Deputado gay reage aos evangélicos questionando contas das igrejas

O deputado Jean Wyllys (foto), do PSOL-RJ, pretende colocar em discussão no Congresso Nacional a imunidade fiscal das igrejas e propor a abertura de sua contabilidade para saber o destino do dízimo.

Wyllys quer a prestação 
das contas das igrejas
O ex-BBB é o primeiro deputado que se elegeu colocando-se na campanha como representante dos homossexuais.

A proposta de examinar as contas das igrejas é um contra-ataque à articulação dos deputados evangélicos para derrubar a portaria do Ministério da Fazenda que autoriza a partir deste ano que homossexuais com união estável façam declaração conjunta do Imposto de Renda, beneficiando-se com abatimento.

O deputado Ronaldo Fonseca (PR-DF) é quem está arregimentando apoio para invalidar a portaria. Um de seus   argumentos é de que a concessão do benefício fiscal é uma exceção, como se os homossexuais fossem cidadãos especiais, o que é ilegal porque a Constituição estabelece que todos são iguais perante à lei.

Ele disse que vai convocar o ministro Guido Mantega, da Fazenda, para tentar convencê-lo a recuar da medida.

Wyllys disse que também vai usar a ilegalidade e a exceção para questionar o regime fiscal privilegiado das igrejas. “Posso também exigir do ministro uma explicação por que as igrejas não prestam contas à sociedade. Se os partidos políticos prestam, por que igrejas não?”

Para Wyllys, a articulação dos evangélicos é homofóbica. Ele vai se reunir como lideranças que defendem as causas dos homossexuais, como a senadora Marta Suplicy (PT-SP), para organizar a reação aos evangélicos.

Fonseca, que é também pastor da Igreja Assembleia de Deus, disse que não aceita que o benefício aos gays seja aprovado apenas por uma “canetada”. “Tem de haver debate”.

Wyllys rebateu dizendo que a imunidade fiscal das igrejas também tem de ser questionada.

Com informação do Congresso em Foco.

Evangélico quer impedir que gays se declarem dependentes no IR.
fevereiro de 2011

Senador americano quer abrir a contabilidade das igrejas.
dezembro de 2007

Isenções fiscais da Igreja.

Comentários

Anônimo disse…
Assim como essa nova geração de deputados (artistas, esportistas, situacionistas), estava com o pé atrás sobre o futuro do Legislativo. Mas depois dessa, Jean Wyllys, você ganhou minha confiança e apoio!
Enfim um parlamentar questiona o poder dessas igrejas e ataca na área mais sensível delas. Vá em frente! Lute por um Brasil decente!
Regina disse…
Enfim uma boa notícia! Estou torcendo para que sua proposta seja aprovada. Precisamos de pessoas como você para um Brasil mais justo e decente.
Anônimo disse…
espero que voce continue e não seja apenas uma resposta para o tal ronaldo fonseca.
Anônimo disse…
Isso aí, alguém tinha que ter peito e coragem para questionar essa imoralidade.Parabéns deputado Jean .A sociedade deveria fazer igual.Eles precisam prestar contas do que fazem com o dinheiro dos dízimos,ofertas e contribuições além de pagar impostos.
Anônimo disse…
Tenho pavor de BBB e afins , e por nao ter nada contra esse ´´Bibinha´´ , digo que esse cara ao que parece entrou na camara federal pra fazer um bom trabalho e ja ta fazendo....

