Pular para o conteúdo principal

Polônia condena cantora a pagar multa por ofender católicos

Doda
Doda disse que escritores  da 
Bíblia bebiam muito vinho
O Tribunal Regional de Varsóvia confirmou na segunda-feira (18) a condenação da cantora Dorota Rabczewska (foto), 27, por ofensa aos católicos. Ela vai ter de pagar multa equivalente a R$ 4 mil. Em 2009, durante uma entrevista a uma TV, ela disse que “a Bíblia foi escrita por pessoas que bebiam muito vinho e fumavam cigarros de ervas”. Afirmou que acreditava em dinossauros, mas não no que diz a Bíblia.

Doda, como é chamada, já tinha sido condenada em primeira instância em 2010. Na época, a pena de dois anos de prisão foi convertida em multa, e ela levou a questão à Corte de apelações.

A cantora se defendeu com a argumentação de que não quis ofender ninguém e que, inclusive, tem parentes que são religiosos, como a sua avó.

Ela argumentou que o vinho ao qual se referiu foi sacramental e as ervas "certamente eram terapêuticas". Mas Doda já tinha sido denunciada à Justiça pelo Ministério Público a pedido de católicos.

Doda é uma pop star na Polônia, o que contribuiu para manter o caso nas manchetes dos jornais, colocando inclusive em discussão o rigor da lei da blasfêmia. A Aliança Democrática de Esquerda está elaborando um projeto de lei com o propósito de amenizar as punições dessa lei. 

Doda está considerando a possibilidade de dar entrada no Judiciário a nova apelação ou entrar com recurso no Tribunal Europeu dos Direitos Humanos na condição de vítima de intolerância religiosa.

Com informação das agências.


Comentários

Unknown disse…
gostaria somente de fazer uma pergunta a esta débil mental ??? porquê ela nao faz o mesmo comentário utilizando-se do alcorão ao invés da biblia... prá ver onde vai parar o silicone dela.

alberto floro
Anônimo disse…
Concordo. Os hippies não escreverem Briuba nenhuma. Na verdade quem escreveu foi uma cambada de analfabetos perambulando quase sem comida e sem água, no meio do deserto, onde não tinha nem papiro nem tinta. Isso sim é um fato arqueológico.
Anônimo disse…
Por que os católicos são menos psicopatas.
Anônimo disse…
ALBERTO FLORO, concordo com você.

É muito fácil para essas "celebridades" bancarem ser "rebeldes sem causa" com o cristianismo. Quero ver fazer isso com o alcorão.

Vai encarar os muçulmanos senhora Dorota Rabczewska?

Duvido.
Anônimo disse…
É sempre muito instrutivo observar como a Igreja Católica age nos países onde sua influência é maior do que aquela que ela goza no Brasil. Isso mostra o que ela realmente faria se tivesse o poder temporal em suas mãos. Vou dar um exemplo para ilustrar a questão, um exemplo que é do conhecimento de todos. Anos atrás, uma menina de nove anos foi estrupada em Alagoinha, se não me engano, e engravidou em decorrência desse estupro. A mãe a levou para fazer um aborto, e o padre da cidade José Cardoso Sobrinho, que primeiro tentou impedi-lo por vias legais, teve que se contentar no final das contas a condenar o procedimento, além de anunciar a excomunhão da equipe médica e da mãe da menina. Com a repercussão negativa do caso, inclusive internacional, a Igreja Católica procurou se afastar de Sobrinho, afirmando que a opinião dele não refletia a opinião oficial da Igreja, o que, no entanto, era mentira. Anos antes desse episódio, aconteceu algo parecido na Guatemala ou em Honduras, já não me recordo. Uma menina foi estuprada e engravidou. A diferença é que, como lá o poder e a influência da Igreja Católica são maiores do que os que ela tem no Brasil, a menina foi forçada a ter o filho fruto do estupro.

