Ex-TJs queimam cartão pessoal de proibição à transfusão de sangue

Um vídeo [abaixo] mostra ex-Testemunhas de Jeová americanos queimando e cortando cartões que usavam na carteira com a proibição de transfusão de sangue, em uma situação de emergência, mesmo em caso de risco de morte.

A campanha começou com uma postagem de Lloyd Evans, um TJs que se tornou ativista contra o fundamentalismo dessa religião.



Pela interpretação dos TJs de um trecho da Bíblia, o uso de sangue é pecado.

Pessoas, incluindo crianças, de todo mundo morrem por causa dessa fé que se coloca contra a razão e o instinto de sobrevivência. No Brasil, hospitais têm recorrido à Justiça para garantir o procedimento.

A proibição da transfusão foi introduzida no dogmatismo das Testemunhas de Jeová em 1945. Antes não era pecado.

Evans tem a expectativa de que sua campanha obtenha adesões de Testemunhas de Jeová, o que é improvável, porque poucos conseguem se salvarem do fanatismo religioso.



Com informação do Youtube e de outras fontes.



Aviso de novo post por e-mail

Testemunhas de Jeová fecham em apenas 3 anos 1.047 salões nos Estados Unidos

Testemunhas de Jeová da Holanda são denunciadas até agora por 278 abusos

Testemunha de Jeová recusa sangue, morre e deixa 9 filhos




Críticos das Testemunhas de Jeová estão mal informados, diz leitor


A responsabilidade dos comentários é de seus autores.

Comentários

-------- Busca neste site