Pacientes acusam médico de reprodução de abuso sexual

Abdelmassih se defende
 que depoimentos de mulheres
 são inconsistentes entre si
O mais famoso especialista em fertilização in vitro do Brasil, Roger Abdelmassih (foto), 65, está sendo acusado por oito mulheres e uma ex-funcionária de abuso sexual. Ele nega.

Não é a primeira vez que o médico é colocado sob suspeita de assédio sexual, mas agora a polícia e Ministério Público do Estado de São Paulo afirmam ter depoimentos consistentes e coerentes entre si de vítimas que não se conhecem, ainda que não exista prova material.

"É um tipo de crime perverso, que nunca tem testemunhas nem deixa marcas; só na alma da mulher", afirmou o promotor José Reinaldo Carneiro a Lilian Christofoletti, da Folha.

O médico foi cruel e covarde, de acordo com acusações. Três das supostas vítimas afirmaram ao Ministério Público que Abdelmassih se aproveitou delas quando estavam sedadas, após a fertilização, em quarto de recuperação, na ausência de enfermeiras.

Pelos depoimentos, o médico molestava mulheres desacompanhadas do marido.

Cláudia, 49, falou ao jornal: “Eu estava na sala de recuperação e aí o dr. Roger entrou, me abraçou e disse que tinha pena por meu marido não estar lá. Ele me deu um selinho na boca, eu me afastei. Demorei para entender o que estava ocorrendo, mas aí ele prendeu o meu rosto com as mãos e passou a me beijar à força. Juntei as forças e gritei. Ele se assustou e deixou o quarto."

Bruna, 40, que em 2006 submeteu-se à extração de óvulos, contou: “À medida que despertava [da operação], me vi sentada na maca e escorada pelo médico, que me dizia para continuar beijando-o na boca. Uma das mãos dele estava no meu peito, por dentro do avental cirúrgico. Depois, apaguei de novo”.

Uma ex-funcionária que passou pelo procedimento da fertilização disse que sofreu abuso do médico em 1999 quando estava sedada.

Na época, ela recorreu ao Ministério Público, mas o seu caso não foi adiante. A juíza Kenarik Boujikian Felippe invalidou a apuração do MP porque, no entendimento dela, só a polícia pode fazer investigações.
Desde maio do ano passado, polícia e MP trabalham em conjunto.

“Já há indícios contundentes contra Abdelmassih, suficientes para denunciá-lo à Justiça”, disse o promotor Carneiro. A pena máxima para atentado violento ao pudor é de 10 anos de cadeia.

Ele acredita que, com a repercussão do inquérito, haverá mais denúncias contra o médico. Muitas mulheres vão perder o medo de se exporem na Justiça, diz.

Coisas estranhas aconteceram com o inquérito. Em novembro de 2008, ele desapareceu do Fórum da Barra Funda (São Paulo). Depois de ter sido refeito com cópias dos depoimentos, o original, com cem páginas, apareceu em um banheiro do fórum.

Abdelmassih foi casado com Sônia, com quem teve cinco filhos – dois deles trabalham na clínica, por onde já passaram 20 mil pacientes. A mulher morreu de câncer em agosto de 2008, aos 59 anos de idade.

O médico diz que é o responsável pela fertilização in vitro bem sucedida de 7.500 crianças. Entre os famosos, ele cuidou de Assíria, mulher (hoje ex) Pelé e de Rose Miriam Di Matteo, que concebeu um filho a Gugu Liberato, seu amigo.

Abdelmassih costuma dizer que tem inimigos por causa de seu sucesso. Caso ele venha a ser denunciado à Justiça pelo MP, seus advogados vão ter de recorrer a argumentos não tão genéricos como esse.

Caso Roger Abdelmassih.

Comentários

AUGUSTO CESAR disse…
Nos sentimos aliviados em saber das denuncias contra este medico, pois estamos levando nossas vidas com este passado amargo onde também passamos por maus momentos.

Fomos vitimas deste abuso, e nos colocamos a disposição para qualquer ajuda que possamos prestar para que estas verdades sejas aclaradas.

Como nós, acredito que muitas vitimas ficaram com receio de tomar qualquer atitude, devido a este homem ser taxado de poderoso, da situação do casal já estar fragilizada, e muito mais.

Estamos a disposição.

