Coligação laica argentina pede o fim dos privilégios da Igreja

deputada Cecília Merchán
A deputada Cecília Merchán disse que
os benefícios são inconstitucionais 
A CAEL (Coligação Argentina por um Estado Laico) pediu ao governo de Cristina Kircher que aproveite a sua proposta de reforma do Código Civil e Comercial para acabar com os privilégios da Igreja Católica.

A coligação sugeriu que, para tanto, o governo acabe com artigo do Código Civil que confere à Igreja o status de pessoa jurídica de caráter público.

Tal status garante à Igreja benefícios comparáveis aos concedidos às empresas estatais, como isenção de impostos.

Além disso, a Igreja conta com subsídios para suas escolas e os bispos recebem do governo salário equivalente a R$ 4.400. Somente a religião católica desfruta desses privilégios.

Cecília Merchán (foto), deputada e representante da Coligação por um Estado laico, foi quem apresentou formalmente ao governo o pedido de extinção do artigo 33.

Para ela, os privilégios da Igreja Católica ferem os princípios constitucionais da igualdade e da liberdade de culto, além de representarem gastos que deveriam ser cortados, principalmente neste momento de crise econômica.


O governo ainda não se manifestou sobre a proposta, que, provavelmente, será recusada, tendo em conta a forte influência da Igreja Católica entre os políticos da situação e da oposição.

Ainda assim o fato de os benefícios da Igreja serem colocados em debate público já significa um avanço, com prováveis resultados no futuro.





Com informação do site Kaos en la Red, entre outras fontes.

MP quer que Brasília deixe de financiar eventos religiosos
julho de 2012

Religião no Estado laico.

Comentários

Mahatma PJL disse…
Essa mamata deles tem que acabar.

Onde já se viu. Uma religião como qualquer outra, ter tanta moral em um Estado Laico?

É dinheiro entrando por tudo quanto é canto desse povo católico e eles ainda querem mais.

A igreja evangélica também tem que pagar impostos.
Já tava na hora de alguém se posicionar contra essa PALHAÇADA!
Anônimo disse…
Concordo, deve-se, simplesmente, colocar a ICAR em seu devido lugar, junto com as demais pessoas jurídicas comuns, pois é isso o que a Igreja católica é, uma empresa com fins lucrativos. E como qualquer outra pessoa jurídica, a Igreja está passiva à arrecadação de impostos.
Robson disse…
É um começo...

Robson Kvalo
Anônimo disse…
Precisávamos é de uma CBEL - Coligação Brasileira por um Estado Laico.
Anônimo disse…
Caracas! Vou começar a rever meu conceito em relação aos Argentinos.Alias acho que na próxima copa vou até torcer pelos argentinos. Esse pessoal tem raça. Merece meu respeito!
Daí o líder da igreja argentina começa a berrar aos quatro ventos "é perseguição com os cristãos!"
romulo disse…
Argentina não é estado laico nem "no papel", a constituição deles coloca o catolicismo como religião oficial. Pobrecitos.
romulo disse…
Artigo 33, eu ri.
Anônimo disse…
Pq?
Anônimo disse…
Melhor nota do IDEB Escola de Educação Básica São Bento, antigo Colégio São Bento

MISSÃO
Através do processo educativo desenvolver o potencial crítico e criativo dos educandos na perspectiva de transformação social. Tem como fundamentos à orientação da Proposta Curricular de Santa Catarina, os quatro pilares da educação em “Aprender a Conhecer, Aprender a Fazer, Aprender a Conviver, Aprender a Ser”, e a orientação Marista, “de formar bons cristãos e virtuosos cidadãos”.
Anônimo disse…
Idade do personagem Jesus,
Mais alto grau da loja maçônica...
LEGIÃO disse…
CAEL!!!
Parece nome de Anjo! Exemplo: CAMAEL, HANIEL, RAPHAEL, MIKAEL, GABRIEL, TZADKIEL...
O nome da Entidade é provocativo e eles atacaram o cerne de uma questão delicada.
Será que a Cúpula da Grande Prostituta vai mover suas hostes em defesa do salário pago pelo Governo, quero dizer, Povo?
Lia de Souza disse…
A Argentina tentando tirar o atraso e a França dando espaço para bispos católicos convocarem um movimento de oração contra o casamento gay...Depois as igrejas são vendidas e viram lanchonete de frango frito e não sabem por quê...
Anônimo disse…
USP CONFIRMA EFICÁCIA DO
PASSE MAGNÉTICO
Um estudo desenvolvido recentemente
pela USP (Universidade de São Paulo), em
conjunto com a Unifesp (Universidade
Federal de São Paulo), comprova que a
energia liberada pelas mãos tem o poder
de curar, o desenvolvimento.

