentos, ficará isolado em uma cela por dez dias – medida de praxe para quem chega.

Nota da SAP (Secretaria de Administração Penitenciária) afirma que o médico foi transferido porque é em Tremembé que ficam os detentos que obtêm destaque na imprensa.

À critica do advogado Lima segunda à qual o médico foi algemado desnecessariamente na viagem, a secretaria disse que se trata de medida de segurança.

Já foram negados – em decisões provisórias – três pedidos de habeas corpus ao médico em diferentes instâncias judiciais.

Agora, os advogados de Abdelmassih vão ter de esperar o julgamento do mérito do pedido de liberdade pelo STJ (Superior Tribunal de Justiça) em data ainda não prevista.

Embora não possa ficar longe de seus médicos, como disse Lima, Abdelmassih recentemente passou uma temporada na Europa.

> Caso Roger Abdelmassih.

Comentários

Fabio disse…
É, realmente ele é doente, mas não a doença que seu advogado afirma ter. Ele deveria estar em um manicômio e tratado como tal.
Será que seu coração aguentava quando ele tinha impulsos de um maníaco ??????
Este advogado cada vez mais mostra estar totalmente despreparado, tomando atitudes que somente trazem mais a tona a desesperada tentativa frustada de inocentar uma pessoa sem escrupúlos.
Que este monstro sinta pelo menos um pouco do que as mulheres por ele molestadas passaram.
Anônimo disse…
Será que lá em Tremembé não tem a especialidade de Cardiologia no SUS?

Como será que fazem os cidadãos cardíacos que moram em Tremembé, para se tratar?

Também tem médico e enfermaria na penitenciária. Acho que o réu não ficará sem atendimento, o advogado dele não precisa se preocupar...

Mesmo porque, se ele estivesse assim tão ruim, não teria conseguido atacar as mulheres, né?
Anônimo disse…
Doente?
Só se for doença mental...
Anônimo disse…
Que ele é doente já sabemos há muito tempo. Mas como disse nossa amiga acima, Tremembé também tem ótimos médicos que poderão ajudar o doutor. Aconselha-se no entanto encaminhar médicos homens, pois a doença do velho não tem cura. Ele vai tentar traçar boa parte das mulheres que passarem em sua frente.
Roberto Santini disse…
Dentro deste espaço, que o Prezado Jornalista Paulo Roberto Lopes nos disponibiliza, de uma forma elegante e séria , temos os nossos limites. Um deles é respeitar o trabalho do Criminalista José Luis de Oliveira Lima, na defesa do seu Cliente. A estratégia Jurídica, da defesa, se posiciona dentro da normas Legais do Direito.
Tenho a minha opinião bem definida, na análise deste triste caso; a Justiça de São Paulo, está fazendo o trabalho de sua competência, o Conselho Regional de Medicina de São Paulo também; assim como o Supremo Tribunal Federal. As mulheres corajosas que "mostraram a cara" para o Brasil através de Telejornais e Revistas, são merecedoras de toda nossa consideração e apoio de forma irrestrita.
Estamos muito indignados sim, mas não podemos ultrapassar a linha da razoabilidade!
Anônimo disse…
Agora sim ,chegou a uma questão importante , quem cuidou da saude e do sofrimento de tantas vitimas dele? no nosso caso desde 1995! Foram impostas muitas coisas , isso que argumenta o advogado do médico, é coisa do passado , isso não lhe pertence mais...Isso pode ! ele agora vai passar por um cidadão mortal!
Anônimo disse…
Embora não possa ficar longe de seus médicos, como disse Lima, Abdelmassih recentemente passou uma temporada na Europa.
Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Mutante disse…
Ah coitado! Só ele tem problemas de saúde na cadeia né? Imagine quantos caras q tiveram uma vida miserável e roubaram pra dar de comer aos filhos não estão amontoados e doentes em penitenciárias como a extinta Carandiru...
Adorei ele no porta malas do camburão, creio que ele vai ter tempo bastante agora pra pensar nas mulheres que abusou, remorso pra toda uma vida, porque se eu fosse ele eu tería muita vergonha e me mataria. Mas ele deve ser extremamente covarde.
Só ficarei mais feliz quando ele for condenado e perder o CRM, afinal estes machistas do Conselho estão esperando o quê? Dizendo que não há danos irreversíveis às vítimas? Ora, bando de machistas, só falta dizer que as mulheres são culpadas dos estupros!
Anônimo disse…
Dr. Roger é inocente a justiça vai provar isto.
Vamos aguardar, quem ri por últino ri melhor.
Anônimo disse…
Esse médico realmente é doente (ele é um pervertido e sem coração).
Abusou sem dó nem piedade de várias mulheres.
Sua máscara caiu e agora tem que pagar pelo que fez.
Fabio disse…
Ao anônimo das 13:43....
quem ri por último tem problemas para entender as coisas, por isso você pensa desta maneira.
Tem a cabecinha lenta, não consegue dicernir as coisas e ainda defende um vigarista. POr acaso vocÊ é parente dele ????? Se for, coitado de você... ter um familiar tão sem carater, covarde, aproveitador..... deve ser muito ruim, não é ?
Anônimo disse…
Será que quando ele chegou na penitenciária, sentado confortavelmente dentro do porta-malas do camburão, ele foi dirigido imediatamente para sua celinha ou teve que aguardar algumas horas por presos mais importantes sendo atendidos primeiro?