O perigo que ele corre e que os crentes são fanáticos e é facil de algum pastor deputado louco mandar ´´apagar´´ ele....
Anônimo disse…
Os argumentos dos radicais evangélicos são unilaterais e segregacionistas.Eles não são abertos ao diálogo pois existem muitas coisas sórdidas que precisam esconder.Jean está certíssimo CPI neles...
Anônimo disse…
Silas Malapronta,Macedão ,R R Soarraso,Valdemiro da Pistola,padre Marcelinho Rossi e o restante dessa turma prestando conta do dinheirinho dos fiéis vai ser um esgoto só.
Anônimo disse…
Adoraria ver essa gente de todas essas igrejas e seus sacerdotes declarando imposto de renda e prestando conta da grana que recebem do povão.E o IPTU também.MARAVILHA.Ganhou minha simpatia Jean.
Anônimo disse…
Deveria existir uma lei versando sobre igrejas e tributos.E essa isenção tributária tem de ser questionada sim.Hoje é mais fácil abrir uma igreja do que uma padaria.
Anônimo disse…
Precisamos de mais outros Jeans para mudar esse país.
Anônimo disse…
Ao que parece, finalmente apareceu um macho para enfrentar as igrejas evangélicas.
Anônimo disse…
Isso mesmo alguém tem de desmascarar esses bandidos.
Anônimo disse…
Espero sinceramente que um dia o povo se canse dessas seitas hipócritas,dinheiristas e politiqueiras.
Anônimo disse…
Se todos são iguais perante a Lei todas as instituições religiosas tem que declarar sua renda, principalmente diante do fato de que esses lideres ficam ricos as custas da pobreza alheia, cometem crimes, sai do país com malas de dinheiro entre outras, diante de tantas irregularidades e nítida falta de pudor de seus dirigentes não há mais razão de receberem nenhum tipo de privilégios.
Anônimo disse…
Depois eles ainda dizem na maior cara de pau que os gays querem privilégios.
Anônimo disse…
Tem de começar a pegar esses bandidos dessas quadrilhas religiosas pelo bolso.
Anônimo disse…
Tem que ter CPI para investigar essas seitas assassinas e estelionataristas cristãs e seus líderes crápulas.Todas essas igrejas constituem a nova BABILONIA.
Anônimo disse…
Tem de abrir a contabilidade de todas as igrejas.É evidente que existem muitas irregularidades.Isenção de impostos para instituições religiosas é uma imoralidade.
VJ Baptistoni disse…
Tenho o hábito de copiar suas postagens mas dando os devidos créditos. Parabéns pelo belo trabalho.
Anônimo disse…
Vai ser um lamaçal só quando abrirem as contas dessa súcia de criminosos travestidos de religiosos.
Anônimo disse…
Contas de igreja devem ser a coisa mais fétida que existe no mundo.
Anônimo disse…
Religiosos devem pagar pelos seus delitos e igrejas precisam comprovar que não há malversação de dinheiro doado pelos membros a elas perante toda a sociedade.
Anônimo disse…
Não tem cabimento mais isenção de impostos para igreja.
O problema é que estas igrejas são uma vergonha para um mundo democrático.Formadoras exímias de fanáticos,sem opinião formada,ignorantes,intolerantes,intransigentes,estúpidos,alienados etc.A culpa da desintelecção e da incerebração dos fanáticos religiosos é destas igrejas de pastores corruptos e sem caráter que enchem a cabeça do povo de preconceitos promovendo sua propaganda segregacionista com fanatismo,carolice,beatice e burrice,e de deputados como esse insano e intolerante desse Ronaldo com sua tartufice que prega bons costumes e a descriminação de pessoas.Ensinam e enfatizam seus dogmas não com amor,temperança e diálogo,mas com altivez,orgulho e de forma intolerante,achando que os problemas atuais devem ser resolvidos na bala,na porrada,no ato de descriminar.O deputado Jean foi muito feliz na sua fala é necessário abrir a caixa preta dessas igrejas.
Anônimo disse…
Se as igrejas hoje são comércios devem pagar impostos.
Anônimo disse…
Esse negócio de igreja é melhor do que banco, não tem que prestar contas nem dividir lucro com acionistas, é isento de impostos...e é tão imoral quanto.

