Ministro pede perdão e evangélicos impõem sua agenda ao governo

O ministro petista e católico praticante Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência da República) teve de pedir “perdão” à Frente Parlamentar Evangélica por causa, segundo ele, “de uma interpretação equivocada” sobre o que dissera em relação aos pastores.

Os parlamentares evangélicos tinham declarado guerra ao ministro (e por extensão ao governo) desde que ele afirmou no Fórum Social Mundial, no mês passado, que o PT precisa disputar com os pastores o poder de influir nas classes emergentes.

Ficou entendido, na ocasião, que se tratava de uma guerra ideológica necessária para que o governo conseguisse aprovar medidas liberais, como as relacionadas aos homossexuais.

Nesta quarta-feira (15), um dos homens mais influentes do governo e do PT teve de passar pelo constrangimento de pedir à bancada evangélica “desculpas” e “perdão”.

Para não perder o apoio dos evangélicos nas eleições municipais, o governo e o PT estão tendo de engolir a agenda conservadora dos religiosos.

Além do mico que Carvalho teve de pagar, a ministra recém-empossada Eleonora Menicucci (Secretaria de Políticas para as Mulheres) está tendo de medir as suas palavras, na expectativa de que deixe de ser atingida pelo chumbo grosso das críticas de religiosos desde que ela, em uma entrevista, disse que pessoalmente é favorável à legalização do aborto.

A própria presidente Dilma Rousseff teve de reiterar que seu governo não vai propor nada em relação a essa questão e que Eleonora só falou em seu nome.

Há ainda a troca súbita pelo Ministério da Saúde de um vídeo da campanha de prevenção ao HIV no Carnaval porque a primeira versão desagradou aos evangélicos por mostrar dois homossexuais se tocando no rosto.

Independentemente disso, pastores ultraconservadores, como Silas Malafaia, já avisaram que vão fazer campanha contra o candidato petista à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, por ele ter sido o responsável pelo chamado  "kit gay" em sua gestão no Ministério da Educação. Kit que, aliás, não foi distribuído às escolas por pressão dos religiosos.

Carvalho tinha defendido em público uma “guerra ideológica” contra as lideranças evangélicas por acreditar que elas hoje têm grande poder político, mais até do que demonstraram nas eleições presidenciais.

Os acontecimentos dos últimos dias confirmam isso.

Religiosos intensificam ataques para desmoralizar ministra pró-aborto.
fevereiro de 2012

Religião na política.

Comentários

  1. E dizem que não estão tentando transformar o Brasil em uma teocracia. A influência desses políticos evangélicos está cada vez mais perigosa. Se ninguém parar isso logo, será tarde demais para consertar. Ao menos, de uma forma pacífica... Se voltarmos a ter uma ditadura, só com uma nova revolução.
    E considerando os jovens de hoje em dia, vamos ter que esperar pela próxima geração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se f...este otário, vai narrumar o pt e depois arrume o Brasil.

      bem feito, pelo menos alguém ta calando estes politicos.

      Excluir
    2. O q é pior? a teocracia ou os políticos rabo-preso q roubam de variadas formas???

      Excluir
    3. Uma teocracia onde os líderes roubam de variadas formas.

      Excluir
  2. Eu estou começando a ficar com medo do futuro deste país. Os evangélicos estão tomando conta de tudo!! Eu mudou para o Paraguai mais não vivo numa Teocracia nem morta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. já estou pensando nas alternativas de fuga se o brasil se tornar mais teocrata que já é...

      Excluir
    2. Eu também, Beatriz. Por isso, devemos nos manifestar, essa país não é só dos evangélicos!

      Excluir
    3. Suas manifestações serão apenas um mero exercício democrático estéril, inútil, vazio, patético...
      Enquanto isso, o próximo Presidente do Brasil será um Evangélico. O Apóstolo Valdemiro, sendo o mais audaz dos Líderes Cristãos, certamente vai lançar um candidato à Magistratura Máxima desta Nação!
      Então, Cristo vai exorcizar todos os males, todos os demônios, todo encosto que assolam os Secularistas.

      Excluir
    4. Senhora Crente, por favor, volte à terra-média, lar de Sauron, que com certeza é o seu lar, onde Trolls poderosos como você possam descontar toda sua raiva, ódio ou frustrações uns nos outros.

      Excluir
    5. Vamos mudar os nomes das ruas, só nomes bíblicos, as escolas nomes bíblicos, praças e hospitais e etc...procurem uma ilha pra vcs ateus, pois esta tudo sendo dominadooooo.

      TEOCRACIA JÁ!!!

      Excluir
    6. Tô nessa tb. Se Brasil virar uma teocracia cristã, vou pedir asilo político na Noruega.