Parece que ele teve que passar por várias consultas, preenchimento de fichas e exames, antes de ser encaminhado ao seu destino final.

Até me lembrei da minha primeira consulta.... Como esperei!
Anônimo disse…
Anônimo das 13:43,

Se tudo acabar em pizza, pelo menos eu dei uma risada...
Anônimo disse…
O Dr. Roger é inocente sim.

Sabe o que é? Ele é um homem tão sedutor, tão charmoso, tão lindo, tão educado, tão cheiroso, tão humilde, tão culto, tão atraente..... que as mulheres acabam tendo delírios sexuais com ele e confundem com a realidade.

Só não sei se ele vai rir por último...
Anônimo disse…
O dr roger é inocente....
Tenho certeza disso.
Anônimo disse…
Ao anônimo das 17:26...

Por acaso você é a namorada dele, a procuradorado estado que namora com ele.
Coitada........ Somente você vê estas coisas nele, por que para as demais mulheres que foram molestas, ele não passa de um nojento, louco, maníaco, tarado, babão, acredito até que seja impotente. Até acho que ele é paranóico, pois deve ter passado por muito abuso na infância....
Deve ter sido muito molestado.
Anônimo disse…
Paulo
Trago novas pra vc, que merece os créditos por ser o único jornalista a publicar notícias sobre o caso desde o início:
Cãmar de SP vai cassar o título de cidadão

http://www.camara.sp.gov.br/cr0309_net/forms/frmNoticiaDetalhe.aspx?n=1218

ONU parabeniza o judiciáio pela prisão

http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL1279373-5605,00.html
Anônimo disse…
Também considero o Dr Roger inocente.

Sou ginecologista e sei que ninguém faz um procedimento desacompanhado. Tenho paciente que engravidou na clínica do dr Roger e ela me disse que ele faz apenas a entrevista inicial.

Acho também que a imprensa deveria analisar que ele tem 12 netos... Podem imaginar a situação pela qual estes estão passando?
Analu disse…
Tadinho dos netos dele, tomara que sejam feitos por manipulação genética e não herdem a malignidade entranhada nesse monstro!!!!!!!!!!!!!!!!

Seu ginecologista acima: como é que é????

