Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

domingo, 27 de novembro de 2016

Causa da católica Melinda Gates é contracepção de mulher pobre

Embora católica, Melinda Gates (foto) disse que uma de suas causas é possibilitar que as mulheres pobres de países em desenvolvimento tenham acesso à contracepção.

Melinda disse que
segue a sua moral,
não a da Igreja
Em 2016, a entidade que leva o seu nome e o de seu marido, Bill & Melinda Gates Foundation, está investindo US$ 180 milhões no programa de contracepção.

Em planejamento familiar, a fundação já aplicou US$ 1 bilhão.

Melinda participa com frequência de missa e leva o seu marido, o ateu (não totalmente assumido) Bill Gates.

Mas ela, como muitas católicas, não segue todos os dogmas da Igreja.

Questionada sobre como uma católica como ela se empenha tanto no controle da natalidade, Melinda respondeu que inicialmente se sentiu desconfortável.

Mas, explicou, acabou seguindo a sua própria moral, diante da morte desnecessária de mulheres ou de crianças, o que poderia ser evitado com um recurso muito barato — o contraceptivo.

Disse que o controle da natalidade é uma forma de livrar famílias do ciclo vicioso da pobreza.

Acrescentou que hoje não tem nenhum conflito de consciência, até porque nos Estados Unidos 93% das católicas usam contraceptivo.

Com informação do New York Times.

Envio de correção.

Grupo de discussão no WhatsApp.


Bill Gates recomenda leitura de livro do ateu Richard Dawkins


Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...