Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Renascer terá de indenizar fiel que foi vítima de queda de teto

Teto do tempo da Renascer caiu em 2009
Igreja de Estevam Hernandes não quer assumir responsabilidade
pelos fiéis que estavam no templo cujo teto desabou em 2009
O TJ (Tribunal de Justiça) de São Paulo confirmou por unanimidade a sentença de primeira instância que condenou a Renascer e Estevam Hernandes Filho e bispa Sônia, fundadores da igreja, a pagar a indenização de R$ 51 mil por danos morais a um homem que se feriu em janeiro de 2009 no desabamento (foto) do teto de um templo em São Paulo. 

A condenação tinha sido decidida pela 37ª Vara Cível da Comarca da Capital, e a Renascer recorreu na expectativa de que ao menos o valor da indenização fosse reduzido. O autor da defesa fraturou o fêmur e teve um corte na cabeça. A queda do teto matou nove pessoas e feriu mais de cem. Outros processos indenizatórios continuam tramitando na Justiça.

Em sua defesa, a Renascer alegou que não podia assumir a responsabilidade pelos fiéis que estavam no templo no dia do acidente. Ela colocou a culpa nas empresas que executaram serviços de reforma e de manutenção no templo entre 1999 e 2000.

Contudo, no entendimento do desembargador João Francisco Moreira Viegas, relator do recurso, a igreja foi negligente porque sabia que a estrutura do prédio estava com problemas havia pelo menos dez anos.

"A indenização de R$ 51 mil é mais do que suficiente para compensar o autor pelo trauma do soterramento, além dos danos físicos causados”, sentenciou. “A dor sofrida não pode, até mesmo em face do elevadíssimo significado do bem humano atingido, ser causa de enriquecimento, mas tampouco pode ser minorada a ponto de se tornar irrisória e de nenhuma importância para as partes."

Com informação do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Renascer fecha 70% dos templos e casal Hernandez continua na fartura.
setembro de 2011

Renascer.

Postar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...