Augusto César e Tânia H. F. Cesar
avcesar@terra.com.br
Anônimo disse…
Li a reportagem e fiquei, ao menos em parte, com a alma lavada.
Fui vítima daquele crápula e - a exemplo das outras - não o denunciei
por que era muito poderoso, estava sempre na mídia e eu nada mais era do
que uma paciente sem qualquer prova dos abusos. Sou advogada e sei
o que poderia acontecer se levasse a público uma situação dessas sem
uma prova sequer.
Nesse tempo todo me resumi a tentar alertar o máximo de mulheres e médicos
sobre ele tentar evitar que outras passassem pelo que passei.
Fui paciente dele em 1999, e vítima de abusos muito parecidos aos descritos
pelas outras pacientes mas tive um agravante: pedi a um dos médicos assistentes
que não me deixasse sozinha com o Roger e, ao invés de me ajudar, ele se omitiu.
Era notório que se esquivara para não ser envolvido. Não se aproximava. Tenho a resposta para uma das defesas formuladas por ele:
Por que as vítimas continuavam lá? Meus óvulos já haviam sido aspirados e estavam
em seu poder, ou seja, meus FILHOS estavam ali!!! Como eu poderia
deixá-los para trás? Não há mulher que sonhe em ser mãe, que coloque
sua integridade física e psicológica em detrimento de um filho. Isso,
aliás, era o trunfo dessa besta humana!
Quando sedada, passei pelo mesmo trauma que Bruna.
Falei sobre isso com vários médicos e todos já sabiam de INÚMEROS casos
idênticos, portanto não é novidade para a classe médica.
Tenho amigas que acompanharam meu sofrimento, com quem
me abri na época e dividiam comigo todo o trauma e aflição.
Anônimo disse…
Estou de certo modo aliviada por nao ser a unica com o mesmo tipo de problema,quase idêntico ao que aconteceu comigo a 10 anos atras,estava tao fragilizada e sensivel,e ele se aproveitou da situaçao,justamente no dia da aspiraçao dos ovulos,achei melhor na epoca deixar pra la porque ia deixar meu marido indignado,podendo ate virar um escândalo,fora que iria me expor e nao ia dar em nada,visto que e famoso,ando pensando se denuncio ele tambem;amanha vou consultar meus advogados.
Anônimo disse…
Fui paciente dele tenho Gêmeas, sempre fui tratada com muito respeito, e não acredito que ele tenha feito isso.Sempre me tratou com muito respeito eu e meu marido não acreditamos que ele seja capaz de se prestar a uma coisa tão suja.Quando estamos tirando os óvulos para ser fecundado, entra uma enfermeira, prepara a paciente que é sedada, ele tira os óvulos e agente nem vê.Rapidamente voltamos pois a sedação é como se fosse uma endoscopia.Por iso não acredito não se sente nada.Como uma pessoa sedada vai sentir que foi abusada sexualmente, deculpe mas isso é menospresar a inteligência dos outros.
Anônimo disse…
Para preservar sua integridade, numa profissão tão relevante, é estranho que o profissional não exigisse sempre a presença de uma taerceira pessoa. Isso impediria as acusações que ora se fazem. Não acredito quer um médico com a credibilidade dele ousasse praticar atos tão condenáveis
Anônimo disse…
Sou mãe de trigêmeas, sofri com minha infertilidade durante 10 anos e com a equipe do Dr. Roger consegui realizar o sonho de ser mãe. Na clínica do Dr. Roger sempre fui tratada com respeito e carinho e não consigo imaginar tamanhos horrores estarem ocorrendo dentro da clínica (abuso durante sedação). A sedação era muito leve e não tinha como ser molestada sem perceber.
Anônimo disse…
Graças a Deus não fiz meu tratamento de fertilização assistida com esse médico. QUando comente (três anos atrás) com meu médico que minha fertilziação sobre essas suspeitas sobre o Dr. Roger, ele me disse que os médicos da área já sabiam disso E falou deixa quieto. As mulheres com profeblema de fertilidade jamais deveriam recorrer a um médico como ele. Há outros até melhores e mais acessíveis.
Anônimo disse…
Quando meu marido comentou que o Dr. Roger estava sendo acusado, ao ler a reportagem no último domingo, revivi os piores e mais sujos momentos da minha vida, quando há 8 anos atrás fui submetida ao tratamento para realizar o meu maior sonho de ser mãe e fui assediada por esse médico que se dizia um enviado de Deus, católico, que inclusive andava com um terço no bolso. Durante anos, carreguei esse fantasma na minha vida, me questionando, se em algum momento a minha alegria estampada no meu rosto por estar cada vez mais perto do meu sonho realizado de ser mãe, pudesse ter dado elementos para que esse médico, que se sentia o todo poderoso, tivesse se sentido no direito de me invadir, no momento mais frágil da minha vida.
Certamente só consegui superar isso com a presença das minhas filhas gêmeas que, assim como o meu marido e meu filho que tive naturalmente 6 anos depois do ocorrido, são a razão da minha vida.
Engoli esse sentimento ruim até ontem, quando contei ao meu marido que o que se dizia enviado de Deus não respeita nem mesmo essa profissão que ele gosta de falar tanto em todos os meios de comunicação.
Anônimo disse…
Em 1986 trabalhei em um grande e reconhecido hospital de São Paulo,após sofrer ação dessa"monstro",que tentou me beijar e me agarrar a qualquer custo,consegui pedir atraves do interfone ajuda a enfermeira chefe do setor,ele se assustou e se afastou rapidamente.A enfermeira entrou perguntou o que havia acontecido,naõ conseguia falar,chorei muito,tive medo de me demitirem,a final eu era apenas uma funcionária e ele o enviado de "Deus",o todo poderoso,não acreditariam nunca em mim.Calei por todos estes anos,agora, lendo as reportagens,fico feliz e espero que a justiça cumpra o seu papel!! espero que todas as mulheres que foram assediadas denunciem!
Anônimo disse…
olá. quem tem o nome de outro médico bom ,indica-me por favor, tbém fiu paciente deste médico.
Fiz 3 tentativas e nada!
Anônimo disse…
Olha gente,nao sei quais os criterios que ele usa para abusar sexualmente das pacientes,no meu caso estava sem o meu marido no dia da aspiraçao dos ovulos,e ele disse que iria cuidar de mim.So sei que quando acordei ele estava do meu lado,mexendo no meu cabelo e me tascou um beijo.Como estava lenta e fraca deixei pra la,achei ele meio maluco e nao quis voltar mais sozinha a clinica.Tive minhas filhas gêmeas,hoje com 8 anos,agradeço a toda equipe por terem realizado meu sonho de ser mae,mas que ele forçou a barra umas horas forçou.Acredito que ele deve ter algum criterio subjetivo para fazer isso com certas pacientes,so ele sabe.Hoje em dia nao faria o tratamento com ele por causa deste problema,meu marido continua viajando e eu teria que ir sem ele algumas vezes.So sei que Deus sabe de todas as coisas e quem fala a verdade!
Justiça seja feita para todas nos que fomos humilhadas!
Pra quem nao sofreu nenhum desses abusos por ele feitos so tenho a dizer a vocês "sorte de vocês" por nao terem que aguentar calada!
Anônimo disse…
Ja fiz com ele e fui abençoada na 1a. tentativa ficando gravida de gêmeas,hj com 8 anos,mas fiquei chateada por ele ter me beijado a força num determinado dia,ele nao e fraquinho nao como diz por ai.Eu sou grandona.Bom, estou querendo fazer agora na clinica huntington com dr.PAULO serafini,espero que ele nao tenha este problema do dr. roger,pois fiquei traumatizada.Dizem que esse medico e muito bom tambem.
Anônimo disse…
Meninas, procurem o Dr. Flávio Garcia de Oliveira - site www.clinicafgo.com.br. Ele trabalhou com o Dr. Roger, não compactuou com o que aconteceu lá e partiu para carreira solo.
Anônimo disse…
A medicina tem uma forma incrível de se autoprotger e de se autoregular. Contudo, o ditado popular é muito claro: "Não há erro médico e quando há, a terra cobre". Fiz um tratamento de IVF nessa clínica e por pura negligência médica acabei numa UTI em côma. Por muito pouco não morri. Na época, tentei processar a clínica , mas as provas sumiram. Assim, fico feliz que, de alguma forma, esse "doutor" está prestes a ser desmascarado, mas desta vez por um outro tipo de crime, o assédio sexual. Espero que com a condenação desse "doutor" a sociedade brasileira consiga protejer não apenas nós, os pacientes, mas também, a qualidade do serviço médico privado em nosso país. Ninguém está acima da lei. Lutar contra àqueles que abusam do desejo de ser mãe é dar a luz a um novo Brasil: mais honesto e mais feliz.
Anônimo disse…
É meu caro Dr. Roger, demorou, mais vc se deu mal, achou que nunca teriam coragem de denunciá-lo, de irem até uma delegacia, e agora, sua arrogancia, seu toque de Deus e sua soberba com certeza irão para trás das grades, na sua companhia.
Espero que vc ""ganhe"" a pena maxima de 10 anos para apodrecer na cadeia.
Anônimo disse…
ESSE MÉDICO É UM MONSTRO GANANCIOSO E DEVE TER SEU CRM CASSADO!! CADEIA É POUCO!!!
Anônimo disse…
e infame esse tipo de comportamento de um homem que se diz medico e que se aproveita da fragilidade tanto fisica como a emocional das mulheres, e um psicopata a verdadeira vergonha da classe medica, mercenario pois o custo do tratamento la e o mais alto. nao acredito que se faca justica pois o brasil e o lugar das impunidades mas e muito bom que existam pessoas c coragem p denuncia-lo
Anônimo disse…
Como médica jamais poderia acreditar nas acusações feitas ao Dr Roger. Como uma paciente sedada pode ter tantas recordações precisas dos fatos ocorridos? Tudo isto pode ter por tras uma concorrência desleal. Ginecologista
Anônimo disse…
Como uma pessoa sedada vai sentir que foi abusada sexualmente?
Não sou médica, mas pelo que sei, cada organismo reage de uma forma, existe até um fenômeno que algumas pessoas mesmo recebendo anestesia geral, conseguem sentir toda a dor, e saber tudo o que ocorreu, embora não consigam se movimentar nem falar nada, pesquisem, vi isso num filme recente, chamado "A vida por um fio" pesquisei e verifiquei que é verdade...."Segundo os dados que o próprio filme nos fornece, de 21 milhões de pessoas que recebem a anastesia geral, 30 mil passam pelo mesmo drama do personagem do filme (aproximadamente 0,14%)." ou seja, os pacientes mesmo sedados, sentem algumas coisas e escutam tudo em alguns casos....
Médicos, vivendo e aprendendo...estudem mais....
Anônimo disse…
no meu ponto de vista,como bacharel em direito que sou,acho que as coisas devem ser bem investigadas por que acho estranho que um profissional tao gabaritado e tao famoso iria se expor a um negocio desses,tem fama,dinheiro,enfim tem que ser apurado com cautela por que qdo a gente ta anestesiada a gente nõ ve nada,ja fiz 3 cirurgias de endoemtriose e varis endocopias e colonos,espero que de tudo certo tanto pra acusadoras qto pra ele.
Anônimo disse…
Não sei porque as pessoas acham estranho, para uma mente doente, não existe posição social, esse homem precisa de um psquiatra, por acaso só exite assédio sexual quando a pessoa for pobre, feia, e sem dinheiro??? de modo algum, uma pessoa com mente doente não tem plena consciência dos malefícios das suas pervesidades...
Anônimo disse…
Esse médico não precisa de psiquiatra, nem de MP nem tão pouco de cadeia. Se o marido da primeira paciente assediada tivesse dado uma boa sessão de porrada ele não repetiria esses assedios.
Trata-se apenas de um velho muito do abusado.
Anônimo disse…
Infelizmente, espero que não aconteça, mas o dinheiro comprará juizes, advogados, impressa, amigos e tudo o que for preciso.

