Malta chama de ‘safado’ petista que quer reduzir poder de evangélicos

Malta pregou reação ao
ministro 'meia-boca'
O senador Magno Malta (foto), do PR-ES, chamou de “safado” o ministro petista Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) por ter dito que o partido tem de disputar com as lideranças conservadoras evangélicas o poder influência nas classes emergentes.

Malta, que é evangélico, afirmou ontem (8) na tribuna do Senado que Carvalho defendeu uma “guerra ideológica” com os evangélicos para agradar os defensores do aborto.

“Temos de reagir à fala irresponsável desse ministro meia-boca”, disse. “Carvalho é camaleão e mentiroso. Ele que lave a boca com álcool.”

O senador falou que o petista é mal agradecido porque nas últimas eleições presidenciais pediu a ele ajuda na campanha de Dilma Rousseff. Disse que em 2002 já tinha dado contribuição para “dessatanizar” Luiz Inácio Lula da Silva, então candidato à presidência.

Afirmou que os líderes religiosos deveriam recorrer à Justiça contra o petista. “Ele é um sujeito que nos bajula, mas não dá para ouvir esse cara de pau falar e ficar calado.”

Na semana passada, o pastor Silas Malafaia, que tem se destacado pela sua retórica conservadora, publicou nota em seu site afirmando que rejeita qualquer confronto com o PT porque defende a laicidade do Estado.

Comentários

  1. Olha o nível dos cristãos , e porque este magno esta tão perturbado os que são a favor do aborto é uma minoria quase que insignificante contra milhões de evangélicos, sinceramente esta começando a dar medo a atitude destes evangélicos fundamentalistas ,mais na verdade nem cristão eles são e ficam ai com esta gritaria porque esta funcionando e fazendo ele ganhar votos pra estar sempre se reelegendo, é vergonhoso ver o nível que esta nossos governantes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nível dos cristãos?

      NAO GENERALIZEM
      ATEUS E ESQUERDISTAS GENERALIZAM TUDO

      Excluir
    2. aqui não é apenas falta de nível

      mas falta de decoro parlamentar

      pior que conheço um grande número de evangélicos (a maioria por sinal) com esse linguajar chulo e ofensivo...

      no meu entender isso caberia algum tipo de punição

      Excluir
    3. Nada demais o que o Magno Malta falou.

      Um aprendiz de ditador, como o tal Gilberto Carvalho, é um SAFADO mesmo.

      Excluir
  2. Dirigir a uma pessoa de cara de pau é muito ultrajante. Nos ateus atacamos idéias e não prejudicamos ninguém já o que os evangélicos querem fazer além de ferir o estado laico minando o que realmente pode nos proteger que é manter a laicidade do estado, eles querem impor seus pensamentos e idéias a toda uma humanidade , eles deveriam ler mais livros de histórias e descobrir o quanto isto é perigoso. Acho que eles estão dispostos a matar para estabelecer a hegemonia cristã .
    Doentes fundamentalistas não são aqueles que morrem por suas idéias , mais aqueles que matam por suas idéias.

    ResponderExcluir
  3. Esse Magno Malta já deu vários sinais de que não tem preparo para o cargo que ocupa,mas ´serve para os propósitos dos evangélicos de instituir via congresso uma teocracia no país.Vejam a tal(imoral)PEC 99/2011.Se essa porcaria for aprovada tirem a palavra progresso da bandeira nacional e coloquem retorno à idade das trevas!.

    ResponderExcluir
  4. O senador Magno Malta exemplifica muito bem uma tese do Carlos Esperança, colaborador do Diário Ateísta e presidente da Associação Ateísta Portuguesa: nenhum crente é bom por causa da religião, mas muitos são maus por causa dela.

