Pular para o conteúdo principal

Coronavírus: casos confirmados sobem para 34 no Brasil

Subiu para 34 o número de  casos confirmados do novo coronavírus (Covid-19) no Brasil. A contaminação voltou a subir após ter ficado estável entre domingo (8) e segunda-feira (9 de março).

VÍRUS COVID-19: DOS
34 CASOS CONFIRMADOS,
SÓ 5 ESTÃO HOSPITALIZADOS 

São nove novos pacientes infectados em relação a ontem (9 de março de 2019). O boletim foi divulgado pelo Ministério da Saúde hoje (10 de março), em Brasília.

Apenas três estados não possuem casos confirmados ou suspeitos: Roraima, Amapá e Tocantins. O Maranhão, que estava nesta condição até ontem, entrou na lista com  dois casos suspeitos e dois pacientes com a infecção descartada.  Dos 34 pacientes confirmados, apenas 5 estão hospitalizados.



O Estado que mais registra casos confirmados do Covid-19 permanece  São Paulo, com 19. Confira  a lista:
  • Alagoas: 1
  • Bahia: 2
  • Minas Gerais: 1
  • Espírito Santo: 1
  • Rio de Janeiro: 8
  • São Paulo: 19
  • Rio Grande do Sul: 1
  • Distrito Federal: 1
Até o momento, são 893 pessoas que estão como "casos suspeitos" de infecção por coronavírus em todo o país. Ninguém morreu por causa da doença. Já os pacientes com infecção descartada pelas autoridades de saúde ficaram em 780.

Em todo o mundo, segundo o último balanço, 109.578 pessoas já se infectaram com o vírus, e 3.809 morreram. Uma taxa de mortalidade de 3,4% aproximadamente.

Com informação da Agência Brasil e Assessoria de Comunicação do Ministério da Saúde 





Em tempo de coronavírus, a religião tem de se ajoelhar diante da ciência

Cristão americano diz que a solução da China para o coronavírus é aceitar Jesus

Saiba como se proteger do coronavírus

Cientistas britânicos começam a testar vacinas contra coronavírus em ratos



Comentários

11.03.2020
CORONAVIRUS URGENTE, URGENTÍSSIMO. Daqui para frente, que as pragas e pandemias sirvam somente para amedrontar os fanáticos religiosos e manter as igrejas vazias. Já que a maioria da espécie humana é composta por indivíduos primitivos que adoram os deuses, desprezam os cientistas e odeiam os ateus, pelo menos agora que as pessoas que estão tossindo não soprem balões para festas comemorativas. (L.C. BALREIRA).
18.03.2020
REVISTA NATURE E ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DA SAÚDE (OMS) CONFIRMAM QUE INDIVÍDUOS ASSINTOMÁTICOS TRANSMITEM O CORONAVIRUS (COVID-19). No dia 13.02.2020 escrevi um comentário intitulado “O Fantástico Doutor Li Wenliang Contra a Estupidez e a Imbecilidade dos Políticos que governam o Mundo” no qual afirmei o seguinte: “O transmissor do coronavirus de Wuhan (COVID-19) poderá ser serpente, morcego, pangolim, ou nenhum deles! Se as vítimas do coronavirus não pararem de surgir na cidade de Wuhan é porque o vírus está incubado em um inocente cidadão, transmissor etiológico, super transmissor humano número 1. Ele não apresenta nenhum sintoma da doença, febre normal. Esse hipotético, mas possível, transmissor original da epidemia ignora totalmente ser possuidor do vírus e está se sentindo ótimo, bem disposto”. Hoje, 18.03.2020, de acordo com os noticiários televisivos, a Revista Nature e a OMS revelaram que “Pesquisadores já encontraram evidências de que pessoas com o novo coronavírus podem transmitir a doença sem que apresentem os sintomas, o que é chamado de caso assintomático”. Embora a Nature e a OMS não tenham falado sobre a imbecilidade dos políticos, governantes e administradores públicos, pelo menos confirmaram o que eu afirmei mais de um mês atrás. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.
10.04.2020
CORONAVÍRUS. APOLO 13. BRAINSTORM. MUNDO, NÓS TEMOS UM PROBLEMA! O risco de risco de morte iminente dos astronautas da Apolo 13 fez com que na Terra fossem requisitados dos maiores gênios pertinentes ao assunto para salvar os astronautas. No caso do covid-19, já deveríamos estar fazendo isso desde o começo da epidemia na china, antes que se tornasse pandemia. Ainda dá tempo no Brasil de formarmos alguns grupos de especialistas em várias áreas do conhecimento, como medicina, biologia, farmácia, enfermagem, etc., somente para fazer anamneses e brainstorms, examinando casos concretos de pessoas que não foram contaminadas por pessoas próximas que morreram ou ficaram gravemente abaladas com a doença. Por exemplo, eu vi na TV uma mulher que teve sintomas muito leves em casa e ficou curada na quarentena enquanto o marido quase morreu com o covid-19. A anamneses nessas pessoas que não foram atingidas ou o foram de modo muito leve. Que tipo de medicamentos essas pessoas ingeriram antes da pandemia? Por exemplo, será que várias dessas pessoas que não foram atingidas pela peste tomaram contraste intravenoso à base de iodo? Tomam coquetel anti-HIV? Enfim, existem milhares de sustâncias nas farmácias, alguma(s) dela(s) poderia(m) salvar muitas vidas. Três grupos de pesquisas com pesquisadores de várias áreas em cada grupo poderiam estar trabalhando já há bastante tempo, inclusive em países onde a pandemia já tenha chegado há bem mais tempo. LUÍS CARLOS BALREIRA. PRESIDENTE MUNDIAL DA LEGIÃO CIENTÍFICA BRASILEIRA.
22.05.2020
O FARAÓ DA BÍBLIA E AS VACAS MAGRAS. O MESSIAS BOLSONARO E O VÍRUS CORONA. Há milhares de anos, com seus deuses zoo-antropomórficos, o Faraó da Bíblia foi bem sucedido em sua economia durante 7 anos de vacas magras. O messias brasileiro Bolsonaro, sob a proteção do Bispo Macedo, de seus 3 deuses, Jeová, Jesus, o “médico dos médicos”, e o Espírito Santo, já estava se borrando de medo, e amaçando as hemorroidas de seus ministros já nas primeiras 7 semanas de covid-19. (L. C. BALREIRA).

Posts + acessados hoje

Vídeo mostra que filho de Testemunhas de Jeová já discrimina colega da escola

Antes de dizer em live 'aceitem a paz do Senhor', pastor xinga sua mulher

Justiça de Angola determina o fechamento de todos os templos da Igreja Universal