Quem vive no Brasil e goza de benefícios como liberdade de expressão ou legalidade do divórcio não deve nem por um momento achar que devemos isso à Igreja Católica. Pelo contrário, essas coisas existem apesar da Igreja Católica. São instituições que ela engole a contragosto, porque, se dependesse dela, ninguém poderia abrir a boca para criticá-la, nem nenhuma mulher poderia se divorciar do marido, mesmo que ele fosse um beberrão que a agredisse todo dia. O Paulo Lopes já se referiu aqui ao caso daquele indiano que está sendo processo por desmascarar as fraudes religiosas em seu país, o Edamaraku, acho. Agora, é o caso dessa voluptuosa polonesa. Em Malta, onde a Igreja Católica, manda e desmanda, o divórcio é proibido. E por aí a coisa vai.
nf disse…
Fico emocionado com tanto amor e misericórdia desses religiosos anônimos. Desejar o pior à uma jovem que disse apenas a verdade é uma atitude belíssima.
Israel Chaves disse…
Desculpe, mas vocês que sempre tentam recorrer a essa besteira de "faz isso com o Corão" são naturalmente idiotas ou se esforçam para isso?
A declaração dela foi dada em relação a Bíblia provavelmente por ter sido o assunto do momento na entrevista em que ela falou isso. Provavelmente ninguém falou nada sobre outra religião, visto que a Polônia, até onde eu sei, é extremamente católica. Lá não deve haver muitos problemas com muçulmanos para ela ter do que reclamar sem mais nem menos.
Seria a mesma coisa que querer me desafiar a reclamar de muçulmanos, quando eu falar algo sobre crentes berrando em suas igrejas. Oras, quem berra por aqui são os evangélicos! Não tem nenhum muçulmano me incomodando! Por que eu iria reclamar deles sem motivo? Porque é legal?
Eu poderia reclamar deles se o assunto fosse especificamente eles, porque não concordo com suas posições. Mas no meu dia-a-dia, eles não me afetam em nada.
Quando vocês vão parar de tentar desqualificar todos os que não concordam com seu manual mágico de como ser um assassino amoroso usando dessas falácias sem pé nem cabeça?
Anônimo disse…
Ela fez o cometário sobre a Bíblia, e não sobre o Corão, porque a Polônia é um país cuja população é cristã. Simples assim.
Jorge Gomes disse…
Concordo inteiramente. Isso acontece em todos os países onde grupos religiosos tem influência sobre o estado. Em várias localidades dos EE.UU as escolas públicas são obrigadas a ensinar o criacionismo em pé de igualdade com o evolucionismo. E por aí a coisa vai.
Anônimo disse…
Quando vocês começarem a mostrar o que acontece com ateus em países islâmicos e pararem de encher o saco dos crentes, que são uns bundões.
Israel Chaves disse…
O cara não lê uma única linha do que os outros escrevem e ainda vem querer responder...
Anônimo disse…
Concordo Israel, sempre esse "bobinhos" [para não digitar outras coisas] usam esses argumentos ridículos - "Ah, eu queria ver vocês "zuarem" com o Corão - como se os muçulmanos fossem salvar o cristianismo das "zuadas" de pessoas descrentes ou algo do tipo. Êta, povinho retardado!
Israel Chaves disse…
É a típica reação de quem não tem como negar um defeito ou dar uma boa desculpa quando criticado e aponta o dedo para o outro "ah, mas fulano também faz", como se o defeito do outro amenizasse o seu.
J. Tadeu disse…
O exemplo da excomunhão em Pernambuco foi até comentado brilhantemente na época pelo Drauzio Varella:
http://www.youtube.com/watch?v=Z8YTerNe0C4
Anônimo disse…
ohhhhhhhhhhhhhhhhhh peitão bão!!!! ;P
Regis disse…
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse…
é, ela é boazuda sim, mas esse texto é muito superficial e tendencioso, pra variar né? ja vi inclusive nesse blog casos inversos de ateus ofendidos e todos os ateus de mimimi....

ass: Berkeley
Regis disse…
Tenho percebido em várias noticias como os cristãos invejam o radicalismo muçulmano. Existe um certo fascínio dos cristãos por eles, "vai lá mexer com eles" repetem. É como se sentissem envergonhados, uns bunda-moles por não saírem matando quem pensa diferente. Veem neles o que no seu subconsciente desejam ser, mas os limites de nossa civilização não permite aflorar o fanático, homicida frustrado e ignorante de seu ser.
Resta deixar transparecem nos seus comentários e xingando muito no twitter.
A.Porto disse…
Fizeram a mesma coisa aqui com o datena.
Processar por comentários é o fim da picada.
John Constantine disse…
A Polônia continua sendo é um dos países mais católicos do mundo"

Favor corrigir, Paulo...

E esses religiosos sao uns frescos, se ofendem tanto por tao pouca coisa... morrem de raiva e odio contra as pessoas que possuem suas proprias opinioes sobre o que acham das crenças e supersticoes.

