Paulopes

Religião, ateísmo, ciência, etc.

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Portugal se submete ao Vaticano para extinguir dois feriados

Não é só a economia de Portugal que está em baixa. O Estado laico também já teve dias melhores.

Para extinguir dois feriados religiosos, de modo a aumentar o número de dias úteis no país, o governo de centro-direita do primeiro-ministro Pedro Passos Coelho se submeteu ao Vaticano e só anunciou a medida após uma longa negociação com representantes do papa. As conversações começaram em 2011.

De início, houve resistência do Vaticano, que acabou concordando com a medida diante da intenção do governo de extinguir também dois feriados civis.

A partir de 2013, acabam o feriado do Dia de Todos os Santos (1º de Novembro) e o de Corpus Christi (comemorado 60 dias depois da Páscoa). Os feriados civis extintos foram o Dia da Proclamação da República (5 de outubro) e o da restauração da independência do domínio espanhol (1º de dezembro).

O governo português se comprometeu com o Vaticano a reavaliar a extinção dos feriados religiosos a cada cinco anos.

Com informação das agências.

Portugal suspende até 2018 feriado do Dia de Todos os Santos.
novembro de 2012

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

linkwithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...