Provalemtente este é apenas mais um caso em meio a centenas de outros que já foram comprados, abafados e esquecidos.

Passar 10 anos na cadeia é pouco para alguém que acabou com a vida de muitas mulheres.

Esperamos que uma situação como esta traga a tona centenas de outras.. Se não forem resolvidas com certeza encherá o bolso de muitos Juízes.
Dimi disse…
Seria uma ótima desculpa, deixá-lo passar por um psquiatra. Normalmente há um conlunho entre a classe médica e nenhum deles é capaz de acusar o "amigo".
Se tiverem sorte, infelizmente o máximo que acontecerá e o nome destas mulheres não serem expostos, porque a esta altura, os meios de comunicações e muitos Juízes, médicos e advogados, já foram comprados ou ganharam presentes homéricos.

Temos esperança que ALGUM tipo de justiça seja feita, mas as chances são poucas.
Anônimo disse…
Povo,acorda,o negocio que a gente lembra e quando estamos acordadas ou acordando,sedada nao ne? Pensa um pouquinho pelo menos.
Ou entao quando estavamos sozinhas com ele na sala dele,comigo aconteceu na antiga clinica dele.Simplesmente ele e doente,maluco,e ele nao e ginecologista nao,ele so recebe a grana,e fica entrando e saindo das salas,e recepcionando os pacientes.Se nao me engano e urologista,dos bons.
Aquilo ali,pra ele,e uma fabrica de dinheiro,ele so administra e conversa com os pacientes.
Fiquei gravida na primeira tentativa,graças a Deus,tive que aturar pois estava em processo de tratamento,ovulos fertilizados,muita grana investida tambem,muitas expectativas em relaçao a gravidez,meu marido nao foi com a cara dele desde a primeira consulta e eu tentando amenizar as coisas.Imagina se falo que tentou me beijar a força e etc.Prestes a implantar os embrioes!
So sei de uma coisa,Deus existe minha gente,ele ta vendo tudo,o que aqui se faz aqui se paga de uma maneira ou de outra.
Vamos ver agora os proximos capitulos!
Anônimo disse…
culpado ou inocente a midia e o ministerio publico ja o condenaram antes do juiz.Eta Brasil esquisito!!!!!!!!!
Angela disse…
Você está enganado, Anônimo das 21:52.

