Padre Paulo Ricardo afirma que não crê na existência de ateus


O padre Paulo Ricardo de Azevedo Jr. (foto) afirmou em um recente vídeo [ver trecho abaixo] que “ateus não existem”. Argumentou que “o ateísmo é impossível” simplesmente porque todo mundo acredita em um criador.

Para o padre,
 todos creem em
 um criador 
Afirmou que os ditos ateus são, na verdade, idólatras porque eles mesmos são seus deuses, colocando-se como criadores da verdade, do bem e do mal.

Afirmou ainda que os ateus têm também como deuses a ideologia, o Estado, o prazer e o dinheiro.

Paulo Ricardo é da Arquidiocese de Cuiabá (MT). Conservador e fundamentalista, ele consegue ser repudiado até por padres. Faz campanha contra os homossexuais, marxistas e ateus. Ele é o Malafaia dos católicos.

No referido vídeo, Paulo Ricardo disse que, para combater os desvios da sociedade, cada cristão deve fazer o trabalho de formiguinha de difundir o ensinamento de Jesus.

Admitiu que o Estado é laico, mas, segundo ele, isso não impede a evangelização. Até porque, disse, “todas as pessoas que se engajam politicamente se engajam religiosamente.”

Falou que o “discurso de que o Estado é laico, de que a Igreja não tem de se intrometer [na política], só serve para intimidar católicos, evangélicos e espíritas.

O que os idólatras querem com isso, disse, é controlar o poder e “calar a boca daqueles que têm uma religião”.

"Ateus são idólatras"

video

Com informação de vídeo do Youtube, entre outras fontes.


Malafaia católico acusa juízes de seguirem valores ateístas
julho de 2012