Collor participava de ritos com sacrifício de animais

Na entrevista que deu à Veja desta semana, Rosane, ex-mulher de Fernando Collor, confirmou que o então presidente da República recorria a sacrifícios de animais durante o que ela chama de “trabalhos espirituais” para que ele tivesse proteção contra seus inimigos.

Esses rituais eram realizados de madrugada numa casa vizinha à moradia do presidente, a Casa da Dinda. Eles aumentaram de freqüência no último ano do governo de Collor, antes do impeachment.

Diz Rosane, que está separada de Collor há três anos

- Fui lá algumas vezes [na casa onde havia os rituais]. Eu não gostava de assistir ao sacrifício de animais. Passava mal sempre que via sangue.


A ex-primeira-dama também falou ao jornalista Alexandre Oltramari sobre o ciúme de Collor, a mania de perseguição dele, a suspeita de que ele consumia drogas e a raiva que o presidente tinha da imprensa.

Sobre a suposta fortuna que Collor tem em decorrência de corrupção de seu governo, ela nada disse. “Não posso falar sobre isso.”
xxx

Comentários

hunf! disse…
mas é um cheirador lazarento

esse cara merece ficar num manicômio, sob diversos tipos de tortura...
Ah, a Roseane, tb... foi cúmplice, conivente, etc...

-------- Busca neste site --------