      Excluir
    7. eu não entendo esses crentes da PQP, passam fome pra encher o rabo do pastor de grana e ainda acham que estão com a razão?? A coisa é a seguinte meus pais não tomaram coro da policia pra libertar esse país do militares, para que eu fique de braços cruzados vendo um monte de lambe saco de pastor que acreditam em um "conto de fadas" escrito a mais de 2000 anos detonar o Brasil com a sua intolerância e preconceito. Contra intolerância a intolerância,conflonto armado se for preciso e so um aviso seu "deus não vai ter nem tempo de te proteger tá...

      Excluir
    8. Anônimo de Feb 17, 2012 07:17 AM, você age da mesma forma que aqueles que deram baixaram o coro nos seus pais. Pela sua fala, você concorda com a cossa que seus genitores levaram. Você, pelo jeito, daria uma cossa nos próprios pais, se pudesse. Se já não o fez.

      Excluir
  3. o brazil ja é uma bosta.com essesa crentalha vai ficar pior

    ResponderExcluir
  4. Que vergonha para o brasil ,mais algumas leis aprovadas e teremos uma teocracia. Depois vai falar que os ateus não avisaram ,mais eles fazem vista grossa.

    ResponderExcluir
  5. Estamos numa teocracia velada.

    Vide os candidatos à Presidência da República: só faltaram prometer colocar a Terra na centro do Universo novamente.

    Mercadores de influência: eis o verdadeiro poder dos Pastores Evangélicos.

    Mais uma vez, um povo que não tem capacidade de cobrar, sempre é influenciado por alguém: pastores, políticos, mídas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc, Avelino Braga.

      Mas não acho que seja tão velada assim.

      Agora seria um bom momento para a nossa presidenta por ordem na casa e dar um basta para não se submeter e evitar transformar o Brasil em uma Israel cristã.

      Mas a meu ver, nossa presidenta abriu as pernas para a bancada evangélica e tem medo deles, dado a sua força atual no governo.
      Nas próximas eleições, será ainda pior, com muito mais cristãos eleitos pelas suas congregações. Ai sim, será impossivel tomar qualquer atitude e o Brasil, certamente, deixará de ser oficialmente, um estado laico.

      A atitude de nossa presidente em fazer um ministro pedir desculpas, dizer que uma mnistra (escolhida por ela e sua companheira no periodo da ditadura militar) fala por sí apenas e não reflete a posição do governo, chega a ser ridículo.
      Ora, uma ministra, responde sim pelo governo na sua pasta. Ou será que nem a presidente e nem os ministros tem mais força política ?

      Ainda resta o fato da nossa presidenta se recurar a propor um tema polemico, mas necessário, como a legalização do aborto por ter medinho que a bancada cristã fique de mal com ela.

      Acho que realmente não temos uma governanta, mas apenas uma maquinista. Não é ela que decide e não é ela que dá um rumo.

      Se quisermos realmente eleger um governante, devemos eleger bons deputados federais e senadores, pois presidente mesmo, só fica como um negociador.

      Excluir
  6. Políticagem da nisto ai, não existe compromisso em governar, mais sim de fazer a vontade da maioria e ainda chama isto de democracia.

    ResponderExcluir
  7. Hoje,a maior oposição ao governo petista não é feita pelos tucanos, que se revelaram incompetentes também para isso. A oposição mesmo, pra valer, é a da liderança conservadora dos evangélicos, o que significa um grande golpe no já frágil Estado laico brasileiro. Houve um retrocesso...

    ResponderExcluir
  8. Isso se chama politicagem.
    Pior que uma teocracia é um governo ateu.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Argumentum ad baculum: O apelo à força (da expressão latina: argumentum ad baculum), é uma falácia em que força e coerção são apresentadas como justificativa para uma conclusão falsa. É um modo de apelo à consequência e ao medo. Pode também estar relacionada ao apelo à autoridade quando se usa de sua força enquanto autoridade de determinada situação para convencer alguém de seu argumento. O apelo à força pode assumir uma forma não falaciosa, como acontece com as leis."
      .
      Não queremos um governo ateu, e sim um que não seja governado por pessoas que falam com amigos imaginários...

      Excluir
  9. Me preocupa inclusive a preocupação do PT pelo domínio dos corações e mentes.

    ResponderExcluir
  10. "Pior que uma teocracia é um governo ateu"

    Só na sua opinião de crente.

    ResponderExcluir
  11. Vocês pode ter certeza que ali no congresso esta bancada evangélica teve ter no máximo uns quatro líderes que são os testas de ferro e eles estão se comportando como verdadeiros aiatolas na minha opinião eles estão atormentados por razão de suas religiões ,eles vão afundar o brasil e transformar este lindo país numa maldita e nefasta teocracia, eles vão fazer surgir terrorista e tudo mais.