O que tem havido é o abafamento do caso por parte das emissoras de tv, a que atinge o grande público, principalmente a Globo, que ainda não deu notícia das denúncias

E é o próprio médico que passa a impressão de ter culpa no cartório ao não comparecer ao Ministério Público para prestar esclarecimento.
Anônimo disse…
Em 2002 cheguei a clinica de Dr.ROGER,sempre fui bem tratada por todos os funcionarios e depois de 2 tentativas consegui realizar o sonho de ser mãe de um lindo menino que nasceu no dia em que minha primeira consulta completaria um ano.Não acredito que um homem de tal gabarito precise desse tipo de comportameto para ter uma mulher ao seu lado.Em momento algum fiquei sozinha sem uma funcionária por perto, a sedação que ocorre é muito pequena e se o abuso ocorreu, só se for por parte de toda a equipe conivente.Isso seria o fim, não acham ???
Anônimo disse…
SOU PACIENTE DO DR ROGER HÁ UM ANO E NUNCA NENHUM FUNCIONARIO OU MÉDICO, FALTARAM COM RESPEITO, ISTO REALMENTE ESTÁ CHEIRANDO A INVEJA DA CONCORRÊNCIA, POIS FIZ VÁRIOS TRATAMENTOS EM OUTRAS CLINICAS E NÃO É ASSIM MAIS BARATO COMO FALAM, E LÁ NÓS FAZEMOS TODOS OS PROCEDIMENTOS DE ACOMPANHAMENTOS DIFERENTE DE OUTROS LUGARES QUE JÁ PASSEI.
Anônimo disse…
A TODOS OS COMENTÁRIOS TENHO A DIZER, QUE TAMBÉM FOI PACIENTE E VITÍMA DESTE QUE PODE SER TUDO MENOS MÉDICO, JÁ QUE APÓS TÊ-LO DENUNCIADO A OUTROS MÉDICOS, ESTES INFORMARAM QUE TODOS SABIAM DE SEU PROCEDIMENTO E, QUE INCLUSIVE O MESMO JÁ HAVIA SIDO ANTERIORMENTE PROCESSADO PELO CREMESP, E QUE PARA OBTER O RESULTADO NÃO TINHA QUALQUER ESCRÚPULOS , INCLUSIVE A TROCA DE ÓVULOS E ESPERMA. E, QUANTO AOS QUE NÃO ACREDITAM NO QUE AS VITIMAS DISSEM, NÃO ENTENDE A FRAGILIDADE DE UMA MULHER, QUE BUSCA SER MÃE, E QUE PROCURA A CLÍNICA ACREDITANDO NAS PROMESSAS E, QUE ESTE MÉDICO AS ENVOLVE EM SUAS ARTIMANHAS, E, COMIGO NÃO FOI DIFERENTE, PROCURAVA SEMPRE ME ATENDER A SÓS, E QUANDO IA A CLÍNICA E ELE NÃO ESTAVA LIGAVA PARA MINHA RESIDÊNCIA, DISSENDO ESTAR COM SAUDADES, E VÁRIAS VEZES FORÇOU UM BEIJO EM SUA SALA, E TAMBÉM ACORDEI COM ELE NA SALA DE RECUPERAÇÃO FAZENDO DECLARAÇÕES, SE NESTE DIA, ELE FÊZ ALGUMA COISA NÃO SEI, MAS TENHO MEDO ATÉ DE PENSAR, ÁS VEZES CALAMOS PORQUÊ SABEMOS QUE A SOCIEDADE SEMPRE REPUDIA A MULHER,E, QUANDO DEI UM BASTA AO TRATAMENTO DEVIDO A FORMA COMO ELE AGIA, ESTE REUNIU TODA A EQUIPE, PARA A DEVOLUÇÃO DOS MEUS DOCUMENTOS, COMO QUE INVERTENDO A SITUAÇÃO, E O MAIS TRISTE, É QUE SUA EQUIPE, COADUNA COM SUAS ATITUDES. ESPERO COMO ADVOGADA QUE A JUSTIÇA SE FAÇA E, QUE ESTE COLEGA QUE O DEFENDA TENHA MAIS BRIO NO DIREITO.
Anônimo disse…
Não sei porque estão colocando em duvida os depoimentos das senhoras assediadas,os malucos estuprados e pedofilos estão acima de qualquer suspeita, estão em todas as classes sociais.Sou tecnica de enfermagem ha 26 anos, já trabalhei com muitos medicos que na grande maioria honestissimos, mas tambem já presenciei reclamações de pacientes que ficaram impunes, justiça seja feita
Anônimo disse…
SOU MÉDICA E JÁAAAAAAAAAAAAAAA PRESENCIEI MUITOS COLEGAS MÉDICOS ( SÓ NOS HOMENS EU VI ESTE TIPO DE COMPORTAMENTO ), E COM AS MESMAS ATITUDES DESTE SER MONSTRUOSO , SIM , PQ SÃO MONSTROS COMO LINDERBERGS DA VIDA, E NARDONIS, ETC... INDEPENDE DA CLASSE OU $$$, ALÁS, QTO MAIS DINHEIRO E CONHECIMENTO ... MAIOR O PERIGO, PQ CONHECEM MAIS ...


MEU MARIDO NUNCA MAIS ME DEIXOU EM MÉDICO HOMEM SOZINHA, DEPOIS QUE UM OFTALMOLOGISTA TENTOU ME BEIJAR !!!


EU SOU MÉDICA!!!!

E ISSO EXISTE SIM!!!


DENUNCIEM !!!

PODE NÃO ACABER , MAS ESTES TARADOS DEIXA´~AO DE EXERCER A PROFISSÃO!!

SEMPRE ACHEI ISSO UM, ABSURDO E SEMPRE QUIZ FAZER ALGO... MAS SEM PROVAS E SEM AS MULHERES QUERENDO SE EXPOR... NÃO DAVA PRA FAZER NADA!!!



MULHERES ... DENUNCIEM!!!