EU FIZ A ASPIRAÇÂO DOS ÓVULOS SOZINHA, POIS NÃO ERA PERMITIDO PESSOAS NO CENTRO CIRÚRGICO, E EU ESTAVA ACOMPANHADA NO DIA!!!!!!!!!!!!!!!!
Anônimo disse…
Ginecologista anônimo das 19:20,
Você não tem freqüentado os congressos de sua especialidade, né?
Porque se freqëntasse (e deveria fazê-lo para atualizar-se), saberia que há anos não se fala noutra coisa a não ser nos "ataques" do Roger.
Regina disse…
Sr. Ginecologista, o que sua paciente te disse é mentira. Eu fiz tratamento com ele,além da entrevista inicial ELE próprio faz a sucção dos óvulos em uma sala que tem uma cadeira ginecológica, ELE coloca os embriões no útero, seus assistente só fazem os exames diários, e algumas vezes ele mesmo faz o ultrasson intravaginal .Temos que ter um acompanhamento diário para eles verificarem como está sendo a maturação dos óvulos. Este homem só não me matou porque Deus não permitiu e não era a minha hora, fui internada em um hospital com o nível mais grave de uma Síndrome da Hiperestimulação Ovariana por culpa deste monstro.Você que entende do assunto pode avaliar, ele me aplicou 27 ampolas de pergonal 500, uma superdosagem.
Anônimo disse…
Será que esse TARADO estrupou alguma celebridade?Garanto que sim.Só que elas não tem coragem de ir na mídia e se expor.
QUE ELE FIQUE NA CADEIA PRO RESTO DA VIDA.
Anônimo disse…
Olá!!! claro que os médicos irão defendê-lo, é só ir nos coonsultórios para ver se eles tbém não se aproveitam de situações. Ahhh! coitado do ginecologista este deve ser o filho dele vicente que é ginecologista ou alguem da clinica, quem neste momento iria defende-lo. Só parentes mesmo, que netos o que pensar em netos ele pensou na gente. Maria Eduarda da Silva
Anônimo disse…
Concordo plenamento com o depoimento acima, o ginecologista deve ser mesmo o vicente ou alguém lá da clinica. Como gostavam de aparecer ma midia, a familia toda, netos, filhos, genros etc... etc... agora tdo mundo sumiu!!! Ah! O filho dele vicente que trabalha na clinica chega de mercedes, hostentandooooo com dinheiro dos pacientes que ganham suado e até vendem patrimonio para ter um filho, isto já é demais. Justiça seja feita.Agora Roger tem amigos em comum em Tremembé.
IVANILDE VIEIRA SEREBRENIC disse…
SR. ROBERTO SANTINI,,,PARABENS!!!! admiro sempre sua forma de ver este caso, sempre com muita coerencia, é isso mesmo, vivemos em um pais democratico onde todos nós temos os nossos direitos de defesa....Se eu fui á publico para denuciar, ele tem o mesmo direito de se defender, cabe a justiça avaliar onde esta á verdade...Nós mulheres só nao podemos esquecer nossos principios eticos, ir á publico agora esta sendo mais facil...DIFICIL foi ser uma das primeiras se hoje depois dele preso á quem duvide...No inicio fui julgada em muitos momentos.
Anônimo disse…
A impressão que eu tenho é que este blog serve apenas para acusar o Dr. Roger, visto que nas outras "reportagens" a repercussão é zero de comentários, podem verificar.
Anônimo disse…
Embora não possa ficar longe de seus médicos, como disse lima, Abdelmassih recentemente passou uma temporada na Europa com sua namorada divertindo-se bastante, acho que agora ele tem mais é que descansar na cadeia.kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Maria Fernanda disse…
Ao Anônimo de 27/08/09 às 11:40
Talvez, sr. Anônimo, a repercussão dos comentários a favor do dr. Roger Abdelmassih sejam vazias justamente por isso. Não há o que defender. Não é isso?
Anônimo disse…
Ao Anônimo de 26/08/09 17:50: Concordo com o Anônimo das 17:26, e não sou a namorada dele. E tenho certeza que não somos somente nós que achamos isso.
Anônimo disse…
Aos Anônimos de 26/08/09 10:22 e de
27/08/09 13:02: Vocês monitoram a vida do Dr. Roger, para saber de todos os seus "passos"? Por que será hein?
Anônimo disse…
Eu fiz somente a primeira entrevista com ele e com meu marido. A aspiração dos óvulos foi feita pelo Vicente, na presença do anestesista e do Dr. Paulo, e de um outro bem gordo, que foi a pessoa que me deu os papéis para assinar avisando sobre os riscos da anestesia e do procedimento.

Analu, ao que parece, os procedimentos variam muito de uma paciente para outra. Na aspiração dos óvulos ele mesmo aplica a anestesia? É essa a parte que eu não entendo. Por favor, esta é uma pergunta feita com todo o respeito, pois apenas estou tentando entender como é o procedimento quando ele faz sozinho. Em todas as cirurgias que eu fiz que na vida, e já fiz algumas (inclusive de óvario, endometriose, entre outras), o anestesista sempre fica na sala. E quando fiz a aspiração dos óvulos, também havia um anestesista lá.

Estou quase ficando louca com esse caso, pois tinha o Dr. Roger na mais alta conta, a pessoa que realizou meu sonho de ser mãe, que me tratou com carinho, com respeito.

Isto não está sendo fácil para ninguém que passou lá, mas acreditem, vcs que foram vítimas, para nós que fomos bem tratadas tudo está muito confuso, porque parace que estamos falando de médicos diferentes, de clínicas diferentes, só que são os mesmos médicos e a mesma clínica. É um choque, surreal.

Ao dono do blogue: há algum artigo que explique o caso do engenheiro químico que denunciou o Dr. Roger? O que diz a pesquisadora Irina Sarkis sobre isso, pois me parece que ela fazia parte da empresa do engenheiro, fazia as pesquisas na Clínica junto com a Soraya Abdelmassih e é super conceituada, tendo uma pesquisa super importante com espermatozóides de ratos. O currículo dela está disponível no Lattes do CNPq. E porque o engenheiro demorou 2 anos para considerar as pesquisas anti éticas? Se ele estava desconfortável com pesquisa animal em laboratório humano, porque em primeiro lugar concordou em prestar serviços e demorou 2 anos para sair de lá? Não seria importante uma entrevista com a pesquisadora?