Tá na hora de uma dose de vida real nesses crentes.
Fabiano disse…
Não é a mesma coisa. O Datena disse que ateus são criminosos, pessoas más. O comentário dela foi idiota, mas ela estava falando de um livro. Tem uma diferença enorme.
Anônimo disse…
Linda ela eh? gata...qdo ela vira fazer show no Brasil?
J. Tadeu disse…
Podemos generalizar assim (ao estilo freudiano):
cristãos são islâmicos frustrados. Ah, crentes de pouca fé!
Anônimo disse…
Acho que é isso mesmo, Regis.

Charles
Anônimo disse…
Ô polaquinha jeitosa!
Ryoko a mais temida da galáxia disse…
quanta coragem a dela, ir bater de fente com esses crápulas nem rambo faria melhor, ele acham que são unânimes, como dirioa nelson rodrigues, toda uninimidade é burra sempre haverá excessões
Anônimo disse…
Se apelar para o Tribunal europeu pode ser que de certo, e como a UE praticamente tem poderes sobre a polonia, fica livre da condenação
bornato disse…
Tem que ter peito pra fazer sarcasmo de religião. Ponto final.
Anônimo disse…
É tipo Lady Gaga, Madonna e outras merdas do mundo pop.

Gostam de mostrar toda sua "ousadia" de adolescentes idosas tentando esculhambar o Cristianismo, mas não ousam fazer uma gracinha com o Islamismo...
Anônimo disse…
Que muitos cristãos devem se sentir envergonhados e bundões, vendo os ateístas os atacando sem trégua, e eles apenas "oferecendo a outra face", devem mesmo.
Anônimo disse…
Pode-se criticar o Cristianismo e atacar os cristãos à vontade, mas os ateus não, pois estes são, como seus amigos gays, sempre coitadinhos, vítimas de discriminação e preconceito.
Anônimo disse…
Não há motivo para estresse, nem há grandes novidades.

A cantora fez apenas mais um comentário idiota sobre o cristianismo, como Richard Dawkins e seus fãs fazem o tempo todo.
assombração sabe pra quem aparece disse…
Mas que os bostalhões ateístas, tão valentes pra fazer declarações públicas atacando o Cristianismo, afinam diate dos islâmicos, afinam mesmo.

E dar a desculpa de que "ah, mas são os cristãos que nos incomodam, e não os muçulmanos" não cola. Especialmente na Europa, onde a presença islâmica se faz cada vez mais forte e as celebridades ateístas, tão valentonas contra os cristãos, põem submissamente seus rabos entre as pernas em respeito ao Islã.
Yuri disse…
Condenada por falar a verdade. É o fim dos tempos mesmo (rsrsrs).
Pirata do espaço disse…
se acham tão intocáveis

o covarde posta como asnomino
Yuri disse…
Na Europa. Até onde eu me lembro, eu moro no Brasil.
Yuri disse…
"atacar os cristãos"

Quem tá atacando cristãos? Falar mau de um livro é insultar quem acredita nele?
Anônimo disse…
E a polonesa valentona tá na Europa.
Anônimo disse…
Tá. Até parece que a única coisa que ateístas fazem é falar mal de um livro, e não fazem mais nenhum tipo de ataque.
Anônimo disse…
E o valente não posta como anônimo, mas corajosamente assina seu nome verdadeiro: "Pirata do espaço".
james hetfield disse…
isso é só uma piada

pirata do espaço é um nickname
Unknown disse…
Por que no país dela, o que mais fala alto é a gibíblia. Tanto que aquilo lá é um lixo de Estado Teocrático.

Islamismo é outro lixo, né?
Porque várias pessoas sacaneam.

Tem até gente que faz baseado com as folhas do livro sagrado do povo bomba rsrsrsrs.

Dá nada, única coisa que assusta mesmo, é a bomba dos "Self Destruction" hahahahahaha bíblia livrinho mitológico :D
James Bond disse…
Ah, ok. Agora estamos usando nossos nomes verdadeiros.
Anônimo disse…
assombração sabe pra quem aparece - 20 de junho de 2012 18:00

Mas que os bostalhões ateístas, tão valentes pra fazer declarações públicas atacando o Cristianismo, afinam diate dos islâmicos, afinam mesmo.