DRA. K... NEUROLOGISTA
Anônimo disse…
Algumas pessoas, inclusive médicos, ficam chocados com tais denúncias contra este crápula. Umas dizem que como as mulheres iriam recordar dos fatos dse estavam sedadas? Acontece que sedada não quer dizer anestesiada, como bem sabem este "doutores". Outro fato é que ele não cometia estes crimes somente quando as mulheres estavam sedadas. Eles é um doente mental, um tarado, um sociopata. Acredita que o poder e fama, é só nissoque este monstro pensa,pode salvá-lo de tudo. O seu dia chegou....
Anônimo disse…
Sou outra vítima do Dr. Roger. Fiquei quase três anos enfrentando aquele crápula após ter sido assediadqa, um filho vale mais no que tudo...isso me deu forças para continuar encarando aquele nojento. Meu maior desespero era ficar na sala de recuperação quando sedada. Acreditem, atrás daquele jaleco há um doutor sem ética e sem moral que usa da sua clínica para assediar mulheres que estão alí fragilizadas a busca do seu maior sonho da vida: gerar seu maior tesouro, um filho.
FABIO ABUD disse…
A MINHA ESPOSA FOI VITIMA DESTE PROFISSIONAL DE ATITUDES SUSPEITAS, POIS O QUE VOCES ESTAO RELATANDO E EXATAMENTE O QUE ACONTECEU COM A MINHA ESPOSA. TANTO QUE NA PRIMEIRA TENTATIVA ELA NAO PRODUZIA OVULOS O SUFICIENTE EM CONSEQUECIA DO SEU ESTADO PISCOLOGICO, DE ESTAR SENDO ASSEDIADA POR ELE, E EU ESTANDO EM OUTRO ESTADO TRABALHANDO, NAO PODERIA FICAR O TEMPO TODO COM ELA. SENDO QUE A SEGUNDA VEZ DE TRATAMENTO EU FIQUEI O TEMPO TODO AO SEU LADO E AI DEU CERTO POIS ELA NAO QUERIA IR A CLINICA MAIS SOZINHA, HOJE TEMOS UMA FILHA LINDA FRUTO DO TRATAMENTO, SO QUE CARREGAMOS EM SILENCIO A CONDUTA ANTI-PROFISSIONAL E CRIMINOSA DESTE MEDICO POR NAO TER PROVAS SUFICIENTES. E AGORA A JUSTIÇA SEJA FEITA COM CERTEZA SEREI MAIS UM A DENUNCIAR AS SUAS ATITUDES.
Anônimo disse…
Acredito piamente em tudo o que foi dito pelas pacientes. Afinal essa história de que é inveja e que querem prejudicá-lo, acho que é muito infantil e que porque tantas mulheres estariam mancomunadas em prejudicá-lo? Quem seria o "poderoso", ou "poderosos" que conseguiriam essa proeza? Isso é só mais um delírio de uma pessoa com desvio grave de conduta!
Anônimo disse…
Inacreditável!

Fiz mais de 10 procedimentos, nenhum com o DR. Roger. Só uma consulta. Estávamos sozinhos na sala. Ninguém mais.
(obs. Li que ele "sempre" esta acompanhado, mas não comigo!).
Quando me despedi, ele me elogiou e eu agradeci. Um abraço e só. Estava muito consciente do que eu queria e já tinha pesquisado de tudo. Ele sabia que eu era diferente. Nunca mais voltei!

Quanta dor dessas pacientes! Eu sei muito bem o que é ficar calada por vários motivos.

Indignada! . . .

Como alguém que nunca precisou fazer FIV pode dizer qualquer coisa a respeito? Coitada! Hoje somos muitas mulheres a depor. Sentimentos, inchaços, frustrações, ansiedade, e muito mais. . . Só sabe quem passa por isso durante anos pode dizer alguma coisa e não quem julga.

Por outro lado, vejo uma coisa positiva. . .

É fundamental a participação do marido em "TODAS" as fases do processo. O médico e o biólogo são apenas os profissionais que vão ajudá-los. Tenha isso em mente.
Minha opinião. . .
O melhor profissional é aquele que vai dizer assim: “O procedimento é do casal”. E, portanto dos dois e não só da mulher.
Li o que o Fábio Abud escreveu e deixo aqui a minha aprovação. Sem o carinho do marido fica muito difícil! Não é porque temos o privilégio de gerar que o PAI não tenha nenhuma obrigação!
MARIDOS. . .
Vocês estão grávidos! ! ! . . . Deu para entender?
ESPOSAS. . .
Denunciem sim sem medo! . . .Quem ama estará sempre ao seu lado.
Anônimo disse…
"Anônimo disse...
Como médica jamais poderia acreditar nas acusações feitas ao Dr Roger."

Sua médica imbecil. Vc estudou em que escola, imbecil!

Minha esposa acabou de me dizer hoje que ela .
recebeu um selinho desse fdp quando acordou, ainda sedada.

Eu somente soube hoje, dia 18 de janeiro de 2009. O fato ocorreu há 20 anos atrás. Se eu tivesse sabido desse fato à época eu teria sido capaz de fazer algo terrível contra esse monstro.

