Ministro pede hino às escolas em carta com o slogan ‘Deus acima de tudo’

O ministro Ricardo Vélez Rodríguez  (foto), da Educação, enviou e-mail às escolas do país pedindo que professores e crianças, perfilados, cantem o hino nacional, que sejam gravadas com celular e que o vídeo seja enviado ao governo.

Rodríguez termina a mensagem com o slogan do governo: “Brasil acima de tudo. Deus acima de todos.”

A intenção de o governo é usar os vídeos para fazer propaganda.

Na história recente, somente a ditadura militar impunha os estudantes cantassem diariamente.

O slogan que o presidente Bolsonaro usou em sua campanha é discriminatório em documento oficial porque exclui que não acredita em deuses - o Estado é laico. Além disso, a Constituição impede que se adote no governo bordão ligado a determinado político ou partido.

Arthur Fonseca Filho, presidente da Associação Brasileira de Escolas Particulares, afirmou que o MEC “não tem competência para pedir nada às escolas”.

Em nota, o MEC disse que não houve uma determinação Rodríguez, mas uma recomendação.

Ricardo Rodríguez
faz proselitismo
 religioso em
documento oficial

Com informação do Estadão e de outras fontes.





Aviso de novo post por e-mail

‘Deus acima de tudo’ deveria causar calafrio em quem sabe história, diz jornalista

Bolsonaro vai ter de aceitar que a Constituição está acima de Deus

Políticos adotam pregação de pastores, e Estado laico tende a desaparecer





O que pode ocorrer com ateus em um país em que 'Deus está acima de tudo'?


A responsabilidade dos comentários é de seus autores.

Comentários