Pular para o conteúdo principal

Na Itália, idoso ex-Testemunha de Jeová morre após sofrer pressão da seita

O ex-Testemunha de Jeová Lucio Antonioli, 84, de Modena, Itália, morreu na segunda-feira em um hospital.

Em setembro de 2019, depois de 40 anos como membro da seita, ele pediu desligamento por intermédio de uma carta ao escritório das TJs em Roma.

SACERDOTES FORAM
APARECERAM NA CASA DO
EX-FIEL PARA INTIMÁ-LO

Dois dias depois, dois anciões (pastores) da seita em Modena apareceram sem avisar na casa de Antonioli para intimá-lo a comparecer a uma audiência onde seria anunciado a sua desassociação, submetendo-o, em consequência, ao ostracismo por parte dos fiéis.

A desassociação equivale à excomunhão da Igreja Católica, só que mais rigorosa porque nenhum membro da seita pode ter contato com ex-membros, incluindo parentes.

Antonioli, que estava com a saúde debilitada, com problemas de coração, processou as Testemunhas de Jeová por ter sido incomodado.

Os advogados de Antonioli comunicaram à Justiça que os anciões entraram na casa de seu cliente contra a vontade dele e o que houve foi uma invasão.

Eles informaram que a saúde do idoso piorou depois disso, precisando haver internação.


Bruno Manganiello, curador administrativo de Antonioli, afirmou que o óbito foi precedido de "quatro meses de agonia” do paciente.

Ele lamentou que o idoso tenha sido pouco visitado no hospital por seu filho, que, Testemunha de Jeová, seguiu a orientação da seita.

“É com raiva e consternação que anuncio o final desta história muito triste”, disse Manganiello.

“É uma história que deve ser contada porque essas coisas não precisam acontecer.”

Com informação de La Prensa e de outras fontes.



Veja 14 proibições das Testemunhas de Jeová a seus seguidores

Ex-fiel diz por que as Testemunhas de Jeová são uma 'seita destrutiva'

MP da Itália investiga perseguição de Testemunhas de Jeová à ex-fiel

Revista das Testemunhas de Jeová afirma que ex-fiéis são 'doentes mentais'




Comentários

Posts + acessados nos 30 dias mais recentes

Morre de Covid-19 pastor bolsonarista que defendia uso da cloroquina

Angolanos expulsam os pastores brasileiros de 30 templos da Universal

Edir Macedo amaldiçoa angolanos que expulsaram pastores brasileiros de templos