Projeto de ajuda a sacerdotes que se tornaram ateus atende 1.000 pessoas

Integrantes de
 plataforma online
 usam pseudônimos

Lançado em 2011, o Projeto Clero já atendeu 1.000 sacerdotes que se tornaram ateus, incluindo integrantes atuais e antigos.

Sem fins lucrativos, o Projeto é mantido pela Fundação Richard Dawkins, britânica, e FFRF (Freedom From Religion Foundation - Fundação para o Fim da Religião), americana.

Trata-se de uma plataforma virtual onde, com pseudônimos, os sacerdotes que deixaram de acreditam em Deus trocam experiência entre si.

Alguns deles “saem do armário”, abandonam a carreira religiosa e assumem publicamente como ateus.

Outros permanecem sacerdotes, suportando conflito de consciência, porque teriam dificuldade de arrumar outro emprego ou não gostariam de desagradar parentes e amigos.

Com informação do site do The Cleray Project.



Projeto Clero cria blog para sacerdotes ateus anônimos

Americano que foi pastor por 25 anos agora prega a descrença

Pastor americano afirma na TV que não acredita em Deus

Pastor americano de surdos anuncia em vídeo que se tornou ateu





Comentários