Paulopes

Religião, ateísmo, teoria da evolução e astronomia

quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Liga Árabe quer acordo mundial para punir insultos às religiões

A Liga Árabe está propondo aos países a realização de um convênio internacional para punir os insultos às religiões, de modo a impedir, por exemplo, as ofensas que ocorrem neste momento a Maomé. A proposta foi apresentada hoje (19) no Cairo (Egito) por Nabil al Araby, secretário-geral da liga.

Araby disse já ter entrado em contato com representantes da União Europeia, União Africana e Organização de Cooperação Islâmica. Na próxima semana, a Liga Árabe apresentará a proposta na Assembleia Geral das Nações Unidas.

O dirigente explicou que de início a adesão à proposta não seria obrigatória, mas argumentou que, mesmo assim, representaria o “primeiro passo para preparar convênio” que exija obediência jurídica por parte dos cidadãos dos países. Esse convênio prevê punições, mas Araby não disse quais seriam.

Uma proposta nesse sentido já tinha sido feita em agosto pelo arcebispo Ludwig Sckick, da Baviera (Alemanha). Na época, uma revista satírica usou a foto do papa Bento 16 para satirizar os vazamentos de informações do Vaticano.

Nos últimos dias, tem havido protestos violentos em países de cultura islâmica ao filme anti-islã Innocence of Muslims ("A Inocência dos Muçulmanos"). Em um deles, um líder muçulmano rasgou uma Bíblia.

Hoje, a revista de humor francesa Charlie Hedbo colocou nas bancas uma edição em cuja capa aparece Maomé em uma cadeira de rodas sendo empurrado por um judeu ortodoxo. O cartunista Charb, dono da revista, disse ter feito uma homenagem à liberdade de expressão.

Com informação das agências.

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...