Bom, eu não fazendo torcido contra nem a favor de ningué, estou procurando informações, mas elas não estão disponíveis.



Outra
Anônimo disse…
Adorei o depoimento do gineco de araque. Se ainda existe neste país, algum ginecologista que tem dúvidas sobre as manifestações sexuais do Dr Roger, só pode ser autista.

Converse com outros médicos, doutor... se é que você é mesmo um doutor. Todos com quem falei nos últimos anos (e sempre fiz QUESTÃO de contar todo o abuso que sofri), estavam cansados de conhecer a fama do Dr Roger. Ouvi mais do que uma vez: - "ah, você também" ?

Caia na real, senhor, a casa caiu. Para sempre.
Vítima disse…
A minha aspiração de óvulos na clínica do Roger foi feita num centro cirúrgico, onde cerca de 5 profissionais o acompanhavam. Acordei, no entanto, na sala do pós operatório, sozinha com ele, enquanto ele lambia os beiços em cima de mim.
Enquanato isso, meu marido sonhava no andar de baixo, com o filho que íamos ter.
Duro, não ? Pois esta é a minha realidade.
Solimar disse…
Fábio,

Também penso como o Anônimo das 13:43.... e "não tenho problema para entender as coisas, não tenho a cabecinha lenta" e consigo dicernir as coisas (de modo diferente de você) e ainda defendo o Dr. Roger. Não ataque quem pensa diferente de você. E se eu fosse parente dele (como você pergunta a quem o defende)? Não é o meu caso, mas me coloco no lugar deles. Devem estar realmente sofrendo, pela maldade alheia, pois ele está sendo condenado sem ter sido julgado.
Anônimo disse…
Anônimo das 12:34,
A repercussão das reportagens dos casos em todos os sites é bem grande.
Anônimo disse…
Também adorei o comentário final do Paulo Lopes, sobre a temporada na Europa. Foi certeiro! Matou o argumento do advogado.

O Paulo é muito perspicaz.
Anônimo disse…
Enquanto um ou dois extemporâneos ladram por essas bandas, muita calma gente, pois o "jus esperniandi" é humano...

Olha só que bonito a nota do blog "visão de mulher":

" A Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres (SPM)- da Ministra Nilcéa Freire - , e o Conselho Nacional dos Direitos da Mulher (CNDM) se solidarizam com as dezenas de mulheres brasileiras que romperam o silêncio ao denunciar os crimes sexuais cometidos pelo médico Roger Abdelmassihl.

Esse é um caso emblemático de violação de direitos das mulheres e, por esse motivo, acreditamos na seriedade das investigações policiais e na justiça para garantir a rigorosa punição do agressor. (...) Nesse sentido a SPM e o CNDM, que têm por compromisso desenvolver políticas públicas de enfrentamento à violência e discriminação contra as mulheres, vêm somar-se ao clamor da sociedade brasileira e dos movimentos feministas e de mulheres para que a justiça seja plena e os direitos humanos das mulheres sejam garantidos. "

Boa noite!
Anônimo disse…
Olá Paulo, ontem postei um comentário que não foi publicado.
Gostaria de insistir no assunto dos laboratórios da Clínica e do caso denunciado pelo engenheiro químico. De novo, a pesquisadora Irina Kerkis, pelo que vi na internet, é muito conceituada, e trabalhava nas pesquisas com animais na Clínica. Não seria interessante uma entrevista com ela para elucidar a questão?
O CREMESP fiscalizou a Clínica em fevereiro. Não houve interdição. Isso me parece ser muito positivo, pois houve denúncias que depunham contra o laboratório, e obviamente contra a equipe laboratorial.