    Hitchens expressa idéia semelhante com outras palavras. Ele gostava de desafiar os religiosos a mostrar uma única ação virtuosa que não pudesse ser praticada por um ateu. Como quem diz, um religioso decente não é decente por causa da religião; se assim fosse, não haveria ateus capazes de ser igualmente virtuosos. Por outro lado, continuava Hitchens, há muitas ações malévolas que só podem ser praticadas por um religioso. Nenhum ateu condenaria um homossexual à morte, como fazem os fundamentalistas islâmicos nos países em que detêm o poder e como fariam os cristãos por aqui se tivessem poder para isso.

    À frente da CPI da Pedofilia, o senador Magno Malta fez ou faz (não sei se ele continua desempenhando essa função) um trabalho espetacular, digno de reverência, seja mandando para a cadeia predadores sexuais, seja propondo modificações na legislação para garantir maior proteção às nossas crianças.

    Mas isso não tem nada a ver com religião. Eu sou ateu e procuro fazer um trabalho semelhante ao do senador, quer proferindo palestras em escolas, quer escrevendo livros sobre abuso sexual. Se eu não proporciono tantos benefícios sociais quanto o senador, isso se deve simplesmente ao fato de que não ocupo uma posição tão privilegiada quanto a dele.

    Já em relação aos deslizes do senador Magno Malta, não podemos dizer que eles não têm nada a ver com a religião. Isso seria mentira. Ao se opor aos projetos de interesse dos homossexuais, como a legalização do casamento gay, o senador Magno Malta age por razões exclusivamente religiosas. A quebra de decoro que ele cometeu ontem no Plenário ao chamar um colega de "safado" também tinha motivações religiosas. Em suma, sempre que ele faz uma bobagem, pode-se apostar que isso tem alguma coisa a ver com suas crenças religiosas.

    Para finalizar: como ateu, eu posso praticar todas as boas ações que ele pratica, mas as bobagens que ele faz eu jamais faria.

    ResponderExcluir
  5. No Senado, há uma proposta que
    pretende reduzir para 13 anos a
    maioridade penal, apresentada pelo
    senador Magno Malta (PR-ES).
    O projeto chegou a ser aprovado na
    CCJ (Comissão de Constituição e
    Justiça), mas acabou arquivado no
    início desse ano, na virada da
    Legislatura.
    O político afirma que não desistirá
    da ideia e promete viajar pelo Brasil,
    depois do Carnaval, em campanha
    pela redução da maioridade penal.
    Dessa vez, Malta quer extinguir o
    limite de idade.
    "O país não pode conviver com a
    violência que convive, que de cada
    dez assassinatos, oito tem um
    menor no meio. Menor não, um
    homem de 17, 15, 16 anos que mata,
    que estupra, que sequestra, e
    depois, quando a polícia põe a mão,
    e ele diz tira a mão de mim, que sou
    menor e conheço meus direitos",
    afirma.
    Para mudar a Constituição e permitir
    penas comuns a menores de 18 anos
    é necessário o apoio de pelo menos
    três quintos dos votos da Câmara e
    do Senado, ou seja, 308 deputados e
    49 senadores. Além disso, a proposta
    deve passar por dois turnos de
    vota em cada casa.

    Informações radio senado. Noticia de março 2011

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Todos sabem que com isso o Magno Malta quer forçar os jovens a se manterem castos até a maioridade por força de lei. Isso porque se jovem transar com outro menor será considerado ilícito, e correm o risco de serem presos, assim como acontecem em muitos estados americanos.

      Imaginem: ser preso porque fez sexo, porque a lei diz que a propria pessoa não consente a si mesma.

      Excluir
  6. Se o resultado da CPI da pedofilia foi aquela reforma tosca sobre estupro, pois foi de mal a pior.

    ResponderExcluir
  7. Sobre as mudanças propostas pelo senador Magno Malta, eu me refiria à penalização de donos de motel que permitem a entrada de menores de idade. Houve tempo em que um adulto podia levar uma adolescente a um motel sem que o dono do motel fosse punido por isso.