classe profissional fdp! protegem um monstro!
Anônimo disse…
Deveria ser feita uma lei onde médicos, em qualquer área de atuação, só pudessem examinar seus pacientes, tendo uma secretária acompanhando os procedimentos.
Isso evitaria os transtornos emocionais vividos por dezenas, centenas ou milhares de mulheres, adolescentes, pacientes em geral.
No caso específico do Dr Roger, se 32 mulheres relatam que foram vítimas de abusos não há o que questionar.
A verdade ele é portador de transtorno da personalidade, não existe cura, e deve ser afastado de suas atividades, para que nenhuma outra pessoa tenha que passar a vida em pesadelos constantes,pois esta é uma cicatriz que carregam para toda vida.
Esse tipo de pessoa sofre de ausência de caráter, jamais abusaria de "personalidades" que detonariam com sua carreira. Prova maior é ausência de notícias sobre o assunto. A Rede Globo se mantém afastadas de qualquer tipo de comentário.
Precisamos da midia fala e escrita para colocar a sociedade como um todo protegida desse tipo de pessoa, nem que para isso seja necessário a criação de uma sociedade paralela, já que não existe clinicas, somente tratamentes paliativos para os mesmos.
E se ele tiver filhos e netos os mesmos deverão ser constantemente observados, pois se trata de uma predisposição genética.
Esperamos que o Poder Judiciário se faça presente, seja atuante e o puna cassando imediatamente o seu diploma, e não ceda as tentações da corrupção, do corpoorativismo.
Anônimo disse…
Fui vítima dele tb, fiz 06 tentativas em sua clínica , sendo que na última ele aproveitou a ausência de meu marido, trancou a sala me segurou firme e começou a me beijar, eu assustada começei a chorar e o empurrei, ele imediatamente abriu a porta e eu sai chorando, liguei para minha psicóloga fui direto para a terapia desesperada, sem chão. Resolvi não denuncia-lo, pois eu não tinha provas, era minha palavra contra a dele , que estava no auge do sucesso, atendendo tb o GUGU, então resolvi nunca mais voltar a clínica. Na ocasião não tive coragem de contar ao meu marido, pois temia a reação dele, eu estava muito fragilizada emocionalmente, entrei em um processo depressivo, tudo era confuso demais para mim, confiava muito no Dr Roger, achava que suas mãos eram instrumentos guiados por Deus (como ele mesmo falava), que iria me dar um filho tão desejado, mas de repente tudo desabou, e aquele homem que tinha o poder de realizar meu sonho, se tranformou em um monstro, um pesadelo! Hoje Graças a Deus isso faz parte de um passado, procurei outra clinica não desisti, me recuperei emocionalmente e logo na primeira tentativa engravidei de minha filha que hoje tem 06 anos, é a coisa mais linda, minha razão de viver! Desejo muito que Roger Abdelmassih seja desmascarado, condenado, mas não sei se irei ver isso um dia, pois aqui nesse pais, infelizmente o poder está nas mãos de quem tem dinheiro e não na verdade!
Francisco disse…
As pessoas que aqui usam o argumento de que "ele é rico e bem sucedido e não faria isso" devem ler um pouco mais e tirar essa máscara de preconceito; querem dizer que só pobre e sem estud que comete crimes? Esse médico devria sim ser um exemplo, pois estudou e lida com o que de mais sagrado Deus deixou na terra, a capacidade de uma mulher gerar uma criança. Já eu não consigo acreditar que tantas mulheres estariam aqui mentindo. Há muita verdade aqui sim, e devem ser apuradas com rigor pela justiça, espero que um dos bons Promotores que o MP tem pegue esse caso vergonhoso. Minha solidariedade a todas as familias que tiveram que passar por este momento de terror.
Anônimo disse…
Ele fica sozinho sim com as pacientes sei pq ele ficou comigo e tbém tentou mas nao conseguiu levou uma porrada na cara. Justiça que seja feita. E se vc nao foi pte dele fica quieto/a. E se vc nao tem o perfil que ele gosta tbém! OK!!
Anônimo disse…
Se eu contar pro meu marido que fui assediada por este monstro, ele separa de mim.
Anônimo disse…
Enfermeira que acompanha o médico durante os exames. . .

Já ouvi casos de pacientes que mesmo com a enfermeira na sala foram "abusadas". Como?
Existe um lençol.

A enfermeira tem que ficar atrás do médico para acompanhar o exame e não do lado. De outra maneira de que adianta a presença dela na sala? Figurante? Só para dizer que o profissional estava acompanhado?
É uma vergonha precisarmos chegar a este ponto!
O que aconteceu com essa classe de especialistas - "os ginecos"? Um horror!
Se já não bastasse tudo que nos mulheres enfrentamos em procedimentos de rotina, agora ainda vamos ter que levar a família para acompanhar tudo.
Anônimo disse…
Se já não bastasse tudo que nos mulheres enfrentamos em procedimentos de rotina, agora ainda vamos ter que levar a família para acompanhar tudo.