Acho que o assunto é muito importante,pois as denúncias de uso indevido da pesquisa, bem como de troca ilegal de gametas e de embriões nos tratamentos coloca uma questão dificílima para quem teve filhos na Clínica, e mais difícil ainda para os filhos, muitos com idade o suficiente para entender o que está acontecendo. O conhecimento das próprias origens é um direito básico do ser humano, tanto que na nova lei da Adoção, é obrigatória guardar registro da origem e história dos adotados, considerado um direito o acesso a essas informações. As acusações colocam um problema a ser resolvido, em particular por cada família, mas é também um assunto de interesse da coletividade.
Acho que seria um grande serviço a ser prestado pelo jornalismo o enfrentamento destas questões. Eu sinceramente quero acreditar, e acredito, que o laboratório é correto. Mas as dúvidas lançadas são terríveis.
Anônimo disse…
Outra questão muito importante Paulo, é a questão da técnica de transferência de citoplasma. Eu fiz meu processo sem essa técnica e tive sorte de ficar grávida, mas e as crianças que aí estão fruto desta técnica? O que vamos dizer a elas? São seres humanos, não são produtos. Pesquisei também sobre isso e descobri que os americanos e demais interessados em utilizar a técnica viajam para realizar o tratamento onde ele é legal, como no Líbano, por exemplo. Aliás, existe um Dr. Fakih, que aparentemente mantém uma clínica nos EUA e uma no Líbano. E o que dizer de ver um tratamento como a compra de um produto? Quero dizer, se eu compro uma TV Sony e me entregam uma Phillips, eu vou lá e devolvo e peço meus direitos de consumidora. Mas e seu peço um filho com o gene A e recebo um filho com o gene B, será que, perante essa criança eu tenho o direito de reclamar? QUEM está do lado das crianças neste momento de confusão Paulo? Eu estou sinceramente preocupada com isso. ABçs
Anônimo disse…
Ja imaginaram o que aconteceria com o "tal" Dr.Roger se este estivesse na China....uma bala na nuca e a FAMILIA pagaria a conta da bala.Sim...a familia eh conivente..sabia e ficou calada.Sera que a falecida esposa do Monstro de plantao nao sabia o que o marido fazia,e isso acabou consumindo a mulher.......
Anônimo disse…
De duas coisas eu tenho certeza! 1- fui realmente assediada pelo ex- medico 2- Todas as mulheres que o denunciaram conseguiram inflar o EGO do "DR"- não é ele que adora aparecer? KKKKK, a mídia não fala em outra coisa, bem feito! Acho que ele nunca apareceu tanto em tão pouco tempo e em os os meios de comunicação!
Anônimo disse…
Para o anônimo das 08:49 e das 08:56.

Eu sinceramente, como marido de uma das vítimas de abuso sexial, me solidarizo com sua preocupação legítima.

Infelizmente, quando soubemos, pelo depoimento de outros médicos, de suspeitas gravíssimas sobre as práticas laboratoriais da clínica, ficamos arrasados, pensando nas consequências para as famílias que tiveram seus filhos por lá.

É profundamente lamentável, que além dos abusos sexuais criminosos acobertados pela impunidade e conivência de todos que trabalham lá, hoje se lancem dúvidas sobre manipulações genéticas ilegais.

Não creio que isso tenha ocorrido com a maioria das pacientes (quero crer...), mas que essa imagem de ser o "campeão" da fertilização mundial, pode revelar uma promiscuidade de práticas ilegais que garantiram esses fenomenais resultados, eu, infelizmente, estou convencido.

Só posso dizer a vocês que me sinto muito mal com essa discussão e sei o significado devastador para todos que tiveram filhos na clínica. Lamento imensamente por vocês.

Acho que Roger Abdelmassih não pode mais ser pensado como apenas mais um médico louco com desvios comportamentais. Ele é um verdadeiro problema de saúde pública! É um criminoso inqualificável.
Luiz disse…
Sr. PAULO LOPES - A Anônimo (Outra 27/08/09 23:20) disse... "Ao dono do blogue: há algum artigo que explique o caso do engenheiro químico que denunciou o Dr. Roger? .... E porque o engenheiro demorou 2 anos para considerar as pesquisas anti éticas? Se ele estava desconfortável com pesquisa animal em laboratório humano, porque em primeiro lugar concordou em prestar serviços e demorou 2 anos para sair de lá?" É o que tenho me questionado. Por que ele (engenheiro químico) sumiu tão rapidamente deste blog? "ALGUÉM" junto com ele, quis tumultuar ainda mais as coisas e lançar mais dúvidas a respeito do Dr. Roger e de sua Clínica, causando um terrorismo? Segundo informações, ele (pessoalmente)nunca pisou naquela clínica. Mas calma, isso vai ser apurado.
Este blog está tentando entrar em contato com o engenheiro químico Paulo Henrique Ferraz Bastos. Ele se diz ameaçado de morte, conforme afirmou ao Fantástico, e agora estaria ajuntando provas dos serviços que a sua empresa prestou à Clínica Abdelmassih para entregá-las às autoridades.
Marisol disse…
É, espero que o engenheiro químico Paulo Henrique Ferraz Basto realmente apresente as "tais provas" e explique melhor o "ameaçado de morte", conforme afirmou ao Fantástico (muito vago, por sinal). Acho muito leviana a atitude dele, que agora some (além de ter demorado tanto tempo para a denúncia). Leviana com relação à Clínica, mas mais leviana ainda e inconseqüente com as pacientes que tiveram seus filhos através da Clínica. A que ponto chega o ser humano... Vamos ver ele provar!!!
Anônimo disse…
Esse rapaz, o Bastos, segundo uma geneticista muito famosa, tem péssima fama, tendo inclusive contra ele um inquérito policial por furto contra seus antigos sócios. Foi também expulso de tal sociedade. A clínica, segundo consta, nunca mexeu com animais, o que havia era um outro prédio que fazia pesquisa básica, tudo com autorização da ANVISA. Sr. Paulo Lopes, não sei onde o Sr. quer chegar com seus artigos que induzem a um desespero de pais que tiveram seus filhos na clínica. Lamentável sua atitude.
Anônimo disse…
Gostaria que o Sr. Paulo Lopes esclarecesse se ele teve algum problema pessoal com o Dr. Roger. Creio que muitos leitores deste blog têm esta dúvida. A impressão é que existe algo particular, pois há muito tempo este blog vem batendo neste mesmo assunto, antes até da grande mídia publicar algo a respeito.
Anônimo disse…
Quem deveria ter pensado nos filhos e netos do Roger, é ele mesmo. Se ele não teve pena da sua família, pq eu deveria ter ? O fato é que como sou um ser humano, sinto sim pena deles. De verdade. Mesmo tendo sido abusada, sinto. Acontece que sentiria mais pena de deixar outras mulheres vivendo o que vivi e por isso decidi falar. Sinto muito pelos familiares do doutor que com certeza serão apontados na rua, por onde quer que passem. Foi muito egoismo dele mesmo, não pensar na repercussão que seus abusos teriam para sua própria família, no dia em que fosse pego. A questão é que achou que jamais seria pego. Mais um dos seus grandes erros.
Anônimo disse…
Nossos filhos são nossos filhos independente de terem o nosso DNA. A gente ama eles e isso é o que importa. Escrevo isso para a anônima que fez o tratamento com o Dr.Roger e engravidou.