    Com o caso Joanna Maranhão, o senador Magno Malta propôs não só o fim da prescrição para casos de abuso sexual, como uma pena maior para os agressores. Hoje ela é de 6 a 10 anos (exceto nos casos em que a vítima é vulnerável). O senador propôs uma elevação da pena para 30 anos.

    Mas não sei se essas duas últimas propostas chegaram a virar lei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 'Sobre as mudanças propostas pelo senador Magno Malta, eu me refiria à penalização de donos de motel que permitem a entrada de menores de idade. Houve tempo em que um adulto podia levar uma adolescente a um motel sem que o dono do motel fosse punido por isso.'

      Deveria ser legal. Adolescente não é criança, e a idade do consentimento é 14 anos. Já a prostituição infantil passa longe.


      'Com o caso Joanna Maranhão, o senador Magno Malta propôs não só o fim da prescrição para casos de abuso sexual, como uma pena maior para os agressores. Hoje ela é de 6 a 10 anos (exceto nos casos em que a vítima é vulnerável). O senador propôs uma elevação da pena para 30 anos.'
      É um palhaço. O aumento da prescrição e da pena não evitará que jovens tenham sexo com adultos. 30 anos é o máximo que a pessoa pode ficar na cadeia, e geralmente por homicidio. É necessária muito cautela na formulação disso, coisa que esse senadorzinho não tem.

      Excluir
  8. Hoje adolescentes tem vida sexual ativa como qualquer adulto é a evolução meus caros , não adianta querer tapar o sol com a peneira ,eu já transava com 13 anos e sabia perfeitamente o que estava fazendo a gente marcava trabalho escolar em grupo só pra gente transar e se divertir. A minha fase de farra já passou mais aproveitei cada minuto da minha adolescência e juventude. Agora hoje também muitas meninas estão partindo para o homossexualismo devido a educação errada e marginalização do sexo masculino seleção natural.

    Esta tudo errado neste mundo tudo errado estamos decadentes e culpa das muitas mentes doentes que não sabe nem educar seus filhos e nem sabe aceitar a nossa própria natureza ,a verdade é que não somos robôs e ninguém vai fazer isto com a gente , mundo maldito eu te odeio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu transo desde os 11 sem problemas.Como você disse,é a evolução,mas muitas meninas estão partindo para o "homossexualismo" devido a educação errada e marginalização do sexo masculino seleção natural?Elas "partem" por a homossexualidade é fato presente em suas mentes.E o Magno Malta acredita que um menor de 13 anos pode matar(para isso deve ser tratado como adulto),mas não tem maturidade para consentir sexo(para isso deve ser tratado como criancinha indefesa)Ora,que raciocínio mais esquizofrênico deste senador!.

      Excluir
    2. Também iniciei minha vida sexual cedo, sem o trauma que muitos alardam. Mas esse anonimo das 06:03 está equivocado sobre o 'homossexualismo' dos jovens. Acho que está ressentido por que queria pegar uma garota e ela era lésbica...

      Excluir
    3. Eles querem destruir as mulheres e dizer que eles tem que ser escravas castas e donas de casas eu tenho certeza que hoje a mente dos adolescentes tanto masculino e feminino esta muito confusa , aqui na minha região fuderam com alguns adolescentes que estavam numa festinha regada a alcool e sexo. Prenderam eles e a imprensa os tratou de estrupadores eu achei um absurdo ,no vídeo as menina de shortinho rebolava muito e não pareciam nenhum um pouco infelizes, porque eles tratam as mulher como daminhas de cristais e retartadas mentais , e outra vez um amigo se despediu de uma amiga com um selinho na boca uma mulher viu chamou a polícia e ele foi preso por estrupo tinha 18anos ela 14anos, depois de desfeito o mal entendido ele foi liberado.

      Excluir
    4. Eu já conheci jovens lésbicas e elas dizem que prefiriram ser assim porque homens são violentos e não entende o sentimento delas, quer dizer tudo o que passa ao redor vai influenciando silenciosamente em suas decisões.

