Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Turquia

Projeto de lei ‘case com seu estuprador’ da Turquia legaliza casamento infantil

Lei proposta pelo partido  de Erdoğan inocenta  os estupradores Legisladores da Turquia apresentaram um projeto de lei que, se aprovado, inocentará os estupradores e incentivará o casamento com mulheres menores de 18 anos.

Menina a partir de 6 anos pode se casar, diz governo turco

Maomé se casou  com uma criança A Diynet (Direção de Assuntos Religiosos da Turquia) publicou que as mulheres podem se casar no início da adolescência e que, no caso dos muçulmanos, esse período começa aos 9 anos.

Turquia anula condenação por blasfêmia ao pianista Fazil Say

Say disse estar preocupado com a liberdade de expressão em seu país A Justiça da Turquia anulou a sentença que tinha condenado o pianista Fazil Say (foto), 43, a prisão de dez meses sob a acusação de ter cometido blasfêmia contra o Islã. Um tribunal de Istambul aceitou o argumento do advogado de Say de que o julgamento apresentou “vícios de origem”. Agora, haverá um novo julgamento. Say é um pianista conhecido internacionalmente. Ateu assumido, ele foi denunciado à Justiça por três fiéis por ter ofendido a religião islâmica ao transcrever em 2012 no Twitter o seguinte verso de Omar Khayyám, poeta do século 11: “Você diz que rios de vinho fluem no céu/, o céu é uma taverna para você?/ Você diz que duas virgens esperam cada crente lá/, o céu então é um bordel para você?”. Os fiéis também se sentiram ofendidos com o comentário no microblog do pianista sobre a brevidade de 22 segundos de uma oração em uma mesquita. “Qual era a pressa? [do sacerdote]”, escreveu Say. “Uma aman

Justiça da Turquia condena pianista ateu por blasfêmia

Fazil Say vai cumprir pena de prisão em liberdade condicional Um tribunal de Istambul (Turquia) condenou hoje o compositor e pianista Fazil Say  (foto), 43, a dez meses de prisão sob a acusação de ter cometido blasfêmia contra o Islã. Ele vai cumprir a pena em liberdade condicional. No caso de haver uma segunda condenação, por qualquer outro motivo, ele não mais terá o benefício desse tipo de liberdade.  Com uma carreira internacional, Say é o pianista mais famoso na Turquia. É ateu assumido. Em 2012, ele escreveu dois twittes que levaram líderes religiosos a denunciá-lo à Justiça. Em um twitte , o pianista comentou a duração de 22 segundos de uma oração feita em uma mesquita por um muezzin (espécie de sacerdote): “Qual era a pressa? Uma amante? Uma bebedeira?” Em outro, transcreveu um verso de Omar Khayyám, poeta do século 11: “Você diz que rios de vinho fluem no céu/, o céu é uma taverna para você?/ Você diz que duas virgens esperam cada crente lá/, o céu então é

Turquia multa TV sob acusação de deboche a Deus nos Simpsons

Trecho considerado ofensivo a Deus A agência governamental de acompanhamento da radiofusão da Turquia aplicou uma multa de 22.600 euros (cerca de R$ 62.000) ao canal de TV CNBC-E sob a acusação de transmitir um episódio da série "Os Simpsons" que debocha de Deus. Os censores não gostaram de ver Deus se aconselhando com o Diabo, a quem lhe server um cafezinho. Censores não gostaram do Diabo dando ordem a Deus Eles também acharam excessivo o trecho que incentiva os jovens a consumir álcool na passagem do ano e exala a morte por "ordem divina". “A Bíblia é publicamente queimada, e Deus e Satã são mostrados sob a forma de humanos”, afirma relatório da agência. Com 75 milhões de muçulmanos, a Turquia é uma república secular cujo governo sofre no momento forte assédio dos líderes religiosos, que tentam impor valores islâmicos ao país. "Os Simpsons" é uma bem-sucedida série de críticas aos costumes, e os seus responsáveis já estão acostu