Suas práticas são realmente muito duvidosas, e toda área médica fala delas há décadas. Se tivessem sido menos corporativistas e aberto a boca antes, pouparíamos muito sofrimento em todos os sentidos.

Agora, que a "caca" está no ar, sugiro aos pais e mães que tiveram filhos na clínica, que continuem amando seus filhos loucamente e deixem as dúvidas para lá. O que importa a estas alturas é o amor por eles.
Anônimo disse…
Anônimo que se referiu ao meu comentário sobre o engenheiro químico, grata pela resposta.

Jornalista Paulo: grata pelo interesse no assunto e por ter dado estímulo a esta discussão.

Outro anônimo, eu quase quase quase concordo com vc. O problema é que tudo que é importante na vida encontra-se nesses quases, nessas minúcias.

A questão não é se eu vou amar ou deixar de amar meu filho.

A questão é que as crianças já estão sendo rejeitadas.

E as que não estão sendo rejeitadas, estão expostas, vulneráveis, confusas, tristes, chocadas, escandalizadas. Algumas foram/serão abandonadas, emocionalmente ou de fato, pelos pais.

A sua opinião reforça o abandono emocional.

Isso não pode ser um mercado. Sinto dizer que
se há mercenários, é que porque de alguma forma há demanda. E demanda irresponsável gera um problema individual, familiar, e social.

E há pelo menos um caso público. Já houve quem deixasse de amar os filhos sim, caso dos gêmeos rejeitados pelo pai, caso publicado pela mídia à exaustão. Lembrou agora? Que culpa têm esses inocentes gêmeos? É outra questão ética importante. Ou a ética é para um lado só?

Eu estou questionando justamente QUEM ESTÁ DO LADO DAS CRIANÇAS? Quem está defendendo as crianças? Você pode achar que é um mero assunto, de cada família, mas têm imensa importância coletiva. Os pais têm obrigações morais e emocionais para com seus filhos. Fruto de erro ou não. DNA de três pessoas ou não.

É um assunto importante demais, doloroso demais, para as crinças, para ser tratado com um deixa prá lá, como vc propõe.

A ética vale para os dois lados. Não se deve entrar em uma Clínica com a visão de aquisição de um produto. E se se entra, alguém tem que fazer com que saia e não prossiga o tratamento.

Há um projeto de lei no Congresso, sobre bioética. Não seria interessante ter uma lei sobre o assunto? Por exemplo, acredito que todo casal deveria ter um parecer psicológico ANTES de iniciar um tratamento FIV.

Por que se houver erro, caro anônimo, (e os erros sempre podem ocorrer porque nada na vida é garantido) estamos falando de um ser humano inocente e indefeso, um bebê, uma criança.