      Excluir
    5. Não tem mais cabimento tratar adolescentes como "coitadinhos".Isso já era.Tratar as adolescentes como daminhas de cristal e retardadas mentais é um pensamento provinciano do século retrasado que ainda permanece por conta da mentalidade puritana dessas religiões protestantes e neoprotestantes e resquícios das doutrinas da ICAR da época do Brasil colônia e do império.Aff!!É um horror só!!

      Excluir
    6. Acho que adolescentes lésbicas são lésbicas porque gostam de outras garotas,mas por conta do preconceito,homofobia e bullying saem com essa "desculpa" de que homens são "violentos".E os meninos gays gostam dos "violentos",né?Que estranho.Pela lógica, ninguém aprecia violência.

      Excluir
    7. O ambiente determina comportamento se elas estão crescendo num ambiente que sexo é coisa ruim que sentir desejo sexual é coisa ruim se é oprimido pelo pai e pela mãe ,naturalmente vão se sentir reprimidas e aos poucos vão ceder a ter relações homossexuais , mais nem todo caso é assim , mais estes fatores contribuem sim para garotas se tornarem homossexuais é algo que nem eles tem muito controle vai acontecendo meio que sublinarmente em suas mente e de repente elas se entregam ao homossexualismo. Hoje você pode ter certeza que o número de adolescentes lésbicas é muito maior do que já foi anos atrás

      Excluir
    8. Nunca li comentários tão idiotas sobre acharem que a homossexualidade ser opção.

      Excluir
    9. Daqui a pouco vai ter gente defendendo o 'estupro corretivo' de lésbicas, como certos pástores que ouvi...

      Excluir
  9. Malta,

    O senhor está cuspindo no prato que comeu, se lambuzou e repetiu a dose. Falso e hipócrita como todo bom evangélico

    ResponderExcluir
  10. Meu jesus cristinho se se depender desse Malta voltamos ao obscurantismo da Idade Média. Livrai-nos deles pai nosso!!

    ResponderExcluir
  11. Gilberto Carvalho pra presidente ushaushaushaush

    ResponderExcluir
  12. Estou vendo um certo alguém tremendo nas bases...

    Esse Malta é muito orgulhoso e avarento, acha que merece ter mais poder sobre a população emergente só poruqe acredita em contos de fadas para adultos. Tem que colocar esses folgados nos seus devidos lugares, eles não são melhores do que os outros deputrados, ladrões ou não.

    Ainda vamos chegar a laicidade de verdade que merecemos neste país.

    ResponderExcluir
  13. Quando os pastores falam milhões não chega a 20% do que dizem. Mas a ideia de maioria e uma pratica dos fundamentalistas para fazer barulho, como um sapo que se achar maior depois de se estufa, parece justo milhares de pessoas em furias alimentadas pelo odio de seus pastores atacando a liberdade de expressão, bem qualquer semelhança entre evangelicos com o islã não é mera concidencia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa conversa de "maioria" eu sempre tive um pé atrás.A maioria pode acreditar em Deus ou Jesus,mas não está dentro dos templos.FATO!

      Excluir
  14. olha o Malta ta muito cert esse dep eh muito falso e mal-agradecido

    ResponderExcluir
  15. Malta, deixe de ser mal agradecido, afinal o PT deu tudo para a igrejinhas fazerem suas misérias. Taí uma briga que vai pegar fogo PT e Igrejas Evangélicas duas seitas que matou o povo brasileiro e o reduziu a um imberbe de 10 anos.

    ResponderExcluir
  16. É triste perceber que os políticos só sabem brigar e não são capazes de apontar o que há de errado no país, ou mesmo nas críticas contra o partido ou a ele mesmo. Olhando assim, é muito mais fácil achar garotos de 15 anos que são muito mais capazes do que esses caras.
    Adendo: Silas defende a laicidade? Usar moral conservadora pregada pela igreja para debater contra aborto e casamento homo afetivo é defender a liberdade?

    ResponderExcluir

Postar um comentário