A pesquisa nasceu em 2000, como
tema de mestrado do pesquisador
Ricardo Monezi, na Faculdade de
Medicina da USP

E lhe rogava com instância, dizendo: Minha filhinha está nas últimas; rogo-te que venhas e lhe imponhas as mãos para que sare e viva Marcos 5:23. E, ao pôr do sol, todos os que tinham enfermos de várias doenças lhos traziam; e, pondo as mãos sobre cada um deles, os curava Lucas 4:40. e viu um homem chamado Ananias entrar e impor-lhe as mãos, para que recuperasse a vista Atos 9:12. Está doente algum de vós? Chame os anciãos da igreja, e estes orem sobre ele, ungido-o com óleo em nome do Senhor Tiago 5:14.
Conspiratus disse…
No Brasil, a ICAR continua sendo beneficiada com o LAUDÊMIO, previsto no Art. 2038 do Novo Código Civil (Lei nº 10406/2002) "...o senhorio direto (...) terá direito de receber do alienante (vendedor) o laudêmio..."

Este "imposto", sobre transferência de propriedade permite que a cada venda de terreno a Igreja Católica embolse 2,5% do valor da transação, nos locais em que o "Domínio Útil" pertence à Instituição.

Em alguns lugares os terrenos que rendem LAUDÊMIO à Igreja são chamados de "Terrenos da Santa" e são resultado da benevolência caridosa de ricos latifundiários, que os doam ao Clero em troca de um lugar no Céu.

O LAUDÊMIO também é cobrado na transferência dos terrenos de domínio da Marinha e naqueles pertencentes à Família Real.

Quem é que manda aqui, hein?
Je crois que j'aime plus cette version. disse…
A ICAR manda e desmanda lá. A ICAR lá tem mais influência do que aqui, embora, aqui ela ainda seja muito influente, lastimosamente.
Anônimo disse…
Charlatanismo camarada..
Anônimo disse…
Vai nos hospitais que esta cheio de doentes nos hospitais mete sua mãozinha sobre eles e os cura -- puta merda viu é cada coisa que somos obrigado ler por aqui que eu nem acredito.
Já estamos nos organizando! Entre no nosso site e vai saber mais http://www.partidolaico.org/
Anônimo disse…
Interessante que la o casamento gay foi aprovado e aqui no brasil nao,quer dizer,a argentina mesmo nao sendo laica e mais secular que o brasil...
WillPapp disse…
Quando esse estudo for publicado numa revista científica e tiver sido revisado por outros cientistas, aí conversaremos.
WillPapp disse…
...e os bispos recebem do governo salário equivalente a R$ 4.400.

Não sabia que bispos católicos eram funcionários públicos, lá na Argentina.
Wickedman disse…
Emily Rosa, quando ainda era criança (9 anos), fez uma pesquisa que mostra que isso não passa de engodo, não funciona. E publicou um artigo científico sobre isso (era co-autora). Uma menina de 9 anos!

Mas tem muito adulto imbecil que acredita nesse tipo de prática e está disposto a pagar pra ser enganado.
Anônimo disse…
De todo modo, parabéns à Argentina. Difícil é encarar a força da ICAR lá!
Karollos disse…
Na Suécia, se não me engano, as igrejas, além de não serem isentas de nada, tem de pagar um imposto adicional todo ano para o governo.
Anônimo disse…
a biblia diz : nao acumular riquezas ,trabalhe em nome de Deus ele te dara tudo o q vc precisa .a igrja catolica nao ajuda ninguem 80% das arrecadoacoes do vaticano servem para o previlegio deles mesmos e seus familiares , so o 20% vai para os pobres . e cada vez mais aumenta os pobres e as injustiças .devem pagar taxas mais caras do q outras instituiçoes .finalmente alguem tem coragem de falar a verdade .
Francisco disse…
Os protestante nem se tocam que com isso colaboram com o ateísmo militante (basta procurar sobre a tal moça da foto), são tão hedonistas quanto eles.