Bom, cara amiga, fazem porque querem.
Eu não faço e estou muito bem de saúde.
informe-se mais sobre o amontoado de mentiras que contam às mulheres acerca de câncer, e verá que câncer é bem raro.
Anônimo disse…
Fiz um tratamento à pouco mais de 11 anos com esse crápula fiquei grávida na quarta tentativa,tudo isso que foi relatado aconteceu comigo,esse canalha pega as mulheres no momento de mais fragilidade essas pessoas que não acreditam ,podem acreditar fiquei calada todos esses anos não tive coragem de contar ao meu marido,não denunciei porque sabia que não ia acontecer nada ,cheguei a ameaçar esse cara que se diz médico ,mas ele deixou bem claro que ninguém acreditaria e que reverteria a situação,parabéns a essas mulheres que tiveram a coragem que eu não tive ,vou ficar torcendo para que ele pague todos esses crimes
Anônimo disse…
fiz um tratamento com esse crápula a pouco mais de 11anos pois é ,para aqueles que não acreditam é a mais pura verdade tudo que foi relatado aconteceu comigo ,esse cara que se diz médico se aproveita desse momento em que a mulher está totalmente fragilizada,ameaçei esse canalha mas ele disse que não ia adiantar nada ,e reverteria a situação contra mim,para vcs terem idéia não tive coragem de contar nem para meu marido,parabéns para as mulheres que tiveram coragem de denunciar ,a coragem que eu não tive,vou ficar rezando para que a justiça seja feita,sofro todos os dias por ter ficado calada ,e tenho certeza que esses anos todos muitas mulheres passaram pela mesma humilhação,tive trigêmios,3 meninos que é a razão da minha vida ,e me dá força para passar por cima de tudo isso fica aquí a minha indignação esse cara não presta é um psicopata que a justiça seja feita
Anônimo disse…
Pois é, nada justifica o crime desse médico do mal, mas vale se pensar sobre os fundamentos desse desastre: isso só está acontecendo pq pessoas c/ limitações orgânicas para procriação, acreditam q não tendo limitações c/ o dinheiro PODERÃO MUDAR TUDO, inclusive suas natureza biológica. Resultado dessa busca por UM FILHO A QUALQUER PREÇO: encontraram o "mestre", encontraram o "divino na terra",e como crianças se entregaram p/q ele os mudasse, melhor dizendo mudasse suas naturezas e lhes desse artificialmente o q a natureza lhes sonegara naturalmente, ou como é relatado algumas vezes, "razões para viver"! E esse doutor horror, investido do poder q lhe é confiado, até q entrega o q lhe compram (pelo q pude observar nos relatos); e a "mercadoria" por vezes chega até em dobro ou triplo, e c/ direito (para aquelas q fazem seu gênero)até a "brindes" p/ as novas mamães: santos selinhos e toquinhos, pra completar a certeza d todo seu poder sobre essas criaturas angustiadas e obsecadas pela maternidade. E aí vejam o resultado nojento dessa forçada d barra na natureza! As coisas são mesmo assim p/ aqueles q possuem o poder do dinheiro: comprem mesmo tudo q puderem nessa terra dos homens, gastem quanto dinheiro tenham ou seja necessário p/ atenderem seus desejos e caprichos incontidos. É isso aí pessoal! Vamos morrer em lipoaspirações p/ sermos + bonitos dq a natureza nos fez, ou melhor, nós mesmo nos fizemos, transformando nossos aparelhos digestivos em parques d diversões e como consequência ficamos balofos; ou mesmo vamos morrer d ódio e vergonha porque p/ conseguirmos ser pais, já q a natureza ñ nos ofereceu as condições normais, + temos DINHEIRO SUFICIENTE p/ COMPRARMOS AS MUDANÇAS DOS DESÍGNIOS DO MUNDO EM NOSSAS VIDAS, pagamos até 120 mil reais por isso!
E será q o fato d não aceitarmos as condições naturais d nossos corpos também não é uma psicopatologia? Quem é mais psicopata? Aquele q acha q é deus, ou aquele q o procura como tanto? Será q isso já não é uma forma d sermos castigado pela soberba d querermos mudar a natureza em nós tbm?
E tem +: já q o dr. monstro fica sozinho c/ suas pacientes na hora da inseminação artificial, será q ela é feita artificialmente mesmo? Só + um grilinho no meio dessa grilaiada toda.
Anônimo disse…
Em resposta a esse último comentário infeliz:
quem é você para julgar a atitude de quem busca um filho? O que é isto? Feliz de quem pode gerar, sendo por qualquer meio...
Mas NADA no mundo justifica o que este homem desprezível, que atende por Roger, fez e continuará fazendo se não for punido severamente.
E, foste mais infeliz ainda em teu último parágrafo...deves ter mãe, esposa, irmã ou taalvez filha...por favor, elas fariam o que estávas pensando???
Anônimo disse…
Para quem questiona o porque das mulheres terem demorada tanto tempo a denunciá-lo, a resposta está no silêncio das grandes emissoras de televisão e alguns jornais!
Se mesmo com tantas mulheres a relatarem o assédio desse maluco, juntas não conseguem o apoio da mídia, imaginem uma única!
Anônimo disse…
Eu não vi nehum comentário a este respeito na GLOBO!!!
Será porque? Ja que se trata de um escandalo tão grande???
Acho q é justamente porque o cara é rico, famosos e influente.
Anônimo disse…
Infelizmente existem médicos que se julgam Deus, não há exames específicos para que pessoas megalomaníacas ingressem na medicina.
É atroz e desumano o que esse médico fez com suas pacientes. Essas pacientes têem o dever de denunciá-lo, sem questionar se será feita a justiça, afinal a união faz a força e só assim, todas juntas poderão fazer que seja investigado tudo que esse senhor andou praticando por vários anos de impunidade.
Anônimo disse…
SR. MINISTRO DA COMUNICAÇÃO ,gostaria de pedir como Brasileira e Mulher,que pofavor nós responda
porque os meios de comunicação do Páis c/ grande influencia não derão nenhuma notícia informativa ao Povo...(RED, GLOBO E OUTROS sobre esse escandalo,do Medíco Dr.Roger Abdelmassih
apenas a Red Band,Gazeta,derão algumas notícias,
é o povo precisa saber,para que outras mulherer não sejão enganada,tb. A Mídia tem o dever de informar Fica o meu protesto,e um apelo ao SR.MINISTRO DA COMUNICAÇÃO, QUE NÓS DE ALGUMA RESPOSTA- PORQUE O SILÉNCIO DELES... muito obrigado. ?????????????????????????????????
Anônimo disse…
Ele já está condenado, carreira e moral acabadas! E NÃO foi juldado ainda. Mas como sempre, o povo já se deixou levar pelo que a imprensa diz. Vide o caso da escola Base, uma prova clara do julgamento da midia. Por que não esperar para tirarmos conclusões depois?
Anônimo disse…
sabe o q mais doi,em tudo isso! a maioria das pessoas, que passarão por essa clinica tem um poder social alto, o trauma dessas mulheres, não se questiona, terrivel,agora imagina um casal,desenformado acreditando que só o Sr.dr.Roger seria capaz de realizar um sonho hj sofro muito porque não tenho condições financeiras para tentar novamente, idade não perdoa...na epoca foi 15 anos de trab, para uma unica tentativa que claro não deu certo na epóca fui verdadeira com esse sr.Agora falamos muito sobre, a questão do abuso sexual,q graças a Deus não foi o meu caso, mas pode acreditar não e só isso que esta em jogo e toda sua conduta, hj tenho que conviver com os traumas por já esta com 37anos não ter recursos financeiros, um dia eu tive mas fui roubada vcs podem não entender porque falo assim, já fui em outras clinicas só para sonhar(pagando 200,00)consulta, e nenhum medíco deu o dignostico que aquele Sr. nós deu na epóca sabe porque ele só via $$$, bonito ver mulheres que conseguirão realizar seus sonhos,parabéns, dinheiros a elas não faltão com certeza agora eu como outras mulheres nós fica o direito da duvída será que todo o procedimento foi seria,lembro-me que ovúlei demais,isso deve ter sido de grande utilidade a esse Sr. pofavor mulheres ricas e com seus filhos benção de Deus,não o defenda reze por jústiça será mais justo com todas nós mulheres descupe mas pense nisso...
Anônimo disse…
Como se pode préjulgar sem haver condenação? este é um comportamento bem brasileiro, a condenaçao pela midia! Essas pacientes que pretensamente foram abusadas têm medo que o marido saiba por quê? Talvez seja porque eles não confiem nelas, os machistas que elas escolheram para maridos! Dá para perceber isso pelos depoimentos chocantes e chorosos de mulheres que têm até muito dinheiro para esse tipo de tratamento.
Priscila disse…
Às pessoas que não acreditam: infelizmente, essas coisas acontecem sim. Já fui vítima de pelo menos dois poderosos que se acharam no direito de me agarrar e me forçar a fazer coisas que eu não queria. Ou seja, mau-caratismo e poder muitas vezes andam juntos... não é dinheiro ou poder que traz retidão de carater.

A dificuldade em denunciar: se vc já foi vítima, sabe que um desgraçado desses não age, como se diria, "a luz do dia" ou para que outros testemunhem. Então, como denunciar algo que ninguém viu? Difícil, não é? Nas duas situações de que fui vítima, não tive como provar o que aconteceu. Só me restou avisar outras pessoas para que tomassem todos os cuidados necessários. Busquei até mesmo os vídeos de segurança de um dos locais em que ocorreu o fato, sem sucesso...

Nos dois casos, eram dois velhos poderosos e respeitáveis, de forma que nem dava para confundir com a moda de "ficar" ou "beijar por beijar"... fora da faixa etária, entendeu?