Justiça turca adia julgamento de ateu acusado de blasfêmia

Fazil Say é pianista de prestígio internacional A Justiça da Turquia adiou para 18 de fevereiro de 2013 o julgamento do pianista ateu Fazil Say (foto), 42, que está sendo acusado de insultar o Islã em dois tweets postados em abril. Em um deles, o pianista comentou a duração de 22 segundos de uma recitação de um muezzin (puxador de oração em mesquita): “Por que tanta pressa? Ele tem uma amante a sua espera ou um raki em cima da mesa?”. Raki é uma bebida proibida pelo Islã, com qualquer outra que tenha álcool. Em outro tweet , Say transcreveu um verso de Omar Khayyám, do século 11: “Você diz que rios de vinho fluem no céu/, o céu é uma taverna para você?/ Você diz que duas virgens esperam cada crente lá/, o céu então é um bordel para você?” Say compareceu nesta quinta-feira (18) ao Tribunal e pediu a anulação do processo, o que foi recusado. A Justiça manteve a acusação da Promotoria de que o pianista foi insultuoso para com os “valores religiosos”, além de incitar o ódio e

TV estatal turca censura no Imagine um 'mundo sem religião'

Silhueta de Lenon mostrada no encerrado dos Jogos Olímpicos Ao traduzir ao vivo a festa de encerramento no domingo (5) dos Jogos Olímpicos de Londres, o apresentador da emissora estatal de TV turca TRT omitiu o trecho da letra de "Imagine" do beatle John Lenon que se refere a um "mundo sem religião”. O restante da música foi traduzido normalmente. A omissão foi notada pela NTV, emissora privada do país. Os diretores da TRT estão ligado ao AKP (Partido da Justiça e Desenvolvimento), agremiação de orientação islâmica do presidente Abdullah Gül, cujo mandato é de 7 anos. A maioria (98%) da população é muçulmana, mas a Turquia não tem religião oficial. O AKP está tentando minar essa secularidade com adoção de medidas cuja inspiração vem do Corão, como a segregação de gênero nos acampamentos de jovens, construção de mesquitas em pontos turísticos de Istambul e recomendação para que a imprensa se paute por “critérios morais”. Imagine  já tinha sofrido deturpação n

Justiça da Turquia aceita acusação de insulto contra pianista ateu

Fazil Say disse que não   quis ofender ninguém A Justiça da Turquia aceitou de autoridades religiosas acusação de insulto contra o pianista Fazil Say (no traço ao lado), 42, por causa de dois twittes dele. Em um ele comentou os 22 segundos de uma oração recitada por um muezzin. “Qual era a pressa? Uma amante? Uma bebedeira?”, escreveu. Em outro post transcreveu um verso atribuído a Omar Khayyám, poeta do século 11: “Você diz que rios de vinho fluem no céu/, o céu é uma taverna para você?/ Você diz que duas virgens esperam cada crente lá/, o céu então é um bordel para você?” Justiça da Turquia condena pianista ateu por blasfêmia abril de 2013 Say disse ter orgulho de ser ateu, mas acrescentou que não teve o propósito de ofender ninguém, só o de tentar ser engraçado no microblog. Com 72 milhões de habitantes, a Turquia é uma república secular onde a influência crescente na política de sacerdotes do Islã (a religião majoritária) tem afetado a laicidade do país

Evolução ainda não é aceita por uma minoria de cientistas

da Globo Ciência Há 150 anos,  Darwin teve de enfrentar duras críticas Desde quando divulgou a teoria da evolução das espécies através da seleção natural, na obra “A Origem das espécies”, em 1859, o naturalista britânico Charles Darwin (foto) enfrentou críticas, tanto de outros cientistas quanto da Igreja. Hoje, mais de 150 anos depois, poucos se atrevem a contestar o evolucionismo darwiniano, com exceção de religiosos – alguns deles cientistas – que defendem o criacionismo. “Hoje em dia, a teoria evolucionista é aceita por toda a comunidade científica, exceto por fundamentalistas, especialmente nos Estados Unidos e em alguns países árabes. Os lugares que têm mais oposição à teoria evolutiva são Turquia e Estados Unidos”, diz o diretor do Instituto de Biologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), professor Antonio Solé-Cava. A restrição de religiosos a Darwin acontece porque a teoria do britânico, ao defender a evolução dos seres vivos por meio da se