E dar a desculpa de que "ah, mas são os cristãos que nos incomodam, e não os muçulmanos" não cola. Especialmente na Europa, onde a presença islâmica se faz cada vez mais forte e as celebridades ateístas, tão valentonas contra os cristãos, põem submissamente seus rabos entre as pernas em respeito ao Islã.
AlyneS2 disse…
rsrsrsrsrs^^
Ela apenas resumiu o assunto. De uma forma estúpida.
Israel Chaves disse…
E você é tão valentão que até para dar opiniões bestas de criança do primário precisa postar em anonimato, certo?
Não é irônico um anônimo falando sobre dar a cara a tapa?
Anônimo disse…
Faz o seguintr cristao chorao, arruma uma turminha de psicopatas de jesus e va fazer cruzadas contra quem critica sua intocavel crença mitologica.
Anônimo disse…
Nao faltam motivos pra cristao se sentir envergonhado, esse é so mais um.
Anônimo disse…
Mesma coisa?? Vai se tratar
Ateu bom é ateu calado disse…
Ao contrário do clero e dos pastores cristãos, sempre tão sensatos e corretos em seus comentários, tão certos de seus contos de fadas, e exigindo o direito de não serem criticados, não importa o quão absurdos sejam.
Ateu bom é ateu calado disse…
Bem fazem os muçulmanos, machos de verdade, corajosos e valorosos, que retribuem aos críticos de suas crenças com sentenças de morte, que mantem a maior parte destes agnósticos/ateus/secularistas malvados em silêncio, sob a mira de suas AK-47!

Coisa digna dos sonhos mais molhados de grande parte dos cristãos apologistas.
Caruê disse…
Um conto de fadas requer muita imaginação e as fezes algumas ervas são necessárias.
Ryoko disse…
vc foi irônico, né?
Wickedman disse…
A Rabczewska dela também é bonita.
Anônimo disse…
Êeeee polaca, ela pode não bater bem da cabeça cheirando esse monte de erva, mas o corpão hein...
ohhhhhhhhh lá em casa... :@
Anônimo disse…
Ofensa é essa empinada que ela deu na foto.
É uma perversa, dada à devassidão!
Precisa ser castigada!
Anônimo disse…
Viu como ela empina os seios?
Anônimo disse…
ela nao comentou sobre o alcorao pelo mesmo motivo que todos os ateus nao o fazem tambem - O ISLAMISMO ESTA FINANCIANDO OS ATEUS CONTRA A IGREJA
Anônimo disse…
sem chance

Post mais lidos nos últimos 7 dias

90 trechos da Bíblia que são exemplos de ódio e atrocidade

Escola Estadual Igreja Evangélica muda de nome e deixa de afrontar o Estado laico

Marceneiro exigia obediência bíblica de filhas para estuprá-las

Moças afirmam que o pai usava a Bíblia para persuadi-las Duas jovens — uma de 16 anos e outra de 18 — de Cariacica (ES) acusam o seu pai, um marceneiro, de abusar sexualmente delas com o argumento de que a Bíblia exige dos filhos obediência aos pais, que é uma lei de Deus. Vários trechos bíblicos se referem a essa obediência, como em Colossenses 3:20: “Vós, filhos, obedecei em tudo a vossos pais, porque isto é agradável ao Senhor". Cariacica tem mais de 340 mil habitantes e fica a 15 km de Vitória. A mulher do marceneiro o denunciou à polícia, e ele negou a violência. Mas as jovens relataram em detalhes os abusos que vinham ocorrendo havia seis meses. Inicialmente, uma não sabia que a outra era vítima de igual violência. Os relatos das jovens são parecidos entre si. O estupro se dava na casa deles, no segundo andar, geralmente após o marceneiro lembrar que a Bíblia diz que os filhos têm de fazer tudo que os pais mandam. A mãe ficou sabendo da violência no sábado, dia 1

Evangélico, chefão do tráfico no Rio manda fechar igrejas católicas

Ministro do STF critica a frase ‘Deus seja louvado’ do real

Marco Aurélio lembrou  que somente no  império  a religião era obrigatória  O ministro Marco Aurélio (foto), 65, do STF (Supremo Tribunal Federal), disse que não consegue conceber “que nas notas de moedas do real nós tenhamos ‘Deus seja louvado’”, porque isso fere a laicidade do Estado. Em uma entrevista ao UOL, lembrou que na argumentação de seu voto favorável à descriminalização do aborto de fetos anencéfalos, em abril, ressaltou que o Brasil não está mais no império, “quando a religião católica era obrigatória e o imperador era obrigado a observá-la”. “ Como outro exemplo de incompatibilidade com o Estado laico ele citou o crucifixo do plenário do STF. “Devíamos ter só o brasão da República.” Aurélio elogiou a decisão do Tribunal de Justiça gaúcho pela retirada do crucifixo de todas as suas dependências, o que demonstra, segundo ele, que o Rio Grande do Sul é um Estado que “está sempre à frente em questões políticas”. Celso de Mello, outro ministro do Supremo, já

