STF vai investigar acusação a Feliciano de tentativa de estupro


O ministro Edson Fachin, do STF, acolheu parecer da Procuradoria Geral da Republica ao autorizar abertura de inquérito para investigar a acusação de tentativa de estupro pelo deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP), na foto abaixo. Por ser deputado, Feliciano tem o foro privilegiado de ser inquerido pela mais alta instância da Justiça.

Feliciano teria tentando
levantar a saia da
jornalista Patrícia
A acusação é da jornalista Patrícia Lélis (foto). Em depoimento à Polícia Civil de São Paulo, a ex-militante da juventude do PSC afirmou que o deputado a atraiu para seu apartamento funcional, em 15 de junho, e tentou abusá-la.

“Ele tentou levantar meu vestido e tirar minha blusa. Como eu não deixei, ele me deu um soco na boca e um chute na perna”, afirmou.

Patrícia também acusou o chefe de gabinete do deputado de tê-la ameaçado com uma arma e a mantido em cárcere privado.

A Polícia Civil de São Paulo, porém, indiciou a jornalista por extorsão e falsa comunicação de crime.

A jornalista nega que tenha cometido crime de extorsão e Feliciano afirma que ela mente ao falar da tentativa do estupro.

Com informações das agências.


Acusado de tentativa de estupro, Feliciano perdoa suposta vítima

Semelhantes

Postagens mais visitadas deste blog