Manual da Igreja Católica do Chile proíbe padres de dormirem com adolescentes

[opinião]

Os escândalos dos padres pedófilos do Chile têm sido tão avassaladores que a Igreja Católica, atordoada, publicou um manual proibindo que padres deitem ou durmam com “meninas, meninos ou adolescentes”.

Com o nome “Orientações que Fomentam o Bom Tratamento e a Convivência Pastoral Saudável”, o manual também proíbe "palmadas nas nádegas, tocar a área dos genitais ou o peito", "fazer massagens" e "beijar na boca" de crianças.


Cabe a pergunta:  antes podia tudo isso?

A publicar o óbvio, a Igreja Católica acaba admitindo, indiretamente, que é ou que era normal padres ir para cama com adolescentes, tocarem na genitália de jovens, enfim, essas coisas de predadores sexuais.

O manual foi assinado por Ricardo Ezzati, arcebispo de Santiago, que é, veja só, acusado de encobrir abusos de padres abusadores.

Dom Ezzati deveria ter acrescentado uma linha no manual: “Mantenham as criancinhas longe de mim”.

A forte reação ao manual fez com que a Igreja o retirasse do seu site horas depois de ter sido divulgado.

Patricia Muñoz, Defensora Pública da Infância, disse ter ficado em “estado de choque”.

No Chile, os pais que ainda não afastaram seus filhos de padres devem fazê-lo imediatamente, porque nem a convivência com Satanás (para quem acredita nele) é tão perigosa.

Alguns padres
adoram criancinha

Com informação do El País.


Aviso de novo post por e-mail

Pedofilia pode levar a Justiça do Chile a intimar o papa Francisco

Acobertamento de padres pedófilos acelera declínio da Igreja no Chile

Igreja do Chile tem confraria secreta de pedófilos, denuncia católica




Grupo joga bombas em igreja do Chile e deixa mensagem: ‘Porcos estupradores’

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.

Comentários

-------- Busca neste site