Por exemplo, uma das vítimas, com todo o respeito, estava na dúvida entre comprar uma casa de praia ou fazer o tratamento. Alguém com esse tipo de dúvida não pode iniciar um tratamento. Deve ser impedida. E quantos casais vão para uma Clínica assim? Caberia ao médico impedí-la. Vc não acha?
Anônimo disse…
Continuo:

Na adoção, o casal é exaustivamente avaliado. Por quê para realizar uma FIV não há essa preocupação? .

Não seria o caso de se ter uma lei que obrigasse o médico a recusar um paciente/casal com esse tipo de dúvida?

Esse escândalo começa a mostrar que é necessária uma lei rígida para a FIV. Não conheço o projeto de lei de Bioética mas vou me informar e trazer notícias.

Não seria um bom momento para que se discutisse o assunto?

E as questões, caro, PARTEM DAS CRIANÇAS (algumas já adultas, inclusive) que já entendem tudo. ELAS estão sofrendo. Vc consegue entender isso? Já ouviu dizer que todos se perguntam de onde vêm? Nesse sentido, acho que a resolução do Conselho que obriga o sigilo de ovodoara e ovoreceptora viola os direitos básicos de se conhecer a própria história, a própria origem. OU seja, a pouca regulamentação que existe, ao meu ver, passa por cima de um direito básico. Assunto que a lei da adoção já resolveu,como escrevi antes.

Seu raciocínio está quase pobre e raso, meio na linha de se falar às vítimas: olha, amem seus filhos, sejam gratas ao Abdelmassih pelos filhos que têm e esqueçam o abuso.

Algumas coisas, sentimentos e fatos e acontecimentos não se esquecem. Tem que ser elaborados. Nada que é importante é esquecido. Nem pode ser. Nem por decreto. Nem por amor. Sim, amamos nossos filhos mas as questões estão aí, onde quer que exista uma criança gerada por FIV. E não apenas gerada na Clínica Abdelmassih, porque não queiram imaginar que irregularidades e erros ocorrem apenas no Adelmassih. A discussão é ampla, profunda e a hora é agora. Eu acho.

Agora, se para vc a prisão do médico e sua desgraça resolvem tudo, sinto que lhe informar que vc está enganado. Tudo tem repercussão e reveberação, ônus e bônus. E as crianças, caro, estão sendo esquecidas nesta discussão! E é a vida delas que está em questão.

Para outro comentarista ali em cima: eu não estou preocupada com os filhos ou netos do Roger Abdelmassih. Estou preocupada com meu filho, com os filhos do meu filho e sim, veja só, com todos os filhos envolvidos nesta história. No abdelmassih são quase 8.000. Agora se foi uma piada, foi de muito mal gosto, por algumas mulheres foram estupradas, caso vc não saiba ainda.

Boa noite a todos.
Anônimo disse…
Olha anônima das 21h11, aconselho que você se acalme. Tudo que disse foi no intuito de ajudá-la, pois se formos pensar profundamente em tudo que já aconteceu (não me refiro à legislação futura, mas a casos como o seu), realmente a melhor solução me parece esta - amar incondicionalemente. Ou você acha melhor fazer o que fez o fulano que você mencionou, abandonando seus filhos ? Encare a realidade, esta é a situação.

Entendo seu desespero e certamente estaria preocupadíssima e muito triste no seu lugar, mas não há solução para esta questão, considerando o que já passou.

Por isso mesmo, minha cara, eu que fui abusada por este digníssimo senhor, que faz nós duas nos desentendermos agora, sendo que não teríamos pq ter motivos para discutir, sem ao menos nos conhecermos, abri minha boca em relação ao caso. Faço questão de poupar outras famílias, do sofrimento que as nossas famílias estão vivendo hoje, cada uma por uma razão.

Gravei duas matérias para duas grandes emissoras de TV, falando sobre tudo que este caso repercute de bom: a necessidade de criar uma legislação a respeito da fertilização, a questão da mulher nesta sociedade machista e a questão de todos os abusos, a começar pelo sexual. Falei durante 40 minutos para cada emissora, expondo questões de grandíssima importância. No entanto, sabe o que aconteceu ? Tudo que foi para o ar, foi aquela frase minúscula, que repete tudo o que as vítimas já falaram mil vezes - ele me atacou fazendo isso e aquilo, colocou a mão aqui e acola, etc. Só o que dá ibope vai para o ar. Parece não haver uma preocupação real com aspectos como o que você colocou ou outros que eu mesma coloquei para eles, de igual importância.

