Igreja Universal é condenada por intolerância religiosa

Universal_macumbeiros
Jornal da igreja ilustrou
 texto com foto de Mãe Gilda
Por decisão unânime, a 4ª Turma do STJ (Superior Tribunal de Justiça) condenou a Iurd (Igreja Universal do Reino de Deus) a pagar por danos morais a indenização de R$ 145,25 mil aos filhos e marido da mãe-de-santo Gildásia dos Santos, a Mãe Gilda, do  terreiro Axé Abassá de Ogum, de Nova Brasília.

A Folha Universal, porta-voz da igreja, na edição de 26 de setembro a 2 de outubro de 1999, publicou a reportagem “Macumbeiros charlatões lesam o bolso e a vida dos clientes”, tendo como ilustração  foto da Mãe Gilda, com uma tarja preta sobre os olhos dela (reprodução ao lado).

O jornal usou uma foto que tinha sido publicada pela Veja, em uma notícia sobre a participação da mãe-de-santo em um manifestação a favor do impeachment do presidente Collor.

Abalada, a Gilda morreu de enfarto no ano seguinte, e seus familiares recorrem à Justiça contra a igreja do bispo Edir Macedo.

Antes, em 1992, o próprio bispo ficou preso 11 dias sob a acusação de charlatanismo, curandeirismo e estelionato. Naquela época, Edir já era tido como um espertalhão que explorava a ignorância dos pobres – a mesma acusação que depois a Folha Universal faria aos 'macumbeiros'.

Hoje, Edir Macedo é dono de um conglomerado de empresas de comunicação, é poderoso, tem influência na política, e os ‘macumbeiros charlatões’ continuam com sempre: pobres e na luta pela sobrevivência.
O site Última Instância informa que, quando a Universal foi condenada em primeira instância, pela Justiça baiana, o valor da indenização era de R$ 1,4 milhão.

mae_Gilda
Mãe Gilda
A igreja então recorreu da decisão com a alegação de que não há ligação jurídica entre a Igreja Universal e a Folha Universal, jornal impresso pela Editora Gráfica Universal.

Além disso, contestou o fato de os herdeiros da Gildásia terem ajuizado a ação de danos morais. No entendimento da Universal, só a mãe-de-santo poderia fazê-lo. Trata-se de uma esperteza dos advogados da igreja, porque a mãe-de-santo estava morta.

Para o juiz Carlos Fernando Mathias, do STJ e relator do caso, independente de estarem ou não registradas em nome da mesma pessoa jurídica, a Folha Universal e a gráfica pertencem ao mesmo grupo empresarial.

Mathias reconheceu que R$ 1,4 milhão era um valor alto e o reduziu para R$ 20,75 mil para cada herdeiro, o que dá o total de R$ 145,25 mil.

21 de janeiro comemora-se o Dia Nacional de Combate à Intolerância Religiosa, data aprovada por um projeto de lei. Foi nesse dia em que morreu Mãe Gilda.

As condenações judiciais à Igreja Universal têm sido cada vez mais freqüentes. Em uma das mais recentes, a Justiça de Minas determinou que ela devolvesse a um fiel com déficit mental cerca de R$ 50 mil que foram entregues a pastores como pagamento de dízimo.

Igreja Universal é condenada por explorar deficiente mental
agosto de 2008

Comentários

Lucho disse…
Sifu legal.

"Macumbeiros charlatães lesam o bolso e a vida de clientes".

UHAUHAUHAUHAUAHUAHUAHAUHAUHAUHAUHAUAHUAHUAH.

Olha só quem fala de charlatanismo e lesar pessoas. A IURD só fala sobre isso se for para dar sugestões.
Eduardo Varela disse…
Até quando o Ministério Público continuará omisso em relação a esta quadrilha Universal?
São 800 rádios FM,04 emissoras de TV,dois partidos(PL e PR)04 senadores, 20 dep.federais,dep.estaduais em todos os estados e vereadores nas cidades, além do Crivela(sobrinho do chefão macêdo, ex-sócio e concunhado de outro marginal R.R.Soares-Internacional da graça)candidato a prefeito no Rio.
Anônimo disse…
ACHO QUE O QUE FALTA EM VCS É A FALTA DE RESPEITO. ACUSAÇÕES SEM FUNDAMENTO, É UM ABSURDO, ESPERO QUE DEUS TENHA MISERICÓRDIA DE TODOS VCS. QUE EM VEZ DE FAZER SEU TRABALHO, FICAM CRITICANDO ALGO QUE NÃO ONHECEM. SINCERAMENTE QUE DEUS TENHA MISERICÓRDIA DE VCS....
Anônimo disse…
Peço aos comentaristas que, para facilitar a leitura, evitam escrever só com letras maiúsculas.
Antonio Benaion disse…
Falta de respeito? Tipo a da QUADRILHA univer$al pelos adeptos das religiões de origem africana? Ah sim.

Hipocrisia. A gente vê (e como vê) na IURD S/A.
amiga disse…
se essa mulher morreu foi por que chegou a sua hora , mais vim dizer que foi o bispo Edir Macedo [aaaaaaaaaaa] não pode falar de miim mais não fala dele por que vocês não conhecem ele , não conhecem o carater dele se conhecessem não iriam estar falando. Vocês acham que ele ´pe uma coisa por que uns ou outros falaram mais não sabem o que ele é, por que se ele fosse um ladrão ou essas outras coisas que vocês falam ai, a IURD não estaria em todo o mundo, por que Deus não iria deichar .. Então é isso que eu acho e que eu penso ! .........................................
Anônimo disse…
Como confiar em uma emissora de TV como a Record;o jornal Folha Universal e o jornal de BH "Hoje em Dia", se pertencem ao Edir Macedo?
Anônimo disse…
OS EVANGELICOS SÃO INTOLERANTES E NÃO RESPEITA A FE DOS OUTROS 2 DE FEVEREIRO FESTA DE IEMANJA ESTÃO LA PREGANDO SUA FÉ DESRESPEITANDO A RELIGIÃO AFRICANO EDIR MACEDO E UM RATO DE LUXO PENA QUE TOLOS SE DEIXA INLUDIR GENTE DEUS NÃO QUER GRANA DEUS QUER QUE NOS SERES HUMANOS VIVA EM PAZ E COM RESPEITO
Anônimo disse…
Ela morreu e foi ter com o capeta a quem ela servia, a biblia diz que feiticeiros não herdam o reino de Deus e serão lançados no inferno.
Anônimo disse…
Macumbeiros servem descaradamente a satanás e dizem servir a Deus, Deus só há um e condena abomina o que eles praticam, fazem trabalhos pro mal e dizem fazer o bem esses sacerdotes do diabo...(mãe-de-santo), ninguem merece...Deus olhou do céu a terra não viu um justo se quer isso é só mais uma mentira, mais uma artimanha de satâ pra enganar a humaniadade e levar pro inferno...

-------- Busca neste site