Se ele é inocente ou culpado, eu não sei. A Justiça vai decidir. Torço para que a Justiça seja cega e incorruptível, como esperamos sempre que ela seja.

Às mulheres que foram molestadas e não denunciaram: DENUNCIEM!

Às que denunciaram: PARABÉNS!
Graça disse…
Após 15 dias (QUINZE DIAS!!!!!!!!!!!!!) do meu último aborto, acreditando na Revista Caras e no "sucesso" do Dr. Roger, procuramos sua Clínica para saber o motivo do abortamento. Como, na época, éramos casados havia 11 anos e sem filhos, ele insistia em que éramos inférteis e "incapazes" há 11 anos. A todo momento falávamos:"...só começamos a tentar uma gravidez agora, há menos de 6 meses e não durante todos esses anos em que nem pensávamos em filhos...etc, etc, etc." e o tal Roger repetia como um idiota: "então! vcs não conseguem engravidar há 11 anos?". Cansado, meu marido enfaticamente, um pouco mais do que no começo da consulta, deixou claro que desejávamos ENTENDER o motivo do abortamento e que não queríamos tentar nova gravidez antes disso. A que o "Roger" (não merece ser tratado como doutor, ok) teve um surto psicótico, dizendo que eu e meu marido éramos incapazes, que somente com ele teríamos um filho, que éramos burros de não aproveitarmos a chance de estarmos ali, que éramos velhos, etc. Isso aos berros. Eu, fragilizada pra caramba por causa do aborto e oito dias de hospital, comecei a chorar, o que o deixou mais irritado. No auge da discussão, meu marido o questionou do seguinte: "ok, e se fizermos a fiv aqui e ocorrer novo aborto como fica? vc nos devolve o dinheiro?" ao que ele respondeu sem piscar e falando como uma besta: "não fica! não fica meu filho! aí é problema dela com Deus!" (ou seja, o problema era meu e de Deus, ou seja: vc paga pra levar a culpa). Meu marido perdendo a paciência, levantou e me puxou pra fora do maldito consultório. O tal Roger veio na sequência, gritando pela escada até embaixo, apavorando as pessoas da sala de espera e as funcionárias as quais foram convocadas aos berros (uma baixaria incrível!) para uma "reunião" no corredor do nosso lado aonde escutamos o MONSTRO gritando coisas "agradáveis" ao nosso respeito tais como "caroço", "perda de tempo", "caso perdido", "pés rapado", tudo pq não caímos na lavagem cerebral dele e de um assistente estúpido que fez nossa anamnese e uma vez não caindo em sua lábia, não gastamos um tostão além da malfadada consulta. Resultado, saímos chorando, ainda mais fragilizados e com uma vontade enorme de desaparecer do mapa! Tenho nojo dessa lesma bigoduda. Nojo. Levou tempo, mas conhecemos um médico decente que conseguiu nos ajudar a recuperar a alegria de tentar novamente um filho da maneira correta: com saúde, justamente o que buscávamos na clínica do monstro e que eles só sabiam falar em fertilização. Esse médico que, finalmente, nos ajudou (Ricardo Barini de Campinas, SP) investigou todas e mais todas as possíveis causas para o abortamento, as achou, propôs um tratamento, GRAÇAS A DEUS BEM SUCEDIDO, e hoje eu e meu marido vivemos em PAZ! Ainda mais em PAZ depois de ver o tal Roger SENDO PRESO. Um cara tão grosseiro e sem compaixão, que não teve o menor escrúpulo para maltratar alguém recém-saído de um hospital pelos motivos pelos quais passei. Alívio é "a" palavra. Denunciem. Quem passou por constrangimento moral, também foi agredido como nós fomos. Denunciem!
Anônimo disse…
Infelizmente,esses crapulas sabem exatamente quando atacar e quem atacar,pois estudaram so para conhecer o perfil de seus pacientes,o resto geralmente quem faz são seus funcionarios que tambem pela ganancia do dinheiro e da fama agem como cordeirinhos.E nos mulheres que não somos respeitadas nem por alguns marido numa situação dessa ficamos de mãos atadas.Parabens para quem denunciou pois tenho certeza que alem de passar por questinamento da policia ainda são questionadas por familiares.Mesmo assim tem que denunciar.
Anônimo disse…
Deus existe e a justiça vai ser feita. Sofri abuso mas não denunciei...nunca contei a ninguém, sofri calada...
Ele merece ficar olhando o sol nascer quadrado...e espero que assim permaneça.
DANIELA MARQUES WERNECK disse…
é lamentavel uma situaço dessa, quando soube das barbaridades que esse(tal)medico cometeu, fiquei estarrerida, e fiquei perplexa com a posiçao de alguns medicos, afirmandando, que uma paciente sedada nao poderia sentir nada. ora ja fiz ferlilizaçao, inclusive com um medico que considero ser o melhor(Dr.Luis Fernando Dale)e em todo o momento que estive sedada, pude compreender em todos os momentos, o que estava acontecendo comigo.lamento o que essas mulheres que em um momento tao fragil de suas vidas, tiveram que passar por essa situaçao.(ESPERO Dr. ROGER,QUE O SENHOR PAGUE POR CADA CONSTRANGIMENTO CAUSADO A ESSAS MULHERES, POR CADA MOMENTO DE ANGUSTIA EM QUE ELAS NAO PODERIAM NEM FALAR NADA, PORQUE SABIAM, QUE PELA SUA POSIÇAO DE GRANDE ESPECIALISTA NA AREA,TERIAM MEDO DE SE PRONUNCIAR.)DMW. RIO DAS OSTRAS RJ.
Anônimo disse…
Fui abusada sexualmente por um individuo eu estava dormindo e quando acordei estava com as roupas toda enroladas para baixo,eu estava tonta tive vomitos e dores fortes no estomago ate hoje nao sei quem foi o reu que fez isso comigo suspeito alguem da familia mas nao tenho testemunha,hoje se quanto sofro com isso,estou estudando pra esquecer esta tragedia.pesso pelo amor de Deus se vc foi abusada denucie nunca esqueço desta tragedia!!!
Anônimo disse…
e mesmo
Anônimo disse…
10 mil anos na codeia ou ate morre
Anônimo disse…
uhhh e mesmo
Anônimo disse…
porque ñ bateu nele atevido
Anônimo disse…
que medico doido