Wander
Anônimo disse…
E os imbecis enchendo os bolsos dos pastores cada vez mais.
Anônimo disse…
Esses lunáticos fanáticos religiosos, privilegiados pois suas igrejas não pagam impostos, sofrem de idiotez aguda severa.Afortunadamente existe uma cura para religião;chama-se ateísmo.
É grátis e vem acompanhado de um kit extra que torna sua mente mais livre e inteligente.
Anônimo disse…
É isso aí Jean,voce é o cara....Mostre para esses ladrões ,que tem que ser muito macho pra se assumir viado...E que voce faz politica com a cabeça.Voce é um cara culto e inteligente.O Brasil precisa de politicos como vc.Siga em frente.
Anônimo disse…
Tem de escancarar as contas dessa gente.
Anônimo disse…
O jean muito inteligentemente colocou em seu discurso uma proposição que toda população gostaria de propor.Uma vez que igrejas estão a alastrar-se vertiginosamente com aspectos de claro comércio não existem mais motivos para a manutenção de sua isenção tributária bem como seria muito salutar que prestassem conta das suas arrecadações e dos seus dados contábeis a contabilistas e fiscais do governo.
Anônimo disse…
Realmente seria excelente uma devassa fiscal nas contas desas instituições criminosas enroupadas de igrejas.
Anônimo disse…
Evidentemente eles vão reagir da maneira mais violenta e virulenta possível.A proposta é ótima.A ideia excelente.Pena que o lobby dessas igrejas seja tão forte a ponto de impedir que isso possa tornar-se concreto.
Anônimo disse…
Os religiosos patéticos e anencéfalos não dão opinião sobre este post.Lógico,aqui eles não teriam absolutamente nada para contrargumentar.
Anônimo disse…
Nossa! Que engajamento, quanto amor à causa! Um único texto, dividido metodicamente em postagens cronometricamente separadas, dando a entender intervalos, mas não pode trair-se pela homogênea evidência linguística, da idêntica sequência literária e textual, que trata-se da mesma pessoa! Em todo caso, como é para defesa de uma causa mais do que justa, que é o fim do privilégio da sinecura e do estelionato permitidos com chancela pública e oficial, dessas lavanderias de dinheiro, cuja maior e mais poderosa é o Vaticano (lide Vaticano S.A. de Gianluigi Nuzzi); tudo bem, toleremos a performance criativa e inteligente do esquadrinhamento do texto, aliás, super bem-escrito e muuuuito fundamentado... e deixemo-la passar (com os devidos parabéns!) ...Como um bom spaghetti. Al dente!
Asevedo disse…
Parabéns, Jean! Se deputado federal pudesse ser votado em toda a federação, como aliás faria todo sentido, visto que estadual é em todo o estado, votaria em você; com certeza, você seria o deputado mais votado do Brasil!
Anônimo disse…
Para vocês que não conhece a palavra de Deus saiba que ele já deu uma advertencia '' pelas sua palavra serás condenado e pelas suas palavras será redimido''!
Anônimo disse…
Essas igrejas são uma indecente indecorosidade.UMA VERGONHA...
Alguém tem de questionar isso.
Anônimo disse…
Acho que já é chegada a hora de auditarem essas igrejas que são uma sordidez só.
Anônimo disse…
Por isso que o ameaçam de morte.
Anônimo disse…
Parabéns Jean!!!!Alguém precisava questionar as contas dessas seitas que são uma lavanderia de dinheiro imunda(sem 1 única exceção ou desvio de regra)!!!(nota 10 para o seu trabalho!!!)Siga em frente e conte com o nosso apoio!!!Dou nota 10 a intrepidez do Jean.
Anônimo disse…
Concordo que igrejas devam prestar contas. Seria muito bacana também ver as centenas de ONGs gays que recebem milhões de reais dos cofres públicos prestando contas também. É Governo Federal, Ministérios da Saúde, da Cultura, da Justiça, prefeituras, estados, etc. despejando toneladas de dinheiro, o tempo todo, pra parada gay, pra kit gay, pra bolsa-KY, pra propaganda da ideologia gay, sabe Deus (ou o capeta) pra que mais. Só no finalzinho do governo Lula (dezembro de 2010), por exemplo, o movimento gay foi presenteado com 300 MILHÕES DE REAIS de DINHEIRO PÚBLICO. O "Estado laico" está virando Estado gay. Mas acho que isso não desagrada Jean Wyllys e sua tchurma, muito pelo contrário.
Anônimo disse…
