Paulopes

Religião, ateísmo, ciência e astronomia

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Ateus exigem desculpas à jovem humilhada na TV do Equador

Juradas disseram que
Carolina não chegaria
a nada por ser ateia
Entidades de ateus e de livres pensadores da América Latina — da Argentina, Colômbia, Chile, Uruguai, entre outros países — enviaram uma carta aberta à TV Ecuavisa, do Equador, pedindo que três das quatros pessoas que compõem um júri de calouros peçam desculpas por terem humilhado uma jovem por ela não acreditar em Deus. [ver vídeo abaixo]

É a primeira vez que representantes de ateus da América de língua espanhola se unem contra a discriminação a uma descrente.

No domingo dia 20 de setembro, no programa Ecuador Tiene Talento, Carolina Peña (foto), 16, foi criticada pelas juradas María Fernanda Ríos, Wendy Vera e Paola Ferías por revelar que é ateia.

Antes de ser desclassificada, a jovem teve de ouvir coisas como: “quem não acredita em Deus não chega a lugar algum” e que só um milagre a faria Carolina cantar melhor.

Maria Fernanda disse: "Sem Deus nós não chegamos a lugar algum. É por que você acha que ser autodidata vai chegar ao topo, mas isso não ocorrerá. Sabe por quê? Porque há coisas que não se vê, como o amor Deus".

O jurado Fernando Villaroel disse no programa que daria seu voto apenas com base no talento da candidata, e não no fato de ela ser ou não ateia.

A discriminação contra a jovem ateia repercutiu na imprensa internacional e rede social, inclusive na do Brasil.

Wendy Vera disse que está sofrendo ameaças de morte. Ela passou a andar com seguranças. “Eu estou com medo por mim e pela minha família.”

A jurada afirmou que não se arrepende de nada do que disse a Carolina e que, no programa, a sua intervenção foi movida pela "curiosidade", não com o propósito de ofender a caloura.

A emissora de TV afirmou que não apoia nenhum tipo de discriminação e defendeu a liberdade de expressão dos jurados.

A Associação Ateísta do Equador informou que pretende acionar judicialmente a emissora e as juradas por crime contra os direitos humanos.

Juradas massacram a adolescente

 


Com informação de El Comercio e de outras fontes e foto de imagem do Youtube.




Postar um comentário

Posts mais compartilhados na semana

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...