    ResponderExcluir
  12. Eu, petista no exílio, permito-me lembrar que o PT colhe em abundância o que plantou.
    Sou de um tempo - retratos amarelados na parede, etc - em que alianças eram feitas desde que 3 pressupostos fossem atendidos, e todos com o mesmo nível de importância:
    1. Alianças para vencer as eleições;
    2. Alianças para vencer as eleições e governar (no sentido de implementar o Plano de Governo) e
    3. Alianças para vencer, governar e mudar concretamente para melhor a vida das pessoas.
    A atual política de alianças do PT resulta em, quando muito, meras vitórias eleitorais, porque os "aliados" não garantem que se governe para mudar.
    4. O PT tornar-se-á ainda maior do que é hoje, mas contraditoriamente, perde cada vez mais sua capacidade de mudar.
    5. O pior é que não vejo saída. PSOL (que se junta hoje com o PPS)? PSTU e PCO, pouco mais que seitas fanatizadas de subúrbio?

    ResponderExcluir
  13. Vamos ver o que este imbecil quis dizer .

    Ele falou que uma teocracia é melhor que um governo ateu , vamos juntar um dinheiro e mandar ele para o irã.

    ResponderExcluir
  14. nosso brasil nas mãos de fanáticos fundamentalistas?voltaremos pelo menos a 2000 anos atras.


    vamos também para a politica ateus!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos sera fácil basta a gente se disfarçar de crente. Igual eles se disfarçam de cristão.

      Excluir
  15. Daqui a pouco beijar na boca vai ser crime malditos fundamentalista raça vagabunda e safada da pelo menos um bom exemplo de um governo onde os homens tenham paz sacramentado sobre uma única religião , seus covardes doentes mentais deixem o governo seus hipócritas adoradores de sexo vinhos mordomias e tudo mais ,deveria sumir do mapa estes aiatolas do cristianismo ,antes de transformar nossa nação num lixo.

    ResponderExcluir
  16. Não me surpreendo em ver o PT se curvando a quem quer que seja pra ter votos. Sarney não é aliado do governo? Não há ideologia em mentes corruptas.

    ResponderExcluir
  17. Humanistas seculares de plantão! Precisamos nos manifestar contra essa afronta ao Estado Laico! Não podemos deixar que esses fundamentalistas mequetrefes nos ditarem o que pensar, não podemos deixar nosso país ser governado por pessoas mesquinhas que só visam o próprio bem-estar, enquanto as minorias chafurdam na lama da opressão e do esquecimento. A "verdade" deles não é a nossa!

    Eles pensam que podem fazer o que quiser, mas não podem! Eles são a maioria, mas não são únicos. Esse país não é só deles! Esse país também é nosso!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Disse tudo Luan. Se está situação piorar, vamos ter que nos mover e fazer alguma coisa!!

      Excluir
    2. Que tal irem até a igreja do Botton e...rezar?

      Excluir
  18. O Ministro não precisava revelar os intentos do governo.Acabou dando um tiro no próprio pé.Mais uma vez,e está ficando corriqueiro,o governo vira refém desta bancada crente-xiita fisiologista e corrupta sem-vergonha e amoral.

    ResponderExcluir
  19. Estado Laico: a gente não vê por aqui.

    ResponderExcluir
  20. O pT acende uma vela pro diabo e depois vem acender uma vela para Deus.
    Quando e que vão aprender a n confiar em comuna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Favor procurar um psiquiatra ou estudar política. O PT não é "comuna". Está mais para um partido da direita que da esquerda. Nota-se claramente o medo do PT ante a bancada religiosa. Vocês de extrema-direita além de ser tão alienados e sem nexo quanto a política, não têm razão nenhuma para reclamar.

      Excluir
    2. Composto por dirigentes sindicais, intelectuais de esquerda e católicos ligados à Teologia da Libertação,no dia 10 de fevereiro de 1980 no Colégio Sion em São Paulo, foi fundado o PT.

      O PT foi um partido de esquerda e continua sendo um partido com raízes religiosas.

      Excluir
    3. AnônimoFeb 15, 2012 07:50 PM vc é um desqualificado para discutir isto

      Aquela maldita estrela vermelha representa o que?

      As políticas do governo seguindo a cartilha do Marxismo cultural é o que?

      Procure sobre o Foro de São Paulo

      e

      Walesa disse que LUla iria implantar o comunismo no Brasil.
      http://www.youtube.com/watch?v=ub4Yvqn4m0I

      Vai se informar cara

      Excluir
  21. Pronto, agora qualquer um que se virar contra a bancada evangelica deve pedir perdão a DEUS...