Não há evidências que ONGs gays façam uso de qualquer proselitismo tipo...vire gay ou irá para o inferno, aceite o gay, ou sofrerá eternamente pelos séculos dos séculos, venha comungar conosco a fraternidade gay ou será para sempre escravo do "capeta"...por isso não podendo arrebanhar adeptos como as empresas ditas evangélicas, na verdade sucursais do suposto inferno; as ongs gays NÃO LUCRAM ABSURDOS BILHÕES COMO A EMPRESA UNIVERSAL, NÃO DETENHAM UM PATRIMÔNIO DE INCONTÁVEIS TELEVISÕES, REDES RECORDS, EMISSORAS DE RÁDIO ETC.ETC. SEM PAGAR IMPOSTOS. O Estado Laico já é laico em seus fundamentos, porque o Estado do Padroado extingui-se com o Império e até onde sabemos era católico romano, não evangélico...Que as empresas evangélicas, chamadas impropriamente igrejas, paguem impostos e façam jus aos monopólios da informação e da educação, com todos os BILHÕES que arrecadam dos seus membros, pelo visto, uma tchurma realmente infantil, que lhes paga o trízimo e nada usufruem além de promessas de paraíso...e convites pra festa no céu. Todo esse dinheiro poderia ser arrecadado pelo Estado e transformado em bens de verdade, públicos, que trariam a vida com qualidade para os necessitados, os próprios evangélicos em sua grande massa pobres e explorados...além de ludibriados e superfaturados.
Anônimo disse…
Haha, é muita ingenuidade, burrice ou pilantragem neguinho dizer que ONGs gays não fazem PROSELITISMO (além de lavagem cerebral, terrorismo psicológico e chantagem politicamente correta) e que não parasitam o Estado, usando e abusando de dinheiro público para colocar a sociedade de joelhos (ou de quatro), submetendo-a a suas exigências e taras ero-políticas totalitárias.
Continuem adorando para seus FALOS e ÂNUS SAGRADOS e sejam felizes. Só não queiram roubar meu dinheiro e od emilhões de brasileiros. Peçam patrocínio privado para alguma boate ou sauna gay.
Estado laico de verdade não deve financiar culto ao homossexualismo.
Anônimo disse…
Um elefante incomoda muita gente, dois elefantes incomodam muito mais. O que incomoda aos fundamentalistas de plantão, os mesmos terroristas virtuais que atacam nordestinos, portugueses, afrodescendentes, gays, crentes de A ou B crença e ateus – toda suposta diferença de si, que não compreendem, porque tiveram pouco cálcio na alimentação até os dois anos de idade, e ausência de jornais e revistas em casa, ou pais com vocabulário e intelecto suficientes, para adestrá-los na interpretação dos fatos e das leituras - ; enfim, toda essa gente boa e simplória , porém analfabeta funcional...O que lhes incomoda é o olhar atravessado, a velha invidia, com que olham o mais verde pasto do vizinho, ou a sua galinha mais gorda...No caso dos gays, parece estar incomodando o sairem do ostracismo, do anonimato, e terem podido dar a revanche, pelas provas contundentes das imagens agora popularizadas, de serem objetos de desejo e prática sexuais dos supostos machões, que os procuram, e depois espancam-nos, para desculparem-se...puro assédio moral e abuso sexual. Não contentes em assumirem-se e mostrarem corajosamente a cara, os gays deram o troco estudando, fazendo-se representar na política, organizando-se nas incômodas ONGs, que agora tanto causam mal-estar aos homofóbicos; enfim, mobilizando-se de forma estratégica e direcionada, como os seus adversários pastores evangélicos, padres, e representantes da Família, Tradição e Propriedade desde sempre o fizeram o fazem. Os gays são um exemplo de mobilização social e política. Os crentes postulam inutilmente SE MERECEM ELES O CÉU OU O INFERNO. Eu proponho tão somente que merecem os PARABÉNS!
Anônimo disse…
Nunca vi ou ouvi falar nem em 000000.1 por cento das ONGS gays o que ouço diuturnamente o que ouço de podre e absurdo dessas igrejas principalmente as tais evangélicas.
Anônimo disse…
Parace que a crentayada sente forte dor de cotovelo contra os gays.
Anônimo disse…
E quem disse que não entra dinheiro público para construção,manutenção e restauração de igrejas?VOCÊS pensam que ENGANAM a quem aleém dos ingenuos fiéis?Vcs pensam que somos todos otários??? trouxas????
Anônimo disse…
Não tem problema algum o governo dar um incentivo á parada gay que é um evento que atrai muitos turistas ao país especialmente para São Paulo e rende muito dinheiro para cidade.É mais saudável e salutar que abrir uma igrejola de fundo de quintal para servir de lavanderia de dinheiro!!!
Anônimo disse…
Se o governo dá verba pública (dinheiro roubado do povo) pra parada gay porque é "evento turístico" e rende dinheiro, então não teria nada demais dar pra Marcha para Jesus ou para Aparecida do Norte também, por exemplo. São eventos turísticos!

