Géssica Guedes Pereira, vítima do atirador do Realengo

Géssica Guedes Pereira (foto), 15, estava na Escola Municipal Tasso de Oliveira desde o 4º ano. Em 2011, iria concluir o 7º e estava fazendo um curso preparatório para estudar na Marinha, seu sonho. Sueli, sua mãe, disse que ela era alegre e vivia cercada de amigos. Contou que nas véspera da tragédia a filha pediu que dormisse do lado dela. "Agora, vai ser difícil olhar para as coisas dela", disse.

Sueli ficou sabendo da morte da filha quando foi procurá-la no hospital Albert Schweitzer e lá o que encontrou foi uma foto do corpo dela. A garota tinha duas irmãs. A foto é da página dela no Orkut.

> Perfil no Orkut de Géssica.

Vítimas do atirador da escola do Realengo.

Caso do atirador do Realengo.