Reino Unido condena mulher que matou filho por não decorar Corão

Sara queria que 
Yassen, 7, fosse um hafiz
 (memorizador do Corão)
A Justiça do Reino Unido condenou Sara Ege (foto), 33, à prisão perpétua por ter batido em Yaseen (foto), seu filho de 7 anos, porque ele não conseguia decorar trechos do Corão. A pena poderá ser abrandada para 17 anos se Sara tiver bom comportamento. O crime ocorreu em julho de 2010.

A promotoria acusou Sara de ter colocado fogo em sua casa para que o corpo do menino fosse queimado, de modo a esconder o crime. Os peritos descobriram que o corpo tinha marca de violência e que Yassen morrera antes do incêndio.

Sara e Yousef Ali Ege, 39, o marido dela, tinham inscrito o menino em uma mesquita para que ele se tornasse um hafiz (memorizador do Corão). Mas o garoto preferiu brincar a ter de decorar 35 páginas a cada três meses — a meta que tinha de cumprir.

The Sun informou que Sara passou mal ao ouvir a sentença.

O juiz Wyn Williams disse estar convencido de que Yaseen, no dia em que viria a morrer, deixou de ir à escola para se dedicar às lições do Corão. “Ele [o garoto] deve ter errado em alguma das lições, e essa foi a razão do espancamento”, afirmou.

Com informação das agências.





'Deus é grande', grita talibã. E mata acusada de adultério
julho de 2012

Comentários

  1. matou ou bateu? que sensacionalismo barato dessa pagina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você saber ler? "Tribunal condena mulher que matou filho por não decorar Alcorão" http://www1.folha.uol.com.br/mundo/1211211-tribunal-condena-mulher-que-matou-filho-por-nao-decorar-alcorao.shtml

      Pare de falar merda e procure a fonte original.

      Excluir
    2. Bateu até o garoto morrer, depois colocou fogo na casa para esconder da perícia, essa noticia saiu em vários jornais, em vários países... just google it.

      Excluir
    3. Bateu ate matar, tacou fogo para encobrir o crime com uma noticia assim nem precisa de sensacionalismo.

      Excluir
    4. "Os peritos descobriram que o corpo tinha marca de violência e que Yassen morrera antes do incêndio."



      Excluir
    5. Sabe ler, crentalhão?

      Excluir
    6. Como é burro meu zeus!

      Excluir
    7. Ela só bateu.

      A responsabilidade pela morte é do próprio garoto, que quis partir para um mundo melhor mais cedo, opcionalmente.

      Excluir
  2. porque foi mandada pra prisao la isso é comum
    religiao barbara que domina o pais a base da forca e maioria

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente. O barbarismo está bem diante dos olhos das pessoas e elas não conseguem enxergar. A religião destrói a capacidade mental e emocional das pessoas.


      não tenho dúvidas de que a religião seja uma patologia. Mais leve em alguns casos, mais extrema em outros.

      Excluir
  3. Não sei o que é mais cruel

    a mãe que matou o filho

    ou a religião por fazer crianças DECORAREM trechos do livro deles.

    ResponderExcluir
  4. Paulopes porque que eu não consigo comentar tuas matérias lá no facebook , eu estou explodindo de raiva não com você , mais por não estar conseguindo comentar lá , pô eu não fiz nada , eu queria processar o facebook por causa disso , estou muito sentido , estou sofrendo um dano moral e não tenho onde recorrer..

    Eu acho que as verdades que eu digo incomodou um maníaco cristão que não sai de lá de seus comentários e ele deve ter me denunciado e injustamente estou sofrendo esta censura..

    Nunca me dirigi a ninguém lá , mais eu sei a verdade dói e os cristão não suporta quando vê suas fragéis fé sendo confrontada.

    Vou procurar saber como que resolvo isto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. te entendo perfeitamente T_T

      Excluir
  5. Prisao, a casos em que prisao e muito pouco no caso em questao acho eu que a forca seria bem usada

    ResponderExcluir
  6. Imaginemos quantas vezes casos como esse aconteceram ao longo da história do povo muçulmano.
    Esta mulher é tanto culpada quanto vítima da crença em deus.

    ResponderExcluir
  7. Nesta horas dá vontade de acreditar que exista um inferno realmente para gente assim, mas me contendo em saber que passará anos presa e sem achance de maltratar outra criança

    ResponderExcluir
  8. Eu sou a favor da pena de morte,principalmente nesses casos de bestialidade humana.

    ResponderExcluir
  9. tem coisas que só o corão faz por você.

    ResponderExcluir
  10. Fanatismo mata... alguem tem dúvida, vai lá no afeganistão e diz que maome é um charlatão pra ver..., é isso que os religiosos querem para o nosso pais um fundamentalismo religioso que mata as pessoas que não o seguirem, vejam bem em que estão metendo os seus filhos mandando para escolas que criam pequenos hitlers que sao contra outras religiões ou contra a quem não tem religião, a religião na infância só cria pequenos monstrinhos que agridem os outros por divergencias de pensamento, se não vai numa escolha e faz uma pesquisa da violencia ou bulling entre as crianças de 7 a 10 anos, o motivo de tanta violencia uns contras os outros.....

    ResponderExcluir
  11. A bestialidade está diretamente ligada a religiosidade da pessoa, vou te dizer uma mãe ateia não seria capas de bater até matar um de seus filhos, eu sou ateu e meus filhos são a coisa mais legal da vida, agora a bestialidade da ignorancia criada pela religiao onde leva mães e pais a matarem seus filhos pela crença besta, o governo não pode deixar isso acontecer aqui em nosso pais e nenhum pais deveria concordar com isso.

    ResponderExcluir

Postar um comentário