Mas não dá pra Marcha para Jesus ou Aparecida. Nem tem que dar. Nem pra Marcha pra Jesus, nem pra Parada Gay, nem pra Marcha do MST, nem pra UNE, nem pra nenhum grupo.

Dinheiro público tem (teria) de ser pra saúde, educação, segurança de todos, não pra grupelhos promovendo suas causas particulares.

Mas pra todos esses grupos (gayzistas, MST, "estudantes" vagabundos da UNE, etc) o governo doa nosso suado dinheirinho roubado via impostos exorbitantes.

E ainda temos de aguentar a ateuzada histérica reclamando só dos cristãos...

Tudo porque um deputado gay, cuidando dos interesses particulares e escusos de seu lobby, ganhou a simpatia de outra minoria furiosa que acha que o Cristianismo tem de ser varrido do mapa pra que ela se sinta melhor...
Anônimo disse…
A sociedade subsidia as igrejas por meio de isenções fiscais mas elas não prestam contas. É óbvio que estão sendo usadas para lavagem de dinheiro criminoso. Mas duvido que seja investigadas. Elas são muito poderosas.
Anônimo disse…
Já estou até vendo, o silas malafaia rogar 3789 pragas em cima do wyllys.
Anônimo disse…
Evangélicos não tem moral para falar de ninguém!!Eles são uns sórdidos!!Eles teriam que ter suas contas auditadas e serem tributados como todo mundo é mas infelizmente o Brasil e seus governantes corruptos ainda não é um país sério para investigar essas lavanderias de dinheiro que são essas seitas,igrejas e igrejolas.O caso Palocci está aí para quem quiser ver!!
Anônimo disse…
Tinha de auditar esses crentes safados sim!!!
Anônimo disse…
Com todo respeito à cadeira que ocupa, o senhor deputado tem de ter muito cuidado quando mexe com a Igreja (I maiúsculo), pois apesar de existir muitas igrejas por aí, a Igreja que é representado pelo montante aparente de muitas denominações, pertence a Deus e é muito perigoso mexer com esse corpo à qual Jesus é a cabeça. "Terrivel coisa é cair nas maõs do Deus vivo!"
Anônimo disse…
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo disse…
Anônimo disse... de 21/04/11 15:38, EU JÁ IA COMENTAR, MAS VOCÊ JÁ DISSE TUDO QUE IA DIZER. PORTANTO, PERMITA-ME FAZER MINHAS AS SUAS ACERTADAS E EQUILIBRADAS PALAVRAS:

"Se o governo dá verba pública (dinheiro roubado do povo) pra parada gay porque é "evento turístico" e rende dinheiro, então não teria nada demais dar pra Marcha para Jesus ou para Aparecida do Norte também, por exemplo. São eventos turísticos!

Mas não dá pra Marcha para Jesus ou Aparecida. Nem tem que dar. Nem pra Marcha pra Jesus, nem pra Parada Gay, nem pra Marcha do MST, nem pra UNE, nem pra nenhum grupo.

Dinheiro público tem (teria) de ser pra saúde, educação, segurança de todos, não pra grupelhos promovendo suas causas particulares.

Mas pra todos esses grupos (gayzistas, MST, "estudantes" vagabundos da UNE, etc) o governo doa nosso suado dinheirinho roubado via impostos exorbitantes.

E ainda temos de aguentar a ateuzada histérica reclamando só dos cristãos...

