Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Gay denuncia Edir Macedo pela prática de charlatanismo

Na TV Iurd, Macedo "arranca" de um jovem
 o 'espírito imundo' da homossexualidade
Um homossexual de Itapecerica da Serra, na Grande São Paulo, protocolou uma denúncia no MPF (Ministério Público Federal) em São Paulo contra o bispo Edir Macedo e o pastor Clodomir Santos, da Igreja Universal, pela prática de charlatanismo (exploração da credulidade pública).

Para “investigação”, o denunciante enviou ao MPF gravação de um vídeo onde os dois religiosos, durante uma sessão de exorcismo transmitida pela TV IURD via internet, expurgam de um jovem identificado como Leandro “espíritos imundos”, entre os quais o da homossexualidade, e “queimam” supostas enfermidades, incluindo Aids.

Ele lembrou que nos anos 50 o curandeiro Zé Arigó foi condenado pelo exercício ilegal da medicina. E é disso do que se trata o exorcismo, de acordo com estudos feitos pelo padre Oscar Quevedo, conforme mencionou o denunciante. Por isso, para ele, os pastores violaram os artigos 282, 283 e 284 do Código Penal Brasileiro.

O denunciante solicitou a investigação não só no interesse da coletividade LGBT, mas de toda a sociedade, porque entende que a demonização de homossexuais se insere em um “discurso de ódio, homofobia, preconceito e discriminação”.

O pedido de investigação foi endereçado a Jefferson Aparecido Dias, da Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão, no dia 6 de fevereiro. Antes, no dia 9 janeiro, este blog noticiou que Macedo comete charlatanismo ao 'curar' gay e 'queimar' Aids, apresentando um resumo do vídeo do exorcismo, que segue abaixo.

Dias deverá decidir nos próximos dias se aceitar ou não o pedido de investigação.


Íntegra da representação

Eu, [.....], apresento-me para trazer a V. Excia o que considero uma violação do Código Penal Brasileiro nos artigos 282, 283 e 284, praticados pelos representantes máximos da empresa religiosa Igreja Univeral do Reino de Deus, Av. João dias, 1800, Santo Amaro, São Paulo – SP, 04724-003, Edir Macedo e Clodomir de Tal, em suspeita de delito comprovado pelos vídeos publicados na internet, que anexo em formato físico de CD Rom à esta denúncia, e para a qual solicito investigação afim de apurar a legitimidade de minha suspeita, e se for o caso acatá-la para dar prosseguimento.

No interesse difuso, não só da coletividade LGBT, mas também da sociedade brasileira democrática de direito me obrigo a recordar as condenações e prisões de José Pedro de Freitas, mineiro, paranormal conhecido nacionalmente como Zé Arigó, que nos idos de 1958 foi denunciado, julgado e condenado por exercício ilegal da medicina nos Estado de Minas Gerais e, a acrescentar conceito do padre Oscar Quevedo, famoso estudioso brasileiro dos fenômenos paranormais, que afirma ser o exorcismo nada mais que exercício ilegal da medicina.

Também, no interesse desta denúncia, vale recordar que as principais associações mundiais de psquiatria, psicologia, neurologia e outras medicinas, bem como a ONU pela OMS e Human Rights e inumerais instituições internacionais, inclusive os Conselhos Nacionais de Medicina e Psicologia atestam peremptoriamente que a homossexualidade não é doença e portanto não é passível de processos de cura ou reversão, visto que não há para onde reverter as orientações sexuais.

Entendemos que demonizar as orientações sexuais diferentes da heterossexual são formas de discurso de ódeio, homofobia, preconceito e discriminação que induzem a malefício de toda ordem com prejuízos físicos e psicológicos irreparáveis, chegando ao assassinato e suicídio, e que urge sustar tais manifestações pela raiz com o rigor próprio da Justiça.

Por tudo isso solicitamos a V. Excia, repetimos, no interesse difuso da coletividde e em especial da coletividde LGBT, que se digne mandar apurar o que ora entendemos ser grave violação do Código Penal Brasileiro.

Na defesa de uma sociedade justa, igualitária, inclusiva e livre de preconceitos,

Itapecerica da Serra, 6 de fevereiro de 2012

Anexo: meio físico CD Rom, com discurso e as imagens dos referidos delitos.

'Cura' da homossexualidade em nome de Jesus


Íntegra do vídeo.    Milagrentos.

Pastor afirma que emagrece fiéis com lipoaspiração divina.
fevereiro de 2012

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...