    Ou seja a bancada intocável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. por min o governo deveria era cobra impostos dessas malditas igrejas pricipalmente as evamgelicas.numca soube que deus uo jesus,tem com em banco,so sei que a maioria dos desonestos e mentirosos,vão ser cristões

      Excluir
  22. Contra os Malafaias só existe um caminho e que o PT sabe usar como ninguém. É poder, tem a faca e o queijo nas mãos. Basta fazer com os líderes das igrejas, sobretudo Macedão,Malafaia e RR Soares o que fizeram com o Francenildo. Basta uma devassa fiscal nos negócios deles. Como nos EEUU estão a fazer com os seis maiores televangelistas.
    Taí coisa que o PT faz bem: chantagem e manobra rasteira. Que use os métodos contra quem o está fazendo engolir sapos.

    Mas não deixa de ser divertido ver o PT levando rasteira da rafuagem crente. Alguém está fazendo com o governo o que este nos fez com a Reforma da Previdência em 2003. Espero que o sapo da Ideli seja um sapo dourado.

    ResponderExcluir
  23. Lembrar q Dilma só venceu as eleições depois q fez a carta compromisso aos evangélicos de não discriminalização do aborto, e assim levou os milhares de votos deles. Essa foi a contrapartida, agora ela está quebrando o contrato, então... Para vencer uma eleição o PT promete tudo, acende uma vela pra Deus e outra pro Diabo..literalmente...e tudo tem o preço, a fatura é cobrada, cedo ou tarde.

    ResponderExcluir
  24. É isso aí. Contrarie os crentes e você perde para um cristão. Até a Dilma teve que ficar pianinho, tudo por causa do boqueteiro do Bispo de Guarulhos, um tal de José Serra.

    ResponderExcluir
  25. Bem o Brasil, é o ultimo reduto, a ser conquistado, pelas mentiras.
    Religiosos e Politicos se debatem, no fim vencera o pior com certeza;.
    Desde que mantenham o povo na ignobil posição de abestados.

    ResponderExcluir
  26. Numa entrevista, o cantou inglês Elton Jonh disse que a religião transforma as pessoas em “roedores detestáveis”.

    Um documentário do cientista Richard Dawkins, que usa um dos versos da música “Imagine”, de John Lennon:

    “Imagine nenhum homem-bomba, nenhum 11 de setembro, nenhuma cruzada, nenhum conflito na Irlanda (entre católicos e protestantes), nenhuma guerra entre Israel e Palestina”

    ResponderExcluir
  27. Cria corvos...........Acho pouco para o PT,mas ao mesmo tempo é triste observar que os tais evangélicos estão mandando e desmandando nesse governo e os gays são uma espécie de bode expiatório para todas as causas deles já que é uma minoria. Quanto ao aborto sou contra, não por questões religiosas, mas nós sabemos todas ramificações nervosas já existem no feto, então imaginem! Por isso sou contra. Quanto a minoria gay, penso que deveriam fazer o Dossiê Evangélico e atacar na mesma moeda: vocês não sabem a miséria que malafaias, magnos, macêdos et caterva fazem pelo Brasil afora e adentro? Acordem joguem na mesma moeda.

    ResponderExcluir
  28. Religião e paz não se mistura ,enquanto houver religião vai haver guerras e todos tipos de conflitos, religião deve se retirar do governo e da política , porque poder e religião é a mistura mais perigosa do mundo , e os religiosos que almejam pode ter certeza que são os mais fundamentalistas e doentios. Estamos vendo o brasil andar para trás e as consequências todos já sabem , basta pegar livros de história e ver aonde que isto deu certo.

    ResponderExcluir
  29. A cristandade é a maior fomentadora de guerras.

    Movimentam bilhões de dólares na fabricação de armas...

    ResponderExcluir
  30. Gilberto Carvalho se mostrou um mau político, ao dizer abertamente o que pensa. Políticos precisam saber dissimular, especialmente diante de um inimigo respeitável. Imagine uma reunião entre Hitler e Stálin em 1938 e os dois dizendo candidamente para a imprensa: "Estamos aqui discutindo um pacto de não agressão para dividirmos a Polônia e o Báltico e ganharmos tempo para atacar a França e a Inglaterra". Foi mais ou menos isso o que o Gilberto fez.

    ResponderExcluir
  31. O QUE?
    VOCÊS AINDA NÃO ENTENDERAM A 'IDEOLOGIA DO PT'?
    OU VOCÊS ACHAM QUE É ATOA O NAMORO DO PT COM FIDEL CASTRO?

    ResponderExcluir
  32. O Brasil caminha rapidamente para se tornar um estado Teocrata


    E nesse caso, não adiantará fazer uma revolução armada, o pior tipo de guerra existente é quando vc resolve combater alguem q está lutando pela sua fé. E o brasileiro é preguiçoso por natureza, ele não iria pegar em armas pra entrar em uma guerra civil

    ResponderExcluir

Postar um comentário