Tudo porque um deputado gay, cuidando dos interesses particulares e escusos de seu lobby, ganhou a simpatia de outra minoria furiosa que acha que o Cristianismo tem de ser varrido do mapa pra que ela se sinta melhor..."
(Autor - Anônimo de 21/04/11 15:38)

Joel - DF
Anônimo disse…
"O ex-BBB é o primeiro deputado que se elegeu colocando-se na campanha como representante dos homossexuais."

MEIA- VERDADE!

O Sr. ou Sra. Jean Wyllys (PSOL) recebeu 13.018 votos, no último pleito, sendo o 46º de 46 eleitos pelo Rio de Janeiro, portanto o último. E, só chegou à Câmara, graças aos votos de Chico Alencar (PSOL), que recebeu 240.724 votos.

A BAIXÍSSIMA VOTAÇÃO DESSE MAU CARÁTER(ele votou pela aprovação desse aberrante Código Florestal), MOSTRA QUE ELE NEM DE LONGE É CONCENSO, NEM MESMO ENTRE SEUS PARES HOMOSSEXUAIS!

POIS É, SEU JEAN WYLLIYS, ou, como diria Reinaldo Azevedo, "A Natalie Lamour da Câmara dos Deputados", VEJA SE CONVENCE AO MENOS SEUS PARES GAYS, A VOTAREM EM VOCÊ!
Anônimo disse…
Sempre que alguém questiona essas seitas imorais é vítima de ataques baixos e caluniosos desses bandidos.
Anônimo disse…
O governo dá dinheiro para fórmula 1,futebol,jogos olímpicos,pan americanos.A copa do mundo TERÁ INVESTIMENTO PÚBLICO PESADO e o diabo(que nem existe) a quatro também recebe grana do governo e ninguém fala nada absolutamente nada só falam quando o governo ajuda um evento turístico como as paradas do orgulho gay e outros eventos lgbt.E quem disse que não entra verba pública em eventos religiosos turísticos como a festa dos sírios de Nazaré no Pará,Aparecida ou para a marcha para jesus?A birra de vocês tem outro nome!
Anônimo disse…
O brasileiro foi e é, por natureza cheio de brincadeiras. Nunca vamos parar de usar palavras como viado, boiola, baitola etc., nas piadas dos vários circulos sociais. Não importa quão tolerantes nos tornemos, ainda assim a nossa liberdade jocosa de ver os assuntos da vida atual trará à tona as piadas usando tais palavras que, com a aprovação da lei anti-homofobia, parecem banidas do vasto vocabulário territorial brasileiro (dependendo da região). O mundo todo passa por mundanças e se torna mais tolerante mas com certeza pessoas ainda vão chamar de "VIADO" qualquer um que escolha "queimar a rosca", "sentar na boneca", "dar o cú", etc...
Anônimo disse…
Chame do que quiser mas nunca é demais repetir que ser homossexual não consiste em uma escolha.E qual o problema de ser jocoso?O problema é ser desrespeitoso,seletivo,descriminativo.Algumas palavras podem ter conotação ofensiva a depender do contexto em que são utilizadas todavia os mesmos termos podem ser vistos apenas como algo diversionista,brincalhão ou piadista não-desrespeitoso a julgar às circunstâncias em que ocorrem.O que se deseja com essa lei é diminuir ofensas e agressões desnecessárias.O crime de agressão física ou outros ligados à homofobia vão diminuir não serão erradicados completamente e nem seria esse o propósito de uma lei como esta.
Anônimo disse…
Então pronto, já que podemos chamar o que quizermos, então, seu viado, continue queimando a rosca, continue dando o anel de borracha, continue sentando na boneca, e quando voçê pegar uma AIDES por causa de uma vida promiscua, pelo menos tenha a hombridade(?) de reconhecer que tal malefício foi causado pela relação oposta à natureza. E não venha me dizer que alguem nasce gay, pois isso é uma grande mentira. Somos o resultado de escolhas que fazemos.
quando voçê pegar uma AIDES por causa de uma vida promiscua, pelo menos tenha a hombridade(?) de reconhecer que tal malefício foi causado pela relação oposta à natureza

Péra, péra, péra! Você mesmo não diz aí nessa frase que se ele pegar AIDS será por causa de uma vida promíscua?