Intel deixa de ajudar escoteiros que discriminam gays e ateus

Arcebispo afirma que vida dos descrentes não tem sentido

Para Battisti, o sentido da vida está no sobrenatural  O arcebispo Anuar Battisti (foto), 59, de Maringá (PR), escreveu um artigo onde aborda um tema recorrente por parte de religiosos, o de que não há sentido na vida dos descrentes em Deus. “Este ambiente de descrença, misturado com ateísmo, leva a pessoa a viver no deserto da vida sem gosto, sem rumo, vagando em busca de um sentido”, escreveu dom Battisti no artigo publicado no Diário.com. “A ausência de Deus cria na alma humana um vazio de sentidos que leva ao desespero, à negação de tudo o que diz respeito ao sobrenatural”, acrescentou. A americana Paula Kirby, consultora de organizações seculares, escreveu recentemente no Washington Post que quem precisa de Deus para que a sua vida tenha um significado é porque a sua família e amigos, em tese, não têm nenhum valor. O que, obviamente, é um absurdo. Ninguém precisa de Deus, por exemplo, para amar seus filhos. Kirby argumentou que é o cristianismo que tenta tirar todo

Médico acusado de abuso passa seu primeiro aniversário na prisão

Roger Abdelmassih (reprodução acima), médico acusado de violentar pelo menos 56 pacientes, completou hoje (3) 66 anos de idade na cela 101 do pavilhão 2 da Penitenciária de Tremembé (SP). Foi o seu primeiro aniversário no cárcere. Filho de libaneses, ele nasceu em 1943 em São João da Boa Vista, cidade paulista hoje com 84 mil habitantes que fica a 223 km da capital. Até ser preso preventivamente no dia 17 de agosto, o especialista em reprodução humana assistida tinha prestígio entre os ricos e famosos, como Roberto Carlos, Hebe Camargo, Pelé e Gugu, que compareciam a eventos promovidos por ele. Neste sábado, a companhia de Abdelmassih não é tão rica nem famosa e, agora como o próprio médico, não passaria em um teste de popularidade. Ele convive em sua cela com um acusado de tráfico de drogas, um ex-delegado, um ex-agente da Polícia Federal e um ex-investigador da Polícia Civil. Em 15 metros quadrados, os quatros dispõem de três beliches, um vaso sanitário, uma pia, um ch

PSC radicaliza ao dar apoio a Feliciano, afirma Wyllys

por Ivan Richard da Agência Brasil Deputado disse que resposta também será a radicalização O deputado Jean Wyllys (PSOL-RJ), na foto, criticou a decisão do PSC de manter o pastor Marco Feliciano na presidência da Comissão de Direitos Humanos e Minorais da Câmara. Para Wyllys, o acirramento dos ânimos por parte do PSC pode provocar ainda mais confusão nas sessões da comissão. Feliciano é acusado por de ter feito afirmações homofóbicas, como a de que a "Aids é câncer gay", e racistas. “Não falo em nome do movimento [LGBT], mas, se um lado radicaliza, o outro tende a radicalizar. Se o PSC radicaliza e não ouve a voz dos movimentos socais, das redes sociais, o pedido para que esse homem saia da presidência, se a tendência é radicalizar e não dar ouvidos, é lógico que o movimento radicalize do outro. Isso não é bom para a Câmara, para o Legislativo, para o PSC, nem para o país”, disse Wyllys. Wyllys afirmou que as lideranças do PSC estão “confundindo” as criticas ao

Nobel da Academia Pontifícia diz a bispos que a evolução é fato

por Telmo Pievani , do Corriere della Sera Arber acredita que fé e ciência são compatíveis O presidente da Academia Pontifícia das Ciências, Werner Arber  (foto), biólogo prêmio Nobel de Medicina em 1978, proferiu, no dia 12 de outubro passado, uma conferência sobre as relações entre ciência e fé, apresentada ao pontífice e aos membros do Sínodo dos Bispos, na qual ilustrou com clareza as bases da explicação evolucionista contemporânea. O texto na íntegra está disponível no site da Academia . No contexto de uma reflexão "sobre as mútuas relações e compatibilidades entre o conhecimento científico e os conteúdos fundamentais da fé", Arber escolheu como exemplo de aquisições científicas essenciais a evolução do universo e a evolução da vida sobre a Terra, como "fatos científicos estavelmente verificados". O microbiologista da Universidade de Basel, que sucedeu a Nicola Cabibbo no fim de 2010, explicou ainda que as variações genéticas espontâneas e a seleção