Religião tem longa história de opressão às mulheres, diz Emma Thompson

Emma Thompson (foto) diz ser ateia porque, entre outras coisas, entende que as divindades fazem parte da lógica de opressão às mulheres.

“A religião tem uma longa história de opressão à mulher”, afirma a atriz.

Filha de atores, a atriz e roteirista Dame Emma Thompson nasceu em Londres no dia 15 de abril de 1959.



Participou de filmes como Howard's End (1992), The Remains of the Day (1993), In the Name of the Father (1993), Sense and Sensibility (1995), Love Actually (2003), a saga Harry Potter (2004-2011), Nanny McPhee (2005), Saving Mr. Banks (2013) e Beauty and the Beast (2017).

Ganhou vários prêmios, incluindo dos Óscares.

Ligada ao Greenpeace, ela recebeu o título de Dama do Império Britânico calçando tênis.

É defensora das mulheres desde uma época em que o feminismo não estava em moda.

“Acima de tudo e em primeiro lugar sou uma feminista que acredita nos direitos da mulher e na igualdade”, diz em uma entrevista.

“[Por isso] é impossível eu sentir simpatia ou fé em qualquer instituição que sistematicamente oprime as mulheres.”



Com informação do El País e de outras fontes, com foto de divulgação.



Aviso de novo post por e-mail

Angelina Jolie afirma que para ela não precisa existir um deus

Homem é o criador de deus, afirma Morgan Freeman

Caetano Veloso, ateu famoso



Ateus brasileiros famosos


A responsabilidade dos comentários é de seus autores.

Comentários


EDITOR DESTE SITE

Paulo Lopes é jornalista profissional
diplomado. Trabalhou no jornal centenário
Diario Popular, Folha de S.Paulo,
revistas da Editora Abril e em
outras publicações.