Acredite, estou do seu lado e não contra você. Sinto-me extremamente comovida por situações como a sua, que sei que são inúmeras. Amo a vida e as crianças do mundo todo e lamento muitíssimo pelas que estão sofrendo agora. Faria o que pudesse para minimizar este sofrimento, mas tudo que pude fazer, foi abrir a boca para finalmente tentarmos brecar mais atrocidades como estas.
Anônimo disse…
Olá, grata pela atenção da sua resposta. De fato, não há porque brigarmos agora. A denúncia do abuso foi importante, e ainda bem que as emissoras repercutiram, mas é mesmo uma pena que tenham desperdiçado a outra parte do seu depoimento. Boa sorte e obrigada pela solidariedade.
Anônimo disse…
O que ös defensores do estuprador roger abdelmassih ainda não entenderam é que as denúncias dessas mulheres violentadas (que comprovado está que nunca se falaram, por morarem em Estados diferentes e terem sido agredidas em épocas diferentes) FORAM ACEITAS, em primeira mão, por três insituições de PESO mobilizadas na investigação e análise jurídica para esclarecimento do caso: a POLÍCIA, o MINISTÉRIO PÚBLICO e o JUDICIÁRIO. E com tamanha convicção diante de PROVAS TÃO CABAIS e INCONTESTÁVEIS dos senhores Delegados de Polícia, Promotores e Juízes, que além de ser PRESO (ir pra CADEIA por ordem do Juiz de Primeira Instância), os desembargadores dos tribunais das TRÊS INSTÂNCIAS JUDICIAIS LHE NEGARAM O Habeas Corpus. Ou seja, TODAS AS INSTÂNCIAS JUDICIAIS expediram o MESMO PARECER, COMPARTILHARAM A MESMA OPINIÃO APÓS ESTUDAR AS
P R O V A S. Porque é isso que os juízes e desembargadores fazem quando avaliam um pedido de Habeas Corpus, analisam o processo com base na qualidade da P R O V A S.

Este compartilhamento de opiniões deixa CLARO, e de forma INDUBITÁVEL, INQUESTIONÁVEL, que este MÉDICO É DE FATO UM ESTUPRADOR QUE PRATICOU ESTUPROS ATÉ AGORA COMPROVADOS EM MAIS 56 MULHERES, grande parte delas em estado de sedação, e TODAS ELAS PAGANDO PELO ESTUPRO (o que reveste o crime da condição de HEDIONDO, já que as vítimas não tinham como se defender).

Seria um ABSURDO PRA LÁ DE ESTAPAFÚRDIO alguém se atrever a defender a tese de que ALÉM DESSAS MULHERES VÍTIMAS DOS ESTUPROS do criminoso Abdelmassih, todos esses profissionais da Justiça (delegados, promotores, juízes e desembargadores) formaram um complô contra o "pobre coitado inocente dr. roger" como alguns aqui tiveram a cara-de-pau de fazer.

Conclusão: ou esses defensores desse criminoso inconteste são PAGOS para se prestarem a esse papel ridículo ou sofrem de retardo mental. Lamento, mas não há como chegar a outra conclusão.
Anônimo disse…
Anônimo das 00:46: a minha conclusão é que ou você tem uma visão muito pequena das coisas, ou você quer interpretar as coisas como lhe convém e divulgar para influenciar os menos informados, não tem nenhum conhecimento sobre DIREITO/JUSTIÇA e os procedimentos que ocorreram sobre o Habeas Corpus (informe-se melhor. Não julgue e rotule pessoas pessoas que acreditam no Dr. Roger por você mesmo: Se acha que essas pessoas que o defendem são PAGAS ou SOFREM DE RETARDO MENTAL sua visão é muito mesquinha. Exstem pessoas que ainda conseguem ter um discernimento, outras que têm conhecimentos de fatos, e outras que conhecem o comportamento do Dr. Roger ao longo de anos. Portanto, não agrida essas pessoas. não basta agredir o Dr. Roger??? Quer que a sua linha de pensamento seja a de todos????
Carlos Henrique disse…
Ao anônimo da 0:46: você tem a ousadia de dizer que as autoentituladas vítimas, por serem de Estados diferentes, não se conheciam? Como não? E o Orkut de uma pessoa de codinome Iris Saga, que arregimentava as mulheres e as induziam a se unirem a ela no intento de, nas suas palavras, destruir a honra do médico? Se você não sabe (nós dois sabemos que você sabe) as mulheres se conversavam inclusive por telefone e traçavam estratégias para destruir o Dr. Roger, existindo inclusive e mail que ameaçvam a família do Dr. Roger. Não estou defendendo ninguém, apenas tentando lançar luzes ao outro lado da história, o lado que vocês querem esconder.
Anônimo disse…
Ninguém está escondendo nada. Eu sou denunciante e nunca conversei nem pela Internet com outras vítimas.