Decida-se homem. Ou é a promiscuidade (que atinge heterossexuais também) ou é a opção sexual.

Como existem gays saudáveis e heterossexuais doentes (de DST), acho que você precisa rever sua lógica... rsrsrs
Anônimo disse…
Meu querido não é o que diz a ciência.Vá ao google faça uma pesquisa sobre o tema e leia a respeito de homossexualidade e genética.Seu comentário é tão baixo que nem merece resposta.Penso que você deva ser um analfabeto funcional pois não conseguiu compreender o quis falar em meu comentário anterior.Esse blog tem como norma o debate de ideias de maneira civilizada e não o ataque pessoal.O que ocorre é que vocês religiosos da mesma forma que não aceitam Darwin ou o big bang também rejeitam todas as descobertas recentes de múltiplas ciências(psicologia,biologia,genética,metabologia,neurociência,genética etc) sobre a sexualidade humana e animal e especialmente a homossexualidade.Lamento por sua ignorância e mente fechada.O meu risco de contrair hiv ou aids deve ser igual ao seu.Não sou promíscuo como voc~e deve imaginar pelo contrário sou bastante seletivo e cuidadoso ao extremo até para sua informação e governo!
Anônimo disse…
Obrigado Gouvêa pela solidariedade.É muito triste você falar de paus para quem só entende de pedras...
Anônimo disse…
Sexo não é apenas um elemento reprodutivo.ÓBVIO.O sexo tem aspectos eróticos complexos e variados que o tornam uma característica de padronização multi-funcional.A sexualidade humana,não apenas do ponto-de-vista biológico ou biogenético,todavia historicamente nunca teve a função exclusiva da reprodução como objetivo uno ou aspecto totalitário ou absoluto de sua expressão resultanto em outras orientações afetivo-sexuais (homossexualidade e bissexualidade além da heterossexualidade).Qualquer comportamento humano é resultante de complexo emaranhado da genética,do ambiente e múltiplos outros fatores.Com a sexualidade(homoafetividade) não é diferente.
Anônimo disse…
Se fosse ¨escolha¨seria muito fácil um dia gostar do mesmo sexo e no outro dia decidir mudar passando a ter atração pelo oposto ou por ambos na mesma intensidade.As opiniões de vocês são tão desnorteadas e desembasadas que chegam a ser cômicas.
Anônimo disse…
Ora, nadar contra a correnteza de um rio torna-se impossivel, especialmente se a correnteza é forte. O anus foi feito como objeto de escoação. Assim sendo anatomicamente falando, não para ser penetrado mas como canal de saida e não entrada. Está comprovado por estudiosos que ao ser receber a penetração, os milhares de vasos sanguineos da parede retal quebram-se, fazendo assim o indivíduo susceptivel a doenças as mais diversas. Imagino que quando se faz um comentário sobre a primiscuidade, tanto heteros quanto homos pegam DST, mas não penso que haja qualquer relação entre homossexuais que não seja promiscua. Meus pais estão casado por mais de 60 anos e eles nunca pegaram DSTs, porque, como disse Dr. James Dobson, conhecido por lidar com a sexualidade humana por muitos anos, "os genes dos dois são compartilhados e se ajustam". O que não acontece quando dois homens tem sexo anal, porque não pode have compatibilidade nesta area. "Os oposto se atraem" e isso é a lei da natureza. Palavras como: "sujo, pecaminoso, doentio, anti-natural" etc., não se aplicam ao sexo heterossexual, mas com ceteza podem ser aplicados ao sexo entre duas pessoas do mesmo genero. Um homem pode ser casado com a mesma mulher por anos a fio e não precisar usar camisinha, mas desafio um casal homossexual a ter sexo anal por dois ou tres anos diretos, sem usar proteção, para ver o que acontece! Se fosse natural, então seria bonito, agradável e sadio. Sinto pena de pessoas que tem sexo de qualquer outra forma que não seja um homem e uma mulher, pois isso denota somente falta de satisfação real que um ralacionamento a long prazo entre "um homem e uma mulher" propicia. Conheço um verso da Biblia que diz: "seja venerado o leito sem mácula". Está tambem compravado por estudiosos do assunto que os homossexuais são as pessoas mais infelizes por dentro. Todo esse negócio de "Happy" é pura fantazia. Pena...
Anônimo disse…
Esplica isso pros bichos também, senhor das 12:29... Ou esquece que relações homoafetivas estão além de apenas sexo?
Anônimo disse…
Ola senhor das 13:41, relações homoafetivas estão além de apenas sexo? somente se forem broxas! Essa palavrinha "Homoafetividade", foi criada para fazer justamente o que estás tentando fazer, justificar o que é injustificável como se fosse normal, saudável e bonito. Acorda! Lembro-me do que sempre ouvi desde criança: "Homem com homem é lobisomem, mulher com mulher é jacaré!"
Anônimo disse…
Caríssimo,a tese e afirmação desinformada e ignorante dos religiosos que afirmava que homossexuais eram anormais já caiu por terra desde o momento em que ruiu a tese da antinaturalidade da homossexualidade tanto masculina quanto feminina.Se ocorre entre animais,como já catalogado,logo é natural.
Portanto,você é quem de acordar(!!!~e:).Pare de querer adequar tudo ao contexto de um livro velho,adulterado e sem credibilidade ou a um deus imaginário.
Anônimo disse…
Reelaborando:você é quem tem de acordar!!!
Anônimo disse…
Sou feliz,bem-resolvido,sadio e vivo um relacionamento muito feliz e bem-sucedido com meu companheiro há dois anos.
Ps:sou ativo.
Anônimo disse…
Os chamados bons costumes estão sempre mudando,caso contrário,ainda teríamos escravos,mulheres sendo tratadas como objetos,queima de bruxas e entre um que até hoje é praticado:o ato de apedrejar mulheres no islã como ocorria no antigo testamento.A lei vai reforçar a proteção contra grupos que sofrem discriminação entre eles os gays.Não vai influenciar a opinião sexual de ninguém.Eu sempre pergunto:Qual o sentido de alguém ser anti-anti-homofobia que é tão nociva quanto o racismo?
Anônimo disse…
Outra coisa as palavras homoaetividade e heteroafetividade são bem antigas,já consagradas até pelo direito e existem em vários idiomas.
Anônimo disse…
Os religiosos deveriam usar menos a emoção e mais a razão para não serem mera massa da manobra.
@midiaglobal disse…
Quem diz essas besteiras é porque desconhece como funciona a passeata gay de San Francisco. Andam nús e fazem orgias no meio da rua como animais. bla bla bla.... afff!
ron disse…
"Ao que parece, finalmente apareceu um macho para enfrentar as igrejas evangélicas."

