Polícia diz que pastor estuprou filho e enteado e os jogou vivos no fogo


Pastor é acusado
de matar os meninos
 para que eles não
 reclamassem do abuso

O pastor George Alves (foto) estuprou o seu filho, Joaquim, 3, e o enteado Kauã Salles Butkovsky, 6, e os matou, jogando os dois ainda vivos no foto. O crime ocorreu no dia 21 de abril de 2018. 

A conclusão é de investigação da Polícia Civil de Linhares, região norte do Espírito Santo [mapa abaixo].

A perícia encontrou sêmen no ânus dos dois garotos, o que, segundo a polícia, desmente a versão do pastor de que as crianças foram vítimas de um incêndio quando dormiam.


O pastor nega, mas o delegado André Jaretta disse haver provas do crime.

“As crianças continham fuligem na traqueia e o exame demonstrou que elas ainda respiravam quando começou o incêndio”, disse.

"Com as duas vítimas ainda vivas, porém desacordadas, o investigado as levou até o quarto, as colocou na cama e ateou fogo, fazendo com que elas fossem mortas com o calor do fogo.".

Preso temporariamente, o pastor foi indiciado por duplo homicídio triplamente qualificado e duplo estupro de vulneráveis.

Ele pode pegar mais de 100 anos de prisão.

O pastor George Alves tem mais um filho com sua mulher Juliana Salles.

No dia do crime, ambos estavam em um congresso.



Pastor é condenado a 7 anos de prisão por estupro de jovem

Pastor é acusado de usar 'revelação divina' para estupro




Escritores ateus

A responsabilidade dos comentários é de seus autores.


Comentários

  1. Acho uma idiotice blogs que tentam "provar" que o mau está na religião e posta noticias como esta...o mau está nas pessoas e não na religião ou outro segmento.O que quer dizer esta matéria? que um religioso fez coisa errada? e daí?culpe o cidadão e não Deus ou a religião...seria mais interessante colocar matérias pra se haver um debate amistoso entre ateus e religiosos e cada parte colocar suas razões e assim quem ler tire suas conclusões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O tempo do debate amistoso já passou. Deveria ter acontecido na época das inquisições. Hoje a máscara caiu e essa farsa já não tem amparo entre os esclarecidos.

      Excluir
  2. Meus Deus está acontecendo tanta coisas ruins estamos mesmo no final dos tempos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Busca neste site