Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

quarta-feira, 15 de abril de 2015

Fotos mostram Estado Islâmico jogando gays de cima de prédios

Execução teria
ocorrido no Iraque
O Estado Islâmico postou no Twitter duas fotos mostrando seus militantes jogando dois supostos homossexuais do telhado de prédios. Em uma das fotos, uma multidão presencia o assassinato em nome de Alá. Em outra, os extremistas estão de máscara preta.

Pelo Corão, homossexuais têm de ser punidos com a morte, mas a Justiça religiosa pode aplicar um castigo que poupe a vida dos “criminosos”. Contudo, a decisão em países islâmicos como Sudão, Arábia Saudita, Somália, Irã e Mauritânia tem sido a morte.

A execução dos dois homens das fotos teria ocorrido recentemente na província de Nínive, que faz parte de um Estado com o mesmo nome, no Iraque. No mesmo Estado também fica Mossul, a segunda maior cidade da região. O Estado Islâmico a considera como sua capital.

Em Nínive, no começo deste mês, os extremistas explodiram pelo menos dez casas de cristãos, que tiveram seus pertencentes mais valiosos roubados.

A Corte Islâmica do Estado da Nínive, criada pelos extremistas, espalhou o terror na região.

Uma foto mostra o apedrejamento de uma mulher acusada de adultério e outra um homem que foi crucificado por ser suspeito de roubo. Há casos de crucificação após a morte de vítimas.

O Estado Islâmico também adotou em regiões da Síria as execuções públicas de modo a impor à população a forma estrita da lei sharia.

Além de pena de morte para crimes tidos com graves, a sharia impõe cinco orações diárias; proibição de drogas, álcool e tabaco; uso de roupas adequadas; e só ouvir músicas muçulmanas.

Assassinado ocorre diante de
multidão para servir de exemplo

Com informação das agências, com fotos atribuídas ao Estado Islâmico.




Estado Islâmico estaria recrutando brasileiros para atentado no país

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...