"Precisamos de mais outros Jeans para mudar esse país."

[2]
Anônimo disse…
Parabéns ao Jean. Ganhou meu respeito e meu voto para as próximas eleições. O papel do deputado é este mesmo:defender o interesse de TODOS. É realmente um absurdo os caras agora estarem vendendo "meias" e "martelinhos" na tv, arrecadando horrores da "boa fé" do povo, e não prestarem conta das "obras do senhor".
Anônimo disse…
Pior é que tem besta que defende esse fundamentalismo degenerado dos cristãos que mais uma vez estão promovendo uma verdadeira cruzada contra a liberdade e ao estado laico.
Anônimo disse…
No final Deus vencera, sou cristão, mas o Deus que vencera é um Deus verdadeiro, é um Deus que te aceita do jeito que voce é,é um Deus que não apoia nenhum tipo de fanatismo, desigualdade, violencia, roubo, preconceito,intolerancia e falsidade. A justiça humana falha mas a divina nunca falha, mais cedo ou mais tarde lobos em pele de cordeiro cairão do cavalo.
Maycon disse…
Totalmente apoiado.
Anônimo disse…
Concordo com você em partes, mas acho que o caso fiscal dos homosexuais com união estável deve ser tratado como uma união normal, ou seja, sem regalias e diferenças para os casais hetero.